A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DISCIPLINA DE PROJETOS TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DISCIPLINA DE PROJETOS Orientadores: Prof. Adelia Cassettari Preteli.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DISCIPLINA DE PROJETOS TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DISCIPLINA DE PROJETOS Orientadores: Prof. Adelia Cassettari Preteli."— Transcrição da apresentação:

1 TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DISCIPLINA DE PROJETOS TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DISCIPLINA DE PROJETOS Orientadores: Prof. Adelia Cassettari Preteli Prof. Marcelo da Silva Jordão Prof. Carlos Eduardo Carlota

2 DUART SERVICE Soluções em sistemas de refrigeração

3 Colaboradores Francisco Sales Rafael Ramon Robson de Araujo Sergio Marques Tiago Duarte

4 Refrigeração Comercial

5 OBJETIVO Implantar um sistema de refrigeração eficiente para armazenar pescados em um restaurante de culinária oriental.

6 Cliente Restaurante Nafuka Sushi Rua: Padre Landell de Moura, 299 – Jd. Anália Franco

7 Situação atual

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17 Planta do local

18 Proposta

19 Câmara de Resfriados Câmara de Congelados Pessoas3728,00 Infiltração6698,00 Embalagens720,00 Produtos25200,00 Iluminação168,50 Transmissão3749,04 Motores3405,60 Caixas plasticas2220,00 TOTAL45.889,14 Pessoas5408 Infiltração6525 Embalagens240 Produtos16,857 Iluminação104,02 Transmissão2109,84 Motores3405,6 Caixa plastica1036 TOTAL18.845,32 Resumo de carga térmica (Kcal/24 horas)

20 Planta do local (Proposta)

21 Selecionamento do equipamento

22 Câmara Frigorífica pré montada Fácil instalação - Estrutura de fácil montagem, facilitando a instalação. Proteção - Grande capacidade de isolação térmica e acústica. Estética - Qualidade no acabamento, dispensa forro e a necessidade de acabamentos internos e externos.

23 Unidade evaporadora Compacto, robusto e leve. Fácil manutenção e higienização. Exclusiva bandeja interna que elimina a fuga inferior do ar, aumentando a eficiência térmica e reduzindo o consumo de energia. Baixo nível de ruído através de bocais aerodinamicamente projetados. Reduzido consumo de energia. FORÇADOR DE AR FT. 17-T042 e FT. 17-T084

24 Unidade Condensadora Silenciosa - Baixo nível de ruído, própria para instalações em centros comerciais. Proteção - Uso de carenagem apropriada para instalações em ambientes externos. Fácil instalação - Estrutura de fácil desmontagem, facilitando o acesso aos componentes para instalação, regulagem e manutenção. Maior estocagem - Desenho otimizado, ocupando menor espaço útil para estocagem e instalação. Baixo consumo - Uso de ventiladores de alta eficiência, proporcionando baixo consumo de energia. Visual atraente - Pintura neutra adequada a qualquer ambiente. Danfoss Unidades Condensadoras Slim Pack HJM 18 e HJM 22

25 Limite de nível de ruído De acordo com a NBR (Avaliação do ruído em áreas habitadas), o limite do nível de ruído em áreas mistas, predominantemente residencial é de 55 dB(A) após 2 metros do limite da propriedade. A principal aposta da companhia é a Unidade Condensadora Slim Pack que, é totalmente focada em eficiência energética e diminuição de ruído. Segundo o diretor de vendas da Danfoss Brasil, Peter Young, a unidade tem como principais públicos-alvos os representantes de restaurantes e padarias situados próximos a zonas residenciais ou mesmo a escolas e hospitais. FONTE: Revista Fator Ruído emitido : 50 dB(A)

26 Painel Elétrico pré montado Fácil instalação - Estrutura de fácil desmontagem, facilitando o acesso aos componentes para manutenção. Maior estocagem – Desenho otimizado, ocupando menor espaço útil para estocagem e instalação.

27 Acessórios MT-512 TC-900Ri Baixo custo: custo de micro-controladores e semi-condutores reduziu muito nos últimos 20 anos. Flexibilidade: facilidade de configuração e re-configuração através de software. Operação estática: controladores digitais são muito menos propensos a variações devido as condições ambientais. Lógica de controle mais complexa, pois são mais fáceis de serem implementados

28 Custos do projeto

29 EquipamentosR$16.570,00 Materiais frigorificosR$ 2.715,00 Mão de obraR$ 8.000,00 ProjetoR$ 2.500,00 TotalR$29.785,00

30 Consumo de energia elétrica Atual x Projeto Consumo de Energia Elétrica Equipamentos existentes Potência de consumo Kw Kw/24 Kw/mês Kw/ano Freezer Nº 010,3728, Freezer Nº 020,3728, Freezer Nº 030,3728, Freezer Nº 040,2465, Balcão Refrigerado Nº010,3728, Balcão Refrigerado Nº020,3728, Balcão Refrigerado Nº030,2465, Balcão Refrigerado Nº040,2465, Freezer Vertical0,55913, Máquina de Gelo0,74617, Total3,90393, Planilha de Consumo de Energia Elétrica Projeto Potência de consumo Kw Kw/22 Kw/mês Kw/ano Câmara de resfriados Câmara de congelados1,737, Consumo em KW dos equipamentos atuais Consumo em KW do projeto Economia anual KW/ANO Menor consumo elétrico,melhor para o nosso meio ambiente.

31 Economia mensal R$306,31 Gastos com energia elétrica Atual x Projeto Valor expresso em R$ Kw /mêsKw/ano Equipamentos existentes2805x0, x0,29651 TotalR$ 831,71R$ 9.980,52 Valor expresso em R$ Equipamentos do projetoKw/ mêsKw/ano Camara de resfriados660x x0,29651 Camara de congelados1112x x0,29651 TotalR$ 525,40R$ 6.340,56 Consumo dos equipamentos atuais Consumo do projeto A economia anual de R$3.640,00 vai garantir o retorno do investimento ao cliente em oito anos.

32 Viabilidade Ambiental

33 Impactos ambientais Os equipamentos utilizam os fluidos refrigerantes R22 e R12. É constante o surgimento de vazamentos de oléo e de fluido refrigerante. Há um grande consumo de energia elétrica.

34 Soluções minimizadoras O fluido refrigerante será recolhido e descartado. Os equipamentos atuais serão enviados para a reciclagem como sucata. Com o novo sistema o consumo de energia elétrica irá diminuir.

35 Fluido refrigerante alternativo SUVA® HP80 (R-402A) Maior rendimento - melhor rendimento do sistema com menos quantidade de fluido. HCFC - apresenta um baixo potencial de degradação da camada de ozônio Não inflamável - classificação de segurança ASHRAE: A1 Menor temperatura de descarga - Sua menor temperatura de descarga possibilita o prolongamento da vida útil do compressor.

36 Referências ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6493: emprego de cores para identificação de tubulações. Rio de Janeiro, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS NBR 7541: tubos de cobre sem costura para refrigeração e ar condicionado. Rio de Janeiro, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS NBR 13598: vasos de pressão para refrigeração. Rio de Janeiro, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS NBR :2006: painéis industrializados com espuma rígida de poliuretano. Rio deJaneiro, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS NBR 10151: avaliação do ruído em áreas habitadas. Rio de Janeiro ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS NBR 5410: instalações elétricas de baixa tensão. Rio de Janeiro, 2008 NR-15 – Regulamentação governamental: Atividades de Operações insalubres. Disponível em: Acesso em: 25 de maio de 2010.http://www.mte.gov.br/

37 Conclusão Concluímos que após a realização dos estudos necessários para a realização do projeto, este atenderá a necessidade do cliente, obedecendo todas as normas regulamentadoras pré-estabelecidas pela ABNT.

38 Agradecimentos A Deus que nos deu forças para chegar até aqui. As nossas famílias por todo o apoio que nos foi dado. As Professores que tiveram paciência para nos passar seus conhecimentos.


Carregar ppt "TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DISCIPLINA DE PROJETOS TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DISCIPLINA DE PROJETOS Orientadores: Prof. Adelia Cassettari Preteli."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google