A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Mestrandas: Aline Solano Adriana Wyzykowski. KARL RAIMUND POPPER NASCIMENTO: 28 de Julho de 1902 – VIENA Nascido numa família de classe alta de ORIGEM.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Mestrandas: Aline Solano Adriana Wyzykowski. KARL RAIMUND POPPER NASCIMENTO: 28 de Julho de 1902 – VIENA Nascido numa família de classe alta de ORIGEM."— Transcrição da apresentação:

1 Mestrandas: Aline Solano Adriana Wyzykowski

2 KARL RAIMUND POPPER NASCIMENTO: 28 de Julho de 1902 – VIENA Nascido numa família de classe alta de ORIGEM JUDAICA Estudou na UNIVERSIDADE DE VIENA Concluiu doutoramento em FILOSOFIA em 1928 Ensinou em escola secundária entre 1930-1936 Em 1937, motivado pela ascensão do NAZISMO emigrou para a NOVA ZELÂNDIA, onde foi professor de filosofia - cantebury university college

3 - - 1946: foi viver na Inglaterra - Assistente (reader) de LÓGICA E DE METODOLOGIA CIENTÍFICA na London School of Economics, onde foi nomeado professor em 1949; - Aposentou-se da vida académica em 1969, apesar de ter permanecido activo intelectualmente até à sua morte, em 1994 aos 92 anos, em Londres.

4 - 1965 - Foi nomeado cavaleiro da Rainha Isabel II ; - - 1976 foi eleito para a Royal Society ; - - Recebeu a insígnia de Companheiro de Honra (Companion of Honour) em 1981 - Recebeu o PRÊMIO LIPPINCOTT da associação americana de ciência política; - Recebeu: PRÊMIO SONNING, o estatuto de membro na sociedade real, na academia britânica, London School of Economics, Kings College de Londres e o Darwin College de Cambridge.

5 - - FILÓSO MAIS INFLUENTE DO SÉC. XX A TEMATIZAR A CIÊNCIA - DEFENSOR DA DEMOCRACIA LIBERAL - OPONENTE DO TOTALITARISMO - RACIONALISMO CRÍTICO - PRINCIPAIS MATRIZES DO PENSAMENTO DE POPPER: SÓCRATES, KANT e STUART MILL

6 1ª TESE: CONHECEMOS MUITO 2ª TESE: NOSSA IGNORÂNCIA É SÓBRIA E ILIMITADA 3ª TESE: A teoria do conhecimento deve esclarecer as relações entre nosso admirável e constantemente aumentado conhecimento e nosso freqüentemente acrescido discernimento de que realmente nada sabemos. 4ª TESE: O conhecimento começa de problemas: tensão entre conhecimento e ignorância. 5ª TESE: É o caráter e a qualidade do problema e também a audácia e a originalidade da solução sugerida, que determinam o valor ou ausência de valor de uma empresa científica.

7 1.PROBLEMA 2. INVESTIGAÇÃO 2. TENTATIVA OU PROPOSIÇÃO DE SOLUÇÃO 3. CRÍTICA 3.1. Se a solução tentada é refutada através de nosso criticismo, fazemos outra tentativa; 4.Se a solução resiste à crítica, aceitamo-la temporariamente, como digna de ser discutida e criticada mais além. O método da ciência consiste em tentativas experimentais para resolver nossos problemas por conjecturas que são controladas por severa crítica. A tensão entre conhecimento e ignorância conduz a problemas e soluções experimentais. Contudo, a tensão nunca é superada, pois revela que nosso conhecimento sempre consiste, meramente, de sugestões para soluções experimentais.

8 - não depende da objetividade do cientista. A atitude do cientista natural não é nem mais, nem menos objetiva do que a do cientista social. - É o resultado social de sua crítica recíproca, da divisão hostil-amistosa de trabalho, entre cientistas, ou de sua cooperação e também de sua competição. -objetividade da ciência repousa na objetividade do método crítico - aspectos sociais: competição (ao mesmo tempo de vários cientistas individuais e de várias escolas), tradição crítica, instituição social (publicação em vários jornais concorrentes, discussão em congressos), o Poder do Estado (tolerância ao debate livre).

9 - FUNÇÃO PRIMORDIAL: SISTEMA DE CRÍTICAS - A lógica dedutiva é: - a teoria da validade das deduções lógicas, ou, - a relação de conseqüência lógica. ou, - a teoria da transmissão de verdade, das premissas à conclusão. - a teoria da retransmissão da falsidade da conclusão até, ao menos uma das premissas -a teoria da crítica racional, pois todo o criticismo racional toma a forma de uma tentativa de demonstrar que conclusões inaceitáveis podem se derivar da afirmação que estivemos tentando criticar - uma teoria ou sistema dedutivo é uma tentativa de explicação, de solução de um problema científico

10 VERDADE: DENOMINAMOS VERDADEIRA UMA PROPOSIÇÃO SE ELA CORRESPONDE AOS FATOS, OU SE AS COISAS SÃO COMO DESCRITAS PELA PROPOSIÇÃO. MÉTODO PURAMENTE OBJETIVO DAS CIÊNCIAS SOCIAIS OU LÓGICA SITUACIONAL: ANALISAR SE A AÇÃO FOI OBJETIVAMENTE APROPRIADA À SITUAÇÃO E AO CONHECIMENTO QUE SE TINHA NA ÉPOCA. (25ª A 27ª TESES)

11 EXPLICAÇÃO SOCIOLÓGICA PARA EXISTÊNCIA DO MITO DA MAIOR OBJETIVIDADE DOS CIENTISTAS NATURAIS EM RELAÇÃO AOS CIENTISTAS SOCIAIS: CULTO DA NÃO- INTELIGIBILIDADE (USO DE LINGUAGEM ALTISSONANTE QUE IMPRESSIONE, COMO VALOR INTELECTUAL POR EXCELÊNCIA predominantemente pelos cientistas sociais). CRÍTICA DE POPPER = O PADRÃO DA INCOMPREENSIBILIDADE CHOCA-SE COM OS PADRÕES DA VERDADE E DO RACIONALISMO CRÍTICO: SEM CLAREZA, NÃO SE PODE DISTINGUIR VERDADE DE FALSIDADE, UMA RESPOSTA ADEQUADA A UM PROBLEMA DE UMA IRRELEVANTE, BOAS DE MÁS IDÉIAS.

12 Os deuses não nos revelaram todas as coisas, de Início; Mas no curso do tempo. Através da procura, poderemos aprender e conhecer melhor as coisas....

13 PROGRESSO NA CIÊNCIA: O progresso da ciência pode ser visto sob um ponto de vista BIOLÓGICO e EVOLUTIVO. Observa-se que Popper utiliza a Teoria da Evolução de Darwin como subsídio de sua teoria. Lembrando o darwinismo: Princípio da Variação: membros de uma comunidade biológica se definirão por particularidades e pequenas alterações na estrutura e comportamento Princípio da Hereditariedade: variações são repassadas geneticamente Seleção Natural: prevalecerão os membros mais adaptados ao ambiente em questão, por conta da vantagem advinda da variação genética.

14 Popper utiliza, para justificar o progresso científico, as ideias de INSTRUÇÃO e SELEÇÃO. Para tanto, distingue 3 níveis de ADAPTAÇÃO: Adaptação genética Aprendizagem do comportamento adaptável Descoberta científica ADAPTAÇÃO: Estrutura herdada básica para os 3 níveis Estrutura genética do organismo Transmitida pela instrução nos 3 níveis. A instrução vem de dentro da estrutura Réplica da instrução genética codificada nos níveis genéticos e comportamentais Imitação e tradição nos níveis científicos e de comportamento Nível de comportamento: repertório inato de tipos de comportamento Nível científico:conjecturas dominantes

15 Estrutura exposta a pressões, desafios e problemas Variações produzidas por métodos parcialmente ao acaso Nível genético: mutações e recombinações da instrução codificada Nível de comportamento: variações e recombinações no repertório de comportamentos Nível científico: teorias experimentais novas e revolucionárias O próximo estágio, para Popper, é o da seleção das mutações e variações disponíveis. Este é o estágio da ELIMINAÇÃO DO ERRO ou SELEÇÃO NATURAL. Assim: Ocorrendo mutação interna ocorrerá seleção natural ou eliminação do erro Por conta dessa mudança interna variará a interação com o meio externo, seja pelo comportamento com o ambiente, seja pela reação a uma teoria Novos problemas surgirão e com isso a ciência progride

16 Popper ainda traz diferenças entre esses 3 níveis. Contudo, destaca-se as conclusões do nível científico: No nível científico, as descobertas são revolucionárias e criativas. As teorias podem ser formuladas linguisticamente e podem ser publicadas. Logo, tornam-se objetos de investigação fora de nós mesmos: objetos abertos à investigação e à crítica. Assim: PROGRESSO DA CIÊNCIA/ DESCOBERTA CIENTÍFICA Instrução e seleção Uso de um elemento conservador ou histórico + Uso revolucionário da experimentação e eliminação de erros pela crítica (crítica a Bacon, que desejava mentes vazias, livres de ídolos. Popper acredita que a objetividade repousa no criticismo). Enquadra as fraquezas das teorias, para refutá-las Popper acredita que o progresso da ciência é revolucionário pois uma teoria deve conflitar sua predecessora, e ainda ser capaz de explicar o sucesso da mesma.

17 OBSTÁCULOS AO PROGRESSO Obstáculos econômicos: pobreza e afluência (dólares demais podem perseguir ideias de menos) Obstáculos ideológicos: Dogmatismo ( intolerante) Intolerância ideológica ou religiosa Modas intelectuais No tocante às modas intelectuais, temos que distinguir: Revolução científica: destruição racional de uma teoria científica estabelecida por uma nova teoria Revolução ideológica: processos de entrincheiramento social ou de aceitação social de ideologias, incluindo até as ideologias que incorporam alguns resultados científicos. Exemplos:

18 Friedrich Waisman possui um trabalho publicado com esse título. Para ele: FILÓSOFOS TIPO ESPECIAL DE GENTE FILOSOFIA ATIVIDADE EXCLUSIVA DESTES Popper, no entanto, discorda desse pensamento. Para ele: FILÓSOFOS TODOS OS HOMENS E MULHERES Rejeita-se a ideia de uma elite filosófica e intelectual, embora se reconheça a existência de filósofos acadêmicos. Popper não acredita que a filosofia profissional esteja produzindo algo de bom, criticando, para tanto, Platão, Hume, Spinoza e Kant. Popper ainda critica o círculo de Viena, por negar a existência de problemas filosóficos sérios.

19 1 – Eu não entendo por filosofia a solução de quebra-cabeças linguísticos. 2 – eu não entendo por filosofia uma série de trabalhos de arte, como notáveis e originais formas de descrever o mundo. 3 – eu não considero a história dos sistemas filosóficos como um dos edifícios intelectuais, possuindo a verdade como subproduto. 4 – eu não entendo filosofia como tentativa de analisar conceitos, palavras e linguagens, que são meros instrumentos para formular teorias. 5 – eu não entendo por filosofia uma maneira de ser esperta. 6 – eu não entendo por filosofia um tipo de terapia intelectual voltado a ajudar pessoas diante de perplexidades filosóficas. 7 – eu não entendo por filosofia um estudo visando expressar coisas com precisão e exatidão, pois esses não são valores intelectuais. 8 – eu não considero filosofia uma forma de tentar suprir problemas que possam vir a aparecer no futuro. 9 – eu não considero filosofia como uma expressão de um espírito de época, Pesquisador genuíno não se deixa levar por modas.

20 PRECONCEITOS FILOSÓFICOS Se algo ruim acontece no mundo, alguém é responsável por isso intenções de um homem determinam suas opiniões TEORIA DO CONHECIMENTO Otimismo epistemológico : acredita na possibilidade do conhecimento humano Pessimismo epistemológico: conhecimento está além do homem Senso comum otimista na medida em que equaciona conhecimento com certos conhecimentos. Popper acredita que conjecturas são conhecimento. Por isso, para ele, estão equivocados: - Imaterialismo: nega a realidade do fato. Única base segura do conhecimento são as experiências relativas à percepção. - Materialismo Behaviorista: nega a existência da mente e da liberdade humana porque tudo o que podemos é observar o comportamento humano. Traz consigo a teoria do condicionamento. Está na moda e Popper teme a moda, teme a influência dos filósofos do momento.

21 Todos os homens são filósofos, porque de uma maneira ou de outra assumem uma atitude diante da vida e da morte. Existem aqueles que pensam que a vida não tem valor porque um dia termina. Eles deixam de ver que um argumento contrário também pode ser proposto, que se não existe um fim para a vida, a vida não teria valor; que é, em parte, o perigo sempre presente de perdê-la que nos ajuda a trazer até nós o valor da vida. Karl Popper


Carregar ppt "Mestrandas: Aline Solano Adriana Wyzykowski. KARL RAIMUND POPPER NASCIMENTO: 28 de Julho de 1902 – VIENA Nascido numa família de classe alta de ORIGEM."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google