A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Noções de administração em enfermagem II AULA 5: Organização e funcionamento da unidade de enfermagem ou unidade de internação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Noções de administração em enfermagem II AULA 5: Organização e funcionamento da unidade de enfermagem ou unidade de internação."— Transcrição da apresentação:

1

2 Noções de administração em enfermagem II AULA 5: Organização e funcionamento da unidade de enfermagem ou unidade de internação

3 A organização é de fundamental importância para que as unidades de enfermagem possam alcançar seus objetivos, ou seja, a prestação integral da assistência de enfermagem aos pacientes.

4 O serviço de enfermagem de um hospital é constituído pelas unidades de internação geral que englobam: Clínica médica Clínica cirúrgica Unidade de obstetrícia Unidade de berçário Unidade de pediatria Unidade de ortopedia Emergência Centro de material e esterilização Unidade de terapia intensiva Unidade de ambulatório

5 Se o serviço dispõe de todas essas especialidades, o hospital é de grande ou médio porte. O hospital de pequeno porte tem suas unidades reduzidas e agrupadas. Hospital pequeno porte:1 a 49 leitos (HMNSL) Hospital médio porte: 50 a 149 leitos Hospital grande porte: 150 a 500 leitos Hospital porte especial: acima de 500 leitos

6 UNIDADE DE ENFERMAGEM OU UNIDADE DE INTERNAÇÃO CONCEITO: Conjunto de elementos destinados à acomodação de pacientes internados e que englobam facilidades adequadas à prestação de cuidados necessários a um bom atendimento.

7 Características físicas Elementos que compõem uma unidade de internação geral: clínica médica e clínica cirúrgica. Posto de enfermagem Sala de serviço Sala de chefia da unidade Sala de exames e curativo Deposito de material sujo

8 Copa Rouparia Deposito de materiais e equipamentos Sanitários Quarto de isolamento Quarto com 1 leito Quarto com 2 leitos Enfermaria para 3 ou no máximo 6 leitos

9 Distribuição de pacientes por leitos ou lotação da unidade A unidade, quando constituída de quartos individuais, deverá ter até 25 leitos. Quando tiver quartos com 2 leitos a unidade poderá ter 32 leitos e quando constituída de quartos e enfermarias ate 40 leitos.

10 Enfermarias com mais de quatro leitos somente devem ser previstas para hospitais de grande porte.

11 RECURSOS HUMANOS A equipe de enfermagem é constituída por enfermeiro, técnico de enfermagem e auxiliar de enfermagem. Para atender ás necessidades das unidades torna-se necessário identificar as funções e responsabilidades de cada membro da equipe.

12 RECURSOS MATERIAS, EQUIPAMENTOS, MEDICAÇÕES E ROUPAS As unidades de enfermagem devem estar equipadas com todos os materiais necessários para seu eficiente funcionamento. Os avanços tecnológicos que vêm surgindo têm propiciado o surgimento de novos produtos hospitalares que podem colaborar na melhora da assistência de enfermagem ao paciente.

13 Unidade de emergência É o conjunto de elementos para atendimento, diagnostico e tratamento de pacientes acidentados ou acometidos de mal súbito com ou sem risco de morte.

14 Localização: deve se localizar de modo a permitir facilidade de acesso ao publico, entrada independente.

15 Características físicas Recepção e espera Sanitário para o público Sala de registros Sala para primeiro atendimento Sala de serviço social Sala de hidratação Sala de inalação Sala para exames

16 Sala de gesso Sala para pequena cirurgia Sala de aplicação de medicação Raio X Posto de enfermagem Copa Expurgo Rouparia Sala de observação de pacientes Sala de isolamento Sala para posto policial

17 Observação : o posto de enfermagem deve ser próximo as salas de hidratação e de observação dos pacientes.

18 Unidade de ortopedia É o conjunto de elementos destinados ao atendimento diagnostico e ao tratamento especializado em ortopedia e traumatologia. Característica física compões os mesmo elementos da unidade de internação acrescentando sala de colocação e retirada de gesso.

19 Unidade de internação obstétrica É o conjunto de elementos destinados ao atendimento diagnostico e tratamento de gestante e parturientes que necessitam de assistência medica e de enfermagem. Característica física com os mesmos elementos que compõem a unidade de internação geral, acrescentando centro cirúrgico, berçário anexo ou em área próxima.

20 Unidade de berçário Unidade destinada a alojar recém nascidos. Alojamento conjunto

21 Observação: para se justificar a unidade de berçário em um hospital, é necessário que o número de berços de recém nascidos seja superior a 12. Para cada leito de obstetrícia deve existir um para recém nascido.

22 Unidade de centro cirúrgico É a unidade de elementos destinados á realização de procedimentos cirúrgicos e obstétricos, em uma única área se o hospital for de pequeno porte.

23 Unidade de centro de material É o conjunto de elementos destinados a recepção expurgo, preparo, esterilização, guarda e distribuição do material para as unidades do hospital.

24 Unidade de ambulatório ou de pacientes externos Conjunto de elementos que possibilita o atendimento de pacientes para diagnostico e tratamento quando constatada a não necessidade de internação.

25 Equilíbrio, objetivo, organização e determinação, são a chave do sucesso para tudo.


Carregar ppt "Noções de administração em enfermagem II AULA 5: Organização e funcionamento da unidade de enfermagem ou unidade de internação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google