A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Diagnóstico de Gestação. Importância Essencial para o manejo reprodutivo e produção econômica Identificar fêmeas vazias após cobertura ou IA, visando.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Diagnóstico de Gestação. Importância Essencial para o manejo reprodutivo e produção econômica Identificar fêmeas vazias após cobertura ou IA, visando."— Transcrição da apresentação:

1 Diagnóstico de Gestação

2 Importância Essencial para o manejo reprodutivo e produção econômica Identificar fêmeas vazias após cobertura ou IA, visando a reduzir perdas por infertilidade TratamentoDescarte

3 Importância Certificação e emissão de atestados de prenhez para vendas de animais, leilões, etc. Reduzir gastos com hormônios utilizados para sincronização de cios

4 Histórico Índice de não retorno seria o método mais antigo utilizado, apenas pela observação dos rebanhos Prova de Galli-Mainini (1947) Palpação Retal (início séc. XX) Diagnóstico por Imagem (RX e Ultra-som) Testes Hormonais

5 Métodos Utilizados nas Espécies Animais –Índice de não-retorno ao cio –Palpação Retal –Ultrassonografia –Métodos Hormonais

6 Bovinos e bubalinos Índice de não-retorno ao cio O concepto inibe a regressão do corpo lúteo, impedindo o retorno ao cio Amplamente utilizado em programas de IA ou IATF em bovinos e bubalinos Observar após 21 dias

7 Bovinos e bubalinos Índice de não-retorno ao cio Pode afetar o diagnóstico: eficiência na detecção de cio (fator humano ou rufiões) Em bubalinos não é um dado muito confiável

8 Bovinos e bubalinos Palpação Retal Método utilizado em espécies de grande porte Detecta aumento uterino que ocorre durante a gestação, feto ou membranas fetais Fonte: The Drost Project Visual Guides, 2010

9 Bovinos e bubalinos Palpação Retal Lubrificação EPIs Segurança e ergonomia Fonte: o autor

10

11 Bovinos e bubalinos Ultrassonografia Ondas ultrassonográficas – frequência de 1- 10MHz Na medicina veterinária são utilizados: Doppler – detecção do pulso fetal ou fluxo sanguíneo; com ou sem vídeo Modo A (amplitude)- é unidimensional

12 Ultrassonografia Modo B (nitidez)- é bidimensional Gerador de pulsos Transdutor Conversor Monitor de vídeo Impressora Fonte: o autor

13 Ultrassonografia Tipos de transdutores –Linear – 3,5 a 7,5MHz –Setorial – 5 a 7MH Fonte: Ginther, O.J., 1995

14 Ultrassonografia Exame na vaca e búfala –Possível a partir de 20 dias de gestação –30 dias - embrião e batimentos cardíacos Fonte: Ginther, O.J., 1995

15 Ultrassonografia Exame na vaca e búfala –Idade gestacional - medida da nuca à inserção da cauda –Placentomas a partir do 33º ao 38º dia Fonte: Ginther, O.J., 1998

16 Bovinos e bubalinos Testes Hormonais Fator Precoce da Gestação (EPF) – soro de bovinos, ovinos e suínos. Teste demorado e de uso limitado Hormônios não-específicos da gestação – Progesterona e Sulfato de Estrona (detecção na urina, leite, sangue ou fezes). Podem dar falsos positivos (corpo lúteo persistente).

17 Bovinos e bubalinos Antígenos Específicos da Gestação Proteína Específica da Gestação B (bPSPB) – RIA do 24º dia de gestação até o parto Proteína sérica da Prenhez (PSP60) – RIA no 28º dia de gestação.

18 Equinos Índice de Não-Retorno ao Cio Rufiação após o 17º dia após cobertura ou IA Não confiável - pode haver éguas em cio silencioso ou éguas em cio durante a gestação Fonte: Mattos, 2005 (cedido pelo autor)

19 Equinos Palpação Retal 18 dias - assimetria dos cornos uterinos e contratilidade uterina e cervical aumentadas 2o mês - a assimetria aumenta; bolsa cório- alantóide se projeta ventralmente 3º mês – útero começa a descer

20 Ultrassonografia Importante ferramenta na reprodução de equinos. O diagnóstico pode ser feito já aos dias de gestação (a partir da ovulação), visualizando-se a vesícula embrionária Fonte: Ginther, O.J., 1998

21 Ultrassonografia Aos 21 dias – batimentos cardíacos Avaliação do bem-estar fetal Fonte: Ginther, O.J., 1998

22 Ultrassonografia Monitoramento de gestações gemelares Possível também monitoramento de morte embrionária precoce Sexagem fetal (55-60 dias de gestação) Sexagem pela via transabdominal ( dias)

23

24 Fonte: Ginther, O.J., 1998

25 Testes Hormonais Gonadotrofina coriônica equina (eCG)- a partir do 40º dia de gestação Detecção de Progesterona- no sangue, leite, urina. Pode incorrer em falsos positivos (diestro prolongado) Sulfato de Estrona – principal estrógeno produzido pelo concepto, pode ser detectado no sangue, leite, urina e fezes.

26 Testes Hormonais O sulfato de estrona é detectado na égua a partir do 40º dia de gestação. Importante teste na preservação de espécies selvagens Fonte: Walzer et al., 2012

27 Ovinos e Caprinos Índice de não-retorno ao cio É feita a observação do não retorno ao cio, ou através de rufiões com tinta marcadora diferente da utilizada no primeiro cio Ao redor do dia após a monta ou IA Fonte: o autor

28 Ovinos e Caprinos Ultrassonografia Valorização da ovinocultura Detecção de gêmeos (desejável) Via transretal (transdutor linear, de preferência com adaptador) – embrião visível aos 25 dias Fonte: Hafez e Hafez, 2004

29 Ovinos e Caprinos Ultrassonografia Via transabdominal – transdutor linear ou setorial (preferência) – embrião visível aos dias Fonte: o autor

30 Ovinos e Caprinos Testes Hormonais Fator Precoce da Gestação (EPF) –soro de bovinos, ovinos e suínos Hormônios não-específicos da gestação – Progesterona e Sulfato de Estrona (detecção na urina, leite, sangue ou fezes). Podem dar falsos positivos (corpo lúteo persistente).

31 Ovinos e Caprinos Testes Hormonais Sulfato de Estrona - no plasma da cabra ou da ovelha entre os dias 40 e 50 de gestação. Fonte: o autor

32 Suínos Índice de não-retorno ao cio Observar porcas após monta ou IA Utilizando o macho em contato com a fêmea Fonte: Wentz, 2006 (cedido pelo autor)

33 Suínos Ultrassonografia Aparelho Doppler sem monitor de vídeo Detecta batimentos do feto – 60 dias Fonte: Wentz, 2006 (cedido pelo autor)

34 Suínos Ultrassonografia Modo A – 60 dias Detecta presença de líquidos fetais Fonte: Wentz, 2006 (cedido pelo autor)

35 Suínos Ultrassonografia Modo B – transabdominal líquidos fetais e fetos Fonte: Wentz, 2006 (cedido pelo autor)

36 Suínos Testes Hormonais Fator Precoce da Gestação (EPF) –soro de bovinos, ovinos e suínos Hormônios não-específicos da gestação – Progesterona e Sulfato de Estrona (detecção na urina, leite, sangue ou fezes). Podem dar falsos positivos (corpo lúteo persistente).

37 Caninos Palpação Abdominal 25 dias- sentir individualmente a vesícula embrionária Difícil – cadelas grandes, poucos fetos, fêmeas obesas Requer habilidade profissional

38 Caninos Raio X 45 dias- já há calcificação do sistema ósseo Fonte: Grupo HVBV, 2012

39 Caninos Ultrassonografia 25 dias- embriões e batimentos cardíacos fetais Podem ser detectadas perdas entre os dias 15 e 45

40 Caninos Testes Hormonais Teste do nível de relaxina – 21 dias após a cópula Teste em forma de kits comerciais

41 Outros Ultrassonografia em 3-D Nível experimental em animais Apresentado no ISER 2010 (Kotoyori et al.) Fonte: Kotoyori, 2010 (cedido pelo autor)

42 Outros Minipôneis Parte de projeto iniciado em 2004 Monitoramento da gestação até os 60 dias Cuidados especiais no exame Fonte: o autor

43 Outros Minipôneis A despeito do tamanho reduzido: –Tamanho da vesícula embrionária e embrião similares a raças maiores –Ovula mais freqüente no OD –Vesícula se fixou mais no lado direito –Incidência de CLs acessórios muito reduzida

44 Conclusões Diagnóstico de Gestação -Resultado do trabalho


Carregar ppt "Diagnóstico de Gestação. Importância Essencial para o manejo reprodutivo e produção econômica Identificar fêmeas vazias após cobertura ou IA, visando."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google