A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Análise e Desenvolvimento de Sistemas Profª. Cleusa Maria do Nascimento – UEG/Sanclerlândia Introdução a Engenharia de Software Livro: Introdução a Engenharia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Análise e Desenvolvimento de Sistemas Profª. Cleusa Maria do Nascimento – UEG/Sanclerlândia Introdução a Engenharia de Software Livro: Introdução a Engenharia."— Transcrição da apresentação:

1

2 Análise e Desenvolvimento de Sistemas Profª. Cleusa Maria do Nascimento – UEG/Sanclerlândia Introdução a Engenharia de Software Livro: Introdução a Engenharia de Software Livro: ENGENHARIA DE SOFTWARE - PRESSMAN

3

4 3 Software 1- INSTRUÇÕES que quando executadas produzem a função e o desempenho desejados 2 - ESTRUTURAS DE DADOS que possibilitam que os programas manipulem adequadamente a informação 3 - DOCUMENTOS que descrevem a operação e o uso dos programas

5 4 Características do Software 1- Desenvolvido ou projetado por engenharia, não manufaturado no sentido clássico 2- Não se desgasta mas se deteriora 3- A maioria é feita sob medida em vez de ser montada a partir de componentes existentes 4 – Reusabilidade 5 - O SW é um elemento de sistema lógico e não físico ( não existe uma construção em série)

6 ATRIBUTOS DE UM BOM SOFTWARE Facilidade de manutençãoFacilidade de manutenção - fornecer a funcionalidade e o desempenho exigidos pelo cliente ConfiançaConfiança – facilidade de reparos, de manutenção, tolerância a erros e capacidade de sobrevivência EficiêncaEficiênca – tempo de resposta e processamento (não desperdiçar recursos do sistema), utilização de memória. UsabilidadeUsabilidade – sem esforço excessivo, pelo tipo de usuário pelo o qual ele foi projetado.

7 Falhas no entendimento de um sistema ocorrem devido a falhas nos seus eventos –A história do desenvolvimento de um sistema de balanço Falha no entendimento do sistema devido a uma provável falta de feedback

8

9 estimativas de prazo e de custo estimativas de prazo e de custo produtividade das pessoas produtividade das pessoas qualidade de software qualidade de software software difícil de manter software difícil de manter

10 9 Abrange um conjunto de três elementos fundamentais: 1. Métodos 2. Ferramentas 3. Procedimentos

11 como fazer 1) MÉTODOS: proporcionam os detalhes de como fazer para construir o software Planejamento e estimativa de projetoPlanejamento e estimativa de projeto Análise de requisitos de software e de sistemasAnálise de requisitos de software e de sistemas Projeto da estrutura de dadosProjeto da estrutura de dados Arquitetura de programa e algoritmo de processamentoArquitetura de programa e algoritmo de processamento Codificação, teste e manutençãoCodificação, teste e manutenção Os métodos muitas vezes introduzem notações gráficas ou orientadas a uma linguagem especial e conjuntos de critérios para a qualidade de software

12 11 2) Ferramentas – Suporte automatizado aos métodos (CASE – computer-aided software engineering) - suporte ao desenvolvimento de software Combina hardware, software e banco de dados de ES

13 12 3) Procedimentos Elo que liga métodos a ferramentas Sequência dos métodos Produtos a serem entregues (deliverables) Controles de qualidade e mudança

14 13 ENGENHARIA DE SOFTWARE etapas MÉTODOSFERRAMENTAS PROCEDIMENTOS Conjunto de etapas que envolve MÉTODOS, FERRAMENTAS e PROCEDIMENTOS. Essas etapas são conhecidas como componentes de CICLOS DE VIDA DE SOFTWARE

15 ciclo de vida de software Abordagens ( Etapas) que envolvem MÉTODOS, FERRAMENTAS e PROCEDIMENTOS, para escolha é necessário: natureza do projeto e da aplicação métodos e ferramentas a serem usados controles e produtos que precisam ser entregues

16 Todo processo de desenvolvimento é orientado por modelos de ciclo de vida – As funções primárias são: Determinar as fases Determinar a ordem das atividades e a atividade de cada etapa Estabelecer critérios para a transição das fases

17 Importância de Modelar Para construir um modelo detalhado monstrando as funções e dados do sistemas. Traz benefícios como a redução do custo de alterações, pois quanto mais cedo se detectar um erro. Mais fácil será sua correção.

18 17 Engenharia de Software uma visão genérica O processo de desenvolvimento de software contém 3 fases genéricas, independentes do modelo de engenharia de software escolhido: DEFINIÇÃO DEFINIÇÃO, DESENVOLVIMENTO DESENVOLVIMENTO e MANUTENÇÃO MANUTENÇÃO.

19 18 Engenharia de Software uma visão genérica FASE DE DEFINIÇÃO:o que FASE DE DEFINIÇÃO: o que será desenvolvido. Análise do Sistema:Análise do Sistema: define o papel de cada elemento num sistema baseado em computador, atribuindo em última análise, o papel que o software desempenhará. Planejamento do Projeto de Software:Planejamento do Projeto de Software: assim que o escopo do software é estabelecido, os riscos são analisados, os recursos são alocados, os custos são estimados e, tarefas e programação de trabalho definidas. Análise de Requisitos:Análise de Requisitos: o escopo definido para o software proporciona uma direção, mas uma definição detalhada do domínio da informação e da função do software é necessária antes que o trabalho inicie.

20 19 Engenharia de Software uma visão genérica DESENVOLVIMENTO: como DESENVOLVIMENTO: como o software vai ser desenvolvido. Projeto de Software: Projeto de Software: traduz os requisitos do software num conjunto de representações (algumas gráficas, outras tabulares ou baseadas em linguagem) que descrevem a estrutura de dados, a arquitetura do software, os procedimentos algoritmicos e as características de interface. Codificação: Codificação: as representações do projeto devem ser convertidas numa linguagem artificial (a linguagem pode ser uma linguagem de programação convencional ou uma linguagem não procedimental) que resulte em instruções que possam ser executadas pelo computador. Realização de Testes do Software: Realização de Testes do Software: l ogo que o software é implementado numa forma executável por máquina, ele deve ser testado para que se possa descobrir defeitos de função, lógica e implementação.

21 20 Engenharia de Software uma visão genérica FASE DE MANUTENÇÃO: mudanças FASE DE MANUTENÇÃO: concentra-se nas mudanças que ocorrerão depois que o software for liberado para uso operacional Correção Adaptação Melhoramento Funcional

22 Perfil Perfil do profissional envolve habilidades Comunicação Capacidade de análise Conhecimento da atividade do usuário Capacidade de negociação Administração de projetos Conhecimento técnico analista projetistaprogramador funções específicas para analista, projetista, programador

23 Participantes do Projeto

24 Análise Derivado do grego analýein - desatar, soltar, significa dissolução de um conjunto em suas partes. Em sentido amplo, empregam-se os termos análise e analisar como sinônimos de exame e examinar, pesquisa e pesquisar, verificação e verificar.

25 Análise de Sistemas Representa o estudo detalhado de uma área de trabalho (processo), que antecede uma ação que, quase sempre, implica no desenvolvimento de um conjunto de programas integrados(sistema) destinado à execução controle e acompanhamento do processo.

26 Relacionamento Usuário e Analista - Analista união entre os usuários e os projetistas. - Conclusão da etapa de requisitos funcionais do sistema. - O Analista responde pelo usuário a qualquer dúvida que o projetista vem a ter.

27 Produto totalmente particionado, do maior ao menor nível de detalhe, possibilitando a identificação clara e simples de qualquer parte do sistema, bem como a agregação em pequenos blocos de funções afins. Análise Estruturada

28 Expõe o que é feito e que vai ser feito pelo uso de gráficos; o que torna a visualização e entendimento muito mais claros e objetivos. Análise Estruturada

29 Objetivos da Análise Estruturada O documento a ser padronizado deve ser: - Passível de manutenção - Gráfico - Lógico - Rigoroso - Conciso - Legível

30 Condução do Trabalho de Análise A condução da análise deve ser: - Dirigida para a Ferramenta - Mensurável/Pré-Determinada - Divisível

31 Diálogo Usuário X Analista O diálogo usuário/analista dever ser: - Iterativo - Lógico - Limitado

32 Exercícios As questões abaixo são referentes a obra Engenharia de Software de R. Pressman e as notas de aulas discutidas em classe: 1) Defina Engenharia De Software. 2) Qual a importância na Engenharia De Software e da aplicação de métodos? 3) Conceitue software. 4) Por que é difícil construir software? Justifique. 5) Quais são os elementos fundamentais da engenharia de software? Explique cada um. 6) Quais são os tipos de participantes que você provavelmente encontrará em um típico projeto de desenvolvimento de sistemas? Descreva cada um dos participantes.? 7) O que é reusabilidade? 8) O que é um ciclo de vida de software? O que é necessário Para escolha de um Ciclo de Vida de software? 9) Porque devemos Modelar ? 10) Qual o Relacionamento e como deve ser o diálogo entre: Usuário X Analista 11) Quais os objetivos e o que você entende por: Análise Estruturada 12) Como deve ser a Condução do Trabalho de Análise?


Carregar ppt "Análise e Desenvolvimento de Sistemas Profª. Cleusa Maria do Nascimento – UEG/Sanclerlândia Introdução a Engenharia de Software Livro: Introdução a Engenharia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google