A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências e Tecnologia (Competências na área dos Impactos) Graça Martinho (subdiretora da FCT-UNL)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências e Tecnologia (Competências na área dos Impactos) Graça Martinho (subdiretora da FCT-UNL)"— Transcrição da apresentação:

1 Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências e Tecnologia (Competências na área dos Impactos) Graça Martinho (subdiretora da FCT-UNL)

2 Apresentação O Campus da Caparica Localização O A FCT-UNL Localização Organização Educação Investigação Competências na área dos impactos

3 Entre o Atlântico (3 km) e o maior estuário da Europa Ocidental Com a bonita cidade de Lisboa em frente Localização

4 ciência dos materiais ciências da terra ciências da vida ciências e engenharia do ambiente ciências e tecnologia da biomassa ciências sociais aplicadas conservação e restauro engenharia civil engenharia electrotécnica e computadores engenharia mecânica e industrial física informática matemática química Organização departamentos organização A FCT Localização organização educação investigação

5 Educação 1.º Ciclo(Licenciatura) 2.º Ciclo(Mestrado) Mestrado Integrado 3.º Ciclo(Doutoramento) área científica Eng. Materiais 11 Eng. Geológica 132 Eng. Informática 212 Eng. Biomédica 11 Eng.Civil 211 Eng. Ambiente 313 Eng. de Micro e Nanotecnologias 11 Eng. E Gestão Industrial 111 Eng. Electrotécnica e Computadores 111 Física e Eng. Física 12 Eng. Mecânica 111 Eng. Química e Bioquímica 1114 Matemática 112 Biologia Celular e Molecular 131 Química e Bioquímica 144 Conservação e Restauro 131 Energia e Bioenergia 21 Ensino (Mat., Fís.-Quím., Biol.-Geol.) 3 Tecnologia e Segurança Alimentar 11 Ciências Sociais Aplicadas 3 Total cursos educação A FCT Localização organização educação investigação

6 Cursos mais relevantes no âmbito deste evento Mestrados: Engenharia de Micro e Nanotecnologias Engenharia do Ambiente Engenharia Química e Bioquímica Engenhara Civil Doutoramentos: Nanotecnologias e Nanociências Ambiente e Sustentabilidade Alterações Climáticas e Políticas Desenvolvimento Sustentável Química Química Sustentável Engª Civil Educação investigação A FCT Localização organização educação investigação

7 CENSE | Centro de Investigação em Ambiente e Sustentabilidade IMAR | Centro de Investigação em Mar e Ambiente UNIC | Centro de Investigação em Estruturas e Construção CQFB/Requimte | Centro de Química Fina e Biotecnologia CREM | Centro de Recursos Microbiológicos CENIMAT/I3N | Centro de Investigação de Materiais Centros de investigação mais relevantes para o evento (6/19) Investigação investigação A FCT Localização organização educação investigação

8 Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente Faculdade de Ciências e Tecnologia Universidade Nova de Lisboa Competências

9 Unidade de ensino e de investigação da FCT-UNL, vocacionado para o progresso da investigação e a prestação de serviços especializados à comunidade em todas as áreas das ciências e engenharia do ambiente e na promoção do desenvolvimento sustentável, nomeadamente nos aspetos da articulação equilibrada do sistema ambiental com os sistemas social, económico, territorial e de governação. Integra: Três secções científicas: Engenharia e Gestão da Água e Resíduos; Sistemas Ambientais e Sustentabilidade; Território, Ecologia e Sustentabilidade. Dois Centros de Investigação CENSE | Centro de investigação em ambiente e sustentabilidade IMAR - Centro de Investigação em Mar e Ambiente Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente (DCEA)

10 Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente Ensino Mestrado Integrado em Engenharia do Ambiente (5 anos) – desde ; forte ênfase na formação em avaliação de impactes ambientais Mestrado Europeu em Dinâmica de Sistemas (Erasmus Mundus, com Univ. Nijmegen, Holanda; Univ. Bergen, Noruega; Univ. Palermo, Itália) Mestrado em Urbanismo Sustentável e Ordenamento do Território Mestrado em Engenharia e Gestão da Água Programa Doutoral em Ambiente e Sustentabilidade Programa Doutoral em Alterações Climáticas e Políticas de Desenvolvimento Sustentável (colaboração entre UL e UNL) Pioneiro no ensino de Engª do Ambiente em Portugal e na Europa Grande notoriedade do corpo docente Reconhecida competência dos profissionais formados na FCT-UNL

11 Investigação científica Programas doutorais Gestão de Sistemas de Sistemas Costeiros Impactos ambientais das Novas Tecnologias DCEA - Potencial de cooperação

12 Impactos Ambientais Avaliação Ambiental Estratégica FCT/UNL - escola de excelência no ensino e na investigação em impactos ambientais Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente (Secções: Ambiente e Sustentabilidade ; Território, Ecologia e Sustentabilidade; Engenharia e Gestão de Águas e Resíduos) CENSE | Centro de investigação em ambiente e sustentabilidade / Grupo de Economia Ecológica e Gestão do Ambiente

13 CENSE - Centro de investigação em ambiente e sustentabilidade Promoção de investigação interdisciplinar em ciências e engenharia do ambiente, focada na interação entre os sistemas naturais e sociais, para promover o desenvolvimento sustentável.

14 Grupo de Economia Ecológica e Gestão do Ambiente Linhas de Investigação Avaliação de sustentabilidade e avaliação de desempenho ambiental desenvolvimento de metodologias e indicadores Abordagens inovadoras no desenho de políticas de ambiente, combinando instrumentos económicos e abordagens regulamentares, com envolvimento dos stakeholders Modelação participada e apoio à decisão – combinando dinâmica de sistemas, abordagens participatórias e avaliação multicritério

15 PROspective SUstaInability Assessment of TEchnologies PROSUITE - O projeto visa desenvolver uma metodologia para avaliação da sustentabilidade de tecnologias atuais e futuras, ao longo do seu ciclo de vida. Coordenado pela Universidade de Utrecht, envolve 25 academias e várias industrias. A Universidade Autónoma de Barcelona é uma das parceiras. Projetos recentes

16 RESKILLS – Assessment of life-cycle skills and training needs in the renewable and energy efficiency sectors: the cases of the wind energy and electric mobility and smart grids VS/2012/ Employment, Social Affairs & Inclusion DG O projeto procura identificar as competências, qualificações e formação para as diferentes fases do ciclo de vida da energia eólica, veículos elétricos e redes inteligentes de energia, e os respetivos impactes estratégicos no emprego verde decorrentes do desenvolvimento destes setores das energias renováveis. Coordenado pela Universidade Católica Portuguesa, envolve a Universidade de Huelva

17 POLICYMIX - O projeto aborda a avaliação e desenvolvimento de mixes de instrumentos de política ambiental para conservação da biodiversidade. Nós desenvolvemos um caso de estudo sobre a aplicação da Transferências Fiscais Ecológicas e Medidas Agro-ambientais na zona de Moura-Mourão-Barrancos. Neste projeto a cooperação com os colegas brasileiros é muito relevante, porque somos os 2 únicos países onde existem Transferências Fiscais Ecológicas (no caso do Brasil chama–se ICMS Ecológico). É coordenado pelo NINA – Norwegian Institute for Environmental Research, envolve a Universidade Federal do Rio de Janeiro e a Universidade de Campinas. Assessing the role of economic instruments in policy mixes for biodiversity conservation and ecosystem services provision (EU-FP7) Local case study area. A) Land use according to CORINE Land Cover 2006; B) Classified areas: AP = National Protected area; SIC= Site of Community interest; ZPE = Bird special Protection Area.

18 SPS – Sustainability Performance Assessment and Benchmarking Framework of The Public Sector PTDC/AAC-AMB/119508/ O projeto tem como principal objetivo o desenvolvimento de uma ferramenta de avaliação e comunicação do desempenho de sustentabilidade para organizações públicas, utilizando como estudo de caso a administração pública central portuguesa, inclui: Actividades operacionais (e.g. água, materiais e consumo de energia, produção de resíduos, emissões para ar), e Actividades estratégicas (políticas públicas, regulamentação e práticas voluntárias).

19 O principal objetivo do RESPONDER é promover o consumo sustentável explorando novas formas de conhecimento que ajudam a melhorar a gestão política, social e económica das potenciais contradições do crescimento económico. É coordenado pela Vienna University, envolve a Universidade Autónoma de Barcelona.

20 SIRIUS aims to establish innovative and new GMES service capacities for the irrigation water management user community with the vision of bridging and integrating sustainable food production with fair economic competitiveness, and within wise water governance scenarios that prevent water conflicts in water-scarce areas. É coordenado pela Universidade de Castilla La Mancha e também a Universidade Politecnica de Valencia de Espanha e o INPE (Instituto Nacional de Pesquisa Espacial) do Brasil. Sustainable irrigation water management and river-basin governance: implementing user- driven services

21 Estudos e prestação de serviços Avaliação Ambiental Estratégica do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN) PMEmas – Implementação Faseada do Esquema Comunitário de Eco-gestão e Auditoria (EMAS) em Pequenas e Médias Empresas Avaliação do Desempenho das Políticas Públicas do Ministério do Ambiente, Ordenamento do Território e Desenvolvimento Regional Apoio científico à elaboração dos Planos de Gestão de Região Hidrográfica Monitorização Ambiental Estratégica e de Sustentabilidade do QREN e dos Programas Operacionais financiados pelo Fundo de Coesão e FEDER. Gestão Sustentável de Espaços Públicos Avaliação Ambiental Estratégica do Plano Nacional de Transportes Avaliação Ambiental Estratégica do Plano Operacional das Pescas Avaliação Ambiental Estratégica do Plano Regional de Ordenamento do Território do Centro (PROT-Centro) Avaliação Ambiental Estratégica do Plano Regional de Ordenamento do Território dos Açores (PROT-Açores)

22 Parcerias e colaborações internacionais do CENSE

23 Competências em impactos, avaliação ambiental e de sustentabilidade Membros com forte experiência na área (mais de 20 anos) – Paula Antunes, João Joanaz de Melo, Tomás Ramos, Rui Santos, Nuno Videira, Francisco Ferreira, Júlia Seixas, António Câmara Tradição de ensino no domínio da Engª do Ambiente, com forte ênfase na avaliação de impactes ambientais Participação em estudos de AIA e AAE de projetos e programas emblemáticos em Portugal (e.g. Empreendimento de Alqueva, Nova Travessia do Tejo em Lisboa, Novo Aeroporto de Lisboa, Autoestradas A1, A2, A5; AAE do QREN,....) Numerosos projetos de investigação, teses de doutoramento, publicação de artigos científicos.

24 24 Membros integrados (PhD) 5 Membros associados (PhD) 40 Colaboradores (estudantes de PhD e investigadores) Equipa

25 USP - Universidade de São Paulo Departamento/Faculdade: Escola de Engenharia de São Carlos Áreas Cientificas: Eng. Ambiente e Ciências do Ambiente USP- Universidade de São Paulo Departamento/Faculdade: Escola Superior de Agricultura Luiz De Queiroz Áreas Cientificas: Gestão e Ciências do Ambiente UFPE - Universidade Federal de Pernambuco Departamento/Faculdade: Ciências Geográficas Áreas Ciências Geográficas e do Ambiente UNIVALI - Universidade do Vale de Itajaí (Santa Catarina, Brasil) Departamento: Centro de Ciências Tecnológicas da Terra e do Mar – CTTMar. Áreas Cientificas: Eng. Ambiente e Ciências do Ambiente UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina Departamento: Eng. Sanitária e Ambiental Áreas Cientificas: Eng. Ambiente e Ciências do Ambiente Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente Cooperação Luso-Brasileira na área das Ciências e Engenharia do Ambiente

26 Protocolos Específicos e Aditamentos em curso USP - Universidade de São Paulo (com convênio geral com a UNL) Convênios específicos em curso: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Faculdade de Saúde Pública Escola de Artes, Ciências e Humanidades Instituto de Oceanografia UFRP – Universidade Federal Rural de Pernambuco (Com convênio geral com a UNL. Convénio especifico em curso) IFMT – Instituto Federal de Mato Grosso (Convénio especifico em curso) UFES – Universidade Federal do Espírito Santo. (Convénio especifico iniciado recentemente) UFP – Universidade Federal do Paraná (Com convênio geral com a UNL. Convénio especifico iniciado recentemente) Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente Cooperação Luso-Brasileira na área das Ciências e Engenharia do Ambiente

27 Rede de Estudos Ambientais de Países de Língua Portuguesa Presentemente, a REALP inclui 12 universidades de países de língua portuguesa (Portugal, Brasil, Angola, Moçambique e Cabo Verde). Universidades Brasileiras integrantes da rede: U. Brasília U.F. Pernambuco U.F. Amazonas U. F. Santa Catarina Departamento de Ciências e Engenharia do Ambiente Cooperação Luso-Brasileira na área das Ciências e Engenharia do Ambiente

28 Muito obrigada Contatos:


Carregar ppt "Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências e Tecnologia (Competências na área dos Impactos) Graça Martinho (subdiretora da FCT-UNL)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google