A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DIFN – Departamento de Ferrosos Norte 06/12/2010.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DIFN – Departamento de Ferrosos Norte 06/12/2010."— Transcrição da apresentação:

1 DIFN – Departamento de Ferrosos Norte 06/12/2010

2 Em caso de emergência: Dirija-se para as saídas de emergência e ponto de encontro; Movimente-se de modo rápido e ordeiro, sem correr, procurando guardar distância do colega que estiver a sua frente; Não volte para apanhar objetos esquecidos e não tente usar saídas não designadas; Avalie o cenário antes de agir. Isto evita que você também se torne uma vítima; Telefones Ramais: 193 ou 4112 Ligação via celular: Discagem gratuita: Teleros: 4200

3 Transformar recursos minerais em riqueza e desenvolvimento sustentável. Missão VALE Atitudes: Sentimento de dono / Indignação / Agilidade Nossos Valores Respeito à Vida Excelência de desempenho Espírito Desenvolvimentista Responsabilidade Econômica, Social e Ambiental Visão VALE Ser a maior empresa de mineração do mundo e superar os padrões consagrados de excelência em pesquisa, desenvolvimento, implantação de projetos e operação de seus negócios. Respeito à Diversidade Orgulho de ser Vale Ética e Transparência

4 MINA DE FERRO DE CARAJÁS GAAUN – GETAN – DIFN

5 4 Localização de Carajás

6 5 Minas de Carajás – vista superior

7 6 N4W-N N5 N4E BSM I

8 7 N5E N5W N4E NÚCLEO URBANO USINA N5 SUL N4W Presença de HD Presença de HM Visão 3D do corpo mineral de Carajás

9 8 LEGENDA Canga Química Hemativa Mole Hematita Dura Canga de Minério Jaspilito Máfica Decomposta Máfica Sã Minério de Baixo Teor Mapeamento Geológico

10 9

11 10

12 11 4

13 12

14 13

15 14

16 15

17 16

18 17

19 18 Montagem da peneira da PN 131K-14

20 19

21 20

22 21 Empilhadeira EP-151K-04, Pátio C/D Capacidade: t/h

23 22

24 23 Barragem da Pêra Capacidade: 5 milhões de m³

25 24 Engenharia de Manutenção DIFN – GETAN – GAAUN Supervisão de Engenharia de Manutenção

26 25 Engenharia de Manutenção – Processos - CODIFICAÇÃO DE ITENS - HOMOLOGAÇÃO DE FORNECEDORES - NACIONALIZAÇÃO DE COMPONENTES - CLASSIFICAÇÃO DE ITENS - INSPEÇÕES DE MATERIAIS ENGENHARIA DE MATERIAIS ­ESTUDOS DE CONFIABILIDADE -PERFIL DE PERDAS -ANÁLISE DE FALHAS -CONTROLE INICIAL -PROJETOS DE MELHORIAS -NR 13 ENGENHARIA DE MANUTENÇÃO -PADRONIZAÇÃO DE ATIVOS -PLANOS DE MANUTENÇÃO -ESTRATÉGIA DE MANUTENÇÃO INTERFACES

27 26 ESTUDOS DE CONFIABILIDADE Aplicação de ferramentas estatísticas para identificação de gargalos operacionais PERFIL DE PERDAS Estratificação dos maiores impactos ANALISE DE FALHAS Identificação e tratamento de falhas crônicas CONTROLE INICIAL Acompanhamento de novos projetos PROJETOS DE MELHORIAS Implantação de projetos de melhoria Engenharia de Manutenção – Processos DETALHAMENTO

28 27 CODIFICAÇÃO DE ITENS Identificação e cadastro de sobressalentes HOMOLOGAÇÃO DE FORNECEDORES Identificar melhores fornecedores para fornecimento de materiais NACIONALIZAÇÃO DE COMPONENTES Identificação e tratamento de itens com potencial de nacionalização CLASSIFICAÇÃO DE ITENS Tratamento de itens INSPEÇÕES DE MATERIAIS Inspeções de armazenamento de itens estratégicos Engenharia de Materiais – Processos DETALHAMENTO

29 28 TESTES DE MATERIAIS (SAT/RET) Busca de novos fornecedores através de testes monitorados PADRONIZAÇÃO DE ATVOS Padronização de ativos para redução de custos no almoxarifado PLANOS DE MANUTENÇÃO Criação de planos de manutenção ESTRATÉGIA DE MANUTENÇÃO Definição da estratégia de manutenção Engenharia de Manutenção Engenharia de Materiais INTERFACES

30 29

31 30 PERFIL DE PERDAS – MAIORES IMPACTOS Engenharia de Manutenção – Processos


Carregar ppt "DIFN – Departamento de Ferrosos Norte 06/12/2010."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google