A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IV Seminário de Estudos Fronteiriços UFMS Corumbá 2013

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IV Seminário de Estudos Fronteiriços UFMS Corumbá 2013"— Transcrição da apresentação:

1 IV Seminário de Estudos Fronteiriços UFMS Corumbá 2013
A QUALIDADE DA NOTÍCIA EM UMA RÁDIO DA FRONTEIRA BRASIL-PARAGUAI - ANÁLISE DO PROGRAMA LÍDER NOTÍCIAS, DA RÁDIO LÍDER FM, DE PONTA PORÃ (MS) Apresentação Rodrigo Teixeira IV Seminário de Estudos Fronteiriços UFMS Corumbá 2013

2 Resumo: Este artigo pretende investigar as notícias divulgadas no programa Líder Notícias, transmitido pela Rádio Líder FM, sediado em Ponta Porã, cidade localizada na fronteira de MS com o Paraguai. O objetivo é utilizar os conhecimentos adquiridos no seminário ‘Ferramentas Para a Qualidade Jornalística’, ministrado pelo professor doutor Josenildo Guerra (Universidade Federal de Sergipe), em outubro de 2012 no curso de Mestrado em Comunicação, na UFMS, para criar critérios de qualidade que sirvam de referência para analisar o conteúdo do programa Líder Notícias. Promover a integração entre a população brasileira e paraguaia, assim como informar sobre os acontecimentos principais que atingem as cidades irmãs Ponta Porã, no Brasil, e Pedro Juan Caballero, no Paraguai, faz parte das funções, entendidas pelo autor, de um programa de notícias fronteiriço.

3 América do Sul

4 PONTA PORÃ (MS) 83.747 hab 755 metros 2 universidades 4 faculdades
25.março.1892 324 km de CG hab IBGE cabeças de gado Altitude de 755 metros 2 universidades 4 faculdades PONTA PORÃ (MS)

5 Monumento na entrada de Ponta Porã, com guampa de tereré e cuia de chimarrão

6 A integração PP e PJC envolve aspectos comerciais, sociais, culturais, políticos e geográficos

7 ‘Ponta Porã e Pedro Juan Caballero são hermanas siamesas
‘Ponta Porã e Pedro Juan Caballero são hermanas siamesas. Isto quer dizer que todas as crises e todos os sucessos são sentidos por ambas as comunidades ao mesmo tempo e de forma semelhante. Como hermanas ‘xipófagas’, quando é afetada uma delas, imediatamente sente também a outra. Suas populações vivem em irmandade indissolúvel. Nunca se verificaram atritos nem desgastes graves.’ Athamaril Saldanha, antigo morador e intelectual de Ponta Porã (GOIRIS, 1999)

8 Los limites de las fronteras separan e integran al mismo tiempo.
'Las zonas de frontera serían como barreras flexibles. Jamás una frontera puede ser entendida como un elemento restrictivo y diferenciador. Los limites de las fronteras separan e integran al mismo tiempo. La estabilidad de las comunidades en contacto estarían, pues, condicionadas por fatores culturales, políticos, históricos y demográficos, que redundan en un sentido de humanidad, de civilizacíon y de cooperacíon mutua.’ (SERRA PADRÓS, 1994)

9 PADRÃO Para definir critérios de qualidade é preciso entender o que é, qual é o objetivo e como funciona no dia a dia a construção da notícia. A dificuldade é justamente conseguir padronizar e criar um esquema geral que atenda as demandas particulares de cada veículo jornalístico!

10 GUERRA A notícia… “…é a mais importante fonte de acesso ao direito à informação dos cidadãos” (GENTILLI, 2005) “…permite a formação de uma agenda de temas para o cidadão discutir e formar opinião sobre os mais diversos temas” (GOMES, 2005) “… é importante para gerar impacto público e conseqüências práticas na vida das pessoas” (GUERRA, 2012)

11 NORRIS e ODUGBEMI [...] o papel dos jornalistas pode ser dividido em três esferas: 1) WATCHDOGS: Os meios de comunicação fariam um contrapeso aos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário; 2) AGENDA-SETTERS: Atribuição que destaca os temas importantes na agenda pública e política; 3) GATE-KEEPERS: Fomentar a pluralidade de pontos de vista de diversos assuntos. (p , 2008).

12 GUERRA Objetivo do jornalismo Atender a expectativa da audiência
Esfera privada (dimensão real) Esfera pública (dimensão formal) Desafio Articular as duas dimensões: Formal x Real

13 GUERRA A verdade, relevância e pluralidade são requisitos básicos de qualidade para o jornalismo O resultado geraria dois reflexos: 1) as pessoas usariam os veículos jornalísticos para se expressar nos conflitos que estivessem envolvidas 2) por meio da notícia teria acesso a informações sobre o fato, o que permitiria a esta pessoa ter uma maior capacidade de formar juízo sobre os acontecimentos

14 GUERRA Paradigma da Mediação
O jornalismo cumpriria seu papel “informando, de maneira contextualizada, os cidadãos de tal forma que estes possam participar de modo mais ativo da vida política, fiscalizando e cobrando a promoção de todos os direitos humanos.” (CANELA, 2007, p. 2)

15 GUERRA Não existe um parâmetro adotado por todos para dimensionar o grau de eficiência de cada veículo ou profissional de jornalismo. Organizações jornalísticas avaliarem o conteúdo no quesito qualidade uma das opções é adotar o Programa de Cobertura “Conjunto de diretrizes editoriais e de produção que orientam e moldam a forma de uma organização jornalística perceber os fatos potencialmente de valor jornalístico.” (GUERRA, 2012).

16 RÁDIOS PONTA PORÃ (MS) 2 FM – LíderFM e NovaFM
2 AM – Rádio Ponta Porã (Transamérica) e Super FronteiraAM PEDRO JUAN CABALLERO (PY) 3 FM – AmambayFM, Cerro Corá e FronteiraFM 2 AM – Amambay e MBurucúya.

17 OBJETO PROGRAMA LÍDER NOTÍCIAS Silvio Dias (Locutor)
Rádio Líder FM (104,9) Silvio Dias (Locutor) Segunda a sexta das 11h às 12h Cem (100) notícias 29/10/12 (seg) 30/10/12 (ter) 05/11/12 (seg) 20/11/12 (ter)

18 GUERRA / 5 DIMENSÕES 2 – Notícias por editoria (Equilíbrio)
1 – Foco das notícias (Diversidade) Regional (MS) Local (Ponta Porã) Fronteiriça (PJC e PY) Nacional (Brasil) Internacional (Mundo) 2 – Notícias por editoria (Equilíbrio) Polícia, Política, Saúde, Educação, Economia, Esporte, Agronegócio, Informática, Turismo, Cultura...

19 GUERRA / 5 DIMENSÕES 3 – Informação sobre a
origem da fonte (Credibilidade) Autor da notícia divulgada (Entrevista, assessoria, nota, outro veículo, agência...) 4 – Entrevistados diretos (Imparcialidade) Na notícia divulgada pelo programa, qual o número de fontes e/ou entrevistados, tem os dois lados?

20 GUERRA / 5 DIMENSÕES 5 – Divulgação dos critérios (Transparência)
Política editorial ou normas jornalísticas da empresa divulgadas no site da rádio ou durante o programa

21 TABELA 1 PADRÃO - FOCO

22 TABELA 1 PADRÃO - FOCO Regional e Local (30% cada)
Menos de 30% - Nota 0 Mais de 30% - Nota 1 Na média 30% - Nota 2 Nacional (20%) Menos de 20% - Nota 0 Mais de 20% - Nota 1 Na média 20% - Nota 2 Fronteiriça e Internacional (10% cada) Menos de 10% - Nota 0 Mais de 10% - Nota 1 Na média 10% - Nota 2 Nota 0 a 4 – Nível 1 Nota 5 a 7 – Nível 2 Nota 8 a 10 – Nível 3

23 TABELA 2 PADRÃO - EDITORIA

24 TABELA 2 PADRÃO - EDITORIA

25 El periodista de frontera tiene la noble tarea de acercar a los pueblos que están a ambos lados de la línea fronteriza, de enseñarles a descubrir más lo que nos une que lo que nos separa, um modo de convivencia que les permita emprender labores conjuntas, em todos los campos posibles, y que puedan redundar en una mejor calidad de vida para todos. (PORTUGAL, , p. 101) FIM


Carregar ppt "IV Seminário de Estudos Fronteiriços UFMS Corumbá 2013"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google