A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Afinal: as pessoas mudam ou não?. A maior parte das pessoas quando mudam, mudam por necessidade. Forças externas obrigam ou direcionam as mudanças dessas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Afinal: as pessoas mudam ou não?. A maior parte das pessoas quando mudam, mudam por necessidade. Forças externas obrigam ou direcionam as mudanças dessas."— Transcrição da apresentação:

1 Afinal: as pessoas mudam ou não?

2 A maior parte das pessoas quando mudam, mudam por necessidade. Forças externas obrigam ou direcionam as mudanças dessas pessoas Forças externas obrigam ou direcionam as mudanças dessas pessoas

3 As pessoas podem mudar: Por idade Por idade Por necessidade Por vontade (desejo) Por necessidade Por vontade (desejo)

4 Por que mudam?

5 Porque o mundo muda a cada instante, porque o mundo ficou globalizado, porque a mudança é inevitável, porque faz parte da dinâmica da vida, blá, blá blá.... Porque o mundo muda a cada instante, porque o mundo ficou globalizado, porque a mudança é inevitável, porque faz parte da dinâmica da vida, blá, blá blá....

6 Só isso? Só isso?

7 E o nosso crescimento pessoal, profissional, comportamental ou espiritual? E o nosso crescimento pessoal, profissional, comportamental ou espiritual?

8 Assistam o vídeo Assistam o vídeo

9 Afinal! Quais são as mudanças que têm valor? Afinal! Quais são as mudanças que têm valor?

10 TODAS Desde que sejam para melhor TODAS Desde que sejam para melhor

11 E o que é ser melhor? E o que é ser melhor?

12 É ser mais flexível, mais tolerante, menos depressivo, menos tímido. É ser menos orgulhoso, menos centralizador, mais bem humorado. É ter mais liberdade. É ser mais flexível, mais tolerante, menos depressivo, menos tímido. É ser menos orgulhoso, menos centralizador, mais bem humorado. É ter mais liberdade.

13 Isso é mudar ! Isso é mudar !

14 E como fica a nossa zona de conforto? Vamos ter que trocar o nosso mundo conhecido pelo desconhecido? E como fica a nossa zona de conforto? Vamos ter que trocar o nosso mundo conhecido pelo desconhecido?

15 Segundo a teoria do psicalista austríaco Otto Ranck (1884 – 1939) nosso cérebro não busca a verdade. Busca a sobrevivência, mesmo à custa de ilusões! Segundo a teoria do psicalista austríaco Otto Ranck (1884 – 1939) nosso cérebro não busca a verdade. Busca a sobrevivência, mesmo à custa de ilusões!

16 E agora? E agora?

17 Vamos abandonar nossa zona de conforto? Temos medo do desconhecido? E a ditadura do nosso ego? Vamos abandonar nossa zona de conforto? Temos medo do desconhecido? E a ditadura do nosso ego?

18 Surge, então, a Teoria da Negação Ou a pessoa não vê o problema, ou não vê o problema como problema. A solução é querer (ou poder) resolver a situação causada pelo problema Surge, então, a Teoria da Negação Ou a pessoa não vê o problema, ou não vê o problema como problema. A solução é querer (ou poder) resolver a situação causada pelo problema

19 Queremos mudar positivamente Queremos mudar para crescer Queremos mudar para ganhar Queremos mudar positivamente Queremos mudar para crescer Queremos mudar para ganhar

20 Mas temos que saber o que vamos ter que pagar para sair da nossa zona de conforto Mas temos que saber o que vamos ter que pagar para sair da nossa zona de conforto

21 E qual é o grande pré-requisito de uma mudança? E qual é o grande pré-requisito de uma mudança?

22 O autoconhecimento O autoconhecimento

23 Muito cuidado com a expressão: Eu sou assim. E daí? Muito cuidado com a expressão: Eu sou assim. E daí?

24 E agora, vem a pergunta final: Eu quero mudar? E agora, vem a pergunta final: Eu quero mudar?

25 Escolham inicialmente um tópico para iniciar o seu processo de mudança. Utilizem seus conhecimentos para realizar seu Planejamento Estratégico Individual com este tópico. Escolham inicialmente um tópico para iniciar o seu processo de mudança. Utilizem seus conhecimentos para realizar seu Planejamento Estratégico Individual com este tópico.

26 As quatro etapas da mudança 1. Pensar na dúvida: por que mudar? 2. Ter a consciência de querer mudar 3. Iniciar o processo de mudança 4. Consolidar a mudança (método PDCA) >>> Plan – Do – Check – Act <<< 1. Pensar na dúvida: por que mudar? 2. Ter a consciência de querer mudar 3. Iniciar o processo de mudança 4. Consolidar a mudança (método PDCA) >>> Plan – Do – Check – Act <<<

27 Ninguém pode voltar atrás e fazer um novo começo. Mas qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim. Xico Chavier Ninguém pode voltar atrás e fazer um novo começo. Mas qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim. Xico Chavier

28 momento

29 As coisa não mudam por mudam por dois motivos: - ou é medo - ou é tarde

30 A indecisão é uma merda (Autor desconhecido)

31


Carregar ppt "Afinal: as pessoas mudam ou não?. A maior parte das pessoas quando mudam, mudam por necessidade. Forças externas obrigam ou direcionam as mudanças dessas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google