A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Nosso Compromisso. Introdução – Recordando A partir de nossa atividade, área de conhecimento e experiência, o que se entende por compromisso?

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Nosso Compromisso. Introdução – Recordando A partir de nossa atividade, área de conhecimento e experiência, o que se entende por compromisso?"— Transcrição da apresentação:

1 Nosso Compromisso

2 Introdução – Recordando A partir de nossa atividade, área de conhecimento e experiência, o que se entende por compromisso?

3 Introdução – Recordando Palestra Universidade: contexto nacional e internacional; Universidade católica; Um olhar para o mundo marista; Nossa identidade.

4 1 Aproximação Conceitual 1.1 Etimologia CUM-PRO-MISSIO = mitto => enviar, missão = pro => antes, prever = missio => prometer, promessa = cum => com, comissão = prometer com alguém diante de outrem

5 1 Aproximação Conceitual 1.2 Traduções Em português, compromisso Em espanhol, compromiso Em francês, engagement Em inglês, commitment (co-mittere) Em italiano, impegno Em alemão, Verantwortung Ou Verantwortlichkeit

6 2 Filosoficamente Emmanuel MOUNIER, 1934 Gabriel MARCEL, 1935 Jean Paul SARTRE, 1943 Karl JASPERS, 1932 Franz Rosenzweig, 1921 Martin HEIDEGGER, 1927 Hans JONAS, 1979 Emmanuel LEVINAS, 1961 Paul RICOEUR, 1990; 2004

7 Mounier Indivíduo x Pessoa Formação da pessoa: meditação - compromisso (encarnação transfiguração) - doação

8 Gabriel Marcel: Ser e mistério

9 ALBERT SCHWEITZER Kaysersberg, Alsácia, 1875 Lambaréné, Gabão, 1965 Nobel da Paz, 1952 Ehrfurcht vor dem Leben

10 DIETRICH BONHOEFFER Breslau, 1906 Resistência ao Nazismo Execução em 09/04/1945

11 Trata-se de afirmar a pró- pria identidade do eu hu- mano a partir da respon- sabilidade. Isto é, a partir da posição ou de-posição do eu soberano na cons- ciência de si, deposição que é precisamente sua responsabilidade por outrem (...). Tal é precisamente minha identidade inalienável de sujeito (Levinas. Ética e Infinito, 1988).

12 O reconhecimento com o significado de gratidão origina o espaço para um compromisso: de graça recebestes, de graça daí (Paul Ricoeur. Percurso do reconhecimento, 2004).

13 3 Teologicamente O arco-íris da aliança Jesus de Nazaré O mistério da triunidade divina Amor-caridade – compaixão

14 Triunidade divina A communio doação Compaixão

15 BENTO XVI Caritas in Veritate

16 A caridade é a via mestra da doutrina social da Igreja. As diversas responsabilidades e compromissos por ela delineados derivam da caridade, que é como ensinou Jesus a síntese de toda a Lei (cf. Mt 22, 36-40).

17 É a consciência do Amor indestrutível de Deus que nos sustenta no fadigoso e exaltante compromisso a favor da justiça, do desenvolvimento dos povos, por entre êxitos e fracassos, na busca incessante de ordenamentos retos para as realidades humanas.

18 A [...] globalização [...] sem a guia da caridade na verdade [...] pode concorrer para criar riscos de danos até agora desconhecidos e de novas divisões na família humana. Por isso, a caridade e a verdade colocam diante de nós um compromisso [...] de dilatar a razão e torná-la capaz de conhecer e orientar estas novas e imponentes dinâmicas, animando-as na perspectiva daquela civilização do amor.

19 Que a Virgem Maria, […] Speculum Iustitiæ e Regina Pacis, nos proteja e obtenha [...] a força, a esperança e a alegria necessárias para continuarmos a dedicar- nos com generosidade ao compromisso de realizar o desenvolvimento integral do homem todo e de todos os homens.

20 Conclusão: Dimensões Pessoal-comunial Público-Institucional

21 Dimensão pessoal-comunial Pessoas livres Comprometer-SE Realizar seu ser Tornar-se SI Ex-sistir Indivíduos a sujeitos

22 NA PUCRS – PLANO ESTRATÉGICO Missão A PUCRS, fundamentada nos direitos humanos, nos princípios do Cristianismo e na tradição educativa marista, tem por Missão produzir e difundir conhecimento e promover a formação humana e profissional, orientada pela qualidade e relevância, visando ao desenvolvimento de uma sociedade justa e fraterna.

23 NA PUCRS – PLANO ESTRATÉGICO Visão de futuro Em 2015, a PUCRS será referência nacional e internacional pela qualidade do ensino e pela relevância das pesquisas, com a mar- ca da inovação e da gestão sustentável, promovendo a formação integral dos alunos e contribuindo para o desenvolvi- mento científico, cultural, social e econô- mico.

24 NA PUCRS – PLANO ESTRATÉGICO Áreas e Objetivos Estratégicos 5. Meio Ambiente A Universidade [...] partícipe de ações de desenvolvimento do país, precisa estar comprometida com a proteção do meio ambiente. [...] Questões relacionadas aos recursos hídricos, ao uso do solo, à cobertura vegetal, aos resíduos, aos ruídos e vibrações, ao trânsito e ao patrimônio histórico recebem especial atenção em tal plano.

25 NA PUCRS – PLANO ESTRATÉGICO Áreas e Objetivos Estratégicos Área do Meio Ambiente Objetivo 16 – Implantar o Campus Verde por meio do incremento de boas práticas de preservação do meio ambiente em novas obras, em melhorias e em serviços.

26 Dimensão Público-Institucional Educação e resistência crítica Formação humana Ser humano como ser social (político) Valores cristãos = Ser humano (fome)

27 Dimensão Público-Institucional Exemplos Hélder Câmara

28 Dimensão Público-Institucional Exemplos Mártires da UCA

29 I am honoured to accept the post of Chancellor for this exciting new ecumenical University. As I spend much of my time working for people suffering from oppression and persecution in many parts of the world, including many Christians suffering persecution, I am deeply committed to the concepts of working for forgotten peoples in forgotten lands. In these situations difference of faith and denomination disappear, as people struggle valiantly to survive. I often return humbled and inspired by the courage, dignity and generosity of people who are in some of the darkest parts of the world. I am very enthusiastic about the vision and the mission of Liverpool Hope University and greatly look forward to becoming involved with this new University, which to me encompasses so many of the beliefs and aspirations for which I work for a large amount of my time (Baroness Caroline Cox of Queensbury, Chancellor Liverpool Hope University, 2006).

30 Brasil – um país perigoso Boate Kiss; ±100 mil mortes violentas: –Assassinatos; –Acidentes: álcool, imprudência, impunidade; Assaltos; Drogas; Gritante desigualdade e injustiça social.

31 Mortalidade em Conflitos Armados no Mundo. País/Conflito Natureza do Conflito Período Anos de duração N. de Mortes Mortos /ano Brasil Homicídios = pessoas Por ano em 2010: Chechênia/ Russia Movimento emancipatório/ étnico – /ano Guerra do Golfo Disputa territorial – /ano El Salvador Guerra Civil /ano Nicarágua Guerra Civil / ano Peru Guerra civil/ Guerrilha Colômbia Guerra civil/ Guerrilha

32

33 COMPROMISSO PELA PAZ Ad pacem ducit? João XXIII, encíclica dos 1500 anos de falecimento de São Leão I, conhecido como Leão Magno, 11/11/1961, Aeterna Dei Sapientia, n. 61: Ut populi omnes viam ingrediantur exoptamus, quae ad veritatem, ad caritatem et ad pacem ducit.

34 COMPROMISSO PELA PAZ Ad pacem ducit? Purgatio autem ad pacem ducit, illuminatio ad veritatem, perfectio ad charitatem (Boaventura de Bagnoregio, 1217?-1274, De triplice Via ). Jan Huss em sua obra De Ecclesia:Por palavra e exemplo Cristo conduziu à paz - pacem ducit verbo et exemplo (1411).

35 Karen Armstrong – Charter for Compassion

36 PERGUNTAS PARA INTERAÇÃO Responder no máximo duas 1) O que o grupo entende por compromisso? 2) Como se podem articular as dimensões pessoal-comunial, público-institucional do compromisso? 3) Que desafios se apresentam para assumir o compromisso?

37

38 Matthew Joseph Thaddeus Stepanek (17/07/1990 – 22/06/2004), Mattie Stepanek, poeta americano, com seis livros e um de ensaio na lista de Bestsellers do The New York Times, engajado em favor da paz de crianças de risco de vida. Uma forma rara de distrofia muscular o levou a morrer aos 14 anos. Além da irmã e dois irmãos e da mãe.

39 We have known kings and queens, and we've known presidents and prime ministers, but the most extraordinary person whom I have ever known in my life is Mattie Stepanek. His life philosophy was 'Remember to play after every storm!' and his motto was: 'Think Gently, Speak Gently, Live Gently'. He wanted to be remembered as "a poet, a peacemaker, and a philosopher who played" (Jimmy Carter, nos funerais).

40


Carregar ppt "Nosso Compromisso. Introdução – Recordando A partir de nossa atividade, área de conhecimento e experiência, o que se entende por compromisso?"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google