A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ERRO E QUEDA (Joanna de Ângelis, in LEIS MORAIS DA VIDA – Da Lei de Liberdade, subtema 52)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ERRO E QUEDA (Joanna de Ângelis, in LEIS MORAIS DA VIDA – Da Lei de Liberdade, subtema 52)"— Transcrição da apresentação:

1 ERRO E QUEDA (Joanna de Ângelis, in LEIS MORAIS DA VIDA – Da Lei de Liberdade, subtema 52)

2 por si só; são precisas a expiação e a reparação.
Item 16 - O arrependimento, conquanto seja o primeiro passo para a regeneração, não basta por si só; são precisas a expiação e a reparação. (O CÉU E O INFERNO, Allan Kardec, Capítulo VII – Código Penal da Vida Futura)

3 O arrependimento abre o caminho da reabilitação:
1 - EXPIAÇÃO – sofre não somente pelo mal que fez como pelo bem que deixou de fazer, ou opta pela AÇÃO DO AMOR/CARIDADE (para todos). 2 - REPARAÇÃO - só a reparação pode anular o efeito, destruindo-lhe a causa. Consiste em fazer o bem àqueles a quem se havia feito o mal. (O CÉU E O INFERNO, Allan Kardec, Capítulo VII – Código Penal da Vida Futura)

4 viveram e que, possivelmente, (Dr. Hans, in Saúde em Plenitude,
“Às vezes, as pessoas não se dão conta de que reencarnam para aprender a superar comportamentos equivocados, de outras épocas, de outros papéis que já viveram e que, possivelmente, deixaram viciação que precisa ser superada.” (Dr. Hans, in Saúde em Plenitude, página 100)

5 Erro – compromisso negativo, amarra ao passado.
Ao erro cometido, impõe-se sempre a necessidade de reparação.

6 Quem conhece Jesus não se pode permitir o desculpismo constante, irresponsável, que domina um sem número de pessoas.

7 Por toda parte se apresentam os que mentem e traem, enganam e dilapidam, usurpam e negligenciam, exploram e envilecem, (...) constituindo o perfeito clã dos iludidos em si mesmos.

8 Sem embargo, o mal que fazem ao próximo prejudica-os, porquanto não se furtarão a fazer a paz com a consciência, agora ou depois.

9 (...) todo homem, à exceção dos que transitam nas faixas primitivas da evolução ou os que padecem distúrbios psíquicos, tem a noção exata do que lhe constitui bem e mal, do que lhe compete ou não, realizar.

10 (Filho de Zebedeu e irmão de João)
“Não erreis, não vos enganeis, meus amados irmãos.” (Tiago, 1:16) (Filho de Zebedeu e irmão de João)

11 Refere-se, porém, especificamente o Apóstolo austero do Cristo, aos erros que o homem pratica em relação à concupiscência e à desconsideração para com o santuário das funções genésicas. CONCUPISCÊNCIA: cobiça de bens materiais; desejo de prazeres sensuais, libidinoso)

12 O espírito é sempre livre para escolher a melhor forma de evolução
O espírito é sempre livre para escolher a melhor forma de evolução. Não fugirá, porém, aos escolhos ou aos alcatifados que lhe apraz colocar pela senda em que jornadeia.

13 A advertência merece meditada nos dias em que, diminuindo as expressões de fidelidade e renúncia, se elaboram fórmulas apressadas para as justificativas e as conivências com a falência dos valores morais, que engoda os menos avisados.

14 Desculpa os caídos e ajuda-os, mas luta por manter-te de pé.

15 Assim, policia-te, não caindo nem fazendo outrem cair.

16 Pensamento otimista e sadio, palavra esclarecedora,
sem a pimenta da malícia ou da censura, e atitudes bem definidas no compromisso superior aceito, ser-te-ão abençoadas forças mentais e escoras morais impedindo-te que erres ou que caias.

17 Joanna de Ângelis


Carregar ppt "ERRO E QUEDA (Joanna de Ângelis, in LEIS MORAIS DA VIDA – Da Lei de Liberdade, subtema 52)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google