A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Mananciais abastecedores CAPTAÇÃO. Tipos de mananciais ÄGUAS PLUVIAIS -CISTERNAS INDIVIDUAIS, PEQUENOS AÇUDES OU BARREIROS ÁGUAS SUPERFICIAIS -RIOS, LAGOAS,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Mananciais abastecedores CAPTAÇÃO. Tipos de mananciais ÄGUAS PLUVIAIS -CISTERNAS INDIVIDUAIS, PEQUENOS AÇUDES OU BARREIROS ÁGUAS SUPERFICIAIS -RIOS, LAGOAS,"— Transcrição da apresentação:

1 Mananciais abastecedores CAPTAÇÃO

2 Tipos de mananciais ÄGUAS PLUVIAIS -CISTERNAS INDIVIDUAIS, PEQUENOS AÇUDES OU BARREIROS ÁGUAS SUPERFICIAIS -RIOS, LAGOAS, BARRAGENS,RESERVATÓRIOS DE ACUMULAÇÃO ÁGUAS SUBTERRANEAS -POÇOS, FONTES NATURAIS,GALERIAS DE INFILTRAÇÃO

3 ÁGUAS PLUVIAIS CISTERNAS- Qualidade da água é boa, despreza-se as primeiras chuvas. Se enterrada, precisa de bomba de sucção. CUIDADOS COM A MANIPULAÇÃO

4 ÁGUAS SUPERFICIAIS REQUISITOS NECESSÁRIOS -GARANTIA DO FUNCIONAMENTO CONTÍNUO -QUALIDADE DAS ÁGUAS -ECONOMIA DA INSTALAÇÃO

5 LOCALIZAÇÃO DA CAPTAÇÃO EM PLANTA QUANDO SUPERFICIAL Rios com pequenas oscilações de nível- junto á margem através de canal de derivação, muro de retenção ou proteção da tubulação Rios com grandes oscilações – caixas de tomada, tubos sobre estacas, torres de tomadas

6 Águas subterrâneas Captação por galerias de infiltração Poços perfurados -recomenda-se a proteção do poço com o prolongamento da tubulação 15 cm acima do piso, desvio de águas superficiais ao redor. -colocação de filtros

7 A escolha do manancial Alternativas devem ser comparadas :técnica e econômicamente Várias análises químicas em diversos períodos do ano A água pura é um líquido incolor, inodoro, insípido e transparente

8 Variações da água na captação Desde poucos miligramas da água da chuva a 30mil miligramas /litro na água do mar Os 103 elementos químicos podem ser encontrados na água A composição do solo onde se aloja ou escoa, influi na água

9 Qualidade da água Em suspensão: Algas e protozoários- podem causar sabor, odor, cor, turbidez Areia,silte ou argila- turbidez Resíduos industriais ou domésticos Dissolvidos Bactérias, virus- alguns patogênicos Substancias de origem vegetal

10 Características físicas da água As características físicas das águas são de pouca importância sanitária e relativamente fáceis de determinar -cor -turbidez -Ph(se ácida ou alcalina) ph=7 é o neutro Ph baixo- corrosivo Ph alto- tendem a formar incrustrações

11 exemplo Tubulação com resíduo Sedimentado em Serra De São Bento

12 Características químicas da água São de grande importância sanitária como; Alcalinidade Acidez Dureza Ferro e manganez Cloretos, sulfatos Nitratos fenóis

13 Características biológicas da água Bactérias Pesquisas de coliformes Características hidrobiológicas (algas,vermes,protozoários,vermes) Características radioativas Pesticidas

14 Assoreamento Acúmulo de substâncias minerais (areia, argila) ou orgânicas (lodo) em um corpo dágua, o que provoca a redução de sua profundidade e de seu volume útil. Eutrofização Fertilização excessiva da água por recebimento de nutrientes (nitrogênio, fósforo), causando o crescimento descontrolado (excessivo) de algas e plantas aquáticas. Principais processos poluidores da água

15 Acidificação Abaixamento de pH, como decorrência da chuva ácida (chuva com elevada concentração de íons H+, pela presença de substâncias químicas como dióxido de enxofre, óxidos de nitrogênio, amônia e dióxido de carbono), que contribui para a degradação da vegetação e da vida aquática. Fonte: Barros et all., 1995.

16 POLUIÇÃO DE MANANCIAIS Algumas providências podem ser adotadas no sentido de elevar a capacidade de permanente autodepuração do rio. Regularização da vazão: Quando a vazão de um rio se torna menor, os efeitos da poluição se tornam mais graves. Para controlar a vazão, constroem-se barragens. Desta forma, pode-se garantir os curso da água uma vazão constante, pois o excesso de água, existente durante as épocas de chuva, é acumulado para depois ser liberado mediante a abertura das estações secas.

17 Poluição de mananciais Elevação da turbulência: Rios que possuem corredeiras têm muito maior capacidade de absorver o oxigênio atmosférico que os rios de águas tranqüilas. É possível produzir "corredeiras artificiais" em um rio poluído. Uma experiência piloto desse tipo foi realizada no rio Pinheiros, em São Paulo, mediante a construção de "escovas rotativas" - movidas por motores elétricos, as quais submetiam a água a uma forte agitação, promovendo rápida reoxigenação do meio.

18 Poluição de rios Em casos extremos, de produção repentina de fortes odores nocivos, tem-se recorrido à adição de nitratos à água como fonte química suplementar de oxigênio para atividade de bactérias anaeróbias facultativas. Tal solução paliativa tem, porém, o grave inconveniente de acrescentar nitrogênio ao rio, o que acelera o processo de eutrofização. Essas são as "massagens", "exercícios" e "fortificantes" que podemos administrar ao rio para que ele, por si só, consiga recuperar-se da doença da poluição.

19 Poluição dos mananciais A construção de represas, entretanto, deve se restringir aos casos absolutamente indispensáveis, pois ela implica sempre uma alteração dos sistemas ecológicos, provocando desequilíbrios, alteração de fauna e flora, mudanças de clima e outros impactos ambientais que deverão ser cuidadosamente avaliados.

20 Índices que medem a poluição dos rios A poluição por matérias orgânicas acarreta um grande consumo de oxigênio, o padrão de DBO é uma boa estimativa de medição de poluição DBO - Demanda Biológica de Oxigênio: corresponde à quantidade de oxigênio necessária para que as bactérias possam oxidar as matérias orgânicas a uma temperatura de 20 graus centígrados. É expressa em miligramas por litro (essa medida é feita em laboratório). Quanto mais elevada for a DBO, mais poluída estará a água

21 Índice de poluição dos rios DQO - Demanda Química de Oxigênio: corresponde à quantidade de oxigênio dissolvido, cedida por via química (portanto sem intervenção biológica) para oxidar substâncias redutoras presentes nas águas poluídas. IT - Índice de Toxicidade: levanta algumas substâncias tóxicas presentes em águas naturais ou poluídas


Carregar ppt "Mananciais abastecedores CAPTAÇÃO. Tipos de mananciais ÄGUAS PLUVIAIS -CISTERNAS INDIVIDUAIS, PEQUENOS AÇUDES OU BARREIROS ÁGUAS SUPERFICIAIS -RIOS, LAGOAS,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google