A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DISSERTAÇÃO: DESENVOLVIMENTO MARTA DUWE. DESENVOLVIMENTO Formado pelos parágrafos que fundamentam a tese. 2 ou 3 parágrafos, em torno de 5 ou 6 linhas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DISSERTAÇÃO: DESENVOLVIMENTO MARTA DUWE. DESENVOLVIMENTO Formado pelos parágrafos que fundamentam a tese. 2 ou 3 parágrafos, em torno de 5 ou 6 linhas."— Transcrição da apresentação:

1 DISSERTAÇÃO: DESENVOLVIMENTO MARTA DUWE

2 DESENVOLVIMENTO Formado pelos parágrafos que fundamentam a tese. 2 ou 3 parágrafos, em torno de 5 ou 6 linhas cada. Normalmente, em cada parágrafo, é apresentado e desenvolvido um argumento. PARÁGRAFO PADRÃO: Estrutura consiste em três partes: a ideia-núcleo, as ideias secundárias (que desenvolvem a ideia-núcleo), a conclusão (Em parágrafos curtos, é raro haver conclusão).

3 DESENVOLVIMENTO Organiza os argumentos do posicionamento adotado. Texto conciso e preciso, para levar o leitor direto ao ponto. Sempre impessoal. Imaginar os questionamentos, dúvidas e pensamentos contrários dos leitores quanto à sua argumentação. COESÃO E PROGRESSÃO TEMÁTICA

4 ARGUMENTAÇÃO CLASSIFICAÇÃO DOS ARGUMENTOS: de autoridade, por ilustração, do pensamento lógico, de prova concreta.

5 TIPOS DE DESENVOLVIMENTO 5

6 DESENVOLVIMENTO POR EXPLICAÇÃO Elaborar cada parágrafo com base em uma explicação para o problema exposto na introdução. TESE POR QUÊ? Cada resposta a esse Por quê? resultará em um parágrafo do desenvolvimento.

7 7 Exemplo: Tema: A crise entre o Canadá e o Brasil. Tese: A proibição do consumo de carne brasileira no Canadá teve fins político-comerciais. POR QUÊ? Argumento 1 (resposta 1): a alegação de que o gado brasileiro estava contaminado é infundada, uma vez que a contaminação só se dá por ingestão de ração animal. No Brasil, os animais são tratados à base de vegetais. Argumento 2 (resposta 2): uma das maiores empresas do Canadá - a Bombardier - queria conter a expansão de sua principal rival, a brasileira Embraer. É por isso que houve o boicote à carne brasileira.

8 Quando o ministro da agricultura canadense proibiu a comercialização desse produto, teve como alegação a suposta contaminação da carne pelo mal da vaca louca. E, de acordo com pesquisadores, o animal só é contaminado pela ingestão de ração animal, ou seja, tal fato não tem fundamento no Brasil, visto que os animais são tratados à base de vegetais. Na realidade, o Canadá teve o objetivo de brecar a expansão da Embraer, principal concorrente da Bombardier no mercado internacional de jatos regionais de até cinquenta lugares, porque o monopólio que a empresa canadense exercia havia alguns anos estava sendo superado pela rival brasileira, Embraer. 8

9 DESENVOLVIMENTO POR CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS CAUSAS TESE CONSEQUÊNCIAS Geralmente se encadeiam as causas em um parágrafo e as consequências noutro. É possível, ainda, valer-se somente das causas ou somente das consequências do problema.

10 10 Exemplo: Tema (Enem):Evolução tecnológica e proteção ambiental – como conciliar? * O aluno priorizou as consequências: Questionamentos sobre o futuro do mundo já estão sendo levantados por muitos cientistas que se preocupam, principalmente, com itens relacionados ao desmatamento. Mais de 45% das florestas tropicais foram desmatadas e nada se tem feito para reverter essa situação. A sociedade é rodeada de pessoas gananciosas que visam apenas ao seu bem-estar, não importando quanto mal tal procedimento poderá causar aos demais. É o caso, por exemplo, da Amazônia. 25% de sua mata original deu espaço à agricultura e à pecuária, e, atualmente, foi reivindicado ao governo o desflorestamento de mais 25% do restante. Isso gerou certa revolta por parte da população, mas como intervir nesse tipo de problema, que envolve pessoas com muita influência no poder?

11 DESENVOLVIMENTO POR TRAJETÓRIA HISTÓRICA Em um parágrafo, geralmente o primeiro do desenvolvimento, utiliza-se um fato do passado; No segundo, um do presente. Se quiser, também pode elaborar um terceiro parágrafo, no qual se vislumbre uma situação futura.

12 12 Exemplo: Tema (Enem): Em briga de elefantes, é a grama que sai perdendo. Fatos como a Guerra Fria mostram exorbitantemente isso. Nessa época, as potências URSS e EUA eram os elefantes. Impunham suas políticas intervencionistas em todo e qualquer país sob seu regime. É o caso de nações do Oriente Médio, às vezes financiadas pelos ianques contra o inimigo vermelho ou vice-versa. Esses povos tiveram muitos soldados mortos em prol de seu subdesenvolvimento. A conotação mais atual, porém não tão recente, da inversão dessa passagem bíblica é o neoliberalismo, principalmente no aspecto social. Os pobres (a grama), cada vez mais pobres, são "exilados" por fugirem dos pisoteios. No entanto, os "elefantes humanos" retomam sua briga nesse novo local. É o que ocorre em virtude das guerras empresariais em que, sedentos por lucro e por superar seus concorrentes, os grandes "engolem" as pequenas empresas e, com toda a sua tecnologia, deixam milhares desempregados. Essa inversão de valores gera um mundo violento e selvagem. É interessante, porém, que, mais que não olhar para as consequências, os responsáveis se deixem levar pela sua falsa segurança (o dinheiro) e continuem com sua conduta, imperceptível aos próprios, injusta em relação à humanidade.

13 É uma maneira de você explicar a origem de determinado problema, ou comparar um fato atual com outro já ocorrido. Exemplo: TESE = a introdução de tecnologia na produção gera desemprego. A relação entre desemprego e tecnologia não é uma inovação da economia contemporânea. Já durante a Revolução Industrial, no final do século XVIII, os operários protestavam e quebravam máquinas para tentar deter o desemprego e a redução de salários que elas provocavam. DESENVOLVIMENTO POR TRAJETÓRIA HISTÓRICA

14 Dados estatísticos: Uma análise dos dados sobre desemprego nas últimas duas décadas mostra uma rápida substituição do trabalho humano por máquinas e equipamentos, cada vez mais presentes nas fábricas. Os trabalhadores na indústria, nos anos 80, representavam mais de 40% do total de trabalhadores; nos anos 90, este número caiu para 30%, dados que evidenciam a diminuição da oferta de empregos na indústria. DESENVOLVIMENTO POR TRAJETÓRIA HISTÓRICA

15 DESENVOLVIMENTO POR CONTRASTE DE IDEIAS Em um parágrafo, argumentos contrários, Em outro, os favoráveis. É importante que, nesse embate de ideias, aquelas que respaldam o real ponto de vista do autor sejam NITIDAMENTE mais convincentes e razoáveis que as adversas.

16 16 Exemplo: Tema ( polêmico): A clonagem em seres humanos. Alguns constatam que a clonagem em humanos, para apenas reproduzir novos seres, pode ser perigosa, pois ela não está livre de resultados anômalos. Cite-se o exemplo da ovelha Dolly. Dos 276 embriões manipulados, apenas 29 sobreviveram para serem implantados em ovelhas, e desses somente um teve a reprodução efetivada. Então, da mesma maneira que o sucesso dessa tecnologia nos animais foi custoso, o mesmo pode ocorrer no projeto que envolve humanos. Entretanto, no ano passado, cientistas apresentaram à sociedade o projeto Genoma, que consistiu na "leitura" dos cromossomos humanos. Com esse avanço da ciência, no futuro, eles pretendem identificar as funções de cada cromossomo, para depois corrigir os erros genéticos. Essas falhas talvez possam ser corrigidas com a "clonagem terapêutica", que visa à regeneração de órgãos e tecidos danificados. A conciliação do Genoma com a clonagem terapêutica pode resultar em uma grande conquista científica.

17 DESENVOLVIMENTO POR ENUMERAÇÃO E numeram-se na introdução os argumentos ou informações que constarão dos parágrafos subsequentes. Em cada parágrafo do desenvolvimento é abordado somente um argumento/informação. Nenhum dos argumentos/informações antecipados na introdução pode seresquecido.

18 18 Exemplo: Tema : O Brasil é o Brasil das novelas? As cenas dramáticas de miseráveis pedindo nos semáforos, crianças trabalhando desde muito pequenas, famílias morando em meio ao lixão e sobrevivendo dele, são muito mais frequentes do que imaginamos. O governo, preocupado com assuntos mais importantes, lembra- se desse povo somente em véspera de eleição. Promete mundos e fundos ou troca votos por qualquer miséria. Mas não é só o governo que tem culpa do enorme problema. A classe média só pensa em aumentar sua riqueza para não entrar nesse índice de pobreza e os ricos preferem blindar os vidros de seus carros para se proteger dessa população, que teima em incomodar e pela qual não se acham responsáveis.

19 DESENVOLVIMENTO POR CONTRA-ARGUMENTAÇÃO Expõe um argumento com o qual não se concorda e, por meio de um contra-argumento mais convincente, refuta-o, nega-o, corrige-o, indicando-lhe a fragilidade e a inconsistência.

20 20 Exemplo: Tema :As pesquisas mostram melhoras no Brasil. E a realidade? E a desconfiança dessas informações animadoras parte, até mesmo, do próprio FHC, que não consegue relacionar os baixos níveis de renda da população ao aumento do consumo de bens eletrônicos. Uma explicação otimista para tais estatísticas pode estar no fato de que a estabilidade monetária aumentou o poder de compra do povo com a queda dos preços e maior facilidade de acesso ao crédito. Porém, melhor condiz com as características da nova sociedade a justificativa de que os únicos responsáveis pelo aumento das vendas são consumidores pertencentes a classe alta da população, com a qual se concentra a maior parte da riqueza do Brasil. A tal fator pode ser comparada a contraposição entre os 60% de brasileiros com mais de dez anos que não conseguiram concluir o ensino fundamental e o indicador social da pesquisa de que a grande maioria das crianças está matriculada e passa mais tempo estudando. Essa relação deixa claro o caráter maquiador do resultado do Censo, que é aproveitado pelo governo como forma de autopromoção e não representa um retrato fiel da sociedade.

21 DESENVOLVIMENTO POR CONTRA-ARGUMENTAÇÃO Através da refutação: questionar valores, buscar outros ângulos de uma questão aparentemente fechada. Sair do lugar comum, claro, sem discordar pelo absurdo, mas através de uma ideia que você consiga sustentar. Podemos, entretanto, duvidar dessa afirmação: a economia norte-americana, centro da revolução tecnológica dos anos 90, registrou nesse período índices historicamente baixos de desemprego, o que contradiz o binômio: tecnologia e desemprego.

22 DESENVOLVIMENTO POR COMPARAÇÃO Usada no texto das mais diferentes formas: geograficamente, socialmente, características específicas, diferenças e semelhanças; observe as diferenças culturais, sempre de acordo com sua tese. A situação do desemprego nas áreas industriais brasileiras não é diferente daquela encontrada em outros centros industriais do mundo, onde também são procuradas alternativas frente à elevação do contingente de desempregados.

23 TEMA PARA DISSERTAÇÃO: Como resolver o problema da criminalidade infantil em nossa sociedade? A ligação entre menores carentes e criminalidade não é algo novo no Brasil. O cinema já retratou isso em várias produções, como os filmes Pixote, Cidade de Deus e a recente adaptação do romance Capitães de Areia, de Jorge Amado. O perfil desses adolescentes quase sempre envolve a vida nas ruas, falta de estrutura familiar, miséria, drogas. Muitas vezes, por serem inimputáveis, os menores são considerados peças de valor em gangues criminosas. Se tiverem entre 12 e 18 anos, ainda podem ser encaminhados, por ordem judicial, para internação em estabelecimento educacional, mas se tiverem menos de 12 anos não podem sequer sofrer qualquer tipo de restrição à liberdade. Assim, amparados pelas proteções legais, esses pequenos infratores agem livremente, sem que ninguém consiga controlá-los.

24 O mais importante aliado da Tríplice Aliança Família, sociedade e Estado, quando juntos, são capazes de vencer qualquer batalha. Na luta para combater a criminalidade infantil, esta Tríplice Aliança já dispõe de várias armas, como programas sociais de acolhimento e políticas públicas de ressocialização dos menores infratores. Porém, nenhuma dessas medidas surtirá o efeito desejado se não contarmos com um aliado muito importante: a Educação. Atividades socioeducativas precisam ser inseridas durante todo o processo de amparo às crianças, frequentemente vítimas de conflitos familiares e de conturbadas realidades sociais. A simples oportunidade de terem à disposição direitos básicos que lhes foram legados, tais como escola, alimentação e lazer, poderá mudar completamente suas perspectivas de vida. Se por um lado a família e o Estado cumprem seus deveres, oferecendo-lhes respectivamente respeito e condições de uma vida digna, a sociedade não deve se omitir quanto às suas obrigações. É necessária a manutenção de um ambiente mais justo, onde propostas de integração sejam levadas mais a sério do que apenas ideias paliativas, a exemplo da diminuição da maioridade penal e a criação de supostas instituições de recuperação, como a antiga FEBEM, que são pouco eficazes em resolver a situação, uma vez que não atingem o problema pela raiz. No filme O Contador de Histórias, a trajetória real de Roberto Carlos Ramos ilustra bem como a educação pode ter papel decisivo da vida de uma criança marginalizada: após ser detido por diversas vezes e fugir tantas outras, o rapaz foi visto como um caso irrecuperável, até o dia que [em que] foi adotado, recebeu carinho e atenção, alfabetizou-se e teve a oportunidade de concluir seus estudos. Nunca mais voltou atrás, [ao crime] e hoje ajuda na recuperação de outros jovens. Investir em educação e proporcioná-la ainda [aos cidadãos ainda] na tenra infância é o melhor plano na guerra contra a criminalidade infantil, e decerto apresentará resultados a curto e médio prazo. Basta fazê-lo.

25 TÉCNICAS DE DISSERTAÇÃO 1 - Esquema básico da dissertação Tema: No verão, os habitantes de Florianópolis passam por diversos problemas. 1. O trânsito para as praias fica congestionado. 2. Há constante falta dágua. 3. Muitos turistas comportam-se de maneira inadequada. POR QUÊ?

26 2 - Relações de Causa e Conseqüência Tema: Constatamos que, no município de Florianópolis, existe um grande movimento migratório que se desloca de diversos locais do Brasil. Causa: Muitas cidades não oferecem mais qualidade de vida para seus moradores, dificultando, desse modo o sua permanência nelas. Conseqüência: Florianópolis encontra-se despreparada para absorver esses migrantes e oferecer-lhes condições de vida esperada por eles. POR QUÊ? O QUE ACONTECE EM RAZÃO DISSO?

27 3 – Abordagem de temas polêmicos Tema: Existem discussões que divergem com relação à legalização dos cassinos no país. Com a legalização haverá pagamento de impostos. O jogo é uma ameaça à estrutura familiar. ASPECTO FAVORÁVEL: ASPECTO CONTRÁRIO:

28 4 - Retrospectiva histórica Tema: Vivemos atualmente a era da comunicação e recebemos todos os dias informações sobre os mais diferentes pontos da Terra, que nos chegam com a rapidez e eficiência dos veículos eletrônicos do mundo contemporâneo. Época mais distante. Época mais próxima. Época atual. RETROSPECTIVA:

29 5 - A localização espacial Tema: Não raro tomamos conhecimento, pelos meios de comunicação, do desejo de promover o diálogo Norte-Sul, para tentar buscar uma nova ordem nas relações econômicas entre os países desses dois hemisférios. REGIÃO GEOGRÁFICA 1 REGIÃO GEOGRÁFICA 2

30 5 - Dissertação com predominância crítica Tema: O ser humano, no decorrer de milênios de sua História, tem provado possuir uma natureza destrutiva que persiste independentemente do desenvolvimento científico e cultural da humanidade. A perplexidade diante da situação. Referência a fatos de conhecimento público. Comentários críticos ( crítica dos fatos, ideias ou circunstâncias). Observação crítica seguida de uma expectativa. INTRODUÇÃO: DESENVOLVIMENTO: CONCLUSÃO:

31 O grau de informatividade de um texto é medido de acordo com o conhecimento de mundo das pessoas a que ele se destina. Ou seja, dizemos que um texto possui um alto grau de informatividade quando a compreensão mais ampla desse texto depender do repertório cultural do leitor. Um texto é mais informativo quanto menor for sua previsibilidade, e vice-versa. Para que haja sucesso na interação verbal, é preciso que a informatividade do texto seja adequada ao interlocutor. Uma grande parcela dos textos de circulação nacional veiculados pela mídia possui um grau médio de informatividade. Desta maneira, eles conseguem prender a atenção do leitor e, ao mesmo tempo, acrescentar-lhe novas informações.

32 Às vezes, o senso comum é confundido com lugar comum. Estas são informações obscuras, traduzidas em expressões como o homem não chora, todo político é ladrão, mulheres dirigem mal. Além de preconceituosas, não têm base científica, mas mesmo assim vêm sendo repetidas como se representassem uma verdade universal. Empregada dentro do texto dissertativo, acabam por causar incoerência textual, já que não têm base na realidade. Assim, para que se construa um texto dissertativo que contenha informações relevantes ao leitor, é preciso pesquisar e confrontar diversas fontes sobre a mesma temática, a fim de que o texto apresente argumentos suficientes para levar o leitor a compreender seu raciocínio lógico. Fonte: CEREJA, William Roberto & MAGALHÃES, Thereza Cochar. Texto e interação. São Paulo, Atual Editora, 2000.

33 DICAS: ANTES DE ESCREVER O TEXTO - Leia atentamente a proposta, caso seja necessário leia mais de uma vez. - Faça uma lista dos tópicos com os seus conhecimentos a respeito do assunto. - Separe os tópicos entre a introdução, o desenvolvimento e a conclusão. - Use os tópicos para escrever o texto. - Leia o texto e retire ou acrescente o que for necessário. - Observe novamente a proposta para ter certeza de que não está fugindo ao tema. - Reescreva e releia o texto, fazendo uma breve correção. - Depois de corrigir os erros enxergados por você, passe a redação a limpo e não modifique mais nada.

34 Antes do rascunho, a primeira coisa a ser devidamente pensada e avaliada em sua mente é a proposta de redação. Você não pode ter preguiça de ler e entender a proposta, pois a produção de um bom texto pode depender exatamente disso. Logo depois que a proposta for entendida, as ideias que surgirem a respeito daquele assunto devem ser anotadas em forma de lista. Nessa fase do processo você não precisa pensar na relação que uma ideia tem com a outra. Apenas anote para não esquecer aquele ponto de vista sem antes pensar sobre ele. Leia as anotações. Caso você tenha poucas anotações, você deve fazer uma relação de sentido entre elas para que você possa determinar o objetivo do seu texto. Após relacioná-las, escreva o objetivo do seu texto, baseado nas ideias que você teve. Caso você tenha muitas anotações o seu trabalho será inverso. Determine o seu objetivo, depois exclua as ideias que não corresponderem a ele. Faça uma nova lista só com as ideias que você acha que te ajudarão a chegar ao seu objetivo. Determine começo meio e fim da sua redação, agrupando as ideias onde você acha que elas melhor se encaixam.

35 Produza a primeira versão do seu texto, transformando sua lista de ideias em parágrafos, lembrando sempre de obedecer às regras básicas de produção textual: paragrafação, pontuação, acentuação, sintaxe, coerência, coesão, etc. pontuaçãoacentuaçãocoerência Leia o texto produzido e verifique se ele está obedecendo à proposta de redação e se está conduzindo ao seu objetivo, já determinado anteriormente. OBS: nesta fase, dependendo da sua leitura crítica do texto, você correrá o risco de voltar ao ponto zero e começar novamente a redação. Caso isso aconteça reescreva-a tentando corrigir as falhas que você já notou. Reescreva o texto (em definitivo). Releia o texto e faça as correções gramaticais ou textuais necessárias. Atenção: toda e qualquer modificação no seu texto deve ser feita até este momento da produção. Pronto. Pode passar seu texto a limpo com a consciência bem mais tranquila e sem voltar atrás em nada. Neste momento você já produziu o texto, seu trabalho agora é trasnformá-lo em um documento copiando tal e qual ele se encontra.

36 ESTRUTURA CLÁSSICA DO TEXTO DISSERTATIVO b.1) Introdução adequada ao tema / posicionamento Apresenta a ideia que vai ser discutida, a tese a ser defendida. Cabe à introdução situar o leitor a respeito da postura ideológica de quem o redige acerca de determinado assunto. Deve conter a tese e as generalidades que serão aprofundadas ao longo do desenvolvimento do texto. O importante é que a sua introdução seja completa e esteja em consonância com os critérios de paragrafação. Não misture ideias.

37 b.2) Desenvolvimento Apresenta cada um dos argumentos ordenadamente, analisando detidamente as ideias e exemplificando de maneira rica e suficiente o pensamento. Nele, organizamos o pensamento em favor da tese. Cada parágrafo (e o texto) pode ser organizado de diferentes maneiras: - Estabelecimento das relações de causa e efeito: motivos, razões, fundamentos, alicerces, os porquês/ consequências, efeitos, repercussões, reflexos; - Estabelecimento de comparações e contrastes: diferenças e semelhanças entre elementos - de um lado, de outro lado,em contraste, ao contrário; -Enumerações e exemplificações: indicação de fatores, funções ou elementos que esclarecem ou reforçam uma afirmação.

38 b.3) Fechamento do texto de forma coerente Retoma ou reafirma todas as ideias apresentadas e discutidas no desenvolvimento, tomando uma posição acerca do problema, da tese. É também um momento de expansão, desde que se mantenha uma conexão lógica entre as ideias.

39 c) DESENVOLVIMENTO DO TEMA c.1) Estabelecimento de conexões lógicas entre os argumentos. Apresentação dos argumentos de forma ordenada, com análise detida das ideias e exemplificação de maneira rica e suficiente do pensamento. Para garantir as devidas conexões entre períodos, parágrafos e argumentos, empregar os elementos responsáveis pela coerência e unicidade, tais como operadores de sequenciação, conectores, pronomes. Procurar garantir a unidade temática.

40 c.2) Objetividade de argumentação frente ao tema / posicionamento O texto precisa ser articulado com base nas informações essenciais que desenvolverão o tema proposto. Dispensar as ideias excessivas e periféricas. Planejar previamente a redação definindo antecipadamente o que deve ser feito. Recorrer ao banco de ideias é um passo importante. Listar as ideias que lhe vier à cabeça sobre o tema.. Estabelecer a tese que será defendida. Selecionar cuidadosamente entre as ideias listadas, aquelas que delimitarão o tema e defenderão o seu posicionamento.

41 c.3) Estabelecimento de uma progressividade textual em relação à sequência lógica do pensamento. O texto deve apresentar coerência sequencial satisfatória. Quando se proceder à seleção dos argumentos no banco de ideias, deve-se classificá-los segundo a força para convencer o leitor, partindo dos menos fortes parta os mais fortes. Caríssimos, é possível (e bem mais tranquilo) desenvolver um texto dissertativo a partir da elaboração de esquemas. Por mais simples que lhes pareça, a redação elaborada a partir de esquema permite-lhes desenvolver o texto com sequência lógica, de acordo com os critérios exigidos no comando da questão (número de linhas, por exemplo), atendendo aos aspectos mencionados no espelho de avaliação.

42 ESQUEMA DE UMA DISSERTAÇÃO: Introdução: No primeiro parágrafo você deverá expor o problema e o caminho a ser seguido no texto para expô-lo ou para defender algum ponto de vista a respeito dele. Desenvolvimento: Aqui se encontram os argumentos, opiniões, estatísticas, fatos e exemplos. Ao apresentá-los você deve sempre se direcionar para um lado da questão, um ângulo de visão, uma opinião específica. Essa opinião deve ser anteriormente pensada e analisada para que se possa fazer uma boa argumentação ou exposição. Conclusão: Aqui você deixa claro o objetivo da sua dissertação, expõe o ponto de vista defendido ou a conclusão da sua exposição de forma que se arremate todos os argumentos utilizados durante a construção do texto.

43 INTRODUÇÃO É o início do texto, contendo o tema a ser exposto com muita clareza. Envolve o problema a ser analisado. Geralmente pode ser exposto em apenas um parágrafo. Uma introdução não deve ser muito longa para não desmotivar ou ficar cansativa para o leitor. Se a redação tiver trinta linhas, aconselha-se a que o escritor use de quatro a seis para a parte introdutória.

44 DEVE-SE EVITAR EM UMA INTRODUÇÃO - Iniciar uma ideia geral que não transpassa por todo o texto (o uso de ideias totalmente diferentes); - Usar chavões; - Iniciar a introdução com as mesmas palavras do título; - Frequente fazer desvios do assunto principal; - Escrever período longo; - Escrever de forma pessoal, ou seja, usar a 1ª pessoa.

45 DESENVOLVIMENTO Em uma redação de trinta linhas, a redação deverá destinar de catorze (14) a dezoito (18) linhas para o corpo ou desenvolvimento da mesma. DEVE-SE EVITAR EM UM DESENVOLVIMENTO: - Repetições; - Escrever pormenorizando; - Exemplos extremamente excessivos; - Usar de exemplos fracos e fora do contexto.

46 CONCLUSÃO É a síntese do problema tratado no decorrer do texto, fechamento da redação. Se a redação está planejada para trinta linhas, a parte da conclusão deve ter quatro a seis linhas. Na conclusão, as ideias tratadas no texto propõem uma solução. O ponto de vista do escritor, apesar de ter aparecido nas outras partes, adquire maior destaque na conclusão. DEVE-SE EVITAR EM UMA CONCLUSÃO - O principal defeito é não conseguir finalizar; - Evitar as expressões em resumo, concluindo, terminando.


Carregar ppt "DISSERTAÇÃO: DESENVOLVIMENTO MARTA DUWE. DESENVOLVIMENTO Formado pelos parágrafos que fundamentam a tese. 2 ou 3 parágrafos, em torno de 5 ou 6 linhas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google