A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

UAMSF - RJ I SEMINÁRIO SOBRE LINHAS DE FOMENTO. É apoiar e facilitar o acesso dos pequenos empreendimentos ao crédito, estabelecendo parcerias com as.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "UAMSF - RJ I SEMINÁRIO SOBRE LINHAS DE FOMENTO. É apoiar e facilitar o acesso dos pequenos empreendimentos ao crédito, estabelecendo parcerias com as."— Transcrição da apresentação:

1 UAMSF - RJ I SEMINÁRIO SOBRE LINHAS DE FOMENTO

2 É apoiar e facilitar o acesso dos pequenos empreendimentos ao crédito, estabelecendo parcerias com as instituições financeiras, cabendo à orientação ao cliente quanto às opções dos produtos disponíveis e a sua real utilização, auxiliando-os na tomada de decisão para comprovar se o momento é propício para o levantamento do financiamento O PAPEL DO SEBRAE

3 São disponibilizadas várias atividades como Cursos, Palestras de Orientação ao Crédito, Orientação Empresarial, com proposição de políticas e instrumentos que permitam o surgimento, crescimento e fortalecimento de pequenos negócios, por meio de financiamento e capitalização.

4 São informadas as linhas de financiamentos direcionadas às pequenas empresas, os critérios definidos pelas instituições financeiras conveniadas, condições dos financiamentos, como também a elaboração dos estudos para avaliar a capacidade de pagamento das empresas, quando solicitado pelo Banco o Plano de Negócio Orientado.

5 O SEBRAE ainda disponibiliza para os empresários o FAMPE - instrumento para complementar as garantias bancárias exigidas na concessão do crédito.

6 AUSÊNCIA DE INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS, PRECISAS E OPORTUNAS CAUSAM INDECISÕES QUE INVIABILIZAM BONS NEGÓCIOS.

7 COMO É REALIZADO O PLANEJAMENTO FINANCEIRO DOS INVESTIMENTOS PARA O SEU NEGÓCIO ? Para que preciso; Quanto preciso; Como irei pagar; Quando precisarei; Que tipo de linha de crédito é mais adequado às necessidades do negócio.

8 PLANO DE NEGÓCIO É um documento pelo qual o empreendedor formalizará os estudos a respeito de suas idéias, transformando-as num NEGÓCIO, OU SEJA, é onde registra o conceito do negócio, os riscos, os concorrentes, o perfil da clientela, as estratégias de marketing, bem como todo o plano financeiro que viabilizará o novo negócio.

9 DESEQUILÍBRIO FINANCEIRO SINTOMAS DO DESEQUILÍBRIO FINANCEIRO Insuficiência crônica de caixa; Dependência constante de empréstimos; Utilização de empréstimos com taxas de juros superiores a rentabilidade do negócio; Mudanças constantes de fornecedores; Alterações constantes do foco empresarial.

10 O QUE DEVE SER LEVADO EM CONTA AO SOLICITAR UM FINANCIAMENTO ? Cr é dito viabiliza oportunidades, não cria; O empr é stimo precisa ser pago; Planejar bem a abertura ou expansão do neg ó cio; O empr é stimo deve sempre ser aplicado na finalidade para a qual foi obtido; O conhecimento pr é vio das op ç ões das linhas e servi ç os financeiros.

11 O QUE DIFICULTA O ACESSO AO FINANCIAMENTO ? Situação jurídica da empresa ou dos sócios desatualizada; Insuficiência de garantias; Falta de capital próprio; Incapacidade de pagamento; Falta de orçamentos relacionados aos investimento pretendido ou orçamentos desatualizados; Conflito de informações na elaboração do Plano de Negócio, e sua comprovação junto à Instituição Financeira.

12 IDENTIFICAR A FINALIDADE DO INVESTIMENTO Implantação; Expansão; Modernização; Relocalização; Outros.

13 ASPECTOS A SEREM OBSERVADOS Prazo; Carência; Taxa de juros; Contrapartidas (percentual de recursos da pr ó pria empresa); Limites; Garantias reais e pessoais.

14 CONSIDERA Ç ÕES FINAIS DINHEIRO DEVE SER A SOLU Ç ÃO E NÃO MAIS UM PROBLEMA!!!

15 OBRIGADO OBRIGADO SEBRAE – UAMSF


Carregar ppt "UAMSF - RJ I SEMINÁRIO SOBRE LINHAS DE FOMENTO. É apoiar e facilitar o acesso dos pequenos empreendimentos ao crédito, estabelecendo parcerias com as."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google