A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Mestrandas: Aline Solano Adriana Wyzykowski. KARL RAIMUND POPPER NASCIMENTO: 28 de Julho de 1902 – VIENA Nascido numa família de classe alta de ORIGEM.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Mestrandas: Aline Solano Adriana Wyzykowski. KARL RAIMUND POPPER NASCIMENTO: 28 de Julho de 1902 – VIENA Nascido numa família de classe alta de ORIGEM."— Transcrição da apresentação:

1 Mestrandas: Aline Solano Adriana Wyzykowski

2 KARL RAIMUND POPPER NASCIMENTO: 28 de Julho de 1902 – VIENA Nascido numa família de classe alta de ORIGEM JUDAICA Estudou na UNIVERSIDADE DE VIENA Concluiu doutoramento em FILOSOFIA em 1928 Ensinou em escola secundária entre Em 1937, motivado pela ascensão do NAZISMO emigrou para a NOVA ZELÂNDIA, onde foi professor de filosofia - cantebury university college

3 : foi viver na Inglaterra - Assistente (reader) de LÓGICA E DE METODOLOGIA CIENTÍFICA na London School of Economics, onde foi nomeado professor em 1949; - Aposentou-se da vida académica em 1969, apesar de ter permanecido activo intelectualmente até à sua morte, em 1994 aos 92 anos, em Londres.

4 Foi nomeado cavaleiro da Rainha Isabel II ; foi eleito para a Royal Society ; - - Recebeu a insígnia de Companheiro de Honra (Companion of Honour) em Recebeu o PRÊMIO LIPPINCOTT da associação americana de ciência política; - Recebeu: PRÊMIO SONNING, o estatuto de membro na sociedade real, na academia britânica, London School of Economics, Kings College de Londres e o Darwin College de Cambridge.

5 - - FILÓSO MAIS INFLUENTE DO SÉC. XX A TEMATIZAR A CIÊNCIA - DEFENSOR DA DEMOCRACIA LIBERAL - OPONENTE DO TOTALITARISMO - RACIONALISMO CRÍTICO - PRINCIPAIS MATRIZES DO PENSAMENTO DE POPPER: SÓCRATES, KANT e STUART MILL

6 1ª TESE: CONHECEMOS MUITO 2ª TESE: NOSSA IGNORÂNCIA É SÓBRIA E ILIMITADA 3ª TESE: A teoria do conhecimento deve esclarecer as relações entre nosso admirável e constantemente aumentado conhecimento e nosso freqüentemente acrescido discernimento de que realmente nada sabemos. 4ª TESE: O conhecimento começa de problemas: tensão entre conhecimento e ignorância. 5ª TESE: É o caráter e a qualidade do problema e também a audácia e a originalidade da solução sugerida, que determinam o valor ou ausência de valor de uma empresa científica.

7 1.PROBLEMA 2. INVESTIGAÇÃO 2. TENTATIVA OU PROPOSIÇÃO DE SOLUÇÃO 3. CRÍTICA 3.1. Se a solução tentada é refutada através de nosso criticismo, fazemos outra tentativa; 4.Se a solução resiste à crítica, aceitamo-la temporariamente, como digna de ser discutida e criticada mais além. O método da ciência consiste em tentativas experimentais para resolver nossos problemas por conjecturas que são controladas por severa crítica. A tensão entre conhecimento e ignorância conduz a problemas e soluções experimentais. Contudo, a tensão nunca é superada, pois revela que nosso conhecimento sempre consiste, meramente, de sugestões para soluções experimentais.

8 - não depende da objetividade do cientista. A atitude do cientista natural não é nem mais, nem menos objetiva do que a do cientista social. - É o resultado social de sua crítica recíproca, da divisão hostil-amistosa de trabalho, entre cientistas, ou de sua cooperação e também de sua competição. -objetividade da ciência repousa na objetividade do método crítico - aspectos sociais: competição (ao mesmo tempo de vários cientistas individuais e de várias escolas), tradição crítica, instituição social (publicação em vários jornais concorrentes, discussão em congressos), o Poder do Estado (tolerância ao debate livre).

9 - FUNÇÃO PRIMORDIAL: SISTEMA DE CRÍTICAS - A lógica dedutiva é: - a teoria da validade das deduções lógicas, ou, - a relação de conseqüência lógica. ou, - a teoria da transmissão de verdade, das premissas à conclusão. - a teoria da retransmissão da falsidade da conclusão até, ao menos uma das premissas -a teoria da crítica racional, pois todo o criticismo racional toma a forma de uma tentativa de demonstrar que conclusões inaceitáveis podem se derivar da afirmação que estivemos tentando criticar - uma teoria ou sistema dedutivo é uma tentativa de explicação, de solução de um problema científico

10 VERDADE: DENOMINAMOS VERDADEIRA UMA PROPOSIÇÃO SE ELA CORRESPONDE AOS FATOS, OU SE AS COISAS SÃO COMO DESCRITAS PELA PROPOSIÇÃO. MÉTODO PURAMENTE OBJETIVO DAS CIÊNCIAS SOCIAIS OU LÓGICA SITUACIONAL: ANALISAR SE A AÇÃO FOI OBJETIVAMENTE APROPRIADA À SITUAÇÃO E AO CONHECIMENTO QUE SE TINHA NA ÉPOCA. (25ª A 27ª TESES)

11 EXPLICAÇÃO SOCIOLÓGICA PARA EXISTÊNCIA DO MITO DA MAIOR OBJETIVIDADE DOS CIENTISTAS NATURAIS EM RELAÇÃO AOS CIENTISTAS SOCIAIS: CULTO DA NÃO- INTELIGIBILIDADE (USO DE LINGUAGEM ALTISSONANTE QUE IMPRESSIONE, COMO VALOR INTELECTUAL POR EXCELÊNCIA predominantemente pelos cientistas sociais). CRÍTICA DE POPPER = O PADRÃO DA INCOMPREENSIBILIDADE CHOCA-SE COM OS PADRÕES DA VERDADE E DO RACIONALISMO CRÍTICO: SEM CLAREZA, NÃO SE PODE DISTINGUIR VERDADE DE FALSIDADE, UMA RESPOSTA ADEQUADA A UM PROBLEMA DE UMA IRRELEVANTE, BOAS DE MÁS IDÉIAS.

12 Os deuses não nos revelaram todas as coisas, de Início; Mas no curso do tempo. Através da procura, poderemos aprender e conhecer melhor as coisas....

13 PROGRESSO NA CIÊNCIA: O progresso da ciência pode ser visto sob um ponto de vista BIOLÓGICO e EVOLUTIVO. Observa-se que Popper utiliza a Teoria da Evolução de Darwin como subsídio de sua teoria. Lembrando o darwinismo: Princípio da Variação: membros de uma comunidade biológica se definirão por particularidades e pequenas alterações na estrutura e comportamento Princípio da Hereditariedade: variações são repassadas geneticamente Seleção Natural: prevalecerão os membros mais adaptados ao ambiente em questão, por conta da vantagem advinda da variação genética.

14 Popper utiliza, para justificar o progresso científico, as ideias de INSTRUÇÃO e SELEÇÃO. Para tanto, distingue 3 níveis de ADAPTAÇÃO: Adaptação genética Aprendizagem do comportamento adaptável Descoberta científica ADAPTAÇÃO: Estrutura herdada básica para os 3 níveis Estrutura genética do organismo Transmitida pela instrução nos 3 níveis. A instrução vem de dentro da estrutura Réplica da instrução genética codificada nos níveis genéticos e comportamentais Imitação e tradição nos níveis científicos e de comportamento Nível de comportamento: repertório inato de tipos de comportamento Nível científico:conjecturas dominantes

15 Estrutura exposta a pressões, desafios e problemas Variações produzidas por métodos parcialmente ao acaso Nível genético: mutações e recombinações da instrução codificada Nível de comportamento: variações e recombinações no repertório de comportamentos Nível científico: teorias experimentais novas e revolucionárias O próximo estágio, para Popper, é o da seleção das mutações e variações disponíveis. Este é o estágio da ELIMINAÇÃO DO ERRO ou SELEÇÃO NATURAL. Assim: Ocorrendo mutação interna ocorrerá seleção natural ou eliminação do erro Por conta dessa mudança interna variará a interação com o meio externo, seja pelo comportamento com o ambiente, seja pela reação a uma teoria Novos problemas surgirão e com isso a ciência progride

16 Popper ainda traz diferenças entre esses 3 níveis. Contudo, destaca-se as conclusões do nível científico: No nível científico, as descobertas são revolucionárias e criativas. As teorias podem ser formuladas linguisticamente e podem ser publicadas. Logo, tornam-se objetos de investigação fora de nós mesmos: objetos abertos à investigação e à crítica. Assim: PROGRESSO DA CIÊNCIA/ DESCOBERTA CIENTÍFICA Instrução e seleção Uso de um elemento conservador ou histórico + Uso revolucionário da experimentação e eliminação de erros pela crítica (crítica a Bacon, que desejava mentes vazias, livres de ídolos. Popper acredita que a objetividade repousa no criticismo). Enquadra as fraquezas das teorias, para refutá-las Popper acredita que o progresso da ciência é revolucionário pois uma teoria deve conflitar sua predecessora, e ainda ser capaz de explicar o sucesso da mesma.

17 OBSTÁCULOS AO PROGRESSO Obstáculos econômicos: pobreza e afluência (dólares demais podem perseguir ideias de menos) Obstáculos ideológicos: Dogmatismo ( intolerante) Intolerância ideológica ou religiosa Modas intelectuais No tocante às modas intelectuais, temos que distinguir: Revolução científica: destruição racional de uma teoria científica estabelecida por uma nova teoria Revolução ideológica: processos de entrincheiramento social ou de aceitação social de ideologias, incluindo até as ideologias que incorporam alguns resultados científicos. Exemplos:

18 Friedrich Waisman possui um trabalho publicado com esse título. Para ele: FILÓSOFOS TIPO ESPECIAL DE GENTE FILOSOFIA ATIVIDADE EXCLUSIVA DESTES Popper, no entanto, discorda desse pensamento. Para ele: FILÓSOFOS TODOS OS HOMENS E MULHERES Rejeita-se a ideia de uma elite filosófica e intelectual, embora se reconheça a existência de filósofos acadêmicos. Popper não acredita que a filosofia profissional esteja produzindo algo de bom, criticando, para tanto, Platão, Hume, Spinoza e Kant. Popper ainda critica o círculo de Viena, por negar a existência de problemas filosóficos sérios.

19 1 – Eu não entendo por filosofia a solução de quebra-cabeças linguísticos. 2 – eu não entendo por filosofia uma série de trabalhos de arte, como notáveis e originais formas de descrever o mundo. 3 – eu não considero a história dos sistemas filosóficos como um dos edifícios intelectuais, possuindo a verdade como subproduto. 4 – eu não entendo filosofia como tentativa de analisar conceitos, palavras e linguagens, que são meros instrumentos para formular teorias. 5 – eu não entendo por filosofia uma maneira de ser esperta. 6 – eu não entendo por filosofia um tipo de terapia intelectual voltado a ajudar pessoas diante de perplexidades filosóficas. 7 – eu não entendo por filosofia um estudo visando expressar coisas com precisão e exatidão, pois esses não são valores intelectuais. 8 – eu não considero filosofia uma forma de tentar suprir problemas que possam vir a aparecer no futuro. 9 – eu não considero filosofia como uma expressão de um espírito de época, Pesquisador genuíno não se deixa levar por modas.

20 PRECONCEITOS FILOSÓFICOS Se algo ruim acontece no mundo, alguém é responsável por isso intenções de um homem determinam suas opiniões TEORIA DO CONHECIMENTO Otimismo epistemológico : acredita na possibilidade do conhecimento humano Pessimismo epistemológico: conhecimento está além do homem Senso comum otimista na medida em que equaciona conhecimento com certos conhecimentos. Popper acredita que conjecturas são conhecimento. Por isso, para ele, estão equivocados: - Imaterialismo: nega a realidade do fato. Única base segura do conhecimento são as experiências relativas à percepção. - Materialismo Behaviorista: nega a existência da mente e da liberdade humana porque tudo o que podemos é observar o comportamento humano. Traz consigo a teoria do condicionamento. Está na moda e Popper teme a moda, teme a influência dos filósofos do momento.

21 Todos os homens são filósofos, porque de uma maneira ou de outra assumem uma atitude diante da vida e da morte. Existem aqueles que pensam que a vida não tem valor porque um dia termina. Eles deixam de ver que um argumento contrário também pode ser proposto, que se não existe um fim para a vida, a vida não teria valor; que é, em parte, o perigo sempre presente de perdê-la que nos ajuda a trazer até nós o valor da vida. Karl Popper


Carregar ppt "Mestrandas: Aline Solano Adriana Wyzykowski. KARL RAIMUND POPPER NASCIMENTO: 28 de Julho de 1902 – VIENA Nascido numa família de classe alta de ORIGEM."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google