A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Se é professor, provavelmente ouviu falar muito sobre...... Educação do séc. XXI Aprendizagem baseada na Internet.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Se é professor, provavelmente ouviu falar muito sobre...... Educação do séc. XXI Aprendizagem baseada na Internet."— Transcrição da apresentação:

1 Se é professor, provavelmente ouviu falar muito sobre Educação do séc. XXI Aprendizagem baseada na Internet

2 Talvez seja o momento de fazer algo na sua instituição educativa. Como deseja o seu ambiente de aprendizagem baseado em Internet? Criação fácil de cursos com os recursos existentes? Conteúdos que podem reutilizar-se? Inscrição e autenticação dos alunos simples e segura? Características intuitivas para o professor e aprendizagem do aluno? Uma comunidade activa que ajuda a solucionar problemas e a gerar novas ideias? Exequível?

3 Introdução ao Moodle! O Moodle é uma alternativa às soluções comerciais como Blackboard e WebCT, e é distribuído gratuitamente sob licença Open Source. O ambiente de aprendizagem do Moodle baseia-se nos princípios pedagógicos construtivistas, com um desenho modular que torna fácil agregar conteúdos que motivam o estudante. O Moodle tem uma interface intuitiva para a navegação que torna fácil criar cursos

4 Arquitectura do Moodle As actividades são o coração do sistema de gestão de cursos. O Moodle foi desenhado por um educador e informático, baseando-se nos princípios do construti- vismo social. O Construtivismo afirma que a aprendi- zagem é especialmente efectiva quando se realiza em colaboração com outros. Essa experiência pode ser qualquer coisa: uma frase pronunciada, uma mensa- gem na Internet, ou elementos mais complexos como uma pintura, uma casa ou uma aplicação informática. O conceito do construtivismo social amplia as ideias comentadas num grupo social que constrói a sua aprendizagem em relação, criando em colaboração uma cultura de partilhar conteúdos e significados. A imersão numa cultura faz com que aprendamos continuamente como ser uma parte dessa cultura a muitos níveis. Martin Dougiamas Criador e director de desenvolvimento

5 Propiciar uma aprendizagem activa A perspectiva construtivista vê o aluno implicado activamente na sua aprendizagem para que lhe dê significado. Este tipo de ensino procura que o aluno possa analisar, investigar, colaborar, partilhar, construir e gerar baseando-se no que já sabe. Os estudantes vão à escola com uma opinião estabelecida, formada por anos de experiência e de aprendizagens anteriores. À medida que se desenvolve, a opinião dos alunos filtra todas as experiências e afecta as suas interpretações. Para que os estudantes mudem de ponto de vista exige-se trabalho. Os estudantes aprendem entre si e com o professor. Os estudantes aprendem melhor fazendo. Permitir e criar as oportunidades para que todos possam expressar-se promove a construção de novas ideias.

6 Experiência do aluno - Conexão Os alunos consideram fácil navegar nas páginas do curso de Moodle com o navegador; as hiperligações estão sempre presentes. A conexão produz-se num ecrã familiar. Criar uma conta é uma tarefa que pode realizar o aluno ou o administrador. A barra de navegação proporciona hiperligações para a página principal do curso e suas actividades

7 Experiência do aluno – Chaves de inscrição Os professores podem exigir uma palavra-chave para permitir a inscrição num curso. Aquela permite um processo individual de conexão. Os cursos que requerem uma chave para inscrição têm um símbolo com essa indicação. Os alunos vêem os seus cursos na página principal do sítio, depois da conexão

8 Experiência do aluno – 24/7/365 Sempre! Os alunos podem conectar-se em qualquer momento, a partir do local desejado para usar o curso, e podem especificar a zona horária e o idioma que desejam utilizar. O Moodle tem uma interface para 34 idiomas.

9 Experiência do aluno – Notificação via O correio electrónico é enviado, em formato HTML, a cada aluno inscrito nos fóruns. Se os alunos subscreverem fóruns, as novas mensagens ser- lhes-ão enviadas por correio electrónico. Além disso, os professores podem pedir notificação dos diálogos privados.

10 Mais de organizações em 153 países têm sítios Moodle (http://moodle.org/sites) – registados. Este número cresce à medida que os professores percebem a importância de implementar o Moodle.http://moodle.org/sites Moodle é o ambiente de aprendizagem virtual ideal para: Quem usa o Moodle? A minha experiência no primeiro ano foi um enorme êxito, pelo comportamento do programa e a qualidade e quantidade de participação. Foi fabuloso trabalhar com o Moodle. Não é nada parecido com os outros programas aborrecidos como Blackboard y WebCT." - Paula Edmiston, Formadora Escolas Institutos Universidades Centros de formação profissional Negócios Academias Hospitais Bibliotecas Agências de emprego

11 Quem o ajudará a utilizar o Moodle? Centenas de utilizadores conhecedores do Open Source uniram-se para tornar o Moodle uma comunidade de aprendizagem. Contacte com algum amigo!

12 Hiperligações Estes sítios do Moodle estão abertos para que possa explorar como aluno, ou com permissão de criação de cursos. Using Moodle: Moodle em Português: Moodle For Language Teaching: What is Open Source Software: Developer Team Support:


Carregar ppt "Se é professor, provavelmente ouviu falar muito sobre...... Educação do séc. XXI Aprendizagem baseada na Internet."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google