A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DIA DA PALAVRA – ABRIL/2013 TEMA: NOSSO DEUS É MISERICORDIOSO 01/28.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DIA DA PALAVRA – ABRIL/2013 TEMA: NOSSO DEUS É MISERICORDIOSO 01/28."— Transcrição da apresentação:

1 DIA DA PALAVRA – ABRIL/2013 TEMA: NOSSO DEUS É MISERICORDIOSO 01/28

2 19 À tarde desse mesmo dia, o primeiro da semana, estando fechadas as portas onde se achavam os discípulos, por medo dos judeus, Jesus veio e, pondo-se no meio deles, lhes disse: A paz esteja convosco! [...] 21 Ele lhes disse de novo: A paz esteja convosco! Como o Pai me enviou, também eu vos envio. 22 Dizendo isso, soprou sobre eles e e lhes disse: Recebei o Espírito Santo. o Dom do Espírito Santo no dia da Ressurreição (Jo 20,19-23) a efusão do Espírito Santo sobre os Apóstolos duas personagens importantes no capítulo 20 de João o discípulo amado e Maria Madalena Jo 20, /28 Ligando o texto 1. Acreditam porque amam muito Pentecostes Joanino Contextualizando a Palavra 2. Jo 20,22

3 não foi escrever uma crônica histórica 08/28 Objetivo do evangelista mas uma catequese sobre o Mistério Pascal e a Igreja indicando a prática cristã de celebrar a Eucaristia no Dia do Senhor a Celebração Eucarística + o Evangelho a profissão de fé

4 não con- condiz com sua postura de incredulidade Vamos também nós para mor- rermos com ele grego um dos Doze generoso e audacioso Tomé 09/28 24 Um dos Doze, Tomé, chamado Dídimo, não estava com eles quando veio Jesus. aramaico Dídimo Gêmeo Tomé Jo 11,16 Tomé não estava presente com os Apóstolos quando houve a efusão do Espírito Santo (v.22)

5 comunidade é o lugar de confessar, professar e fortalecer, ou aumentar a nossa fé v.22: Efusão do Espírito Santo Tomé estava fora da comunidade. sua fé é fraca depende de sinais extraordinários está dentro da comunidade Se eu não vir 10/28 25 Os outros discípulos, então, lhe disseram: "Vimos o Senhor!" Mas ele lhes disse: "Se eu não vir em suas mãos o lugar dos cravos e não puser meu dedo no lugar dos cravos, e minha mão no seu lado, eu não crerei." 26 Oito dias depois, achavam-se os discípulos, de novo, dentro de casa, e Tomé com eles. Jesus veio, estando as portas fechadas, pôs-se no meio deles e disse: "A paz esteja convosco!" o testemunho da comunidade é insuficiente para Tomé eu não crerei é fundamental a vivência em comunidade. Tomé com eles v.25

6 dois aspectos; um positivo e um negativo as portas fechadas (Jo 20,19.26) 11/28 comunidade está insegura v.19 o medo dos discípulos Não há barreiras v.26 Jesus Ressuscitado

7 a paz que vem da Sua presença, da justiça realizada e vivenciada em todos inclui tudo o que Deus deseja para os Seus filhos e filhas o Domingo, que passa a ser o dia da nova criação em Jesus Cristo para João é ainda o dia da ressurreição Oito dias depois Oitava da Páscoa 12/28 graça esperança Dia do Senhor + um novo tempo vida eterna + "A paz esteja convosco!" Shalom Jo 20, Papa Paulo VI A justiça é o novo nome da paz

8 Tomé não tocou nas mãos e nem no lado de Jesus. Mas fez a mais bela de todas as afirmações de fé da Bíblia: Meu Senhor e meu Deus! Tomé agora acredita. Ele está na comunidade. Ele reconhece em Jesus o servo glorificado (Senhor), na mesma condição do Pai (Deus) "Meu Senhor e meu Deus!" 13/28 27 Disse depois a Tomé: "Põe teu dedo aqui e vê minhas mãos! Estende tua mão e põe-na no meu lado e não sejas incrédulo, mas crê!." 28 Respondeu-lhe Tomé: "Meu Senhor e meu Deus!" 1ª. vez fora do prólogo em que Jesus é chamado de Deus. Tomé tocou nas mãos e no lado de Jesus?

9 Testemunhar a Palavra Ver e ouvir significa fazer a experiência, tocar com o coração, sentir a manifestação do Deus vivo em cada acontecimento. um estado de felicidade decorrente da comunhão com Deus a bem-aventurança explícita no Evangelho de João Felizes os que não viram e creram!" 14/28 29 Jesus lhe disse: "Porque viste creste. Felizes os que não viram e creram!" bem-aventurado felizes Jesus manifesta a sua misericórdia e proclama feliz aquele que escuta e vê o que Ele revela Ouvir a Palavra + Conhecer a Palavra + iremos reconhecer pela FÉ a presença de Jesus vivo entre nós, no próximo e na comunidade.

10 30 Jesus fez ainda, diante de seus discípulos, muitos outros sinais, que não se acham escritos neste livro. 31 Esses, porém, foram escritos para crerdes que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e para que, crendo, tenhais vida em seu nome. 15/28 Síntese do Evangelho de João

11 PARTILHANDO A PALAVRA: 17/28 O QUE O TEXTO NOS DIZ HOJE? a) Percebemos um Tomé dentro de nós. Temos que tocar e ver para crer, a exemplo de Tomé? Porque Tomé não acreditou quando estava fora da comunidade? E por que acreditou quando estava na comunidade? b) Jesus proclama-nos Bem-aventurados ao submetermos nossos pensamentos e nossas vontades a Deus na entrega que o ato de fé implica. Como vemos aqueles que não creem e duvidam? Somos testemunhos de fé para eles? c) O texto diz que Jesus fez ainda, diante de seus discípulos, muitos outros sinais (v.30). Qual a importância da comunidade (GBR) para mim? Será que neles eu percebo a presença do ressuscitado? Será que sozinho eu conseguiria perceber a mesma presença?

12 REZANDO A PALAVRA: 21/28 O QUE O TEXTO ME LEVA A DIZER A DEUS? Animador(a): A oração acontece quando se é capaz de perceber à luz da leitura e da meditação os apelos de Deus. Quais são os nossos motivos para rezar? A comunidade pode fazer suas orações a partir do texto. Após cada oração rezemos: Todos: Senhor dá-nos um coração misericordioso!

13 Bênção Final 26/28 Animador(a): Como oração final, dentro do Ano da Fé, podemos encerrar com a Profissão de Fé do Credo Niceno-constantinopolitano Creio em um só Deus, Pai todo-poderoso, criador do céu e da terra, de todas as coisas visíveis e invisíveis.

14 27/28 Creio em um só Senhor, Jesus Cristo, Filho Unigênito de Deus, gerado do Pai desde toda a eternidade, Deus de Deus, Luz da Luz, Deus verdadeiro de Deus verdadeiro, gerado, não criado, consubstancial ao Pai; por Ele todas as coisas foram feitas. Por nós e para nossa salvação, desceu dos céus; encarnou por obra do Espírito Santo, no seio da Virgem Maria, e fez-se verdadeiro homem. Por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos; sofreu a morte e foi sepultado. Ressuscitou ao terceiro dia, conforme as Escrituras; subiu aos céus, e está sentado à direita do Pai. De novo há de vir em glória, para julgar os vivos e os mortos; e o seu reino não terá fim.

15 28/28 Creio no Espírito Santo, o Senhor, a fonte da vida que procede do Pai; com o Pai e o Filho é adorado e glorificado. Ele falou pelos profetas. Creio na Igreja una, santa, católica e apostólica. Professamos um só batismo para remissão dos pecados. Esperamos a ressurreição dos mortos, e a vida do mundo que há de vir. Amém.


Carregar ppt "DIA DA PALAVRA – ABRIL/2013 TEMA: NOSSO DEUS É MISERICORDIOSO 01/28."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google