A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Grupo 3 Tema: Músicas e Poemas sobre o Trem Nomes: Alisson Maciel Dreher, Lucas Giuliato da Rosa e Vicente Domingues De Cezero Turmas: 701 e 702 Data:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Grupo 3 Tema: Músicas e Poemas sobre o Trem Nomes: Alisson Maciel Dreher, Lucas Giuliato da Rosa e Vicente Domingues De Cezero Turmas: 701 e 702 Data:"— Transcrição da apresentação:

1 Grupo 3 Tema: Músicas e Poemas sobre o Trem Nomes: Alisson Maciel Dreher, Lucas Giuliato da Rosa e Vicente Domingues De Cezero Turmas: 701 e 702 Data: 16 de junho de 2012

2 Músicas: O Trem das Sete - Raul Seixas O Trem das Onze - Adoniram Barbosa Seguindo no Trem Azul - Roupa Nova O Luar - Vando Bento

3

4 O Trem Das 7 Ói, ói o trem, vem, asurgindo de trás das montanhas azuis, olha o trem Ói, ói o trem, vem trazendo de longe as cinzas do velho aeon Ói, já é vem, fumegando pitando, chamando os que sabem do trem Raul Seixas

5 Quem vai chorar, quem vai sorrir ? Quem vai ficar, quem vai partir ? Pois o trem está chegando, tá chegando na estação É o trem das sete horas, é o último do sertão, do sertão

6 Ói, olhe o céu, já não é o mesmo céu que você conheceu, não é mais Vê, ói que céu, é um céu carregado e rajado, suspenso no ar

7 Vê, é o sinal, é o sinal das trombetas, dos anjos e dos guardiões Ói, lá vem Deus, deslizando no céu entre brumas de mil megatons

8 Ói, já é vem, fumegando, apitando, chamando os que sabem do trem Ói, é o trem, não precisa passagem nem mesmo bagagem no trem

9 Ói, olhe o mal, vem de braços e abraços com o bem num romance astral.

10 Raul Santos Seixas (Salvador, 28 de junho de 1945 São Paulo, 21 de agosto de 1989) foi um famoso cantor e compositor brasileiro, frequentemente considerado um dos pioneiros do rock brasileiro. Também foi produtor musical da CBS durante sua estada no Rio de Janeiro, e por vezes é chamado de "Pai do Rock Brasileiro" e "Maluco Beleza".

11

12 Trem das Onze Demônios da Garoa Quais, quais, quais, quais, quais, quais, Quaiscalingudum Quaiscalingudum Quaiscalingudum

13 Moro em Jaçanã Se eu perder esse trem Que sai agora às onze horas Só amanhã de manhã

14 Não posso ficar Nem mais um minuto com você Sinto muito amor Mas não pode ser

15 E além disso mulher Tem outra coisa Minha mãe não dorme Enquanto eu não chegar

16 Sou filho único Tenho minha casa pra olhar Bam zam zam zam zam zam Quaiscalingudum

17 Quaiscalingudum Quaisgudum, tchau! Composição: Adoniran Barbosa

18 João Rubinato, mais conhecido como Adoniran Barbosa, foi umcompositor, cantor, humorista e ator brasileiro. Rubinato representava em programas de rádio diversos personagens, entre os quais, Adoniran Barbosa, o qual acabou por se confundir com seu criador dada a sua popularidade frente aos demais. Filho de Ferdinando e Emma Rubinato, imigrantes italianos da localidade de Cavárzere, província de Veneza.

19 Aos dez anos de idade, sua certidão de nascimento foi adulterada para que o ano de nascimento constasse como 1910 possibilitando que ele trabalhasse de forma legalizada: à época a idade mínima para poder trabalhar era de doze anos. Abandonou a escola cedo, pois não gostava de estudar. Necessitava trabalhar para ajudar a família numerosa - Adoniran tinha sete irmãos. Procurando resolver seus problemas financeiros, os Rubinato viviam mudando de cidade. Moravam primeiro em Valinhos, depois Jundiaí, Santo André e finalmente São Paulo. Em Jundiaí, Adoniran conhece seu primeiro ofício: entregador de marmitas. Aos quatorze anos, já adolescente, andava pelas ruas da cidade e, legitimamente, surrupiando alguns bolinhos pelo caminho.

20

21 Café com pão Café com pão Café com pão Virge Maria que foi isso maquinista? Café com pão Manuel Bandeira

22 Agora sim Café com pão Agora sim Voa, fumaça

23 Corre, cerca Ai seu foguista Bota fogo Na fornalha

24 Que eu preciso Muita força Muita força Muita força

25 Oô... Menina bonita Do vestido verde Me dá tua boca

26

27 Pra matá minha sede Oô... Vou mimbora Vou mimbora

28 Não gosto daqui Nasci no sertão Sou de Ouricuri Oô...

29 Vou depressa Vou correndo Vou na toda Que só levo

30 Pouca gente Pouca gente Pouca gente...

31 Manuel Carneiro de Sousa Bandeira Filho) foi um poeta, crítico literário e de arte, professor de literatura e tradutor brasileiro. Considera-se que Bandeira faça parte da geração de 22 da literatura moderna brasileira, sendo seu poema Os Sapos o abre-alas da Semana de Arte Moderna de Juntamente com escritores como João Cabral de Melo Neto, Paulo Freire, Gilberto Freyre, Nélson Rodrigues, Carlos Pena Filho e Osman Lins, entre outros, representa a produção literária do estado de Pernambuco.

32

33 Maria Fumaça Essa Maria Fumaça É devagar quase parada Oh seu foguista Bota fogo na fogueira Que essa chaleira Tem que tá até sexta-feira Na estação de Pedro Osório Sim senhor!... Kleiton e Kledir

34 Se esse trem não chega a tempo Vou perder meu casamento Atraca, atraca Ligadão nessa lareira Esse fogão é que Acelera essa banheira O padre é louco E bota outro em meu lugar...

35 Esse trem não sai do chão (Capaz!) Urinaram no carvão (Mas que barbaridade!) Entupiram a lotação (Mééééé!) E eu nem sou desse vagão (Mas que tá fazendo aqui?) Mas que baita confusão (Opa! Opa!) Tem crioulo e alemão (Empregado com patrão) Ôpa! Me passaram a mão Ora vá lamber sabão...

36 Tagará, tagará, tagará Tagará, tagará Togoro, togoro Togoro, togoro Tagará, tagará, tagará Tagará, tagará, tagará Togoro, togoro, togoro Se por acaso eu não casar Alguém vai ter Que indenizar...

37 Esse expresso vai a trote Mais parece um pangaré Essa carroça Jaboti com chaminé Eu tenho pena De quem segue prá Bagé Seu cobrador cadê meu troco? Por favor!...

38 E dá-lhe apito e manivela Passa sebo nas canelas Seu maquinista Eu vou tirar meu pai da forca Por que não joga esse museu No ferro velho E compra logo Um trem moderno japonês...

39 No dia alegre do meu noivado Pedi a mão todo emocionado A mãe da moça me garantiu: "É virgem, só que morou no Rio O pai falou: "É carne de primeira Mas se abre a boca Só sai besteira" Eu disse: "Fico com essa guria Só quero mesmo É prá tirar cria"...

40 Esse trem não era o teu O meu esvaziaram o pneu Mas cadê esse guri? Tá na fila do xixi Tem chiclete com tatu (Que nojo!) E foi alguém de Canguçu Me roubaram meu chapéu (Alapucha!) Chama o homem do quartel E deu enjôo na mulher Fez "porquinho" no meu pé...

41 Tagará, tagará, tagará Tagará, tagará Togoro, togoro Togoro, togoro Tagará, tagará Togoro, togoro Togoro, togoro Se por acaso eu não casar Alguém vai ter Que indenizar E é o presidente dessa tal R.F.F.S.A...R.F.F.S.A. R.F.F.S.A...R.F.F.S.A. R.F.F.S.A...R.F.F.S.A.

42 Kleiton & Kledir é uma dupla de músicos brasileira. São irmãos e nasceram em Pelotas, no estado do Rio Grande do Sul. São cantores ecompositores de música popular brasileira. São irmãos do também musico Vitor Ramil. Kleiton e Kledir Alves Ramil começaram a estudar música muito cedo e, nos anos 70, lançaram com mais três amigos a banda Almôndegas. Foram quatro discos, uma infinidade de shows e a mudança para o Rio de Janeiro. Quando o grupo se dissolveu, os irmãos decidiram prosseguir a carreira em dupla.

43

44 Encontros e Despedidas Mande notícias do mundo de lá Diz quem fica Me dê um abraço, venha me apertar Tô chegando Coisa que gosto é poder partir Sem ter planos Melhor ainda é poder voltar Quando quero Maria Rita

45 Todos os dias é um vai-e-vem A vida se repete na estação Tem gente que chega pra ficar Tem gente que vai pra nunca mais Tem gente que vem e quer voltar Tem gente que vai e quer ficar Tem gente que veio só olhar Tem gente a sorrir e a chorar E assim, chegar e partir

46 São só dois lados Da mesma viagem O trem que chega É o mesmo trem da partida A hora do encontro É também de despedida A plataforma dessa estação É a vida desse meu lugar É a vida desse meu lugar É a vida Composição: M. Nascimento E F. Brant

47 Fernando Rocha Brant, conhecido como Fernando Brant é um compositor mineiro. Parceiro de Milton Nascimento, Lô Borges, Wagner Tiso, Márcio Borges, Nivaldo Ornelas, Toninho Horta e Paulo Braga. Na década de 1960, na cidade de Belo Horizonte participou do movimento musical Clube da Esquina.

48

49 Milton Nascimento é um cantor e compositor brasileiro, reconhecido mundialmente como um dos mais influentes e talentosos cantores e compositores da Música Popular Brasileira.Mineiro de coração, tornou-se conhecido nacionalmente, quando a canção "Travessia", composta por ele e Fernando Brant, ocupou a segunda posição no Festival Internacional da Canção, de 1967.

50

51 Maria Rita - Encontros E Despedidas: Adoniran Barbosa - O trem das onze: Kleiton e Kledir - Maria Fumaça: Raul Seixas - O trem das 7:

52 Fontes


Carregar ppt "Grupo 3 Tema: Músicas e Poemas sobre o Trem Nomes: Alisson Maciel Dreher, Lucas Giuliato da Rosa e Vicente Domingues De Cezero Turmas: 701 e 702 Data:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google