A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Plastimodelismo Um Hobby contando a Historia. O Plastimodelismo Definição Origem A chegada ao Brasil A prática do hobby O Plastimodelismo e a História.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Plastimodelismo Um Hobby contando a Historia. O Plastimodelismo Definição Origem A chegada ao Brasil A prática do hobby O Plastimodelismo e a História."— Transcrição da apresentação:

1 Plastimodelismo Um Hobby contando a Historia

2 O Plastimodelismo Definição Origem A chegada ao Brasil A prática do hobby O Plastimodelismo e a História Wonderland Museu de Miniaturas

3 O Plastimodelismo é um hobby que busca a reprodução fiel em escala de qualquer objeto real, a partir de kits plásticos industrializados. Diferente das demais modalidades de modelismo, como o Aero, o Nauti, o Auto e o Férreomodelismo, o Plastimodelismo não possui função dinâmica. É um dos hobbies mais praticados no mundo, há mais de 50 anos.

4 Embora a utilização da miniatura como meio de auxiliar na visualização de elementos de combate seja milenar, a construção de modelos plásticos em escala teve origem durante a Segunda Guerra Mundial, com a função de possibilitar aos pilotos aliados a identificação e diferenciação das aeronaves amigas e inimigas.

5 Estudantes montando modelos para o treino de pilotos

6 Após montadas, as miniaturas eram classificadas e distribuídas aos diversos centros de treinamento

7 O Plastimodelismo chega ao Brasil Nos anos 60, a industria A. Kikoler introduziu no Brasil os primeiros exemplares de modelos plásticos da marca norte-americana Revell, nome este que viria a ser associado ao Plastimodelismo em nosso pais de forma permanente.

8 Um outro fabricante de brinquedos brasileiro da época, a Atma Paulista, também entrou no mercado produzindo modelos a partir de matrizes importadas e confeccionando suas próprias, mais simples, com temas utilizados no Brasil

9 Um dos mais procurados modelos era o Vickers Viscount, então utilizado pela VASP ligando as principais capitais brasileiras.

10 Da marca Revell, alguns dos primeiros modelos injetados no Brasil pela Kikoler:

11 Em sua fábrica no Rio de Janeiro, a Kikoler produzia modelos para todo o Brasil.

12 O Poliestireno em grãos alimentava as máquinas injetoras em processo contínuo de produção de kits plásticos

13 A prática do Hobby Ter um hobby é antes de mais nada uma forma de relaxamento das rotinas diárias e uma opção para combater o stress. O Plastimodelismo além de proporcionar esta atividade alternativa traz também o crescimento cultural do praticante, já que reproduz elementos que fazem parte de nossa História, seja antiga ou contemporânea.

14 A atividade de construir miniaturas também é muito recomendada ao público infanto-juvenil, como alternativa saudável para a permanência crescente diante dos computadores e seu mundo virtual. Países como a Inglaterra, Estados Unidos e Japão, entre outros, promovem a prática do Plastimodelismo nas escolas com a finalidade de desenvolver o sentido tridimensional e a motricidade fina nas crianças.

15 Iniciar a prática do Plastimodelismo é muito mais fácil do que pode parecer! Basta que se tenha em mãos algumas poucas ferramentas e instrumentos, algum tempo e a vontade de construir alguma coisa. É importante salientar que é um passatempo e como tal não deve se colocar sobre a atividade um nível de exigência muito grande. A prática vai se encarregar de melhorar os resultados, se assim for desejado. Se não, a simples ocupação do tempo já terá cumprido seu propósito principal.

16 Instrumentos básicos para a construção de modelos A maioria dos equipamentos necessários podem ser encontrados dentro de casa servindo à funções diversas. Outros tantos podem ser adquiridos com facilidade com baixo custo no comércio regular. Para os mais específicos as lojas de modelismo podem contribuir com inúmeras opções. Para a montagem básica de um modelo são necessários: - Cola para Poliestireno - Fita adesiva (durex) - Lixas dagua (granaturas 320, 400, 600, 1000) -Lima de metal - Estilete com lâminas de ponta fina - Tesoura - Pinças pequenas (pontas chatas e finas) - Massa plástica tipo "putty" - Tintas e pincéis diversos (largos e finos)

17 1 – Estiletes e lâminas 2 – Serra com cabo 3 – Alicate ponta fina 4 – Alicate de corte 5 – Pinça de ponta fina 6 – Mandril e brocas 7 – Prendedores diversos 8 – Limas metálicas

18 O kit plástico em sua apresentação

19 A montagem iniciada

20 O mesmo kit em duas etapas: Montado e Finalizado

21 O modelista em ação em sua mesa

22 O Plastimodelismo e a História

23 Através do Platimodelismo é possível reproduzir praticamente tudo que existe à nossa volta, seja criação do homem ou da natureza. Elementos que fizeram História ao longo dos tempos são apresentados de forma fiel e possibilitam que se tenha uma visão detalhada de coisas que em alguns casos já nem mais existem. Máquinas e homens que deixaram sua marca na evolução humana podem ser vistas em miniatura. A seguir, alguns exemplos...

24 O Samurai, numa reprodução em escala 1/15

25 1492, as naus de Cristóvão Colombo

26 Em 1906, Alberto Santos Dumont decolou com o 14-bis, a primeira aeronave a voar com meios próprios de propulsão.

27 Em 1914 tem início a Primeira Guerra Mundial, onde pela primeira vez aeronaves foram utilizadas como equipamentos de combate.

28 O Fokker Dr.I Triplano, pilotado pelo ás alemão Manfred Von Richthofen, eternizado como o Barão Vermelho.

29 No solo, a máquina de guerra que deu origem a palavra Tanque, o inglês Mk.I, projetado para transpor as trincheiras inimigas.

30 Maio de 1927, Charles Lindberg foi o primeiro a voar da América para a Europa cruzando o Atlântico sem escalas a bordo de seu avião batizado de Spirit of St.Louis

31 O C-47 Skytrain, considerado por muitos uma das melhores aeronaves já construídas pelo homem, permaneceu mais de 50 anos em serviço e até hoje ainda há exemplares em condições de vôo.

32 Desenvolvido pela Alemanha durante a Segunda Guerra Mundial, o Messerschmitt Me-262 foi o primeiro caça à jato a entrar em operação regular

33 Uma aeronave para sempre marcada na História: o Bombardeiro B-29 Enola Gay de onde foi solta a primeira bomba nuclear sobre Hiroshima, em 1945.

34 A bordo desta aeronave, o Bell X-1, em 1947 Charles Chuck Yeager foi o primeiro homem a voar mais rápido do que o som

35 Projetado na Inglaterra nos anos 60 o Harrier foi a primeira aeronave a operar com capacidade de decolagem e pouso verticais

36 A comparação entre mais de meio século de aviação de caça: Um Fokker Dr.I da Primeira Guerra e um F-15C Eagle da atualidade

37 Criação do brilhante projetista aeronáutico Kelly Johnson, o SR-71 Blackbird mantém até hoje o recorde de avião mais rápido da História, podendo alcançar mais de 3 vêzes a velocidade do som.

38 Também na aviação comercial um outro supersônico, o Concorde, único avião de passageiros a voar mais rápido do que o som.

39 Outra bem conhecida aeronave em nossos céus, o Boeing 727, nas cores tradicionais da Varig.

40 A aviação de pequeno porte tem seu lugar na representação em miniatura, como este Norseman utilizado nos lagos do Canadá

41 Fatos históricos são também representados através do Plastimodelismo, como o primeiro bombardeio ao Japão efetuado pelos EUA após sofrer o ataque em Pearl Harbour, levado a cabo utilizando bombardeiros B-25 Mitchel a partir do porta-aviões USS Hornet, em Abril de 1942.

42 A participação brasileira na Campanha da Itália, durante a Segunda Guerra Mundial também é retratada neste diorama da FEB, na escala 1/35

43 Outras cenas de combate são reproduzidas de forma realista pelos modelistas, baseadas em pesquisa de fatos e cenas históricas.

44 Vietnam, um confronto de ideologias

45 A Conquista do Espaço O Foguete Saturn V, que impulsionou as cápsulas Apolo para a primeira viagem à Lua, em fotos do original e do modelo na escala 1/144

46 Nem só a História Militar é contada através de miniaturas...

47

48 Com o propósito de incentivar a prática do Plastimodelismo e preservar a obra dos modelistas gaúchos, foi criado em Julho de 1999 o Wonderland Museu de Miniaturas, o Primeiro Museu de Plastimodelismo do Brasil. Mantido pela Hobbycraft em seu espaço próprio, este Museu apresenta uma mostra permanente de obras nas mais diversas categorias, tais como Aviação, Militaria, Automóveis, Barcos, Figuras Históricas e Dioramas, possibilitando assim que o público em geral possa tomar conhecimento do Hobby e seus resultados.

49

50 Mais de 100 obras podem ser apreciadas na exposição

51 Murais explicativos mostram a construção de um modelo passo a passo e sua produção na industria

52 Visite o Wonderland Museu de Miniaturas, De Segunda à Sexta-feira das 10:00 às 18:00h Aos Sábados das 9:00 às 12:00h Av.Borges de Medeiros, 1145 Centro Histórico Porto Alegre – RS Brasil Fone

53

54 Produzido por Hobbycraft Comércio Importação e Exportação Ltda 2011


Carregar ppt "Plastimodelismo Um Hobby contando a Historia. O Plastimodelismo Definição Origem A chegada ao Brasil A prática do hobby O Plastimodelismo e a História."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google