A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CONSTRUINDO OBJETOS DO CONHECIMENTO POR MEIO DE COMPETÊNCIAS E HABILIDADES COLÉGIO ESTADUAL ROBERTO SILVEIRA Prof. Artur Motta

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CONSTRUINDO OBJETOS DO CONHECIMENTO POR MEIO DE COMPETÊNCIAS E HABILIDADES COLÉGIO ESTADUAL ROBERTO SILVEIRA Prof. Artur Motta"— Transcrição da apresentação:

1 CONSTRUINDO OBJETOS DO CONHECIMENTO POR MEIO DE COMPETÊNCIAS E HABILIDADES COLÉGIO ESTADUAL ROBERTO SILVEIRA Prof. Artur Motta

2 A AVALIAÇÃO por habilidades e competências se apresenta como MEIO de traduzir uma EDUCAÇÃO ESCOLAR comprometida com os novos tempos. SAEB, PISA, etc ENADE ENEM

3 Competência, segundo Perrenoud, é a capacidade de mobilizar recursos no contexto de situação-problema para tomar decisões favoráveis ao seu objetivo ou metas. Afinando conceitos... A situação-problema, por seu enunciado, cria um contexto que formula uma ALTERAÇÃO a ser examinada pelo aluno.

4 A perturbação produz um desequilíbrio, rompe com a harmonia do que o sujeito SABIA ou PENSAVA sobre um determinado assunto. O que fazemos diante de uma perturbação? A primeira reação pode ser negativa: o sujeito sente-se desqualificado para coordenar as informações ou para aproveitar os indicadores ou dicas oferecidas tanto no enunciado quanto nas alternativas de respostas. A perturbação não gera um trabalho de conhecimento, nem a busca de uma melhor solução

5 Expressa-se pela INDIFERENÇA ou DIVAGAÇÃO (que impede a compreensão do problema como problema).

6

7

8 Na segunda classe de reação à perturbação, observamos um trabalho de REGULAÇÃO. Regulação é o que fazemos para recuperar o equilíbrio rompido pela pergunta ou problema proposto. Escolher, pelo trabalho da reflexão e de tomada de decisão, a melhor solução para uma questão recupera o ciclo rompido pela perturbação que ela provoca.

9 Nunca se falou e se preocupou tanto com o corpo como nos dias atuais. É comum ouvirmos anúncios de uma nova academia de ginástica, de uma nova forma de dieta, de uma nova técnica de autoconhecimento e outras práticas de saúde alternativa, em síntese, vivemos nos últimos anos a redescoberta do prazer, voltando nossas atenções ao nosso próprio corpo. Essa valorização do prazer individualizante se estrutura em um verdadeiro culto ao corpo, em analogia a uma religião, assistimos hoje ao surgimento de novo universo: a corpolatria. CODO, W.; SENNE, W. O que é corpo(latria). Coleção Primeiros Passos. Brasiliense, 1985 (adaptado). Sobre esse fenômeno do homem contemporâneo presente nas classes sociais brasileiras, principalmente, na classe média, a corpolatria... ENEM 2009

10 No contexto de nossas considerações, só interessa a situação-problema que produz uma alteração e que convida o sujeito a reagir ou agir em face da alteração. Importância de TODOS na criação e/ou ampliação do REPERTÓRIO para compreensão dos contextos, favorecendo a ALTERAÇÃO.

11

12

13 Essas latas têm que perder, por primeiro, todos os ranços (e artifícios) da indústria que as produziu. Segundamente, elas têm que adoecer na terra. Adoecer de ferrugem e casca. Finalmente, só depois de trinta e quatro anos elas merecerão de ser chão.

14 Esse desmanche em natureza é doloroso e necessário se elas quiserem fazer parte da sociedade dos vermes. Depois desse desmanche em natureza, as latas podem até namorar com as borboletas. Isso é muito comum. Diferentes de nós, as latas com o tempo rejuvenescem, se jogadas na terra. Chegam quase até de serem pousadas de caracóis. Elas sabem, as latas, que precisam chegar ao estágio de uma parede suja. Só assim serão procuradas pelos caracóis.

15 Sabem muito bem, essas latas, que precisam da intimidade com o lado obsceno das moscas. Ainda que elas precisam de pensar em ter raízes para que possam obter estames e pistilos. A fim de que um dia elas possam se oferecer às abelhas.

16 Elas precisam de ser um ensaio de árvore a fim de comungar a natureza. O destino das latas também pode ser pedra. Elas hão de ser cobertas de limo e musgo. As latas precisam ganhar o prêmio de dar flores. Elas têm que participar dos passarinhos. Eu sempre desejei que as minhas latas tivessem aptidão para passarinhos. Como os rios têm, como as árvores têm. Elas ficam muito orgulhosas quando passam do estágio de chutadas nas ruas para o estágio de poesia. Acho esse orgulho das latas muito justificável e até louvável.(Manoel de Barros).

17 Analisando as práticas... No Ensino Médio 1. Dada a descrição discursiva ou por ilustração de um experimento ou fenômeno, de natureza científica, tecnológica ou social, identificar variáveis relevantes e selecionar os instrumentos necessários para realização ou interpretação do mesmo. HABILIDADES DO ENEM

18 Desde o Ensino Fundamental 2. Em um gráfico cartesiano de variável socieconômica ou técnico-científica, identificar e analisar valores das variáveis, intervalos de crescimento ou decréscimo e taxas de variação.

19 Analise a figura. Supondo que seja necessário dar um título para essa figura, a alternativa que melhor traduziria o processo representado seria: (A) Concentração média de álcool no sangue ao longo do dia. (B) Variação da frequência da ingestão de álcool ao longo das horas. (C) Concentração mínima de álcool no sangue a partir de diferentes dosagens. (D) Estimativa de tempo necessário para metabolizar diferentes quantidades de álcool. (E) Representação gráfica da distribuição de frequência de álcool em determinada hora do dia. Disponível em: http//www.alcoologia.net. Acesso em: 15 jul (adaptado).

20 Desde a Educação Infantil 4. Dada uma situação-problema, apresentada em uma linguagem de determinada área de conhecimento, relacioná-la com sua formulação em outras linguagens ou vice-versa.

21 Reunindo-se as informações contidas nas duas charges, infere-se que (A) os regimes climáticos da Terra são desprovidos de padrões que os caracterizem. (B) as intervenções humanas nas regiões polares são mais intensas que em outras partes do globo. (...)

22 -Contar história e representá-la através de desenhos e dramatizações. -Trabalhar uma história que fale sobre moradia e conversar sobre o assunto. - Saber quantos moram em casa e apartamento. Construir um gráfico com os números. Fazer análise do gráfico construído - Observar uma gravura e criar uma história. - Desenhar ao som de uma música lenta e depois outra mais rápida. Na Educação Infantil...

23 Fizemos um desenho de uma casa no quadro e de um apartamento também. Perguntamos para cada criança onde ela morava. Conforme suas respostas fazíamos a marcação no desenho correspondente. Em seguida pedimos para que uma criança desenhasse um apartamento e uma casa. Após o desenho pronto eles recortaram e colaram no cartaz. Colamos ao lado de cada figura um quadradinho correspondente a cada criança referente a sua moradia. Ao final ficou claro que o número de crianças que moram em apartamento era bem maior dos que moravam em casas. Este fato foi registrado no cartaz do gráfico.)

24 Concluindo... O trabalho por COMPETÊNCIAS e HABILIDADES deve ser uma decisão INSTITUCIONAL. Deve contar com a adesão progressiva de todos os Profissionais da Instituição, para que se torne uma CONSTRUÇÃO COLETIVA.

25 Pode e deve iniciar-se a partir DAQUILO QUE JÁ É FEITO, procurando explicitar o que serve e corrigir o que não serve.

26 Deve mobilizar cada um e cada uma, PESSOALMENTE, a reconhecer a necessidade e dar o primeiro passo...


Carregar ppt "CONSTRUINDO OBJETOS DO CONHECIMENTO POR MEIO DE COMPETÊNCIAS E HABILIDADES COLÉGIO ESTADUAL ROBERTO SILVEIRA Prof. Artur Motta"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google