A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Junho de 2012 Relativa estabilidade da taxa de desemprego.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Junho de 2012 Relativa estabilidade da taxa de desemprego."— Transcrição da apresentação:

1 Junho de 2012 Relativa estabilidade da taxa de desemprego

2 Junho de 2012 Pequena variação positiva da ocupação (0,4%) => 7 mil pessoas Relativa estabilidade da PEA (0,2%) => 5 mil pessoas Pequena variação negativa do estoque de desempregados (-1,3%) => -2 mil pessoas Obs: População Economicamente Ativa (PEA) = ocupados + desempregados

3 Desemprego Relativa estabilidade na taxa de desemprego total maio => 7,3% da PEA junho => 7,2% da PEA Relativa estabilidade na taxa de desemprego aberto maio => 6,2% da PEA junho => 6,1% da PEA Estabilidade na taxa de desemprego oculto maio => 1,1% da PEA junho => 1,1% da PEA maio => 152 mil desempregados junho => 150 mil desempregados

4 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, PMPA, SEADE, DIEESE e apoio MTE/FAT Taxa de desemprego na RMPA – janeiro/11 – junho/12

5

6 OCUPAÇÃO Com pequena variação positiva de 0,4%, o contingente de ocupados foi estimado em mil pessoas em junho. Comportamento setorial: Indústria de transformação-8 mil-2,3% Construção civil4 mil3,0% Comércio (1) 3 mil0,8% Serviços12 mil1,1% Nota: O contingente total de ocupados inclui outros setores. (1) De acordo com a CNAE 2.0 domiciliar, denomina-se comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas.

7 Posição na ocupação Assalariados5 mil Setor Público9 mil Setor Privado-4 mil Com carteira-15 mil Sem carteira11 mil Autônomos-1 mil Empregados domésticos -1 mil Demais Posições4 mil Nota: O total de assalariados inclui indivíduos que não informaram os segmento em que trabalham.

8 RENDIMENTOS O rendimento médio real em maio registrou aumento para os ocupados (1,5%) e para os assalariados (1,2%). Valor % Ocupados R$ ,5 Assalariados R$ ,2

9 A massa de rendimentos reais em maio cresceu para os ocupados (2,5%) e para os assalariados (2,4%). Em ambos os casos, o incremento da massa de rendimentos reais deveu-se ao aumento tanto do nível ocupacional quando ao do rendimento médio real.

10 COMPORTAMENTO EM 12 MESES Crescimento da ocupação (2,3%) => 43 mil pessoas Crescimento da PEA (1,6%) => 33 mil pessoas Redução do desemprego (-6,3%) => -10 mil pessoas

11 DESEMPREGO A taxa de desemprego total apresentou redução nos últimos doze meses: Junho ,8% da PEA Junho ,2% da PEA

12 Ocupação (12 meses) O incremento de 43 mil ocupados (2,3%) deveu-se ao seguinte comportamento do nível ocupacional por setor de atividade econômica: Indústria de transformação10 mil3,0% Construção civil Estável Comércio (1) 2 mil0,5% Serviços 35 mil3,4% Nota: A variação do número total de ocupados inclui outros setores. (1) De acordo com a CNAE 2.0 domiciliar, denomina-se comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas.

13 Posição na ocupação (12 meses) Assalariados19 mil Setor Público2 mil Setor Privado18 mil Com carteira16 mil Sem carteira2 mil Autônomos-5 mil Empregados domésticos6 mil Demais Posições23 mil Nota: A variação do total de assalariados inclui os indivíduos que não informaram o segmento em que trabalham.

14 FONTE: Convênio PED-RMPA – FEE, FGTAS, PMPA, SEADE, DIEESE e apoio MTE/FAT. Variação anual do nível de ocupação na RMPA: junho/11 – junho/12

15 Rendimentos Elevação para o total de ocupados e para os assalariados, entre maio de 2011 e maio de 2012: % Ocupados 4,4 Assalariados 4,3

16 Nesse mesmo período, as massas de rendimentos reais dos ocupados e dos assalariados apresentaram crescimento de 7,2% e de 5,8%, respectivamente. Para os dois grupos tal comportamento deveu-se, principalmente, ao acréscimo dos rendimentos médios reais e, em menor medida, ao aumento do nível ocupacional.

17 Rendimento Médio Real dos Ocupados Regiões Metropolitanas e Distrito Federal Maio de 2012

18 MERCADO DE TRABALHO CONJUNTURA (Mês) TENDÊNCIA (12 meses) RMPA Ocupação: pequena variação positiva Taxa de desemprego: relativa estabilidade Rendimentos (maio): elevação Massa de Rendimentos (maio): elevação Ocupação: crescimento Taxa de desemprego: redução Rendimentos (maio): crescimento Massa de Rendimentos (maio): crescimento METROPOLI- TANO Ocupação: pequena variação positiva Taxa de desemprego: relativa estabilidade Rendimentos (maio): relativa estabilidade Massa de Rendimentos (maio): relativa estabilidade Ocupação: crescimento Taxa de desemprego: variação negativa Rendimentos (maio): crescimento Massa de rendimentos (maio): crescimento


Carregar ppt "Junho de 2012 Relativa estabilidade da taxa de desemprego."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google