A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Embora goste bastante de futebol, o torcedor amazonense não prestigia os jogos locais. A primeira causa para esse crescente desinteresse é a falta de incentivo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Embora goste bastante de futebol, o torcedor amazonense não prestigia os jogos locais. A primeira causa para esse crescente desinteresse é a falta de incentivo."— Transcrição da apresentação:

1 Embora goste bastante de futebol, o torcedor amazonense não prestigia os jogos locais. A primeira causa para esse crescente desinteresse é a falta de incentivo por parte do governo e da mídia local, que dão mais ênfase ao futebol do sul e do sudeste, deixando o daqui sem muito atrativo. A segunda é a ausência de jogadores de expressão e de grandes ídolos no futebol amazonense, o que faz com que o torcedor deixe de comparecer aos estádios e prefira assistir aos jogos de fora pela televisão. A terceira causa para esse desprestígio é a falta de uma estrutura profissional local mais eficaz dentro dos clubes, que não dão aos seus técnicos e atletas condições favoráveis para desempenharem um futebol de melhor qualidade. Por tais razões, o futebol, tão apreciado pelo torcedor manauara, não se torna expressivo no âmbito local. (Edilson de S. Soares, aluno do 1º período de Letras da UFAM, 1999)

2 O Universo parece conspirar contra o secretário de Segurança Pública, Júlio Pinheiro. Desde que retornou ao cargo, de onde esteve afastado por questões de saúde, o crime tem assustado a cidade. Primeiro foi o assassinato da menina Dayanne, de apenas 10 anos, mês passado, que até hoje não se sabe quem é o assassino. Depois foi a vez da agente de viagem Léia, grávida de dois meses, ser morta a tiros em assalto à agência em que trabalhava. Em seguida foi a morte da menina Francimara, de apenas 6 anos, que também ninguém sabe quem matou e violentou. Na sequência foi a morte do pedreiro Adriano, o Quarentinha, que a família acusa ter sido morto dentro de uma viatura da Polícia Civil. Depois, ainda, foram as mortes de dois suspeitos de assalto durante a colisão do carro em que eles estavam, com um ônibus, durante perseguição policial. Detalhe: nunca se soube onde seria o assalto que a polícia afirma que eles fariam. Agora foi o assalto a uma joalheria, em pleno centro da cidade, estimado em R$ 1 milhão. Isso é que é um agosto precoce. (Diário do Amazonas, Manaus, , p.6. Adaptação)

3 Diversos foram os benefícios políticos decorrentes da recente greve na Universidade Federal do Amazonas. Em primeiro lugar, temos que registrar o inédito envolvimento da sociedade amazonense, que de forma direta e indireta conviveu com os problemas enfrentados pela instituição. Em seguida, devemos dar destaque à ativa participação da mídia, que, sem restrições ou pruridos, colocou em evidência, para a sociedade, as mazelas e os méritos do ensino superior gratuito. Finalmente, não podemos deixar de citar os ganhos salariais, que, embora reduzidos, foram resultantes da pressão exercida pelo movimento dos docentes. Em síntese, tais conquistas nos convencem de que algo de novo está para acontecer. (O. S.)

4 O discurso pedagógico não pode ser analisado sem que se levem em conta dois fatores: a escola e o livro didático. No primeiro caso, pelo seu papel como aparelho ideológico do Estado, pela sua função dissimuladora e pelo fato de atuar como a sede desse discurso. No segundo, por ser o instrumento através do qual se materializa e se institucionaliza esse mesmo discurso. Contextualizado à luz de tais elementos, o discurso pedagógico permite uma análise que pode demonstrar, com certa clareza, a presença do edifício ideológico, que é a sua marca predominante. (Odenildo Sena. Caderno de Humanidades e Ciências Sociais, V.1, n.1. EDUA, 1988)

5 O atual e crescente interesse pelo canto gregoriano é notável e compreensível. Notável porque se dá em uma época em que tudo o que está na moda tem de ser barulhento e acelerado. Compreensível porque nenhuma outra música proporciona uma sensação de tranquilidade e paz interior tão profunda. Os cantos tranquilizadores conquistaram o mundo em busca de uma nova espiritualidade (Encarte do CD Vozes da tranquilidade, Readers Digest Música)

6 As ex-primeiras-damas Evita Perón e Imelda Marcos são fortes candidatas ao posto de primeira dama do século. Maior heroína da Argentina, Evita Perón, mulher de Juan Perón, tinha uma coleção de 1200 vestidos, 600 casacos de pele e 900 pares de sapatos. Para transportar suas roupas, chegou a usar 130 malas numa única viagem. Casada com o ditador filipino Ferdinand Marcos, Imelda não fez por menos. Seu guarda-roupa continha 3000 pares de sapatos, 200 cintas-ligas, 1000 meias-calças e 500 sutiãs pretos, inclusive, um deles é à prova de balas. As outras concorrentes que se cuidem. (Adaptação. Revista Veja, , p.242)

7 O poder das novelas globais é tão grande, que chega a mudar e moldar o comportamento de muitos telespectadores. Se pararmos para observar, veremos todos os personagens ganhando vida na realidade, com todas as suas manias, vícios, linguagem e modo de se vestir. As pessoas absorvem tudo para si próprias e não se dão conta de que estão sendo moldadas e manipuladas. Dessa forma, a poderosa Rede Globo transforma seus telespectadores em verdadeiras marionetes (Tatiana dos R Fortaleza, aluna do 1º período de Letras na UFAM, 1999)

8 Um presidente impopular cria dois tipos de ministros. Um faz o tipo compadecido é tão prestativo quanto inócuo. Outro faz o gênero eu-saio-inteiro, ele cata e guarda as migalhas do poder esfarelado, supondo que poderá vir a juntá-las, mas terminado o governo, descobre que juntou pão dormido. As duas espécies já podem ser vistas nas cerimônias de Brasília. (Elio Gaspari, Folha de S. Paulo, , p.9)

9 Contrariando as expectativas do povo brasileiro, o Programa de Privatização do governo FHC não melhorou os serviços prestados por antigas empresas estatais, prova disso é a situação da Telemar, em Manaus. A empresa oferece péssimos serviços à comunidade. Problemas constantes nas linhas telefônicas, contas com valor absurdo (sem a discriminação do serviço prestado) e a demora no conserto em domicílio denunciam essa situação. Esses fatos mostram que o programa não melhorou os serviços prestados à comunidade, apenas os tornou mais caros. (Eliana G. Martins, aluna de Letras da UFAM, 1999)

10 Mais do que qualquer livro sobre imprensa lançado no Brasil, Notícias do Planalto, de Mário Sergio Conti, é revelador. Primeiro, por contar histórias, de maneira fluente, com um estilo vapt- vupt, sem adjetivações e/ou redundâncias. Segundo, porque quase todas as histórias envolvem pessoas que estão atuando na mídia, e fala de episódios ainda recentíssimos em termos históricos. O livro de Conti provocou, assim, reações variadas, surpreendentes, e até violentas. (Tão Gomes Pinto, Imprensa, n.145, fevereiro de 2000, p.4)

11 Algumas pessoas alegam duas razões principais para não gostarem de política. A primeira é que política é chata e complicada. A segunda é que todos os políticos são iguais, isto é, corruptos. São por tais motivos que uma parcela da população continua escolhendo mal seus representantes. (Aline Alves de Souza, aluna do 1º período do Curso de Letras da UFAM, 2000)

12 Gostar de política não é uma opção, mas uma necessidade. Primeiro, porque o cidadão precisa de um conhecimento político para escolher seu candidato. Depois, porque a política está presente na escola, no trabalho, enfim, na vida. Logo, torna-se fundamental o gosto por ela, pois é ela que rege a nossa existência. (Sidomar F. Vieira, aluno do 1º período do Curso de Letras, 2000)

13 Quando a sua empresa disca 23, você sempre sai ganhando. Além de cobertura nacional e internacional, a Intelig tem a melhor tabela de preços do horário em que a sua empresa mais usa o telefone: o horário comercial. Os interurbanos nacionais de qualquer capital para qualquer capital do Brasil, por exemplo, são de 6% a 18% mais baratos neste horário – de segunda a sexta, das 9h às 12h e das 14h às 18h. Ligue para a Central de Atendimento da Intelig ( ) e veja como melhorar ainda mais a telefonia da sua empresa. (Informe publicitário publicado na revista Isto é, )

14 Ela continua impossível. A modelo britânica Naomi Campbel, famosa por armar barracos, está proibida de entrar numa conhecida loja de roupas londrina. O jornal The Independent registrou que, ao não ser reconhecida como uma cliente vip, ela armou um escândalo monumental no meio das araras de blazes. Foi um tal de pedir desculpas para lá e para cá. Nada, porém, acalmou a bela fera. Os proprietários cansaram da confusão e apagaram de vez o nome de Naomi da lista de celebridades. (Revista ISTOÉ, , p.65)

15 Há no mínimo três Nelsons, segundo a classificação dada aos textos por Sábato Magaldi: o das peças psicológicas, que se ocupam do inconsciente das personagens, o das peças míticas, que mergulham nas sombras do inconsciente coletivo, e o das tragédias cariocas, com as quais o dramaturgo enjeitado, mas jornalista muito lido, volta à realidade cotidiana, nela redescobrindo as aventuras perenes de amor e morte. Há, na verdade, vários Nelsons, como os diretores, entre eles Antunes Filho, têm sabido enxergar. (Fernando Marques. Revista Cult, dezembro/2000, p. 49)


Carregar ppt "Embora goste bastante de futebol, o torcedor amazonense não prestigia os jogos locais. A primeira causa para esse crescente desinteresse é a falta de incentivo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google