A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tema: Geopolíticas Asiáticas Felipe Arvati nº 05 Renato Navarro nº 22 Thiago.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tema: Geopolíticas Asiáticas Felipe Arvati nº 05 Renato Navarro nº 22 Thiago."— Transcrição da apresentação:

1 Tema: Geopolíticas Asiáticas Felipe Arvati nº 05 Renato Navarro nº 22 Thiago Nemecek nº 25 Thiago Yuki nº 26 Vitor Homem nº 28

2 Sub-tema: Fundamentalismo iraniano

3 Objetivos do Trabalho: 1.Analisar a crise atual do Irã envolvendo a reeleição de Mahmoud Ahmadinejad; 2.Entender o fundamentalismo iraniano; 3.Analisar a questão do programa nuclear no Irã.

4 Irã - Dados República Islâmica do Irã Fronteiras – Afeganistão, Armênia, Azerbaijão, Iraque, Paquistão, Turquia e Turcomenistão População – 66,4 milhões de pessoas Grupos Étnicos – 51% persa, 24% azeri, 7% curdos, 3% árabes e outros Religião – 89% de muçulmanos xiitas, 9% de muçulmanos sunitas e outros Idioma – persa PIB – US$ 842 bilhões IDH – 0,759 (94º) Moeda – Rial Iraniano (R$ 1,00 = 5000 riais iranianos)

5

6 2009 Reeleição polê- mica de Ahmadi- nejad 2005 Vitória de Mahmoud Ahmadinejad 1989 Morte do aiatolá Ruhollah Khomeini 1995 Sanções dos Estados Unidos 680 Divisão entre xiitas e sunitas 663 Invasão ao Império Persa 1997 Mandato de Mohammed Khatami 1804 Influência inglesa na Pérsia 1921 Modernização da Pérsia 1935 De Pérsia para Irã 1941 Modernização do Irã 1953 a 1970 Período de repressão 1501 a 1722 Religião oficial: islamismo xiita 1979 Revolução Islâmica e instauração da república islâmica 1980 a 1988 Guerra Irã x Iraque Linha do tempo do Irã (fora de escala)

7 Guerra Irã x Iraque ( ) Questões territoriais e políticas; Acordo entre Irã e Iraque; Saddam Hussein, presidente do Iraque, revogou o acordo invadindo as terras do Irã ocidental; O Iraque era apoiado pela Arábia Saudita, EUA e União Soviética, enquanto o Irã contava com a ajuda da Síria e da Líbia; Interesses iraquianos em áreas petrolíferas do Irã; Após o ataque iraquiano, as forças do Irã conseguiram suprimir as do Iraque, reconquistando as terras de volta; Irã recusa o cessar-fogo; 1987 – Hostilidades iranianas contra navegações iraquianas no Golfo Pérsico; 1988 – ONU exige cessar-fogo. Fim da guerra. a/commons/thumb/8/8f/Shatt_al_ara b.png/250px-Shatt_al_arab.png

8

9 Irã Fascista? Governo fundamentalista sem democracia; Aiatolá e o Conselho Islâmico Guardião; Iraque - eleições livres; Manifestações públicas; Fracasso do fascismo e/ou Fim do fundamentalismo.

10

11 Fundamentalismo Religioso É representado por seguidores conservadores e ortodoxos; Está presente, principalmente, no Judaísmo, Cristianismo e no Islamismo; Dogmas como verdade absoluta; Pode chegar a desenvolver poder militar.

12 Xiitas e Sunitas Principal divisão do Islamismo; Ambos acreditam em Alá como único, assim como Maomé como o último profeta. Xiitas: Liderança do Islã deve ficar com Ali, primo e genro de Maomé; Representam 15% da população muçulmana; Maior parte está no Irã; Radicais e ortodoxos. Sunitas: Liderança do Islã deve ficar com Abu Bakr; Representam 85% da população muçulmana; Não radicais.

13 Evidentes divergências entre Ahmadinejad e a ONU; Confirmação do programa nuclear iraniano; Enriquecimento de urânio para fins energéticos ou bélicos. ONU não pode parar desenvolvimento nuclear do Irã, diz Ahmadinejad (Folha Online) Atualidades Acessado dia 29/08/09

14

15 Khatami diz que confissões de moderados no Irã são "inválidas (O Globo) no-ira-sao-invalidas asp no-ira-sao-invalidas asp Ahmadinejad usou de uma forte repressão contra os revoltosos, que estão sendo punidos severamente; Não há provas concretas de manipulação de votos; A imprensa é proibida de filmar as rebeliões; Após a re-contagem dos votos, Ahmadinejad permanece no poder. Atualidades Acessado dia 29/08/09

16 Atualidades Questão nuclear e aumento do fundamentalismo no Irã preocupam EUA (Folha Online) Irã financia terrorismo; Irã no eixo do mal de George W. Bush; Tensões no Iraque contra domínio norte-americano alimentaram fundamentalismo iraniano. Acessado dia 29/08/09

17 Vídeo: O discurso que o resto do mundo não viu

18 Conclusão O fundamentalismo iraniano, pelo desenvolvimento bélico e relação direta com o terrorismo, é uma ameaça ao ocidente, principalmente com o suposto desenvolvimento nuclear para fins bélicos. O posicionamento do ultra-conservador Ahmadinejad evidencia suas divergências frente a Comunidade Internacional e sua reeleição aparentemente representa a manutenção do fundamentalismo, mas influências de países vizinhos como o Kwait, com as eleições de mulheres, e no Iraque, com a perda da influência religiosa, alimentaram as crescentes revoltas do Irã e mostraram que os valores ortodoxos estão se perdendo na população iraniana.

19 Questões ESPM 2009 Em 1979, há 30 anos, uma revolução popular no Irã derrubou a ditadura do Xá Mohhammed Reza Pahlevi. Batizada, retroativamente, de Revolução Islâmica, por causa do papel hegemônico exercido pelo clero xiita, liderado pelo aiatolá Khomeini, o movimento mudou o mapa político do Oriente Médio. (Revista História Viva. No 65) Sobre a mudança no mapa político do Oriente Médio mencionada no texto, é correto assinalar: a)o governo iraniano, nascido da Revolução Islâmica de 1979, estabeleceu profundo laço de cooperação com os EUA. b)o novo governo iraniano, nascido da Revolução Islâmica, redirecionou a política externa praticada pelo Xá Mohhammed Reza Pahlevi, tendo firmado uma parceria com Israel. C)com a Revolução Islâmica, dirigida do exterior pelo aiatolá Khomeini, o Irã tornou-se um Estado teocrático fechando- se para o Ocidente. d)o Estado iraniano constituído com a Revolução Islâmica, adotou uma política totalmente isolacionista em temas como as relações com a maioria xiita (que predomina no Iraque e o movimento palestino). e)a ascensão ao poder no Irã de um governo xiita, dirigido pelos líderes religiosos fundamentalistas, não teve nenhuma relação com a guerra entre Irã e Iraque na década de 80. Em 1979, há 30 anos, uma revolução popular no Irã derrubou a ditadura do Xá Mohhammed Reza Pahlevi. Batizada, retroativamente, de Revolução Islâmica, por causa do papel hegemônico exercido pelo clero xiita, liderado pelo aiatolá Khomeini, o movimento mudou o mapa político do Oriente Médio. (Revista História Viva. No 65) Sobre a mudança no mapa político do Oriente Médio mencionada no texto, é correto assinalar: a)o governo iraniano, nascido da Revolução Islâmica de 1979, estabeleceu profundo laço de cooperação com os EUA. b)o novo governo iraniano, nascido da Revolução Islâmica, redirecionou a política externa praticada pelo Xá Mohhammed Reza Pahlevi, tendo firmado uma parceria com Israel. C)com a Revolução Islâmica, dirigida do exterior pelo aiatolá Khomeini, o Irã tornou-se um Estado teocrático fechando- se para o Ocidente. d)o Estado iraniano constituído com a Revolução Islâmica, adotou uma política totalmente isolacionista em temas como as relações com a maioria xiita (que predomina no Iraque e o movimento palestino). e)a ascensão ao poder no Irã de um governo xiita, dirigido pelos líderes religiosos fundamentalistas, não teve nenhuma relação com a guerra entre Irã e Iraque na década de 80.

20 Questões UEMS 2006 CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS PROVA 2 GEOGRAFIA O Irã, um dos maiores produtores de petróleo do mundo, além de ser o país dos aiatolás e possuir um governo teocrático que se opõe radicalmente aos Estados Unidos, está desenvolvendo um programa nuclear que causa sérias controvérsias internacionais. Assinale a alternativa correta que contém outras características do Irã: a) Está localizado na Ásia Central, sendo que o clima predominante na maior parte de seu território é o temperado continental; mais de 90% da população é de origem turca e seguem o islamismo sunita. Foi até o início dos anos 1990 uma das repúblicas que compunham a antiga União Soviética. B) A maior parte de sua população é de origem persa que segue predominantemente o islamismo xiita, existindo minorias de muçulmanos sunitas, cristãos e zoroastristas. Localiza-se no continente asiático, banhado pelo Golfo Pérsico e pelo Mar Cáspio, apresentando grandes extensões de áreas desérticas. c) A maioria da população é muçulmana sunita e de origem altaica. O território encontra-se dividido entre a Ásia e a Europa, com saídas para o Mar Mediterrâneo e o Mar Negro, com predomínio de clima mediterrâneo em quase todo o país. d) A maioria da população é de origem árabe, dividida entre muçulmanos sunitas, muçulmanos xiitas e cristãos maronitas. Localiza-se no Oriente Médio às margens do Mar Mediterrâneo, e o clima predominante é o mediterrâneo. e) A população é dividida entre as etnias pashtu, dari e uzbeque, que seguem o islamismo xiita e sunita. Não tem saída para o mar, com clima temperado continental predominante.Foi governado durante vários anos pela milícia muçulmana dos Talibans. O Irã, um dos maiores produtores de petróleo do mundo, além de ser o país dos aiatolás e possuir um governo teocrático que se opõe radicalmente aos Estados Unidos, está desenvolvendo um programa nuclear que causa sérias controvérsias internacionais. Assinale a alternativa correta que contém outras características do Irã: a) Está localizado na Ásia Central, sendo que o clima predominante na maior parte de seu território é o temperado continental; mais de 90% da população é de origem turca e seguem o islamismo sunita. Foi até o início dos anos 1990 uma das repúblicas que compunham a antiga União Soviética. B) A maior parte de sua população é de origem persa que segue predominantemente o islamismo xiita, existindo minorias de muçulmanos sunitas, cristãos e zoroastristas. Localiza-se no continente asiático, banhado pelo Golfo Pérsico e pelo Mar Cáspio, apresentando grandes extensões de áreas desérticas. c) A maioria da população é muçulmana sunita e de origem altaica. O território encontra-se dividido entre a Ásia e a Europa, com saídas para o Mar Mediterrâneo e o Mar Negro, com predomínio de clima mediterrâneo em quase todo o país. d) A maioria da população é de origem árabe, dividida entre muçulmanos sunitas, muçulmanos xiitas e cristãos maronitas. Localiza-se no Oriente Médio às margens do Mar Mediterrâneo, e o clima predominante é o mediterrâneo. e) A população é dividida entre as etnias pashtu, dari e uzbeque, que seguem o islamismo xiita e sunita. Não tem saída para o mar, com clima temperado continental predominante.Foi governado durante vários anos pela milícia muçulmana dos Talibans.

21 Questões UEPB 2006 Mahmoud Ahmadinejad, presidente eleito do Irã no segundo turno, quando prefeito (de Teerã), mandou fechar lanchonetes de fast-food e obrigou todos os funcionários homens da prefeitura a usar barba e vestir camisas de mangas compridas. [...] Também defende o programa nuclear... BBCBRASIL.com, em 25/06/2005. As eleições realizadas no Irã, com a vitória de Mahmoud Ahmadinejad, confirmam: I. Que a democratização do país encerra a era dos aiatolás e inicia para as mulheres uma efetiva participação na política e nos demais setores da sociedade iraniana. II. Que, após três décadas de regime conservador, a população iraniana decidiu eleger um candidato moderado e buscar uma aproximação com o governo americano. III. Que a postura conservadora do presidente iraniano e seu empenho em continuar com o programa nuclear provavelmente dificultarão ainda mais uma reaproximação do Irã com o Ocidente, sobretudo com os EUA. IV. Que o desejo de manter as conquistas sociais e estabilidade econômica foi o principal motivo que levou a população iraniana a eleger um presidente moderado. Está(ão) correta(s) apenas a(s) proposição(ões): a) I, III e IV b) II c) I e II d) III e IV e) III Mahmoud Ahmadinejad, presidente eleito do Irã no segundo turno, quando prefeito (de Teerã), mandou fechar lanchonetes de fast-food e obrigou todos os funcionários homens da prefeitura a usar barba e vestir camisas de mangas compridas. [...] Também defende o programa nuclear... BBCBRASIL.com, em 25/06/2005. As eleições realizadas no Irã, com a vitória de Mahmoud Ahmadinejad, confirmam: I. Que a democratização do país encerra a era dos aiatolás e inicia para as mulheres uma efetiva participação na política e nos demais setores da sociedade iraniana. II. Que, após três décadas de regime conservador, a população iraniana decidiu eleger um candidato moderado e buscar uma aproximação com o governo americano. III. Que a postura conservadora do presidente iraniano e seu empenho em continuar com o programa nuclear provavelmente dificultarão ainda mais uma reaproximação do Irã com o Ocidente, sobretudo com os EUA. IV. Que o desejo de manter as conquistas sociais e estabilidade econômica foi o principal motivo que levou a população iraniana a eleger um presidente moderado. Está(ão) correta(s) apenas a(s) proposição(ões): a) I, III e IV b) II c) I e II d) III e IV e) III

22 Questões anglo

23 Questões QUESTÃO FEITA PELO GRUPO Questão: A partir da imagem ao lado, faça uma análise comparativa dos governos representados na charge apontando as principais semelhanças entre eles, levando em consideração o contexto histórico e político em que cada um está inserido. A charge faz uma crítica ao governo de Mahmoud Ahmadinejad, atual presidente do Irã, comparando-o ao governo fascista de Hitler durante a Segunda Guerra Mundial. O líder iraniano ultra-conservador apresenta traços fascistas, com estratégias de fechamento do país à Comunidade Internacional, assim como o caráter militar, com a nuclearização, e expansionista (apesar de não apresentar evidências claras de expansionismo atualmente). Além disso, não há liberdade de imprensa e o caráter fundamentalista representa uma forte ameaça ao ocidente, com a questão do terrorismo. Com Hitler durante a Segunda Guerra, o cenário se encaminhava para o contexto da bipolaridade da Velha Ordem Mundial, com a ascensão da União Soviética e dos EUA. Ahmadinejad, por outro lado, está no contexto da Nova Ordem Mundial, a multipolaridade, com destaque à ONU, que tem a função de garantir os direitos humanos no mundo, mas que, até agora, não conseguiu resolver o problema da nuclear no Irã. A charge faz uma crítica ao governo de Mahmoud Ahmadinejad, atual presidente do Irã, comparando-o ao governo fascista de Hitler durante a Segunda Guerra Mundial. O líder iraniano ultra-conservador apresenta traços fascistas, com estratégias de fechamento do país à Comunidade Internacional, assim como o caráter militar, com a nuclearização, e expansionista (apesar de não apresentar evidências claras de expansionismo atualmente). Além disso, não há liberdade de imprensa e o caráter fundamentalista representa uma forte ameaça ao ocidente, com a questão do terrorismo. Com Hitler durante a Segunda Guerra, o cenário se encaminhava para o contexto da bipolaridade da Velha Ordem Mundial, com a ascensão da União Soviética e dos EUA. Ahmadinejad, por outro lado, está no contexto da Nova Ordem Mundial, a multipolaridade, com destaque à ONU, que tem a função de garantir os direitos humanos no mundo, mas que, até agora, não conseguiu resolver o problema da nuclear no Irã.

24 Bibliografia Ira+reeleicao+de+Ahmadinejad+e+endossada+por+lider+supremo.html OBAMA+PROLONGA+SANCOES+ECONOMICAS+AO+IRA+POR+UM+ANO.html Revolução Islâmica G1

25 Créditos de Imagens (Linha do Tempo) nejad1.jpghttp://paoevinho.files.wordpress.com/2009/04/mahmoud_ahmadi nejad1.jpg sukaibr/Viciados%20em%20livros/Bandeiras/Iran.jpghttp://media.photobucket.com/image/persia%20bandeira/mahout sukaibr/Viciados%20em%20livros/Bandeiras/Iran.jpg AAAHQ/zPVq87Oclqw/s320/islamismo.pnghttp://4.bp.blogspot.com/_KwuM1clhgos/SFBpy51KHvI/AAAAAA AAAHQ/zPVq87Oclqw/s320/islamismo.png story/khomeini_bio200.jpghttp://media.npr.org/programs/morning/features/2007/feb/shia_hi story/khomeini_bio200.jpg


Carregar ppt "Tema: Geopolíticas Asiáticas Felipe Arvati nº 05 Renato Navarro nº 22 Thiago."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google