A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Era Vargas (1930 – 1945) Governo Provisório ( 1930 – 1934) Vargas 1932 – Revolução Constitucionalista (SP) Demora na criação da nova constituição. 4 jovens.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Era Vargas (1930 – 1945) Governo Provisório ( 1930 – 1934) Vargas 1932 – Revolução Constitucionalista (SP) Demora na criação da nova constituição. 4 jovens."— Transcrição da apresentação:

1

2 Era Vargas (1930 – 1945) Governo Provisório ( 1930 – 1934) Vargas 1932 – Revolução Constitucionalista (SP) Demora na criação da nova constituição. 4 jovens mortos na repressão Martins, Miragaia, Dráuzio, Camargo (MMDC) -Exército – Poder político. -Elite Agrária – Compra de café. -Povo – Leis trabalhistas

3

4 Charge de Getulio chutando um velho que representa as antigas oligarquias Charge ironizando o governo provisório

5 Cartaz convocando jovens paulistas para a revolução de 1932 Paulistas contra Getúlio

6

7 Era Vargas (1930 – 1945) Governo Provisório ( continuação...) 09 de julho – Início do Movimento Separatista. Contra o governo Vargas. Duração: + 3 meses – Constituição: -Voto secreto. -Justiça eleitoral. -Leis trabalhistas ( salário mínimo; FGTS; férias remuneradas; 48 horas jornada de trabalho; etc.) Eleições Indiretas

8

9 Era Vargas (1930 – 1945) Governo Constitucional (1934 – 1937) Contexto mundial: Socialismo Fascismo Partido Nacional Socialista (NAZISMO) AIB Ação Integralista Brasileira: Líder: Plínio Salgado Extrema direita – Deus, pátria, família. Nacionalismo. Contra o comunismo.

10 Era Vargas (1930 – 1945) Governo Constitucional (continuação...) ANL Aliança Nacional Libertadora: Líder: Luís Carlos Prestes. Esquerda. Nacionalismo. Medidas populares – Lei da Segurança Nacional: Vargas poderia atacar qualquer oposição ao governo. 05/07/1935 – Discurso de Prestes – Todo poder a ANL 11/07/1935 – ANL ilegal.

11 Era Vargas (1930 – 1945) Governo Constitucional (continuação...) 23 a 27/11/1935 – Intentona Comunista. Tentativa de Golpe pela ANL. RJ, PE, RN Rápida repressão de Vargas. Prestes e Olga Presos. Propaganda Perigo Vermelho ( x comunismo) 1937 – Plano Cohen 10/11/1937Golpe de Estado

12 Era Vargas (1930 – 1945) Estado Novo (1937 – 1945) Ditadura de Vargas – Constituição Polaca -Supremacia do executivo. -Fim dos partidos políticos. -Pena de morte. -Interventores dos estados. -Fim da liberdade de imprensa. Getúlio Vargas: poderes ampliados pela "Constituição Polaca

13 Era Vargas (1930 – 1945) Estado Novo (continuação...) 11/05/1938 – Intentona Integralista. Governo Autoritarismo: -DA – Departamento Administrativo. -DASP – Departamento Administrativo do Serviço Público. Repressivo: -P.E. – Polícia Especial * Felinto Müller -DIP – Departamento de Imprensa e Propaganda.

14 Era Vargas (1930 – 1945) Estado Novo (continuação...) Economia Nacionalismo Industrialismo 1937 – 1940 Incentivo Estatal Indústrias Estatais: -CVRD (Companhia Vale do Rio Doce ) -CNA (Companhia Nacional de Álcalis) -CSN (Companhia Siderúrgica Nacional ) -CHESF (Companhia Hidrelétrica de São Francisco ) -FNM (Fabrica Nacional de Motores ) BASE

15

16 A juventude no Estado Novo.

17

18 República Populista (1946 – 1964) Contexto Mundial: Guerra Fria (EUA x URSS) Partidos PSD Marechal Dutra UDN Brigadeiro Eduardo Gomes PTB Vargas PCB Yedo Fiuza Dutra

19 República Populista (1946 – 1964) Dutra (1946 – 1951) 1946 Constituição Liberal Republicanismo; federalismo; presidencialismo. Mandato 5 anos Aproximação com os EUA ( PSB ilegal ) Liberalismo econômico (importações) X URSS Plano SALTE Saúde, alimentação, transporte, energia. Fracasso!

20 República Populista (1946 – 1964) Vargas ( ) 2 grupos Nacionalistas Liberais 1951 Petróleo é nosso! 1953 Petrobrás Vargas Nacionalismo Oposição -UDN - EUA - Exército (Guerra da Coréia) - Imprensa Carlos Lacerda (Tribuna da Imprensa)

21 República Populista (1946 – 1964) Vargas (continuação...) Vargas aproximação com o povo 1954 – Ministro do Trabalho João Goulart (Jango) 05 de agosto - atentado a Carlos Lacerda na Rua dos Toneleiros. Morre Rubens Vaz Proposta de aumento do salário mínimo Gregório Fortunato 24/08/1954 suicídio de Getúlio Vargas

22

23

24 República Populista (1946 – 1964) Café Filho (1954 – 1955) 1954 assume o vice de Vargas - Café Filho (UDN) Liberalismo Econômico Ilustração 113 da SUMOC (Superintendência da Moeda e do Crédito) Novas Eleições UDN – Juarez Távora PSD / PTB – JK / Jango Revolta da UDN Problema ministro e general Teixeira Lott. VENCE

25 República Populista (1946 – 1964) Café Filho (continuação...) 01/11/1955 coronel Jurandir de Bizarria Mamede x JK Café Filho Doente! Assume Carlos Luz (UDN). (presidente da Câmara de Deputados) 11/11/1955 Golpe preventivo Assume Nereu Ramos provisoriamente.

26 República Populista (1946 – 1964) Juscelino Kubitschek (1956 – 1961) Lema: 50 anos em 5 Política Desenvolvimentista: Indústria Transporte Energia Saúde Educação Bossa Nova Cinema Novo Crescimento Econômico atrelado ao capital estrangeiro Bens duráveis (automóveis)

27 República Populista (1946 – 1964) Juscelino Kubitschek (continuação...) Consequências: Dívida externa Impostos Custo de vida Desigualdade social 21/04/1960 Brasília nova capital SUDENE Nordeste JK PSD / PTB Apoio ao general Lott Jango UDN Jânio Quadros

28 Juca Chaves Juca Chaves Presidente Bossa Nova Bossa nova mesmo é ser presidente Desta terra descoberta por Cabral Para tanto basta ser tão simplesmente Simpático, risonho, original. Depois desfrutar da maravilha De ser o presidente do Brasil, Voar da Velhacap pra Brasília, Ver a alvorada e voar de volta ao Rio. Voar, voar, voar, voar, Voar, voar pra bem distante, Até Versalhes onde duas mineirinhas valsinhas Dançam como debutante, interessante! Mandar parente a jato pro dentista, Almoçar com tenista campeão, Também poder ser um bom artista exclusivista Tomando com Dilermando umas aulinhas de violão. Isto é viver como se aprova, É ser um presidente bossa nova. Bossa nova, muito nova, Nova mesmo, ultra nova!

29 República Populista (1946 – 1964) Jânio Quadros (1961) Vassoura Política Interna Leis Moralizantes Política Externa Independente Aproximação com a URSS Fidel Castro, Che Guevara Jango (vice presidente) China Contato Comercial 25/08/1961 Renúncia (FORÇAS OCULTAS) Então assume provisoriamente Ranieri Mazzilli

30

31 República Populista (1946 – 1964) João Goulart (1961 – 1964) Leonel Brizola (RS) Rede da Legalidade 1961 – 1963 Parlamentarismo 1963 – Plebiscito – Você é a favor do ato adicional que instituiu o Parlamentarismo? 1963 – 1964 Presidencialismo Plano Trienal Reformas de Base (agrária) Comício na Central do Brasil Revolta da elite (Marcha da família com Deus pela liberdade) Oposição da elite, UDN, classe média Posse de Jango 31/03/1964 – Golpe Militar


Carregar ppt "Era Vargas (1930 – 1945) Governo Provisório ( 1930 – 1934) Vargas 1932 – Revolução Constitucionalista (SP) Demora na criação da nova constituição. 4 jovens."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google