A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Proposta “Os adolescentes que bebem demais enfrentam uma série de riscos, que variam de ferimentos acidentais a morte por envenenamento alcoólico. Se as.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Proposta “Os adolescentes que bebem demais enfrentam uma série de riscos, que variam de ferimentos acidentais a morte por envenenamento alcoólico. Se as."— Transcrição da apresentação:

1

2 proposta “Os adolescentes que bebem demais enfrentam uma série de riscos, que variam de ferimentos acidentais a morte por envenenamento alcoólico. Se as pesquisas iniciais a esse respeito forem confirmadas, os cientistas talvez possam acrescentar mais um perigo a essa lista, em breve: danos cerebrais. Estudos preliminares indicam que beber de maneira excessiva regularmente pode danificar os cérebros adolescentes e dos jovens adultos, ainda em estágio de desenvolvimento, e talvez destruir as células cerebrais que ajudam a governar o aprendizado e a memória.” Em (http://www.alcoolismo.com.br/jovens.html) proposta

3 tema O alcoolismo na juventude tema
Baseando-se no texto anterior e em suas opiniões, produza um texto dissertativo a respeito do seguinte tema: O alcoolismo na juventude tema

4 Alcoolismo na Juventude
O álcool é uma das drogas mais comuns e de uso legalizado, além de incentivado, divulgado e banalizado por propagandas de jornais, revistas e televisão. Os jovens estão começando a beber cada vez mais cedo: 51,2% das crianças entre 10 e 12 anos já experimentaram bebidas alcoólicas. ** O álcool é a porta de entrada para as outras drogas.

5 Pais e responsabilidade
contar com a sorte "Eu enchi a cara na juventude e não me tornei alcoólatra" "Eu apanhei muito de meus pais na infância e nem por isso tenho traumas ou os odeio“ "Bati muito racha a 100 quilômetros por hora nas madrugadas e estou aqui vivo e forte – além de ter me tornado um motorista muito responsável". Do ponto de vista pessoal, essas reações devem ser vistas como a fala de sobreviventes, de pessoas que desafiaram o perigo e saíram vivas, intactas, para contar a história. Do ponto de vista da ciência, os sobreviventes são apenas a prova de que o perigo é real e de que não vale a pena fechar os olhos a que os filhos corram os mesmos riscos. A boa sorte, infelizmente, não é hereditária.

6 Estragos no organismo Consequências físicas Cérebro Ossos Fígado
Redução do volume do hipocampo, dificuldades de raciocínio e concentração. Perda considerável de memória Ossos Diminuição da densidade óssea, principalmente nos ossos do sexo masculino. Estragos no organismo Fígado Além das lesões do fígado que leva o paciente lentamente à morte, podem ocorrer gastrites, úlceras e pancreatite aguda (quadro clínico grave). Sistema endócrino Baixa: os níveis de estrogênio (meninas); níveis de testosterona (meninos); as taxas de crescimento de ambos os sexos.

7 Principais consequências (danos cerebrais)
O álcool pode causar danos ao hipocampo, cujo desenvolvimento mais acentuado ocorre a partir do fim da adolescência. Testes em cobaias mostraram que o álcool deixa mais lentos os neurônios envolvidos na formação de novas memórias, o que pode ser a explicação para lapsos em jovens humanos.

8 Principais consequências (danos cerebrais)
• Adolescentes de 15 a 16 anos que se embebedam pelo menos 100 vezes na vida possuem um desempenho pior em testes de memória do que seus equivalentes sóbrios. Além disso, apresentavam hipocampo menor que o dos que não bebiam.

9 Principais consequências (danos cerebrais)
O nível de atividade cerebral (memória e atenção) verificados com uso de ressonância magnética funcional (que mede a alteração dos níveis de oxigênio no cérebro) é menor em adolescentes com histórico de bebedeiras.

10 Principais consequências (dependência)
• Dos adultos que começaram a beber antes dos 14 anos, 47% se tornaram dependentes; entre os que iniciaram o consumo a partir dos 21 anos, o porcentual de dependência foi de 9%.

11 Exposição a riscos mais sérios e imediatos, envolvendo terceiros.
casos de violência sexual É bastante comum verificar-se nos casos de violência sexual, quando o autor dessas agressões é usuário de bebida alcoólica. Não é a bebida alcoólica que determina esse tipo de atitude, mas potencializa uma pré-determinação a esse tipo de conduta. Quando a vítima ingere bebida alcoólica A ingestão de álcool faz com que ela não tenha como exercer seu livre arbítrio, tornando-se vítima na relação. Dra. Márcia Bucelli Salgado Delegada de Polícia, Dirigente do Setor Técnico de Apoio às Delegacias de Polícia de Defesa da Mulher do Estado de São Paulo

12 Exposição a riscos mais sérios e imediatos, envolvendo terceiros.
violência 52% dos homicídios ocorridos nas grandes metrópoles acontecem nos bares ou em decorrência deles, sempre por motivos fúteis e pela ingestão de bebidas alcoólicas. Os bares estão em terceiro lugar no ranking dos locais onde mais ocorrem crimes. Dados da Polícia Militar/SP – ano 2006

13 Exposição a riscos mais sérios e imediatos, envolvendo terceiros.
Sexo sem preservativo "Até hoje não sei dizer se transei sem camisinha porque a gente não tinha uma na hora ou se foi porque eu estava tão bêbado que nem lembrei que isso existia."

14 Tempo de reação a situações como quando o sinal fecha
(em grama/ litro) Capacidade de fazer uma escolha, como qual pista se vai pegar numa bifurcação Tempo de reação a situações como quando o sinal fecha Capacidade de o motorista se manter estável na pista, atenção, coordenação dos movimentos, compreensão e movimento dos olhos Concentração, controle da velocidade, capacidade de dirigir em sua faixa de rolamento e troca de marcha, entre outras. Álcool e direção O que é afetado álcool no sangue

15 Exposição a riscos mais sérios e imediatos, envolvendo terceiros.
envolvimento em acidentes de trânsito reportagem depoimento Os vídeos utilizados poderão ser encontrados nos links do material de apoio. A combinação perigosa de álcool e direção matou cinco jovens, em um acidente, num bairro de classe média alta da zona sul do Rio de Janeiro. O grupo havia saído de uma festa na boate Sky Lounge, por volta das 5h30 e, pouco mais de dois quilômetros depois, o estudante Ivan Rocha Guida, de 19 anos, perdeu o controle do veículo, que bateu no canteiro central, capotou e se chocou contra uma árvore. O Honda Civic ficou completamente destruído.

16 MATERIAL DE APOIO http://www.youtube.com/watch?v=iXrwVb5Hkt8
Estatísticas Efeitos fisiológicos Tratamentos


Carregar ppt "Proposta “Os adolescentes que bebem demais enfrentam uma série de riscos, que variam de ferimentos acidentais a morte por envenenamento alcoólico. Se as."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google