A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

USO EFICIENTE DA ÁGUA Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos HídricosInstituto de Gestão das Águas do Estado do Rio Grande do Norte.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "USO EFICIENTE DA ÁGUA Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos HídricosInstituto de Gestão das Águas do Estado do Rio Grande do Norte."— Transcrição da apresentação:

1 USO EFICIENTE DA ÁGUA Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos HídricosInstituto de Gestão das Águas do Estado do Rio Grande do Norte

2 Para refletir... A água doce é rara A água doce é rara Os recursos hídricos estão distribuídos não uniformemente Os recursos hídricos estão distribuídos não uniformemente A competição é grande entre os usuários A competição é grande entre os usuários A poluição das águas aumenta cada vez mais A poluição das águas aumenta cada vez mais Aumento do desmatamento Aumento do desmatamento Expansão desordenada das cidades Expansão desordenada das cidades Manejo e gestão inadequada das bacias hidrográficas Manejo e gestão inadequada das bacias hidrográficas Observa-se um grande desperdício de água Observa-se um grande desperdício de água Buscar a água mais longe significa torná-la um produto cada vez mais caro Buscar a água mais longe significa torná-la um produto cada vez mais caro

3 Qual o meu papel de cidadão? A cada um de nós cabe um papel importante na preservação do meio ambiente, em geral, e da ÁGUA, em particular.

4

5 O que é Bacia Hidrográfica? Área drenada por um rio ou um sistema conectado de rios tal que toda a vazão efluente é descarregada através de uma simples saída Área drenada por um rio ou um sistema conectado de rios tal que toda a vazão efluente é descarregada através de uma simples saída

6 Múltiplos usos da água Abastecimento: Humano e Animal Abastecimento: Humano e Animal Agricultura: Irrigação Agricultura: Irrigação Indústria Indústria Aqüicultura: piscicultura e carcinicultura Aqüicultura: piscicultura e carcinicultura Geração de energia elétrica Geração de energia elétrica Lazer Lazer Turismo Turismo Mineração Mineração Preservação da flora e fauna Preservação da flora e fauna

7

8 Distribuição dos usos da água

9 Números do Desperdício

10 Leis das águas

11 Política de Recursos Hídricos Política Nacional de Recursos Hídricos Política Estadual de Recursos Hídricos Gestão Estadual de Recursos Hídricos Lei 9.433/97 Lei 6.908/96 Lei 8.086/02

12 Nível Federal Nível Federal –Ministério do Meio Ambiente/Secretaria de Recursos Hídricos –Conselho Nacional de Recursos Hídricos –Agência Nacional de Águas –Comitês de Bacia Hidrográfica Nível Estadual Nível Estadual –Secretaria do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos –Conselho Estadual de Recursos Hídricos –Instituto de Gestão das Águas do RN –Comitês de Bacia Hidrográfica Sistema de Gerenciamento de Recursos Hídricos

13 Princípios da Política O gerenciamento dos recursos hídricos será feito de forma participativa (poder público, usuários de água e comunidade) O gerenciamento dos recursos hídricos será feito de forma participativa (poder público, usuários de água e comunidade) Gestão participativa e descentralizada

14 Princípios da Política O aproveitamento dos recursos hídricos tem como prioridade o abastecimento humano. O aproveitamento dos recursos hídricos tem como prioridade o abastecimento humano.

15 Fundamentos da Política de Recursos Hídricos A água: A água: –É um bem de domínio público –É um recurso natural limitado –Possui valor econômico Em situação de escassez de água: Em situação de escassez de água: –Prioridade para consumo humano e animal

16 O que diz a Lei? Assegurar à atual e às futuras gerações a necessária disponibilidade de água, em padrões de qualidade adequados aos respectivos usos Assegurar à atual e às futuras gerações a necessária disponibilidade de água, em padrões de qualidade adequados aos respectivos usos A utilização racional e integrada dos recursos hídricos, com vistas ao desenvolvimento sustentável A utilização racional e integrada dos recursos hídricos, com vistas ao desenvolvimento sustentável Instrumentos Instrumentos Disciplinamento do uso da água Disciplinamento do uso da água

17 Alternativas para o uso eficiente da água

18 Uso eficiente da água Utilizaremos a água sem desperdício nas cidades e no campo seguindo e usando: Leis Leis Hábitos e práticas com menor consumo de água Hábitos e práticas com menor consumo de água Tecnologias poupadoras Tecnologias poupadoras Eficiência na irrigação Eficiência na irrigação

19 Alternativas Sistemas individuais ou comunitários de captação de água de chuva (cisternas) Sistemas individuais ou comunitários de captação de água de chuva (cisternas) Reuso de água : residencial e industrial Reuso de água : residencial e industrial Monitoramento da rede de abastecimento e dos consumidores Monitoramento da rede de abastecimento e dos consumidores Tarifação que estimule o uso eficiente da água sem penalizar os usuários mais frágeis economicamente: quem gasta mais paga mais Tarifação que estimule o uso eficiente da água sem penalizar os usuários mais frágeis economicamente: quem gasta mais paga mais Outorga dos direitos de uso da água Outorga dos direitos de uso da água Legislação que induza o uso racional da água Legislação que induza o uso racional da água Criação de comitês de bacia hidrográfica Criação de comitês de bacia hidrográfica

20 Alternativas educacionais Incorporação da questão da água aos currículos escolares Incorporação da questão da água aos currículos escolares Programas e campanhas de educação ambiental Programas e campanhas de educação ambiental Adequação dos currículos dos cursos técnicos e universitários Adequação dos currículos dos cursos técnicos e universitários Programas de reciclagem para profissionais Programas de reciclagem para profissionais

21 Hábitos para redução do consumo

22 Para não passarmos pela falta dágua...

23 Poupe a mangueira No verão, regue o jardim com quando o sol está fraco, pela manhã, ou à noite. No verão, regue o jardim com quando o sol está fraco, pela manhã, ou à noite. No inverno, deve-se regar dia sim, dia não, pela manhã. No inverno, deve-se regar dia sim, dia não, pela manhã. Nos vasos, use regador. Nos vasos, use regador. Cultive plantas que necessitam de pouca água (bromélias, cactos, pinheiros) Cultive plantas que necessitam de pouca água (bromélias, cactos, pinheiros) Molhe a base das plantas, não as folhas; Molhe a base das plantas, não as folhas; Utilize cobertura morta (folhas, palha) sobre a terra de canteiros e jardins. Ela diminui a perda de água. Utilize cobertura morta (folhas, palha) sobre a terra de canteiros e jardins. Ela diminui a perda de água.

24 Ducha Seca Um banho de quinze minutos com o chuveiro ligado gasta 144 litros. Se fechar a torneira enquanto se ensaboa, o consumo cai para 48 litros. Um banho de quinze minutos com o chuveiro ligado gasta 144 litros. Se fechar a torneira enquanto se ensaboa, o consumo cai para 48 litros.

25 Feche a torneira Escovar os dentes com a torneira aberta por cinco minutos gasta 12 litros de água. Molhar a escova, fechar a torneira e enxaguar a boca usando um copo economiza 11,5 litros de água. Escovar os dentes com a torneira aberta por cinco minutos gasta 12 litros de água. Molhar a escova, fechar a torneira e enxaguar a boca usando um copo economiza 11,5 litros de água.

26 O vilão do vazamento Os vazamentos podem ser evidentes como uma torneira pingando ou escondidos, no caso de canos furados ou de vaso sanitário. Os vazamentos podem ser evidentes como uma torneira pingando ou escondidos, no caso de canos furados ou de vaso sanitário.

27 Localize Vazamentos Escondidos Teste do Vaso Sanitário: Jogue um pouco de farinha dentro do vaso sanitário. Se a farinha ficar parada no fundo do vaso, tudo bem. Se a farinha não ficar parada, existe vazamento na válvula ou na caixa de descarga. Teste do Vaso Sanitário: Jogue um pouco de farinha dentro do vaso sanitário. Se a farinha ficar parada no fundo do vaso, tudo bem. Se a farinha não ficar parada, existe vazamento na válvula ou na caixa de descarga. Teste do Hidrômetro: Para checar se há vazamento entre o hidrômetro e a caixa d'água, abra o registro do hidrômetro e feche a bóia da caixa até interromper o fluxo de água. O hidrômetro deve ficar parado. Se nenhum ponteiro se movimentar, não tem vazamento. Teste do Hidrômetro: Para checar se há vazamento entre o hidrômetro e a caixa d'água, abra o registro do hidrômetro e feche a bóia da caixa até interromper o fluxo de água. O hidrômetro deve ficar parado. Se nenhum ponteiro se movimentar, não tem vazamento.

28 Localize Vazamentos Escondidos Teste de Caixa d'Água: Para verificar se há vazamentos entre a caixa e o encanamento da casa, feche a bóia e marque o nível da água na caixa. Feche todas as torneiras e chuveiros e não use vasos sanitários durante 1 hora. Passando esse tempo, meça o nível de água na caixa. Se houver alteração, há vazamento. Teste de Caixa d'Água: Para verificar se há vazamentos entre a caixa e o encanamento da casa, feche a bóia e marque o nível da água na caixa. Feche todas as torneiras e chuveiros e não use vasos sanitários durante 1 hora. Passando esse tempo, meça o nível de água na caixa. Se houver alteração, há vazamento. Teste da Cisterna: Encha a cisterna até o fluxo de água ser interrompido e a bóia fechar. O hidrômetro também tem de parar. Se houver movimentação nos ponteiros, há vazamento na cisterna. Teste da Cisterna: Encha a cisterna até o fluxo de água ser interrompido e a bóia fechar. O hidrômetro também tem de parar. Se houver movimentação nos ponteiros, há vazamento na cisterna.

29 Ajuda profissional Se a sua conta de água subiu de valor de repente, pode ser sinal de vazamento. Chame logo um encanador e faça uma revisão geral. Além de ajudar o planeta, você vai sentir a diferença no bolso. Se a sua conta de água subiu de valor de repente, pode ser sinal de vazamento. Chame logo um encanador e faça uma revisão geral. Além de ajudar o planeta, você vai sentir a diferença no bolso.

30 Fazendo espuma Lavar louça durante quinze minutos com a torneira meio aberta consome 243 litros de água. Esse volume pode ser reduzido a 20 litros se você limpar os restos dos pratos, encher a pia de água e ensaboar a louça com a torneira fechada. Lavar louça durante quinze minutos com a torneira meio aberta consome 243 litros de água. Esse volume pode ser reduzido a 20 litros se você limpar os restos dos pratos, encher a pia de água e ensaboar a louça com a torneira fechada.

31 Lavagem com balde Se você lava o carro com a mangueira semi-aberta, pode gastar até 560 litros de água em trinta minutos. Usar um balde de 10 litros para molhar e ensaboar e outros três para enxaguar reduz o consumo a 40 litros. Se você lava o carro com a mangueira semi-aberta, pode gastar até 560 litros de água em trinta minutos. Usar um balde de 10 litros para molhar e ensaboar e outros três para enxaguar reduz o consumo a 40 litros.

32 Use a vassoura Varra e recolha a sujeira de calçadas e quintais antes de jogar água. Finalize o serviço com a mangueira semi- aberta ou um balde. Varra e recolha a sujeira de calçadas e quintais antes de jogar água. Finalize o serviço com a mangueira semi- aberta ou um balde.

33 Tecnologias poupadoras

34 Arejadores O arejador espalha a água e aumenta o poder do jato da torneira O arejador espalha a água e aumenta o poder do jato da torneira

35 Torneiras automáticas Esta torneira mecânica desliga-se sozinha, reduzindo o desperdício Esta torneira mecânica desliga-se sozinha, reduzindo o desperdício Esta torneira automática permanece ligada enquanto se enxágua as mãos Esta torneira automática permanece ligada enquanto se enxágua as mãos

36 Vasos sanitários de descarga reduzida Antes: Bacias sanitárias usavam de 10 a 30 litros por descarga Antes: Bacias sanitárias usavam de 10 a 30 litros por descarga Agora: O interior da bacia sanitária foi reprojetado para funcionar com 6 litros por descarga Agora: O interior da bacia sanitária foi reprojetado para funcionar com 6 litros por descarga

37 Eficiência na irrigação

38 Irrigação De 1950 até passamos de pouco mais de 100 mil hectares para quase 3 milhões. Grande demanda de água Vários métodos de irrigação Método de Irrigação Eficiência (%) Por superfície 40 a 75 Por aspersão 60 a 85 Localizada 80 a 95

39 Métodos eficientes de irrigação Gotejamento Microaspersão

40 Uma pequena estória....

41 No tempo do meu avô tínhamos água em abundância

42 Hoje a água é escassa

43 Será que quando eu crescer vai ter água suficiente para todos??

44 Se terei água vai depender também de você!!!

45

46 FONE: FONE:


Carregar ppt "USO EFICIENTE DA ÁGUA Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos HídricosInstituto de Gestão das Águas do Estado do Rio Grande do Norte."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google