A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Garantindo Direitos Básicos, Mobilizando as comunidades e

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Garantindo Direitos Básicos, Mobilizando as comunidades e"— Transcrição da apresentação:

1 Empreendendo para o Bem Viver do Povo Baniwa na Terra Indígena do Alto Rio Negro
Garantindo Direitos Básicos, Mobilizando as comunidades e Identificando oportunidades

2 Demarcação das terras 1997/98 Pesquisa por comunidade
10,6 milhões de hectares demarcados Pesquisa por comunidade

3 Projetos-piloto Escola Saúde Alternativas econômicas

4 Projetos piloto: PFNMs
ARTE BANIWA - Cestaria de arumã; - Pimenta;

5

6 Oficina de Mestres -1999

7 Pesquisa nas comunidades
Formação de uma coleção de objetos de arte indígena Criação de uma base de informações sobre a produção e comercialização Identificação de especialistas e centros de produção atuais Documentação fotográfica e etnográfica do processo de produção Levantamento, por comunidade, da disponibilidade de matérias-primas e do perfil da produção

8 O papel da OIBI Mobilização e comunicação permanente com os produtores
Controle de qualidade Captação, transporte e gerenciamento da produção Controle financeiro e contábil

9

10 Definindo os produtos

11 Cestaria Baniwa de Arumã
Desenho milenar em objetos de uso cotidiano Habilidade socialmente disseminada Valorização cultural e ambiental

12 Valorizando as experiências anteriores de comercialização
Grande distância dos centros consumidores Mais de cem anos de experiência em condições aviltantes missão católica Regatões preços baixos e desvalorização da tradição cultural indígena

13 Valorizando o conhecimento e padrão de qualidade dos mestres

14 Inventário das sílabas gráficas

15 Definição participativa
Tamanho Linha de produtos Tabela de preços Embalagens Indicadores de qualidade Cronograma de produção e distribuição

16 Preço Critérios subjetivos Critérios objetivos
revitalização cultural com o desenvolvimento de alternativa econômica sustentável Critérios objetivos custos de administração, transporte e comercialização Gerar renda e beneficiar a população baniwa

17 Para contar a história

18 Organizar o auto-Conhecimento Registrar com qualidade Editar de forma participativa
Oficinas Interativas reunindo: Professores Lideranças Mestres Técnicos da equipe do ISA Outros profissionais convidados

19 Criação de produtos gráficos
Livro de bolso Videoclipe Revista eletrônica Etiqueta com logomarca Pôster

20 Lançamento e Mídia Evento de lançamento em São Paulo Matérias na mídia
Participação em eventos

21 segmento de acessórios para floriculturas decoração
Pré-testes de mercado segmento de acessórios para floriculturas decoração

22 Plano de negócios

23 Condições para organizar a produção e comercialização com auto-gestão

24 Investimentos Transporte Comunicação levantando poste
Barcos e motores Comunicação levantando poste Rede de radiofonia Capacitação da OIBI para gestão Entreposto comercial

25

26

27 Impactos Econômicos Renda Economia Regional Culturais/Sociais
Resgate/valorização da tradição cultural Identidade cultural e auto-estima Organização social Ambientais Sustentabilidade das espécies vegetais usadas

28 Prêmios e casos de sucesso
Prêmio Empreendedor Social - Ashoka/Mckinsey 2001 Menção Honrosa em Idéia Inovadora em Mobilização de Recursos Premiação Gestão Pública e Cidadania -FGV; BNDES; Fundação Ford 2001 Destaque e finalista Prêmio Banco Mundial de Cidadania 2002 Finalista Premio Chico Mendes/MMA 2002 - Negócio Sustentável Fórum de discussão: Desenvolvimento Socioeconômico Local – Relações Solidárias na Pequena Produção – FGV 2002 Experiência de sucesso

29 Encontro Internacional do PV
Pimenta Baniwa 01/05/2008 Encontro Internacional do PV - São Paulo/SP 2008 Experiência Sustentável dos Povos Indígenas do Rio Negro

30

31 Estamos reformulando nosso projeto
MANAKAI para Bem Viver do Povo Baniwa e Coripaco: Explicação do nome: (1) Manakai é tradução cultural da palavra sustentabilidade para Baniwa que diz, “PARA BEM VIVER”, mas o homem precisa fazer acontecer, trabalhar; (2) significa manter vida saudável baseado no conhecimento de interculturalidade, trabalho planejado de usufruto exclusivo das riquezas naturais segundo costumes e tradição; (3) é garantir produção e comercialização sustentável de produtos indígenas da floresta e da biodiversidade; (4) é parte importante da missão de “garantir à geração de hoje e de amanhã o bem viver a partir de todos os elementos e conhecimentos fundamentais associados a recursos naturais sem depredar o meio ambiente”.

32 Objetivo geral Promover ações de produção e comercialização sustentável dos produtos indígenas Baniwa (marca Arte Baniwa) no nicho de mercado com valor ambiental e cultural agregado consolidando direitos territoriais e evitando emissões de gases de efeitos estufa com tecnologias limpas visando o “bem viver” das comunidades fazendo cumprir a função social da Terra Indígena do Alto Rio Negro.

33 Objetivo específico Implantar sistema baniwa de sustentabilidade socioeconomico e cultural no território tradicional do povo Baniwa: - Implantar cinco pequenas centrais de abastecimento tanto para consumo interno com produtos industrializados e atendimento ao mercado consumidor de produtos indígenas; - Lançar em nível nacional novos produto da Marca Arte Baniwa; - Implantar um sistema de logistica estratégica com transporte, energia e comunicação; - Implantar um programa especifico de capacitação permanente e treinamento para produtores e todos envolvidos no projeto; - Criar uma central de gestão na cidade de São Gabriel da Cachoeira;

34 Estratégia de implantação
A implantação do projeto será feita com a construção de cinco (5) centrais de abastecimento na calha do Içana e um (1) central de gestão na sede do município. Serão fundamentais para funcionamento e sucesso do projeto. A gestão politica e executiva sera formada entre proponente, associações aglutinadas e comunidades e produtores através de assembléia geral. Cada pequena central é um subprojeto que possuirá um conjunto de equipe técnica sub-regional de gestão, geração de energia, tecnologia de comunicação, casa de processamento de produtos e armazém com mercadorias para compra de produtos e estoque prontos para serem recolhidos e encaminhados à central de gestão. A central de gestão terá o papel de interlocutor entre produtores através de centrais de abastecimento e mercado consumidor. Serã responsãvel também pelo recebimento de encomendas, assinar contratos e entrega de encomendas aos parceiros comerciais;

35 Estratégia de implantação
Pactuar responsabilidade e compromissos com plano de execução com lideranças das associações, comunidades e produtores do projeto; Manter um programa permanente de Capacitação de equipe técnica indígena de gestão e todos os envolvidos no projeto; Consultores técnicos para projetos específicos de implantação de pequenas centrais de abastecimentos e centro de gestão, armazenagem e distribuição de produtos; Relançamento Nacional da Marca e produtos Arte Baniwa; Estabelecimento de parcerias comerciais; Criar fundos de capital de giro para pequenas centrais de abastecimento; Implantar sistema de logística: transporte, energia e comunicação;

36 MUITO OBRIGADO!!!


Carregar ppt "Garantindo Direitos Básicos, Mobilizando as comunidades e"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google