A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

INFLAMAÇÃO E REPARAÇÃO TECIDUAL

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "INFLAMAÇÃO E REPARAÇÃO TECIDUAL"— Transcrição da apresentação:

1 INFLAMAÇÃO E REPARAÇÃO TECIDUAL
RENATTA PONTES

2 CONCEITO Inflamação ou flogose (da latim inflamare e do grego phagos, que significam pegar fogo): é uma reação dos tecidos vascularizados a um agente agressor caracterizada pela saída de líquidos e de células do sangue para o interstício. “é uma resposta vascular a injúria”

3 Causas Infecção Trauma
Injúria física (extremos de temperatura ou radiação ionizante)

4 Causas Injúria química (tatuagem) Injúria imunológica ( defesa)
Tecido morto (alterações infamatórias ocorrem no tecido viável adjacente a áreas necróticas)

5 Resposta a Agressão /Lesão Celular
Eliminação da causa inicial da lesão celular Células e tecidos necróticos Diluição, destruição, neutralização

6 Resposta a Agressão /Lesão Celular
Tecido vascularizado Saída de líquidos e células para interstício Componente vascular Componente celular Associação reparo/ cicatrização

7 SINAIS CARDINAIS RUBOR (vermelho devido a dilatação dos vasos).
DOR (devido ao aumento da pressão exercido pelo acúmulo de fluído intersticial e devido mediadores químicos como a bradicinina).

8 SINAIS CARDINAIS CALOR (devido ao aumento do fluxo sanguíneo)
TUMOR (devido ao acúmulo extravascular de fluído) PERDA DA FUNÇÃO

9

10 Etapas da Inflamação Reconhecimento do agente invasor/lesivo
Recrutamento dos leucócitos Remoção do agente invasor/lesivo Regulação (controle) da resposta Resolução (mecanismos de reparo)

11 Padrões de Inflamação Aguda: Curta duração (min.ou dias)
Extravasamento de fluidos e proteínas Acúmulo de Neutrófilos Crônica: Dias ou anos Acúmulo de linfócitos e macrófagos Proliferação vascular Cicatrização

12 Edema Here is simple edema, or fluid collection within tissues. This is "pitting" edema because, on physical examination, you can press your finger into the skin and soft tissue and leave a depression.

13 Queimaduras This example of a fluid collection, a friction blister of the skin, is an almost trivial example of edema.

14 INFLAMAÇÃO AGUDA Alterações no calibre vascular:
Aumento da permeabilidade vascular: Contração endotelial (formando lacunas intercelulares) Retração juncional Agressão endotelial direta (com necrose e descolamento endoteliais) Agressão endotelial mediada por leucócitos Extravasamento a partir de capilares em regeneração.

15 Causas da Inflamação Aguda
Infecção e toxina bacteriana Trauma (contuso ou penetrante) Agentes físicos e químicos Necrose tecidual Corpos estranhos (farpas, poeiras, suturas) Reações imunológicas

16 Componentes: Vascular: Vasodilatação permeabilidade endotelial
Celular: Extravasamento de neutrófilos (recrutamento) Concentração no local da injúria (ativação)

17 Diapedese leucocitária e fagocitose
INFLAMAÇÃO AGUDA Eventos celulares: Diapedese leucocitária e fagocitose Marginação leucocitária Rolagem Adesão Diapedese leucocitária Quimiotaxia Ativação leucocitária

18

19 Inflamação aguda: eventos vasculares

20 Edema de Glote

21 Emigração de Leucócitos

22 Marginação de Leucócitos

23 Pulmão Normal / Pneumonia

24 Infiltrado leucocitário

25 Regulação da Adesão Leucocitária

26

27 Ativação Leucocitária
Liberação de Mediadores químicos: Metabólitos de ácido aracdônico Atividade bactericida: Degranulação “Queima” oxidativa (oxidative burst) Amplificação da inflamação Citocinas Adesão leucocitária

28 Inflamação: causa de lesão tecidual
Reações: Excessivamente intensas Quadro inicial muito severo Excessivamente prolongadas Dificuldade para erradicação do agente causal Inapropriadas Provocada por componentes normais do organismo

29 Mediadores Químicos da Inflamação
Produzidos em células: Estoque em grânulos: histamina, serotonina Sintetizados durante a reação inflamatória: prostaglandinas, leucotrienos, PAF, espécies reativas de oxigênio, NO2, citcinas, neurpeptídeos Derivado de proteínas plasmáticas: Sistema complemento Sistema cininas Sistema de coagulação/fibrinólise

30 Desfechos da Inflamação

31 Resolução da Inflamação

32 Inflamação Supurativa

33 Pulmão Inflamado

34 Parede Abdominal com Processo Inflamatório

35 INFLAMAÇÃO AGUDA Fagocitose Reconhecimento e acoplamento da partícula
Englobamento Destruição ou degradação

36 Inflamação nas Amídalas

37 Queimaduras x Inflamação

38 MEDIADORES QUÍMICOS DA INFLAMAÇÃO

39 MEDIADORES QUÍMICOS DA INFLAMAÇÃO
Aminas Vasoativas Histamina Serotonina Sistema proteolítico de contato O plasma contém sistemas proteolíticos que, uma vez ativados, reagem em cascata e produzem efeitos específicos ou geram peptídeos com atividades biológicas importantes na regulação da homeostase, especialmente na microcirculação e sobre as células fagocitátiras. Proteases Plasmáticas SISTEMA COMPLEMENTO

40 INFLAMAÇÃO CRÔNICA CARACTERÍSTICAS DA INFLAMAÇÃO CRÔNICA:
Infiltração por monomorfonucleares (linfócitos, macrófagos e plasmócitos) Destruição tecidual Reparação mediante substituição por tecido conjuntivo (angiogênese e fibrose) INFILTRAÇÃO MONOMORFONUCLEAR

41 INFLAMAÇÃO CRÔNICA Angiogênese Migração e proliferação fibroblástica
REPARAÇÃO POR TECIDO CONJUNTIVO (FIBROSE): Angiogênese Migração e proliferação fibroblástica Deposição de matriz extra-celular Maturação e organização do tecido fibroso (remodelamento)


Carregar ppt "INFLAMAÇÃO E REPARAÇÃO TECIDUAL"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google