A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tema: Apartamento acessível Curso Design de Interiores FIAM FAAM Orientadora: Helena Degreas Alunas: Adriana Amato Ana Russo Danielly Ojea.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tema: Apartamento acessível Curso Design de Interiores FIAM FAAM Orientadora: Helena Degreas Alunas: Adriana Amato Ana Russo Danielly Ojea."— Transcrição da apresentação:

1

2 Tema: Apartamento acessível Curso Design de Interiores FIAM FAAM Orientadora: Helena Degreas Alunas: Adriana Amato Ana Russo Danielly Ojea

3 PLANTA ORIGINAL

4 O apartamento foi projetado e decorado para uma Família composta por quatro pessoas: a mãe e esposa, a sra. Rosana, o pai e marido, sr. Mário, o filho do casal, o adolescente de quatorze anos, Lucas, e a avó do sr. Mário, a sra. Helena, que tem oitenta e quatro anos e mora com a família. Rosana é dentista e trabalha meio período, faz ginástica e cuida da casa, gosta de ler livros. Mário é advogado, sofreu um acidente automobilístico e se locomove por meio de cadeira de rodas, faz natação, gosta de ler livros e aprecia vinhos. Lucas é um adolescente que adora ficar em seu quarto vendo televisão, jogando videogame, mas estuda no período da manhã e à tarde faz inglês e futebol. Helena é uma senhora que faz hidroginástica, tem problema nos joelhos, permanece a maior parte do dia em casa, em seu quarto, porque não quer incomodar a família. Visto que é uma família com pessoas bem diferentes, mesmo sendo pequena, pensou-se em espaços que agradacem a todos os membros desta família, mas que também trouxesse uma aproximação familiar, visto que gostam também de receber muitos amigos e familiares. Na varanda, foi criado um espaço para fazer o churrasco, com churrasqueira e mesa para receber os amigos e outros espaços sociais para se apreciar a vista do parque que é próximo, sempre pensando nos espaços de circulação e manobra para a cadeira de rodas. Na sala de jantar, foi colocada uma mesa grande, para dez pessoas, mantendo uma boa circulação no seu entorno.

5 Nas salas de estar e lareira, foram mantidos os espaços de circulação, tanto entre as salas, como para sair ao terraço, procurando colocar alguns estofados sem braço para facilitar a transferência do sr. Mário da cadeira de rodas para o sofá, ocorrendo o mesmo para a sala de televisão, podendo também permanecer na cadeira de rodas, pois sempre há um espaço que pode ser encaixada a cadeira, para que se sinta bem instalado quando dos momentos em família. O lavabo foi ampliado para que uma pessoa cadeirante pudesse usar esta bannheiro confortavelmente. A cozinha foi aberta para tornar-se mais aconchegante, criando um espaço gourmet, onde poderiam preparar as refeições próximos dos amigos, apreciando vinho, pois a adega fica próxima e bem acessível, com uma boa circulação entre os espaços, para recepcionar várias pessoas. Os aparelhos e armários ficaram acessíveis para que todas as pessoas pudéssem se servir sem necessitar de atendimento de funcionários. A área de serviço ficou também com uma boa circulação, as portas foram ampliadas quanto à sua abertura, facillitando a passagem tanto para este local, como para a parte íntima, isto é, a passagem para os quartos. Quanto à parte íntima, foi a área mais alterada. Como a família é pequena e o apartamento é bem amplo, foram alterados diversos espaços para acomodar bem confortavelmente a todos os moradores. Primeiramente, foi ampliado o banheiro da avó, a sra. Helena, para facilitar o uso sem auxílo de outra pessoa, assim, foram colocadas barras para auxiliarem e serem apoio, ao lado da bacia saniária, do bidê e do chuveiro. No chuveiro, se houver necessidade de se sentar, há um banco auxiliar e à frente do chuveiro há um banco para poder se sentar para se enxugar com mais facilidade. A pia tem uma bancada ampla e apoio para faciltar seu uso, tendo uma banqueta em baixo da bancada, caso haja necessidade de se sentar por alguma indisposição ou para se pentear, com uma campainha para chamar, se necessário.

6 O quarto da sra. Helena, foi um espaço também ampliado, para colocar mais armários e acomodar uma saleta para ela poder ler e assistir à televisão. A circulação foi cuidadosamente planejada para facilitar tanto a locomoção de uma senhora idosa, como a de um cadeirante. O quarto do Lucas também foi ampliado, assim como seu banheiro, pois os banheiros não eram tão grandes, houve junção e foi absorvido um dos banheiros para agradar ao adolescente e facilitar a avó. O quarto do adolescente foi ampliado para que ele tivesse seu próprio espaço, com um grande quarto com closet, onde pudesse levar seus amigos para jogar videogame, ver televisão, assim como um bom espaço de estudos. Num dos quartos foi feito o escritório para que o casal possa trabalhar sossegado, também sendo um local para ver televisão ou mesmo de leitura, com uma estante repleta de livros, com uma boa circulação, porta ampla, assim como os demais cômodos da parte íntima. Foi eliminado o banheiro que havia no escritório, para poder ampliar os demais banheiros. No quarto do casal, colocou-se uma cama de casal king, com criados de apoio nas laterais, um rack com televisão e som, mantendo uma circulação ampla para passagem e manobra da cadeira de rodas. No canto foi colocada uma chaise longue com iluminação lateral, para poder ser um espaço agradável de leitura. No terraço foi feito um espaço zen, com fontes dágua, para que tanto a esposa, quanto o marido possam apreciar e meditar. Os closets foram criados um para o senhor, outro para a senhora, retirando o segundo banheiro que era pequeno e era para o senhor. No closet da senhora foi feito em todo seu entorno armários, com algumas portas com espelho e ao centro um grande pufe de apoio, mas sempre mantendo a circulação.

7 No closet do senhor foi foram feitos armários no seu entorno, também com algumas portas com espelho, mas ao centro não foi colocado nada para facilitar o acesso a todas as portas dos armários. O feito um único banheiro para o casal, com uma ampla bancada com duas cubas, sendo uma adaptada para facilitar a acessibilidade do cadeirante, uma bacia sanitária, com apoio na lateral e espaço para a colocação da cadeira de rodas, foi ampliado o espaço do chuveiro, comportando uma banheira e dois chuveiros, sendo um com cadeira auxiliar para o banho do cadeirante. Este projeto foi pensado sempre visando à facilidade de locomoção, circulação e manobra de pessoas com dificuldade de locomoção, quer andando sem auxílio de equipamentos, quer andando em cadeira de rodas. Todos ambientes foram decorados com estofados sofisticados, mas sempre pensando em detalhes que facilitem o uso de pessoas com dificuldades de locomoção. Por se tratar de um apartamento grande, foi possível aumentar o tamanho das portas para facilitar a passagem da cadeira de rodas, assim como o tamanho de alguns ambientes, deixando sempre uma boa circulação por todo o imóvel. Curso de Design de Interiores 5° semestre – turma 1 A Profª Helena Degreas Adriana Amato / Anna Russo / Danielly Ojea

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25 CABINE DE BANHO COM SAUNA SHOWER SPA – MODELO H 883 INSTALADA r$ ,00 MODELO H

26

27


Carregar ppt "Tema: Apartamento acessível Curso Design de Interiores FIAM FAAM Orientadora: Helena Degreas Alunas: Adriana Amato Ana Russo Danielly Ojea."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google