A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade Federal de Juiz de Fora – Tópicos Especiais em Economia e Gestão da Saúde Gabrielle de Oliveira Araújo Res. Gestão Hospitalar – HU/UFJF E-mail:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade Federal de Juiz de Fora – Tópicos Especiais em Economia e Gestão da Saúde Gabrielle de Oliveira Araújo Res. Gestão Hospitalar – HU/UFJF E-mail:"— Transcrição da apresentação:

1 Universidade Federal de Juiz de Fora – Tópicos Especiais em Economia e Gestão da Saúde Gabrielle de Oliveira Araújo Res. Gestão Hospitalar – HU/UFJF Tel:

2 Universidade Federal de Juiz de Fora – TOMADA DE DECISÕES EM SAÚDE

3 Universidade Federal de Juiz de Fora – DECISÕES??? ESCOLHAS???

4 Universidade Federal de Juiz de Fora – INFORMAÇÃO INDICADORES

5 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES Indicadores são medidas síntese, de origem qualitativa ou quantitativa, dotadas de significado particular e utilizadas para organizar e captar as informações relevantes dos ele- mentos que compõem o objeto da informação. É um recur- so metodológico que informa empiricamente sobre a evolu- ção do aspecto observado.

6 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES - Conhecimento; - Controle/monitoramento; - Avaliação; - Tomada de decisões; Etc.

7 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE SAÚDE

8 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE SAÚDE EXPECTATIVA DE VIDA AO NASCER

9 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE SAÚDE EXPECTATIVA DE VIDA AO NASCER Número médio de anos que um grupo de indivíduos nascidos no mesmo ano espera viver, se mantidas, desde o seu nascimento, as taxas de mortalidade do ano em observação. É o indicador melhor expressa o quadro de saúde de uma população.

10 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE SAÚDE EXPECTATIVA DE VIDA AO NASCER REFLETE A QUALIDADE DOS SIST. DE SAÚDE (pobreza, atenção primária, violência, etc)

11 Universidade Federal de Juiz de Fora – POBREZA Mortalidade: Cólera; Dengue Esquistossomose; Febre Amarela Hepatite; Leptospirose; Malária; Poliomielite; Etc.

12 Universidade Federal de Juiz de Fora – ATENÇÃO PRIMÁRIA Mortalidade: Materna; Infantil; Infanto-juvenil.

13 Universidade Federal de Juiz de Fora – VIOLÊNCIA Mortalidade: - Causas externas.

14 Universidade Federal de Juiz de Fora – IDH – Índice de Desenvolvimento Humano - países Exp. de Vida ao Nascer Educação PIB per capta CONDIÇÕES DE SAÚDE

15 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE SAÚDE ANOS DE VIDA AJUSTADOS PELA QUALIDADE (AVAQ) ou Quality-adjusted life-year (QALY) Expectativa de vida + qualidade de vida - Expectativa de vida (duração) anos - Qualidade de vida índices que variam de 0 (morte) a 1 (estado de saúde perfeita). Autoavaliação.

16 Universidade Federal de Juiz de Fora – ANOS DE VIDA AJUSTADOS PELA QUALIDADE AVAQ/QALY soma do produto de anos de vida e a quali- dade de vida em cada um desses anos.

17 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE NECESSIDADE EM SAÚDE

18 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE NECESSIDADE EM SAÚDE PERFIL DEMOGRÁFICO Mais utilizados: Sexo - população feminina mamografia; Grupos etários (idade) – pop idosos maiores gastos c/ tratamento de doenças crônico degenerativas. Ex: Terapias Renais Substitutivas - $ e constante. DATASUS – indicadores - www2.datasus.gov.br

19 Universidade Federal de Juiz de Fora – PERFIL DEMOGRÁFICO www2.datasus.gov.br

20 Universidade Federal de Juiz de Fora – PERFIL DEMOGRÁFICO www2.datasus.gov.br

21 Universidade Federal de Juiz de Fora – PERFIL DEMOGRÁFICO www2.datasus.gov.br

22 Universidade Federal de Juiz de Fora – PERFIL DEMOGRÁFICO – MG/2012 www2.datasus.gov.br

23 Universidade Federal de Juiz de Fora – PERFIL DEMOGRÁFICO – MG/2012 www2.datasus.gov.br

24 Universidade Federal de Juiz de Fora – DATASUS – outro exemplo www2.datasus.gov.br

25 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE NECESSIDADE EM SAÚDE PERFIL EPIDEMIOLÓGICO Mais utilizados: Mortalidade; Ex.: neoplasias, H1N1, dengue, etc. Morbidade: conjunto de casos de uma dada doença ou a soma de agravos a saúde que atingem um grupo de indiví- duos, em um dado intervalo de tempo e lugar específico.

26 Universidade Federal de Juiz de Fora – Mortalidade – Neoplasias JF/2011 www2.datasus.gov.br

27 Universidade Federal de Juiz de Fora – Mortalidade – Ap. Circ. JF/2011 www2.datasus.gov.br

28 Universidade Federal de Juiz de Fora – Mortalidade – C. Externas www2.datasus.gov.br

29 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE NECESSIDADE EM SAÚDE PERFIL SOCIOECONÔMICO Mais utilizados: Saneamento; Alfabetização – educação (pais saúde filhos).

30 Universidade Federal de Juiz de Fora – INDICADORES DE NECESSIDADE EM SAÚDE Quase 5 milhões de crianças estão expostas a riscos de doenças por falta de saneamento. IBGE 2012 Percentual de crianças (0 a 14 anos) vivendo em domicílios sem sanea- mento básico.

31 Universidade Federal de Juiz de Fora – INSTRUMENTOS PARA AVALIAÇÃO ECONÔMICA EM SAÚDE

32 Universidade Federal de Juiz de Fora – TÉCNICAS DE AVALIAÇÃO ECONÔMICA EM SAÚDE COMPARAR CUSTOS PROGRAMAS/AÇÕES/PROPOSTAS EM SAÚDE EFICIÊNCIA – obter o melhor resultado ao menor custo

33 Universidade Federal de Juiz de Fora – PRINCIPAIS TÉC. DE AVALIAÇÃO ECONÔMICA EM SAÚDE: - Custo x Benefício; - Custo x Efetividade; - Custo x Utilidade.

34 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO DE OPORTUNIDADE - custo das escolhas renunciadas.

35 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO x BENEFÍCIO $ x $ Ferramenta utilizada p/ avaliar viabilidade econômica de projetos/ programas/propostas sociais, relacionando os benefícios e custos em unidades monetárias. Dados os projetos x, y, z, qual é o mais rentável? Projetos sociais = investimento em capital humano força de traba- lho mais rígida rentabilidade cresc. econômico Confronta: custos x beneficios monetizados ($).

36 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO x BENEFÍCIO $ x $ RUBÉOLA - TRATAMENTO ou VACINAÇÃO??? A política de vacinação contra Rubéola levou à erradicação da doença nos Estados Unidos. - 0 custos com tratamento; - Sem afastamentos do trabalho rentabilidade; - Bebês saudáveis capital humano..

37 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO x BENEFÍCIO $ x $ É possível comparar programas de naturezas distintas: IMUNIZAÇÃO ou SANEAMENTO?.

38 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO x BENEFÍCIO $ x $ Os beneficios de um projeto social pode chegar a uma lista Indeterminada – benefícios indiretos. Programa de saude doença regional eliminada estimulo ao turismo aumento do emprego etc. Problema: é necessario atribuir valor à vida para que projetos sociais sejam feitos? É necessário compensar? E os idosos?.

39 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO x EFETIVIDADE $ x unid. naturais Ferramenta utilizada para comparar custos de programas/propostas/ projetos sociais que visam um mesmo objetivo ou meta. Unidades naturais: - curas - vidas salvas - queda da pressão sanguínea - internaçoes prevenidas - casos detectados - anos de vida salvos - expectativa de vida - Etc..

40 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO x EFETIVIDADE $ x unid. naturais Dados os projetos x, y, z, qual tem o menor custo para que os objetivos/metas sejam cumpridos? Confronta: custos x cumprimento do objetivo (efetividade) Compara-se custos e efeitos sobre a saúde dos indivíduos (impactos) Problema: de ordem técnica, as analises só podem ser efetuadas a estratégias comparáveis, que refiram-se a um mesmo objetivo.

41 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO x EFETIVIDADE $ x unid. naturais HEMODIÁLISE X DIALISE PERITONEAL OBJETIVO/META: filtragem sangue sobrevivência anos de vida salvos.

42 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO x UTILIDADE $ x AVAQ/QALYS Trata-se de uma forma mais refinada da análise de custo efetividade, levando em conta a duração e qualidade de vida (AVAQ/QALY), obtida por diversos tipos de intervenção médica. doenças crônicas. Dados os tratamentos para doença crônica - x, y, z - qual é o que, ao menor custo, proporciona maior duração e qualidade de vida? Ex: diversos tratamentos p/ doenças coronarianas. Problema: aplicabilidade reduzida, tendo em vista a sofisticaçao de sua medida de efetividade..

43 Universidade Federal de Juiz de Fora – CUSTO x UTILIDADE $ x AVAQ/QALYS HEMODIÁLISE X DIALISE PERITONEAL OBJETIVO/META: filtragem sangue sobrevivência AVAQ/QALY anos de vida salvos; qualidade de vida.

44 Referências PIOLA, Sérgio Francisco, VIANNA, Solon Magalhães (orgs.) Economia da Saúde: conceitos e contribuição para a gestão da saúde. Brasília: IPEA, Universidade Federal de Juiz de Fora – UFJF


Carregar ppt "Universidade Federal de Juiz de Fora – Tópicos Especiais em Economia e Gestão da Saúde Gabrielle de Oliveira Araújo Res. Gestão Hospitalar – HU/UFJF E-mail:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google