A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Apresentação de Estágio Supervisionado Aluno: Francisco Eduardo R. de Araújo Empresa: Eletrobras - Cepel.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Apresentação de Estágio Supervisionado Aluno: Francisco Eduardo R. de Araújo Empresa: Eletrobras - Cepel."— Transcrição da apresentação:

1

2 Apresentação de Estágio Supervisionado Aluno: Francisco Eduardo R. de Araújo Empresa: Eletrobras - Cepel

3 Eletrobras Maior companhia do setor de energia elétrica da América Latina A Eletrobras é uma empresa de capital aberto, controlada pelo governo brasileiro, que atua nas áreas de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica. Com foco em rentabilidade, competitividade, integração e sustentabilidade, a companhia lidera um sistema composto de 12 subsidiárias, uma empresa de participações (Eletrobras Eletropar), um centro de pesquisas (Eletrobras Cepel) e metade do capital de Itaipu Binacional.

4 Eletrobras Eletrobras (1).WMV Eletrobras (2).WMV Nova Eletrobras.wmv Construção Rio Madeira.wmv

5 Estrutura Eletrobras Eletrobras Participações Centro de Pesquisas Distribuição Geração e Transmissão Binacional

6 Estrutura Eletrobras Centro de Pesquisas

7 Organograma - Cepel

8

9 Alta Tensão Corona Poluição Impulso de Corrente Medição em Alta Tensão Calibração em Baixa Tensão Alta Corrente Alta e Média Potência Acionamento e Segurança Ultra-alta Tensão – Longas Distancias

10 LABORATÓRIO DE ACIONAMENTO E SEGURANÇA EM EQUIPAMENTOS ELETRO- ELETRÔNICOS - AP 4 Realiza ensaios para certificação de conformidade de equipamentos eletroeletrônicos para utilização em locais com a presença de atmosferas explosivas. Também participa do Programa Brasileiro de Etiquetagem, coordenado pelo INMETRO e pelo PROCEL. O laboratório é capacitado para ensaios de segurança intrínseca, invólucros à prova de explosão, acionamentos e segurança aumentada e qualquer outro tipo de proteção para atmosferas explosivas.

11 LABORATÓRIO DE ACIONAMENTO E SEGURANÇA EM EQUIPAMENTOS ELETRO- ELETRÔNICOS - AP 4 Exemplos de Ensaios realizados cepel (8).avi cepel (9).avi cepel (10).avi

12 LABORATÓRIO DE ALTA CORRENTE - AP 1 O laboratório atua na melhoria da qualidade, no desempenho e na segurança de equipamentos elétricos de alta, média e baixa tensão, em especial, na verificação da suportabilidade às correntes elevadas.

13 LABORATÓRIO DE ALTA TENSÃO - AT1 O laboratório de Alta Tensão destina-se à realização de ensaios dielétricos de aceitação, pesquisa e desenvolvimento em equipamentos e componentes para sistemas de transmissão de até 765kV, sistema de tensão sob freqüência industrial, de tensão disruptiva, de impulso atmosférico e de manobra O laboratório interno pode operar subdividido em duas áreas, permitindo a execução simultânea de dois ensaios. Possui duas salas de controle de onde se pode monitorar cada uma das áreas separadamente, ou em conjunto.

14 LABORATÓRIO DE ALTA TENSÃO - AT1 Esse sou eu

15 LABORATÓRIO DE ALTA TENSÃO - AT1

16

17

18

19

20

21 LABORATÓRIO DE ALTA E MÉDIA POTÊNCIA - AP 2 O laboratório está capacitado para realizar ensaios onde são necessárias potências elevadas de curto- circuito, como no caso de acessórios para linhas de transmissão e transformadores. Realiza ensaios de interrupção e manobra em equipamentos de distribuição e de arco de potência em cadeias de isoladores e em cubículos de média tensão, entre outros.

22 LABORATÓRIO DE ALTA E MÉDIA POTÊNCIA - AP 2 Exemplos de Ensaios realizados cepel (3).mpg cepel (4).mpg cepel.wmv cepel (7).avi cepel (6).avi

23 LABORATÓRIO DE ENSAIOS CORONA - AT 2 Os laboratórios de Ensaios Corona destinam-se à realização de ensaios para avaliação de sistemas isolantes e medições voltadas para avaliação dos efeitos de campos eletromagnéticos gerados pelos sistemas elétricos. A Sala Corona permite a realização de ensaios dielétricos de aceitação, pesquisa e desenvolvimento relacionados aos efeitos de campos elétricos em equipamentos de tensão até 350kV. A Gaiola Corona é utilizada para estudos do fenômeno corona em feixes de condutores de linhas de transmissão, permitindo ensaios com tensão até 600kV

24 LABORATÓRIO DE CALIBRAÇÃO - CA 1 O Laboratório de Calibração do Cepel é credenciado pelo INMETRO e pertence a RBC - Rede Brasileira de Calibração - desde 29/05/1987. Os serviços de calibração são estabelecidos por contratos com o INMETRO e abrangem as grandezas de tensão, corrente, resistência, capacitância, tempo e frequência.

25 Laboratorio de Ultra-Alta Tensão – Long Dist tem por objetivo dar apoio às pesquisas que estão sendo realizadas, em parceria com as empresas do Grupo Eletrobrás, para aprimoramento de tecnologias para transmissão de grandes blocos de energia elétrica a longas distâncias, tanto em corrente contínua como alternada. Neste último caso explorando o conceito de Linha de Potência Natural Elevada (LPNE). Já foi contratada a compra de dois novos geradores de impulso de 6,4 MV e de 2,0 MV e será adquirida, em breve, uma cascata com três transformadores para testes até 2,25MV. Gaiola de Testes Corona e de um retificador de ± 0,8MV para ensaios em corrente contínua. serão realizados ensaios de isolamento fase-fase e entre fase e partes aterradas, manutenção de linha viva, corona e tensão de radiointerferência, em configurações até kV em corrente alternada e ± 800 kV em corrente contínua.

26 LABORATÓRIO DE ENSAIOS SOB POLUIÇÃO - AT 3 Realiza ensaios dielétricos de aceitação, pesquisa e desenvolvimento em isolamentos externos de equipamentos e acessórios empregados em sistemas de transmissão de até 765kV. Este laboratório possui sistema de geração de névoa salina e de névoa limpa, sistema automatizado para ensaio de envelhecimento acelerado e sistema de aquisição de dados para monitoração de corrente de fuga e tensão de ensaio.

27 Medição em Alta Tensão Realiza calibração acreditada e não acreditada de Sistemas de Medição de Referência em Alta Tensão - SMR e de sistemas de medição utilizados em laboratórios industriais de ensaios em alta tensão. Também é utilizado para comparação interlaboratorial de SMR, nacional e internacional, pesquisa e desenvolvimento na área de medição em alta tensão. O Laboratório possui salas de controle, de calibração e medição em baixa tensão e é utilizado também para pesquisas sobre medição em alta tensão.

28 Laboratórios de Calibração em alta tensão no mundo PARTICIPANTESPAÍS 1Helsinki Unirversity of TechunologyHUTFinlândia 2Physikalisch Technische BundesanstaltPTBAlemanha 3Laboratorie Central des Industries ElectriquesBNM-LNEFrança 4Laboratorio Central Oficial de EletrotecniaLCOEEspanha 5Centro Elettrotecnico Sperimentale ItalianoCESIItália 6KEMA High-Voltage LaboratoryKEMAHolanda 7University of Padova 8National Institute of Standards and TechnologyNISTEUA 9Institut de Recherche dHydro-QuebécIREQCanada 10Ontario Power TechnolologiesOPTCanada 11The Russian Intitute for Metrological ServiceVNIMSRússia 12National Measurement LaboratoryCSIROAustrália 13National University of TucumanUniTucArgentina 14Institute of Technology for DevelopmentLACTECBrasil 15Nippon Institute of TechnologyNITJapão 16Central Power Research InstituteCPRIÍndia 17Swedish National Testing and Research InstituteSPSuécia 18Swiss Federal Institute of TechnologyETHSwitzerland 19Electrotechnical InstitutIELPolônia 20Korea Electrotechnology Research InstituteKERIKorea 21Graz University of TechnologyUniGrazAustria 22R & D Institute ICMETICMETRomênia 23Wuhan High Voltage Research InstituteWHVRIChina 24Hpotronics IncHipotronEUA 25Xian High Voltage Apparatus Research InstituteXIHARIChina 26Centro de Pesquisas de Energia ElétricaCEPELBrasil TABELA I – Laborat ó rios que participaram da intercompara ç ão para IAP:

29 Planejamento para Acreditações no Brasil LAB.SMR PARAFAIXAS DE TENSÃO CEPEL Tensão CC1 a 400 kV Tensão CA1 a 250 kV Imp. Atm. Pleno e Cortado50 a 500 kV Impulso de Manobra100 a 500 kV Impulso de Corrente100 A a 120 kA LAC (COPEL/ UFPr) Tensão CC400 kV Tensão CA130 kV e 500 kV Imp. Atm. Pleno e Cortado500 kV Impulso de Manobra500 kV Impulso de Corrente- IEE/USP Tensão CC240 kV Tensão CA240 kV Imp. Atm. Pleno e Cortado200 a 500 kV Impulso de Manobra 500 kV Impulso de Corrente- INMETROTensão CA200 kV TABELA II - Previsão dos laborat ó rios a serem credenciados

30 Sistemas de Medição Um Sistema de Medição é composto: 1 - Um dispositivo de conversão (divisor de tensão, resistor de derivação shunt, etc.) com os condutores requeridos para conectar este dispositivo ao objeto sob ensaio ou ao circuito de corrente e as conexões de terra; 2 - Um sistema de transmissão (cabo coaxial, via de fibra ótica) conectando os terminais de saída do dispositivo de conversão aos instrumentos indicadores ou de registro de sinais com seus circuitos e impedâncias de atenuação, terminação ou adaptação; 3 - Instrumentos indicadores ou de registro (osciloscópios, digitalizadores, voltímetros, etc.) junto com quaisquer conexões para a fonte de alimentação.

31 Sistemas de Medição

32 Sistemas de Medição - Dispositivo de Conversão

33 Calibração em Alta tensão com frequência industrial – 60 Hz

34

35 Calibração de Impulsos Forma de onda padrão para Impulso Atmosférico Pleno - 1,2 / 50 µs

36 Calibração de Impulsos Forma de onda padrão para Impulso de Manobra – 250 / 2500 µs

37 Calibração de Impulsos Gerador de impulsos Re > RdVs > Vm

38 Calibração de Impulsos Gerador de impulsos Re > RdVs > Vm <

39 Calibração de Impulsos

40 Gerador com um estágioGerador com três estágios

41 Calibração de Impulsos Gerador com 10 estágios

42 Gerador do Laboratório de Alta tensão – AT1 Gerador com 20 estágios Esse sou eu

43 Sistema de Medição para calibração em Impulso Atmosférico

44 FIM


Carregar ppt "Apresentação de Estágio Supervisionado Aluno: Francisco Eduardo R. de Araújo Empresa: Eletrobras - Cepel."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google