A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

POLÍTICAS EXTERNAS POLÍTICA CAMBIAL: depende do tipo de regime de câmbio adotado: taxas fixas de câmbio ou taxas flexíveis. POLÍTICA COMERCIAL: alterações.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "POLÍTICAS EXTERNAS POLÍTICA CAMBIAL: depende do tipo de regime de câmbio adotado: taxas fixas de câmbio ou taxas flexíveis. POLÍTICA COMERCIAL: alterações."— Transcrição da apresentação:

1 POLÍTICAS EXTERNAS POLÍTICA CAMBIAL: depende do tipo de regime de câmbio adotado: taxas fixas de câmbio ou taxas flexíveis. POLÍTICA COMERCIAL: alterações das tarifas de importação, regulamentação do comércio exterior. Estão sujeitas às normas estabelecidas pela OMC.

2 REGIMES DE CÂMBIO CÂMBIO FIXO: O BC fixa a taxa de câmbio com a qual o mercado deve operar. Desta forma, se obriga a disponibilizar suas reservas quando requisitadas. Inclui-se o regime de bandas cambiais, Brasil ( ). CÂMBIO FLEXÍVEL (FLUTUANTE): a taxa de câmbio é determinada pelo mercado de divisas (moeda estrangeira, no caso o US$).Mais comum: dirty floating (flutuação suja).

3 Câmbio fixoflutuante Características Vantagens BC fixa a taxa de Câmbio Maior controle da inflação. Ex: BR e Argentina anos 90 Mercado determina a taxa de câmbio. Política monetária mais independente do câmbio DesvantagensPolítica monetária dependente do volume de reservas. Quando é baixo, a taxa de juros aumenta. Ex: Brasil, pós crises asiática e russa, 45% ao ano. Maior dificuldade de controle das pressões inflacionárias devido às desvalorizações cambiais, utilizando- se mais a política monetária para esse objetivo.

4 POLÍTICA COMERCIAL -Alterações das tarifas sobre importações: depende do objetivo de política. Década de 70 grande parte dos países em desenvolvimento apresentaram elevadas tarifas de importação, objetivo era proteger a indústria nacional. MSI (modelo de substituição de importação). Década de 90 (Brasil): abertura comercial com queda nas tarifas de importação. -Regulamentação do comércio exterior: cotas, subsídios, outras barreiras, como fitossanitárias, etc. As políticas comerciais estão sujeitas às normas da OMC.

5 ESTRUTURA DO BALANÇO DE PAGAMENTOS O QUE É BALANÇO DE PAGAMENTOS? - O REGISTRO CONTÁBIL DE TODAS AS TRANSAÇÕES ECONÔMICAS REALIZADAS ENTRE OS RESIDENTES DE UM PAÍS (EMPRESAS, GOVERNO E PESSOAS FÍSICAS) COM OS RESIDENTES DOS DEMAIS PAÍSES. - REFERE-SE AO FLUXO DE TRANSAÇÕES EM UM DADO ANO. -É CONTABILIZADO PELO BANCO CENTRAL.

6 BALANÇO DE PAGAMENTOS A. Balança Comercial (Mercadorias) Exportações (-) Importações B. Conta Serviços e Rendas Viagens internacionais (turismo),Transportes (fretes),Seguros Rendas de Capitais (juros, lucros, dividendos e lucros reinvestidos), Serviços diversos,Serviços governamentais C. Transferências unilaterais (donativos em $ ou mercadorias) D. Balanço de Transações Correntes ou Saldo em Conta Corrente (A+B+C) E. Conta Capital e Financeira Investimentos diretos líquidos, reinvestimentos, empréstimos e financiamentos (Banco Mundial, etc) Amortizações, Empréstimos de regularização (FMI), Capitais de curto prazo. F. Erros e omissões G. Saldo do Balanço de Pagamentos (D+E+F) H. Variação de reservas (= - G).

7 Exercício Dadas as seguintes informações sobre o Balanço de Pagamentos, em milhões de dólares: Exportações: 100 Importações: 80 Empréstimos externos recebidos: 20 Donativos recebidos em dólares: 5 Remessa de lucros: 8 Amortizações pagas: 10 Juros pagos sobre a dívida externa: 20 Investimentos Diretos estrangeiros: 30 Pede-se: a)Saldo da Balança Comercial b)Saldo do Balanço de Transações correntes c)Saldo do Balanço de Pagamentos

8 Atividade para próxima aula: Pesquisar a estrutura simplificada (como a vista em aula) recente do BP do Brasil, dados 2008 e trazer para aula.


Carregar ppt "POLÍTICAS EXTERNAS POLÍTICA CAMBIAL: depende do tipo de regime de câmbio adotado: taxas fixas de câmbio ou taxas flexíveis. POLÍTICA COMERCIAL: alterações."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google