A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Apoio Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) Realização.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Apoio Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) Realização."— Transcrição da apresentação:

1 Apoio Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) Realização

2 Descrição A Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) é uma competição dedicada aos alunos brasileiros ou de escolas e universidades brasileiras das redes pública e privada desde o 6 o. ano (antiga 5ª. série) do ensino fundamental até estudantes universitários em nível de graduação.

3 Objetivos Estimular o estudo da Matemática pelos alunos Descobrir jovens talentos Aperfeiçoamento dos professores Influenciar na melhoria do ensino da Matemática nas escolas e universidades.

4 Histórico das Olimpíadas de Matemática 1894 – Hungria (primeira competição do gênero) 1959 – Romênia Primeira Olimpíada Internacional de Matemática – IMO Brasil 1977 – Olimpíada Paulista de Matemática, ACESP 1979 – Sociedade Brasileira de Matemática – SBM nomeia uma comissão para tratar exclusivamente das Olimpíadas de Matemática no Brasil.

5 Olimpíadas de Matemática no Brasil A Olimpíada Brasileira de Matemática – OBM tem uma participação anual de mais de 5,3 mil escolas da rede pública e privada de ensino e 155 instituições de ensino superior, o que implica a participação efetiva de mais de 190 mil jovens estudantes e seus professores. 25 Olimpíadas Regionais e Estaduais com uma participação total anual de mais de estudantes.

6 Níveis de Participação Público: Ensino Fundamental, Médio e Universitário Nível I: 6 o. ou 7 o. anos Nível II: 8 o. ou 9 o. anos Nível III: Ensino Médio Nível U : Estudantes universitários de graduação.

7 Estrutura de Organização Comissão Nacional de Olimpíadas de Matemática Coordenador Acadêmico Comissão Júnior Coordenador Geral Secretaria da OBM Coordenador Financeiro

8 Estrutura de Comunicação Secretaria Nacional da OBM Coordenadores Regionais Instituições cadastradas Participantes

9 Semana Olímpica A Semana Olímpica é uma atividade que vem sendo realizada desde 1998, destinada a reunir os alunos premiados na OBM. Os alunos participam de um treinamento intensivo junto a uma equipe de professores de diversas partes do país, cuja finalidade é dar início ao processo de seleção das equipes que irão representar o Brasil nas diversas competições internacionais de Matemática. Nesta semana realiza-se também a primeira reunião anual da Comissão Nacional de Olimpíadas da SBM que permite avaliar as Olimpíadas de Matemática do ano anterior e planejar a próxima Olimpíada Brasileira de Matemática.

10 Revista Eureka e Publicações São publicados na revista EUREKA! artigos relevantes na preparação dos estudantes para a Olimpíada Brasileira de Matemática em seus diversos níveis e para várias olimpíadas de caráter internacional das quais o Brasil participa.

11 Brasil nas Olimpíadas Internacionais Olimpíada de Maio Olimpíada do Cone Sul Olimpíada Internacional de Matemática - IMO Olimpíada Ibero-americana Olimpíada Ibero-americana Universitária Olimpíada Internacional de Matemática para Estudantes Universitários – IMC Romanian Master of Mathematics – RMM APMO Olimpíada de Matemática da Lusofonia Competição Iberoamericana Interuniversitária de Matemática (CIIM)

12 Olimpíada de Matemática de Maio É uma competição realizada para jovens alunos, disputada em dois níveis; Nível 1 para alunos até 13 anos e Nível 2 para alunos até 15 anos. No Brasil a Olimpíada de Maio é aplicada aos alunos ganhadores na OBM do ano anterior ou aos alunos selecionados pelo coordenador regional.

13 Olimpíada de Matemática do Cone Sul É uma competição internacional da qual participam os países da porção meridional da América do Sul, representados por equipes de 4 estudantes que não tenham feito 16 anos de idade em 31 de dezembro do ano imediatamente anterior à celebração da Olimpíada.

14 Olimpíada de Matemática do Cone Sul O Brasil participa desta competição desde 1988 e já conquistou um total de 81 medalhas, sendo 19 de ouro, 34 de prata e 28 de bronze. Em 2012 o certame acontecerá no Peru.

15 Olimpíada Internacional de Matemática É a mais importante competição internacional, realizada desde Participam dessa competição cerca de 100 países de todo o mundo, representados por equipes de até 6 estudantes secundários ou que não tenham ingressado na Universidade ou equivalente na data da celebração da Olimpíada.

16 Olimpíada Internacional de Matemática O Brasil participa da competição desde 1979 conquistando desde então um total de 96 medalhas, sendo oito de ouro, 26 de prata e 62 de bronze.

17 É uma competição internacional da qual participam os países da América Latina, Espanha e Portugal, representados por equipes de até 4 estudantes que não tenham feito 18 anos de idade em 31 de dezembro do ano imediatamente anterior à celebração da olimpíada e que não tenham participado anteriormente em duas OIM. Olimpíada Ibero-americana de Matemática

18 O Brasil participa da competição desde 1985, conquistando desde então um total de 93 medalhas, sendo 48 de ouro, 34 de prata e 11 de bronze. Com estes resultados o Brasil é o país com maior número de medalhas conquistadas no certame até hoje.

19 Olimpíada Internacional de Matemática Universitária - IMC Em 2003 o Brasil participou pela primeira vez da IMC. Esta é uma olimpíada cuja participação é por Universidade e não por país. Cada equipe consta de um professor-líder e 4 estudantes. 147 Instituições de todo o mundo têm participado da competição entre elas Cambridge, École Polytechnique, Instituto Max Planck, Instituto Technion, MIT, Oxford, Universidade Complutense de Madri e Universidade de Moscou.

20 Olimpíada Internacional de Matemática Universitária - IMC O Brasil participa da competição desde 2003, conquistando desde então um total de 84 medalhas, sendo uma de ouro especial (Grand First Prize), 12 de ouro (First Prize), 29 de prata (Second Prize) e 42 de bronze (Third Prize).

21 A competição internacional realizou-se pela primeira vez em 2011 envolvendo jovens de até 18 anos de seis países de expressão portuguesa: Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Portugal e Timor Leste. Olimpíada de Matemática da Lusofonia

22 Competição Iberoamericana Interuniversitária de Matemática (CIIM) Competição, criada em 2009, é realizada anualmente com o apoio de Sociedades de Matemática, universidades e centros de pesquisa, além de um importante grupo de professores e estudantes. O evento tem como objetivos incentivar o estudo da matemática e a excelência acadêmica na comunidade universitária iberoamericana, melhorando as capacidades científicas a través da motivação e competitividade internacional, aportando assim ao desenvolvimento social, cultural e econômico dos países participantes.

23 Coordenadores Carlos Gustavo Tamm de Araújo Moreira (RJ) - Coordenador Geral Onofre Campos da Silva Farias (CE) - Coordenador Acadêmico Demais membros da Comissão Antonio Caminha (CE) Francisco Bruno Holanda (CE) Carlos Yuzo Shine (SP) Cícero Thiago Bernardino Magalhães (SP) Edmilson Luis Rodrigues Motta (SP) Eduardo Tengan (SP) Eduardo Wagner (RJ) Emanuel Carneiro (RJ) Élio Mega (SP) Fabio Brochero (MG) Luciano Guimarães Monteiro de Castro (RJ) Luzinalva Miranda de Amorim (BA) Nicolau Corção Saldanha (RJ) Pablo Rodrigo Ganassim (SP) Paulo Cezar Pinto Carvalho (RJ) Ralph Costa Teixeira (RJ) Samuel Barbosa Feitosa (RJ) Yoshiharu Kohayakawa (SP) Yuri Lima (RJ) Comissão Nacional de Olimpíadas

24 Secretaria da Olimpíada Brasileira de Matemática Estrada Dona Castorina, 110 Jd. Botânico Rio de Janeiro, RJ, ou Fax:


Carregar ppt "Apoio Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) Realização."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google