A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Portugal Democrático. Identificar as transformações de Portugal, desde a sua adesão à União Europeia. Compreender a importância dos contributos da Comunidade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Portugal Democrático. Identificar as transformações de Portugal, desde a sua adesão à União Europeia. Compreender a importância dos contributos da Comunidade."— Transcrição da apresentação:

1 Portugal Democrático

2 Identificar as transformações de Portugal, desde a sua adesão à União Europeia. Compreender a importância dos contributos da Comunidade Europeia. Sensibilizar para a participação na construção da União Europeia. Objectivos

3 Índice Temática do trabalho… Diap. 1 Objectivos Diap. 2 Cerimónias da adesão à União Europeia…..... Diap.4,5 Mudanças em Imagens Diap.6-27 Mudanças em números Diap Poema de Ary dos Santos Diap.36 Conclusões, Questões e Fontes Diap.37-40

4 Adesão de Portugal à C.E.E. actual U.E de Junho de 1985 O Tratado de Adesão, assinado, pelo então primeiro-ministro Mário Soares, no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa. Nesse mesmo dia, a Espanha assinou também a sua adesão à CEE. O Tratado de Adesão, assinado, pelo então primeiro-ministro Mário Soares, no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa. Nesse mesmo dia, a Espanha assinou também a sua adesão à CEE.

5 Comemoração dos 20 anos do Tratado de Adesão à C.E.E. Mosteiro dos Jerónimos (12 de Junho de 2005) José Sócrates, então Primeiro-Ministro, comemorou os 20 anos do Tratado, com Filipe González (Primeiro- Ministro espanhol em 1985) e Mário Soares Mosteiro dos Jerónimos (12 de Junho de 2005) José Sócrates, então Primeiro-Ministro, comemorou os 20 anos do Tratado, com Filipe González (Primeiro- Ministro espanhol em 1985) e Mário Soares O Presidente da República Jorge Sampaio presidiu à cerimónia que assinalou a efeméride.

6 Mudanças - as imagens falam por si mesmas!... Em duas décadas, após a assinatura do Tratado de Adesão… De Norte a Sul do País, a paisagem portuguesa e a dinâmica de modernização de Portugal, mudaram por completo. Em duas décadas, após a assinatura do Tratado de Adesão… De Norte a Sul do País, a paisagem portuguesa e a dinâmica de modernização de Portugal, mudaram por completo.

7 Os dinheiros vindos de Bruxelas: - 3% da riqueza nacional, foram vitais para: A construção de infra-estruturas básicas; A reabilitação urbana; O desenvolvimento da indústria; A reconversão da agricultura; A formação profissional; A educação; A investigação científica. Os dinheiros vindos de Bruxelas: - 3% da riqueza nacional, foram vitais para: A construção de infra-estruturas básicas; A reabilitação urbana; O desenvolvimento da indústria; A reconversão da agricultura; A formação profissional; A educação; A investigação científica. MUDANÇAS - AS IMAGENS FALAM POR SI MESMAS!... MUDANÇAS - AS IMAGENS FALAM POR SI MESMAS!...

8 Futuro Parque das Nações – Antes… O Parque das Nações, em Lisboa, foi construído numa zona da frente ribeirinha, antes ocupada por indústrias poluentes e grandes armazéns degradados…

9 Parque das Nações – Depois… Em vez de uma lixeira…hoje é uma nova cidade de 25 mil habitantes e um dos maiores símbolos internacionais da modernização do País.

10 Estrada para o Algarve - Antes A Nacional 2 atravessava paisagens deslumbrantes, mas a viagem para o Algarve era um suplício interminável…

11 Estrada do Algarve – Depois… …agora, cruzar o Alentejo em direcção às praias algarvias demora duas horas e meia. A serra deixou de ser um obstáculo.

12 Porto – Antes… Os eléctricos e a falta de vias rápidas na segunda cidade do país parecem fazer parte de um passado muito longínquo.

13 PORTO – Depois… O metro está a revolucionar o sistema de transportes públicos na Área Metropolitana do Porto. Vai ter cinco linhas e 70 estações.

14 Cais de Gaia virado para o Porto Antes… … Há vinte anos, as actividades ligadas ao lazer em Vila Nova de Gaia estavam ausentes da sua frente ribeirinha Antes… … Há vinte anos, as actividades ligadas ao lazer em Vila Nova de Gaia estavam ausentes da sua frente ribeirinha

15 Requalificação do Cais de Gaia Depois… A requalificação do Cais de Gaia criou uma enorme varanda virada para o Porto, animada por amplos restaurantes e esplanadas. Depois… A requalificação do Cais de Gaia criou uma enorme varanda virada para o Porto, animada por amplos restaurantes e esplanadas.

16 Barragem de Alqueva – Antes… A construção da Barragem do Alqueva esteve parada durante anos, deixando passar as cheias do rio Guadiana.

17 Barragem do Alqueva – Depois... Em Fevereiro de 2002, as comportas do maior lago artificial da Europa, no Alentejo, foram finalmente encerradas.

18 Pista de aterragem na Madeira Antes… Os metros da pista do Aeroporto da Madeira limitavam a aterragem de grandes aeronaves e as condições de segurança…

19 Pista de aterragem na Madeira Depois… …o que levou à construção de uma nova pista com metros, a maior obra de sempre da região, que custou 530 milhões de euros. Depois… …o que levou à construção de uma nova pista com metros, a maior obra de sempre da região, que custou 530 milhões de euros.

20 Casal Ventoso – Antes… O bairro era uma mancha de pobreza e de degradação, bem visível para quem entrava em Lisboa pela Ponte 25 de Abril.

21 Casal Ventoso – Depois… Toda a população do Casal Ventoso foi realojada num bairro seguro, de prédios coloridos e servido por vários equipa- mentos sociais.

22 Lagos – Antes… … Há décadas que a marina não podia ser contemplada da esventrada Avenida dos Descobrimentos.

23 Lagos – Depois… …marginal de Lagos, junto à Ribeira de Bensafrim. A cidade algarvia modernizou-se e tem estado a recuperar o seu centro histórico…

24 Estádio de Leiria – Antes… … o antigo recinto desportivo só era referido nos campeonatos nacionais de futebol.

25 Estádio de Leiria – Depois… O Estádio Magalhães Pessoa está a projectar Leiria na Europa, como o demonstra a Taça da Europa em Atletismo…

26 Acessos a Coimbra – Antes… O tempo em que o centro de Coimbra era servido apenas pela Ponte de Sta. Clara, na travessia do Mondego, ficou para trás…

27 Acessos a Coimbra – Depois… …com a construção da ponte-açude e da novíssima Ponte Rainha Santa Isabel, inaugurada em 2004.

28 Dando voz aos números… É uma outra forma para compreender a mudança que se foi operando na sociedade portuguesa, durante estas duas décadas.

29 Alunos matriculados no ensino superior alunos estão agora matriculados, segundo o INE, ou seja mais do triplo do que há 20 anos.

30 Nível do PIB per capita ,4% da média da EU era o nível do nosso PIB per capita na data da adesão ,4% da média da EU era o nível do nosso PIB per capita na data da adesão ,2% da média europeia é o que atinge actualmente ,2% da média europeia é o que atinge actualmente.

31 Rendimento bruto das famílias destinado ao consumo ,6% ,6% ,3% desse rendimento é hoje gasto da mesma forma ,3% desse rendimento é hoje gasto da mesma forma.

32 Agregados familiares portugueses com automóvel ,3% das famílias possuíam automóvel ,3% das famílias possuíam automóvel % dos agregados familiares portugueses têm actualmente automóvel % dos agregados familiares portugueses têm actualmente automóvel.

33 Permilagem da taxa de mortalidade infantil ,8 por mil era a taxa de mortalidade infantil ,8 por mil era a taxa de mortalidade infantil por mil é hoje o valor da mesma taxa, que está próxima da média da U.E por mil é hoje o valor da mesma taxa, que está próxima da média da U.E.

34 Sessões de cinema registadas em todo o País sessões foram registadas pelo INE, duas décadas depois sessões foram registadas pelo INE, duas décadas depois.

35 km de auto-estradas que atravessam o território nacional km de auto-estradas cruzavam o País antes da entrada de Portugal na CEE km atravessam agora todo o território nacional.

36 «O Futuro » Isto vai meus amigos isto vai um passo atrás são sempre dois em frente e um povo verdadeiro não se trai não quer gente mais gente que outra gente Isto vai meus amigos isto vai o que é preciso é ter sempre presente que o presente é um tempo que se vai e o futuro é o tempo resistente Depois da tempestade há a bonança que é verde como a cor que tem a esperança quando a água de Abril sobre nós cai. O que é preciso é termos confiança se fizermos de Maio a nossa lança isto vai meus amigos isto vai. José Carlos Ary dos Santos

37 Conclusões Portugal, após a entrada na União Europeia, iniciou uma dinâmica de desenvolvimento. Melhorou a imagem de Portugal e a auto- estima dos Portugueses.

38 Questões para a audiência

39 Fontes consultadas A Visão

40 Trabalho a ser continuado… Pesquisa realizada por: –António Fiães Figueira


Carregar ppt "Portugal Democrático. Identificar as transformações de Portugal, desde a sua adesão à União Europeia. Compreender a importância dos contributos da Comunidade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google