A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GET – Gestão de Energia Térmica Lda. Engenheiros consultores especialistas em engenharia de climatização.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GET – Gestão de Energia Térmica Lda. Engenheiros consultores especialistas em engenharia de climatização."— Transcrição da apresentação:

1 GET – Gestão de Energia Térmica Lda. Engenheiros consultores especialistas em engenharia de climatização

2 A empresa GET- Gestão de Energia Térmica Lda. é uma sociedade por quotas fundada em 1985 sendo propriedade dos seus dois sócios: Alfredo Costa Pereira & Raul Vasconcelos Bessa

3 Sócio Fundador da empresa: Alfredo Costa Pereira É M.Sc. Engenheiro mecânico pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto; Foi bolseiro do INIC e proposto pela FEUP para realizar um curso de Póst-graduação no von Karman Institute, em Bruxelas, o qual concluiu com 18 valores e o título de Honours; Foi Professor Coordenador do Instituto Superior de Engenharia do Porto, e vice- presidente do CIDEM centro de investigação de engenharia mecânica, tendo realizado entre outros, um projecto de investigação financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) sobre climatização radiante por tectos refrigerados; É Formador de Peritos Qualificados e Perito Qualificado do Sistema Nacional de Certificação Energética e de Qualidade do Ar Interior nos Edifícios, (SCE) e Outorgado com o título de Especialista em engenharia de climatização" pela Ordem dos Engenheiros; É Membro A.S.H.R.A.E n. º ; É Perito Qualificado para o Sistema Nacional de Certificação Energética de edifícios e de QAI; É Membro Fundador do Observatório Nacional das Doenças Respiratórias, e da Sociedade Portuguesa do Pulmão, na qualidade de Perito em Qualidade do Ar Interior em edifícios. GET - Gerência

4 Raul Vasconcelos Bessa Sócio Gerente da empresa, e director executivo: Engenheiro mecânico pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto; Perito Qualificado em todas as vertentes do Sistema Nacional de Certificação Energética e da Qualidade do Ar Interior nos Edifícios (SCE). Outorgado com o título de " Especialista em engenharia de climatização " pela Ordem dos Engenheiros. Membro A.S.H.R.A.E nº ; GET - Gerência

5 A empresa GET é reconhecida pela Agência portuguesa para a Energia, ADENE, como entidade com autoridade para elaborar projectos de climatização e para emitir as respectivas Declarações de Conformidade Regulamentar, e posteriormente emitir os respectivos Certificados Energéticos dos edifícios novos e também dos já existentes, que cumpram a regulamentação térmica do Serviço Nacional de Certificação Energética e da Qualidade do Ar Interior em edifícios, (SCE). O Sócio Fundador e Sócio Gerente Alfredo Costa Pereira é Formador de Peritos Qualificados do (SCE) na vertente RSECE-QAI, e o Sócio Gerente Executivo Raul Vasconcelos Bessa é Perito Qualificado em todas as vertentes do (SCE).

6 A empresa GET actualmente é composta na sua Sede no Porto por 26 funcionários entre engenheiros e desenhadores projectistas. Em 2006 foi criada uma filial em Lisboa, com 4 funcionários; Em 2008 foi criada uma filial em São Paulo, com 6 funcionários; Em 2010 foi criada uma filial em Maputo, com 4 funcionários.

7 Instalações mecânicas de AVAC em edifícios de serviços, industrias, comerciais e residenciais; 2.Mecânica dos fluidos, ventilação mecânica e ventilação natural; 3.Utilização da plataforma Revit desde 2008; 4.Instalações de redes de gás; 5.Física/ térmica dos edifícios; 6.Energias renováveis; 7.Auditorias energéticas, uso racional da energia nos edifícios A empresa é composta por nove departamentos de modo a interagir em diferentes áreas: OBJECTIVO DA EMPRESA

8 Auditorias energéticas, e utilização racional da energia na Indústria (SCGIE); 9.Certificação energética e ambiental de edifícios; 10.Inovação - Investigação & Desenvolvimento.

9 SEDE no PORTO

10 Análise abrangente da envolvente dos edifícios, em parceria com a arquitectura. A GET- Gestão de Energia Térmica, tem estudado ao longo de 25 anos o melhor sistema de ar condicionado que permita um elevado conforto humano sem dispêndio excessivo de energia. Aprendemos que um bom projecto é o primeiro passo para um bom sistema de ar condicionado. OBJECTIVOS DO TRABALHO DA GET Os Princípios de arrefecimento e aquecimento para cada caso em concreto, são alcançados em reunião com o arquitecto, de modo a respeitar os critérios arquitectónicos, mantendo o conforto dos ocupantes sem dispêndio excessivo de energia.

11 Sempre que possível são introduzidas juntamente com a arquitectura soluções bioclimáticas do tipo: OBJECTIVOS DO TRABALHO Tubos enterrados; Inércia Térmica, conjugada com ventilação natural; Isolamento térmico pelo exterior; Protecções solares nos vãos envidraçados orientados a Sul; Blackouts nos envidraçados orientados a poente; Paredes de Trombe. A aplicação das referidas medidas, resulta em média numa redução dos consumos de energia na ordem dos 30%.

12 OBJECTIVOS DO TRABALHO Soluções bioclimáticas: Inércia térmica conjugada com ventilação natural

13 OBJECTIVOS DO TRABALHO Soluções bioclimáticas: Inércia térmica conjugada com ventilação natural

14 OBJECTIVOS DO TRABALHO Soluções bioclimáticas: Isolamento térmico pelo exterior

15 OBJECTIVOS DO TRABALHO Soluções bioclimáticas: Protecções solares

16 OBJECTIVOS DO TRABALHO Soluções bioclimáticas: Protecções solares

17 OBJECTIVOS DO TRABALHO Soluções bioclimáticas: Parede de Trombe

18 Independentemente de um trabalho ser grande ou pequeno, a satisfação do cliente é o nosso principal objectivo. Prestamos muita atenção ao detalhe, e temos vontade de exceder continuamente as nossas expectativas de desempenho para os nossos edifícios. Atendendo ao detalhe das Peças Escritas e das Peças Desenhadas, dos nossos projectos de climatização, qualquer instalador será capaz de facilmente, os instalar, tendo em vista atingir níveis de conforto humano, com baixos consumos de energia. VALORIZAÇÃO E REPUTAÇÃO COMO LÍDERES EM SERVIÇO EM GRANDES EDIFÍCIOS COMERCIAIS E DE SERVIÇOS

19 TODOS OS PROJECTOS DESENVOLVIDOS EM 3D

20

21 VALORIZAÇÃO E REPUTAÇÃO COMO LÍDERES EM SERVIÇO EM GRANDES EDIFÍCIOS COMERCIAIS E DE SERVIÇOS Os baixos consumos de energia variam de acordo com o projecto, o método de funcionamento, normas de funcionamento, manutenção de sistemas de controle, monitoramento do sistema, e competência dos operadores. Algumas das eficiências serão sem custo, enquanto outros vão exigir algum investimento. Geralmente, a implementação de um plano de manutenção, a instalação de controlos e actualização de equipamentos, quando possível são boas maneiras de economizar custos de energia.

22 Trabalhamos com os melhores arquitectos, entre muitos outros: ARQUITECTOS E OBRAS DE REFERÊNCIA Álvaro Siza Vieira; Eduardo Souto de Moura; Fernando Távora Óscar Niemeyer; Acácio Borsoi; Frederico Valsassina; Carrilho da Graça Arquitectos; Bernades Jacobson; Herzog & De Meuron.

23 PRINCIPAIS PROJECTOS DE MUSEUS/ FUNDAÇÕES Fundação/Museu de Arte contemporânea Ibero Camargo (Brasil); Museu arte contemporânea São Paulo (Brasil); Museu Soares dos Reis; Museu Dona Regina (Nápoles); Museu Mimesis (Coreia do Sul); Museu de arte e arqueologia do Vale do Coa; Fundação Cargaleiro; Museu Bauhaus (China); Palácio Pombal; Complexo Cultural Luz (Brasil).

24 CASOS INOVADORES Museu /Fundação de Serralves; Faculdade de Comunicação e estudos de Santiago de Compostela (Espanha); Clinica de diagnóstico de Matosinhos; Doha Beach House (Doha); Keells City (Sri Lanka); Centro Odebrecht (Brasil). Museu de Arte contemporânea de S. Tiago de Compostela (Espanha).

25 FUNDAÇÃO IBERE CAMARGO Estudo detalhado para climatização das circulações com paredes e tectos radiantes.

26 FUNDAÇÃO IBERE CAMARGO Estudo detalhado para climatização das circulações com paredes e tectos radiantes.

27 FUNDAÇÃO IBERE CAMARGO

28 Climatização de espaços a partir de insuflação com rasgos, em parede dupla, e retorno do mesmo modo na parte inferior da parede. Exemplo com grande sucesso na fundação de Serralves. Armazenamento térmico com recurso a bancos de gelo. FUNDAÇÃO DE SERRALVES

29 FUNDAÇÃO DE SERRALVES

30 FACULDADE DE COMUNICAÇÃO E CIÊNCIAS DE SANTIAGO DE COMPOSTELA

31 FACULDADE DE COMUNICAÇÃO E CIÊNCIAS DE SANTIAGO DE COMPOSTELA Detalhe do sistema de climatização do auditório, com insuflação por fenda do lada esquerdo do tecto e retorno/extracção por fendas jundo ao pavimento e palco. Projecto premiado do Arq.tº Álvaro Siza.

32 CENTRO DE DIAGNÓSTICO DE MATOSINHOS No caso concreto, dado tratar-se de uma clinica com gabinetes de dimensões reduzidas a solução tradicional de ventilo- convectores foi abandonada à partida. A única solução viável seria a de uma climatização invisível. A solução adoptada passou por um sistema de climatização radiante inserido na própria estrutura de betão armado do edifício. Instalação de tubos de poliestireno, para arrefecimento e aquecimento, instalada no plano neutro de lajes e paredes de betão, designado por Batiso ou Concrete core.

33 CENTRO DE DIAGNÓSTICO DE MATOSINHOS

34 CENTRO DE DIAGNÓSTICO MATOSINHOS

35 DOHA BEACH HOUSE

36 DOHA BEACH HOUSE A grande dificuldade deste projecto deveu-se sobretudo às elevadas temperaturas e humidade relativa exteriores. A solução passou por um sistema central de climatização com recurso a chiller´s arrefecidos a água do mar, caracterizados por um elevado coeficiente de performance. Dado tratar-se de uma moradia com uma área útil de aproximadamente m 2, seria necessário encontrar um sistema de climatização com elevado coeficiente de performance, de modo a reduzir os consumos de energia. O ar novo é admitido através de um sistema de tubos enterrados.

37 KEELLS CITY

38 KEELLS CITY Solução de climatização centralizada por tipologia de edifício, com recurso a chiller´s arrefecidos a água do rio, caracterizados por um elevado coeficiente de performance. Climatização, com recurso a unidades de tratamento de ar com recuperação de calor.

39 CENTRO ODEBRECHT

40 Estudo da arquitectura do edifício, especialmente layout, tipo de espaços e envolvente do edifício. Estudo da componente passiva, tais como envolvente exterior, paredes, telhado, vãos envidraçadas, sombreamento, isolamento térmico. Simulação Energética do Edifício nas condições actuais da arquitectura. Estudo de soluções que visam melhorar a eficiência energética do edifício. Análise de custos para diferentes simulações de energéticas. Abordagem inicial de sistemas activos propostos pelo projecto. Comparação do sistema de expansão directa com um sistema a água CENTRO ODEBRECHT Estudo detalhado para aumentar a eficiência energética do edifício.

41 Muito obrigado pela V. atenção GET – Gestão de Energia Térmica Lda. FIM


Carregar ppt "GET – Gestão de Energia Térmica Lda. Engenheiros consultores especialistas em engenharia de climatização."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google