A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

QUATRO TALENTOS DO LÍDER EFICAZ Aula 4. DIFERENTES ESTILOS DE LIDERANÇA Modelo Militar – líder institucional; Líder passivo – não exerce nenhum tipo de.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "QUATRO TALENTOS DO LÍDER EFICAZ Aula 4. DIFERENTES ESTILOS DE LIDERANÇA Modelo Militar – líder institucional; Líder passivo – não exerce nenhum tipo de."— Transcrição da apresentação:

1 QUATRO TALENTOS DO LÍDER EFICAZ Aula 4

2 DIFERENTES ESTILOS DE LIDERANÇA Modelo Militar – líder institucional; Líder passivo – não exerce nenhum tipo de poder, mas suas idéias são seguidas naturalmente; (escritores e pintores). Líder carismático – impõe-se pelo seu magnetismo social (políticos e religiosos);

3 BURNS (1979, p. 17) propõe três tipos de lideranças comportamentais LÍDER TRANSACIONAL – tal tipo de liderança ocorre quando uma pessoa toma a iniciativa de estabelecer contato com outras com o objetivo de trocar bens de valor.

4 LÍDER TRANSFORMACIONAL Procura desenvolver aquelas necessidades que vão desde um nível mais baixo para um nível mais alto de maturidade.

5 BURNS (1979, p. 17) nunca deveríamos fingir sobre aquilo que não sabemos, não deveríamos ter medo de perguntar e aprender com as pessoas que estão em posições inferiores e deveríamos ouvir cuidadosamente os pontos de vista dos quadros de pessoal nos mais baixos níveis. Ser um aluno, antes de tornar-se um professor; aprender com os quadros de níveis inferiores, antes de expedir ordens.

6 LAISSEZ-FAIRE É o tipo de liderança que não exprime nenhuma atividade; portanto, caracteriza-se como negação da liderança. Ocorre quando o líder evita assumir posições e resolver conflitos. Esse estilo de liderança possui um impacto negativo com relação à eficácia e à satisfação dos seguidores

7 DINÂMICA DO COMPORTAMENTO Greenberg (1999, p.50) pesquisa sobre o que motiva as pessoas que trabalham. Os cientistas definiram a motivação como o processo que desperta, dirige e mantém um comportamento que se orienta para um determinado objetivo.

8 DESPERTAR – refere-se a energia por trás da ação; DIREÇÃO – implica escolha por uma orientação; MANUTENÇÃO – diz respeito a persistência em exercer um esforço até que o objetivo seja alcançado.

9 PERSONALIDADE – modifica-se em seus componentes psíquicos pelo amadurecimento dos mesmos – transforma-se com relação aos seus componentes físicos e fisiológicos e no decorrer do tempo, acumula experiências vividas, conforme os diferentes aspectos ambientais, culturais e sociais que se lhe apresentam. A vivência humana traduz-se em constante renovação, em movimento contínuo.

10 A MOTIVAÇÃO NO TRABALHO A motivação para o trabalho aparece como um fenômeno complexo, que não se pode analisar sem levar em consideração o conjunto de situação, quer dizer, o indivíduo (suas características e experiências), o trabalho (sua natureza e restrições) e a organização com suas regras, seus objetivos, bem como o clima que lhe é próprio.

11 ESTUDIOSOS DO TEMA MOTIVAÇÃO MASLOW – necessidades humanas; McGREGOR – teoria X e Y; HERZBERG – teoria dos dois fatores;

12 A TEORIA MOTIVACIONAL APLICADA AO TRABALHO De acordo com a situação vivida no momento, diferente grupos de necessidades estão em jogo. As motivações diferem: Em situação familiar; No contexto escolar; Em situação religiosa; No esporte; Na situação de trabalho;

13 É IMPORTANTE EXAMINAR, TÃO DETIDAMENTE QUANTO POSSÍVEL, QUAIS AS NECESSIDADES EM JOGO, EM SITUAÇÃO DE TRABALHO.

14 1ª preocupação – por que o homem trabalha? O homem não pode mais ser considerado como uma espécie de engrenagem que segue os ditames da máquina, buscando adaptar-se a seu ritmo. Ele tem características próprias, que devem necessariamente ser respeitadas.

15 Pessoas desconhecedoras dos princípios básicos do comportamento humano, acreditam que a grande motivação de quem trabalha seja o dinheiro,e, então, concluem que o homem trabalha porque precisa dele, e quanto mais ganhar, maior será o seu potencial motivacional.

16 Conforme Argyris (1969) os objetivos de quem trabalha caminha paralelamente aos objetivos da empresa. Ambos buscam a produtividade, usando formas em que possam usufruir maior conforto e satisfação.

17 Se os objetivos dos trabalhadores em uma organização qualquer forem oposto ao objetivo da empresa, de duas uma: ou a empresa está administrativa e organizacionalmente desorientada e carente de maiores recursos ou o trabalhador está pessoalmente desajustado e individualmente infeliz.


Carregar ppt "QUATRO TALENTOS DO LÍDER EFICAZ Aula 4. DIFERENTES ESTILOS DE LIDERANÇA Modelo Militar – líder institucional; Líder passivo – não exerce nenhum tipo de."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google