A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO"— Transcrição da apresentação:

1 DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO
ATRELADO PET4ATV ( Pratical-Extensible-Trailer for ATV ) Trabalho realizado por : João Valente Nº 51149; João Vaz Nº 45709; Paulo Pereira Nº 45764; Telmo Gama Nº 49881 14 de Junho de 2007

2 INTRODUÇÃO VOZ DO CLIENTE ESTUDO DO MERCADO O PRODUTO CONCLUSÕES
ESTRUTURA DA SESSÃO DE APRESENTAÇÃO DO PRODUTO INTRODUÇÃO VOZ DO CLIENTE ESTUDO DO MERCADO O PRODUTO CONCLUSÕES

3 DESENVOLVER UM PRODUTO INOVADOR E INEXISTENTE NO MERCADO
O PRODUTO Ideia Inicial O Produto Objectivos CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO VOZ DO CLIENTE INTRODUÇÃO DESENVOLVER UM PRODUTO INOVADOR E INEXISTENTE NO MERCADO GARANTIR A QUALIDADE DO PRODUTO PROPORCIONAR À EQUIPA MAIS EXPERIÊNCIA PARA PROJECTOS FUTUROS NO ÂMBITO DA ENGENHARIA ASSEGURAR A RENTABILIDADE DO PROJECTO

4 ( Pratical-Extensible-Trailer for ATV )
O PRODUTO Ideia Inicial O Produto Objectivos CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO VOZ DO CLIENTE INTRODUÇÃO ATRELADO PET4ATV ( Pratical-Extensible-Trailer for ATV ) PRODUTO COMPRADO DIRECTAMENTE PELO CONSUMIDOR FINAL NÃO NECESSITANDO DE ENTREMEDIARIOS VEICULO SEM MOTOR PARA TRANSPORTE DE MOTO4 QUE CIRCULA REBOCADO POR VEICULO MOTOR

5 APROVEITAR A OPORTUNIDADE DE MERCADO - MONOPÓLIO;
INTRODUÇÃO VOZ DO CLIENTE ESTUDO DO MERCADO O PRODUTO CONCLUSÕES Objectivos O Produto Ideia Inicial APROVEITAR A OPORTUNIDADE DE MERCADO - MONOPÓLIO; INOVAR CRIANDO UM NOVO PRODUTO; COLMATAR OS INÚMEROS PROBLEMAS DOS PRODUTOS DA CONCORRÊNCIA COM UM PRODUTO MELHOR; BENEFICIAR O CLIENTE ATRAVÉS DA AQUISIÇÃO DE UM PRODUTO ECONÓMICO; PROPORCIONAR VASTA GAMA DE ACESSÓRIOS.

6 MERCADO SECUNDÁRIO PRIMÁRIO Análise das Necessidades
Necessidades do Utilizador Necessidades Legislação Mercado Alvo O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO VOZ DO CLIENTE INTRODUÇÃO MERCADO SECUNDÁRIO PRIMÁRIO CONSUMIDORES QUE JÁ POSSUAM MOTAS E QUE HABITEM EM ZONAS URBANAS CONSUMIDORES DE MEIOS RURAIS EMPRESAS DE ALUGUER DE MOTAS STANDS E OFICINAS DE REPARAÇÃO

7 DGV (HOMOLOGAÇÃO) MERCADO PET4ATV Análise das Necessidades
Necessidades do Utilizador Necessidades Legislação Mercado Alvo O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO VOZ DO CLIENTE INTRODUÇÃO PET4ATV DGV (HOMOLOGAÇÃO) MERCADO DADOS DA DGV: _ NOVO CÓDIGO DA ESTRADA 2005 (LICENÇAS E CATEGORIAS DE VEÍCULOS) _ DECRETO-LEI N.º 99/2005 DE 21 DE JUNHO (PESOS E DIMENSÕES) _ DECRETO-LEI N.º 72/2000 DE 6 DE MAIO, 72B/2003,72C/2003,72D/2003 (REGULAMENTO DE HOMOLOGAÇÃO DE VEÍCULOS E REBOQUES) Artigo 3.º - Dimensões máximas dos veículos Comprimento máximo de reboques de um ou mais eixos: 12 m; Comprimento máximo do conjunto veículo a motor- reboque : m ; Largura máxima do veículo e reboque: 4 m ; Artigo 4.º - Requisitos de manobrabilidade 1 – Qualquer veículo a motor ou conjunto de veículos em movimento deve poder girar dentro de uma coroa circular com um raio exterior de 12.5 m e um raio interior de 5.3 m sem que qualquer ponto extremo de veículo ou conjunto de veículos saia da referida coroa. Artigo 5.º - Dispositivos não tomados em consideração na medição do comprimento Plataformas elevatórias, rampas de acesso e outros equipamentos semelhantes, em ordem de marcha, desde que não constituam saliência superior a 200 mm . Artigo 8.º - Peso bruto máximo dos veículos Peso bruto máximo para reboques de um eixo : 10 t O peso bruto do reboque não pode ser superior a uma vez e meia o peso bruto do veículo tractor. Artigo 11.º - Outras características relativas a dimensões Nos conjuntos veículo a motor–reboque, …., que incluam reboques das categorias europeias O1 ou O2 , a distância entre o eixo da rectaguarda do veículo a motor e o eixo da frente do reboque não deve ser inferior a 3m. Outras observações a ter em conta a nível de licenças e custos matrícula: Novo código da Estrada 2005 Artigo 117.º - Obrigatoriedade de matrícula Reboques cujo peso bruto exceda os 300 Kg necessitam de matrícula. Neste caso como iremos transportar mais do que uma moto4 é certo que este valor é ultrapassado. Artigo 123.º - Carta de condução Categoria B – Veículos ligeiros e reboque de peso bruto até 750 Kg ou sendo este superior, com peso bruto do conjunto não superior a 3500 Kg.

8 Análise das Necessidades Necessidades do Utilizador
Necessidades Legislação Mercado Alvo O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO VOZ DO CLIENTE INTRODUÇÃO CONSTATAÇÕES DO CONSUMIDOR O ATRELADO POSSUI SISTEMA BASCULANTE O ATRELADO É ROBUSTO, DURADOURO, ESTÁVEL E POSSUI SUSPENSÃO O ATRELADO POSSUI DESIGN APELATIVO O ATRELADO TEM SUSPENSÃO O ATRELADO TEM UM PREÇO ECONÓMICO O ATRELADO É COMPACTO OU COMPACTÁVEL E FÁCIL DE ARRUMAR O ATRELADO PODE LEVAR MAIS DO QUE UMA MOTO4 O ATRELADO POSSUI CAIXA DE FERRAMENTAS ACOPLADO O ATRELADO É FEITO DE MATERIAL LEVE MAS ROBUSTO O ATRELADO É SEGURO O ATRELADO É FÁCIL DE CARREGAR E DESCARREGAR O ATRELADO POSSUI PROTECÇÕES PARA AS MOTOS O ATRELADO POSSUI RODA JOCKEY DE SÉRIE INTERPRETAÇÃO DAS NECESSIDADES “ACHO QUE FACILITA BASTANTE UM SISTEMA BASCULANTE PARA DESCARREGAR AS MOTOS” “GOSTO QUE O ATRELADO SEJA ROBUSTO, FIÁVEL E RESISTA AOS SOLAVANCOS NÃO DANIFICANDO AS MOTOS” “O ATRELADO É FEIO, GOSTAVA QUE APRESENTASSE LINHAS MAIS APELATIVAS” “OS ATRELADOS PARA MAIS DE UMA MOTO4 SÃO MUITO CAROS” “TENHO DIFICULDADE NA ARRUMAÇÃO DO ATRELADO” “GOSTAVA DE LEVAR MAIS DO QUE UMA MOTO4 SEM TER DE LEVAR MAIS CARROS” “DAVA-ME JEITO TER CAIXA PARA AS FERRAMENTAS E OUTROS UTENSíLIOS PARA MANUTENÇÃO” “QUERO QUE O ATRELADO SEJA LEVE MAS ROBUSTO” “O ATRELADO NÃO PODE SER INSEGURO QUER A ARRUMAR QUER ENQUANTO É REBOCADO” “NÃO GOSTO DE PERDER TEMPO A CARREGAR E DESCARREGAR AS MOTOS” “QUERO QUE EXISTA ALGUM TIPO DE PROTECÇÃO PARA AS MOTOS ENQUANTO SÃO REBOCADAS E PARA CASOS DE ACIDENTE DE VIAÇÃO” “QUERO QUE O ATRELADO POSSUA RODA JOCKEY DE SÉRIE”

9 Análise das Necessidades Necessidades do Utilizador
Necessidades Legislação Mercado Alvo O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO VOZ DO CLIENTE INTRODUÇÃO

10 Análise de Oportunidade
VOZ DO CLIENTE Análise de Oportunidade Análise de Atrelados Análise de Moto4 Dados Estatísticos O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO RECOLHA DE DADOS INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA (INE) sendo a actualização mais recente em 2004 GRÁF.1 a produção de reboques tem decrescido ao longo dos anos. Consequentemente o valor da quantidade vendida baixou GRAF.2 - Apesar deste facto, o valor monetário de vendas aumentou em 54 %.

11 Análise de Oportunidade
VOZ DO CLIENTE Análise de Oportunidade Análise de Atrelados Análise de Moto4 Dados Estatísticos O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO MODELOS DE MOTO4 UTILITÁRIAS Kawasaki KVF750 UTILITÁRIAS DESPORTIVAS Comprimento total: 2192 mm Peso: 275 Kg Suzuki KingQuad 450/700 Largura total: 1210 mm Peso: 273 Kg Polaris Sportsman 400 Distância entre eixos: 1295 mm Peso: 325 Kg

12 Análise de Oportunidade
VOZ DO CLIENTE Análise de Oportunidade Análise de Atrelados Análise de Moto4 Dados Estatísticos O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO MODELOS DE MOTO4 DESPORTIVAS Kawasaki KVX700 Comprimento total: 1985 mm Peso: 234 Kg Suzuki Quadracer R450 Largura total: 1245 mm Distância entre eixos: 1285 mm Peso: 167 Kg

13 Análise de Oportunidade
VOZ DO CLIENTE Análise de Oportunidade Análise de Atrelados Análise de Moto4 Dados Estatísticos O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO ESTUDO DE MERCADO PESQUISA PESQUISA NACIONAL A VENDEDORES, IMPORTADORES E FABRICANTES PATENTES

14 Análise de Oportunidade
VOZ DO CLIENTE Análise de Oportunidade Análise de Atrelados Análise de Moto4 Dados Estatísticos O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO ESTUDO DE MERCADO SOLUÇÕES PARA TRANSPORTAR 1 MOTO4

15 Análise de Oportunidade
VOZ DO CLIENTE Análise de Oportunidade Análise de Atrelados Análise de Moto4 Dados Estatísticos O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO Estudo de mercado SOLUÇÕES PARA TRANSPORTAR MAIS DE 1 MOTO4

16 Análise de Oportunidade
VOZ DO CLIENTE Análise de Oportunidade Análise de Atrelados Análise de Moto4 Dados Estatísticos O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO ESTUDO DE MERCADO * Promoção

17 Análise de Oportunidade
INTRODUÇÃO VOZ DO CLIENTE ESTUDO DO MERCADO O PRODUTO CONCLUSÕES Dados Estatísticos Análise de Moto4 Análise de Atrelados Análise de Oportunidade Análise de Oportunidade Mercado de utilizadores que transportam 1 Moto4 e ocasionalmente 2 Moto4 Mercado de utilizadores que transportam 2 Moto4 e ocasionalmente 1 Moto4 PRODUTO ÚNICO !! Atrelado PET4ATV MONOPÓLIO DO MERCADO !! Preço competitivo Economia de espaço Escolha do nrº de Moto4

18 Arquitectura do Produto
Design Industrial Patentes Existentes Arquitectura do Produto Geração de Conceitos Esboço Inicial VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO ATRELADO FECHADO ATRELADO NA CONFIGURAÇÃO DE TRANSPORTE DE UMA MOTO4 ATRELADO NA CONFIGURAÇÃO DE TRANSPORTE DE DUAS MOTO4 ATRELADO ABERTO

19 Arquitectura do Produto
Design Industrial Patentes Existentes Arquitectura do Produto Geração de Conceitos Esboço Inicial VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO Posição carregamento moto4 NO MANUAL DESTAS INDICA QUE PODEM SER TRANSPORTADAS VERTICALMENTE. PELA SENSIBILIDADE REAL DOS UTILIZADORES ESTA NÃO É UMA FORMA CONVENIENTE DEVIDO À FUGAS DE FLUIDOS (ÓLEO, COMBUSTÍVEL, REFRIGERAÇÃO). IRIA NECESSITAR DE UM SISTEMA DE ELEVAÇÃO DAS MOTOS QUE IRIA ENCARECER O PRODUTO ASSIM COMO AUMENTAR-LHE O PESO. QUAL A MELHOR DISPOSIÇÃO?

20 Arquitectura do Produto
Design Industrial Patentes Existentes Arquitectura do Produto Geração de Conceitos Esboço Inicial VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO Sistema para carregamento moto4 CONCEITO A Conceito C Conceito A RAPIDEZ CARREGAR E DESCARREGAR PREÇO ECONÓMICO ELIMINAÇÃO DE UM SISTEMA SEM-FIM PARA ESTENDER O ATRELADO Conceito D Conceito B

21 Arquitectura do Produto
Design Industrial Patentes Existentes Arquitectura do Produto Geração de Conceitos Esboço Inicial VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO Segundo uma arquitectura modular, as ligações entre os diversos componentes são bem definidas e fundamentais para as funções principais do produto. Deste modo a cada módulo corresponde uma ou mais funções do produto final. Devido à independência de cada módulo, é possível reutilizar cada um deles noutros produtos da mesma família. Segundo uma arquitectura integral cada função pode envolver mais que um módulo, podendo estes estar interligados. Este tipo de arquitectura permite um desenvolvimento conjunto dos diversos módulos, resultando um produto mais funcional e, principalmente, mais barato. Apesar das evidentes diferenças entre os dois tipos de arquitectura, nem sempre é possível aplicar um único tipo de arquitectura a um produto, mas sim uma combinação das duas, tal como acontece no nosso caso.

22 Arquitectura do Produto
Design Industrial Patentes Existentes Arquitectura do Produto Geração de Conceitos Esboço Inicial VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO INTERFACE COM O UTILIZADOR: MÓDULO ESTRUTURAL/MECÂNICO: MÓDULO ELÉCTRICO: SISTEMA DE REGULAÇÃO DE ALTURA DA RODA JOCKEY DISPOSITIVO DE ENGATE FICHA ELÉCTRICA E SEU SISTEMA DE FIXAÇÃO DISPOSITIVO DE ENGATE DE SEGURANÇA BARRA DE TORÇÃO E EIXO CUBO DA RODA E RODAS ARGOLAS DE FIXAÇÃO LUZES DE PRESENÇA FICHA DE CABLAGEM RODA JOCKEY E SEU SISTEMA DE FIXAÇÃO CALHAS PARA MOTAS CALHAS PARA ENCAIXE DAS RAMPAS RAMPAS E SEU SISTEMA DE FIXAÇÃO CALHA DO EXTENSÍVEL TRASEIRO SISTEMA DE IMOBILIZAÇÃO DE RAMPAS PARA VIAGEM RAMPAS ARGOLAS DE FIXAÇÃO PINOS E FREIOS BATENTES DE FIM DE CURSO DO EXTENSIVEL CINTAS RODA SUPLENTE MALA DE FERRAMENTAS SISTEMA DE FIXAÇÃO DA MALA DE FERRAMENTAS E RODA SUPLENTE GUARDA-LAMAS E SEU SISTEMA DE FIXAÇÃO SUPORTE DO EXTENSIVEL E EXTENSIVÉIS BATENTES DE FIM DE DOS EXTENSIVEIS

23 Arquitectura do Produto
Design Industrial Patentes Existentes Arquitectura do Produto Geração de Conceitos Esboço Inicial VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO TUBO INTERIOR COM MATERIAL DE BAIXO COEFICIENTE ATRITO PONTOS FUNDAMENTAIS : UTILIDADE APARÊNCIA FACILIDADE DE MANUTENÇÃO BAIXO CUSTO COMUNICAÇÃO

24 Arquitectura do Produto
INTRODUÇÃO VOZ DO CLIENTE ESTUDO DO MERCADO O PRODUTO CONCLUSÕES Esboço Inicial Geração de Conceitos Arquitectura do Produto Design Industrial Patentes Existentes 1) DAS PATENTES EXISTENTES, NÃO ENCONTRAMOS NADA SEMENHANTE AO NOSSO PRODUTO 2) PRODUTO INOVADOR 5) 6) 4) 3)

25 Agradecimentos e Questões
Síntese da Sessão Patente Considerações Finais VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO COMO CATIVAR O MERCADO? CHAVE PARA O SUCESSO: FOCAR AS VANTAGENS ÚNICAS DO NOSSO PRODUTO POSSIBILIDADE DE INTRODUZIR EXTRAS NO ATRELADO ACRESCENTANDO VALOR (ESCOLHA DE RODA, CALHA CENTRAL PARA MOTO NORMAL, ETC). DESIGN APELATIVO E ACUTILANTE LOGOTIPO E MARCA QUE SE IDENTIFIQUE COM O MERCADO PROMOÇÃO EM REVISTAS DA ESPECIALIDADE, CONCENTRAÇÕES DE MOTO, INTERNET, LOCAIS DE VENDA CONTROLO DE QUALIDADE BOA COMUNICAÇÃO DO PRODUTO COM O UTILIZADOR

26 Agradecimentos e Questões
Síntese da Sessão Patente Considerações Finais VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO Patente funcional irá ser registada Produto inovador

27 Agradecimentos e Questões
Síntese da Sessão Patente Considerações Finais VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO VOZ DO CLIENTE ESTUDO DO MERCADO O PRODUTO CONCLUSÕES

28 Agradecimentos e Questões
Síntese da Sessão Patente Considerações Finais VOZ DO CLIENTE O PRODUTO CONCLUSÕES ESTUDO DO MERCADO INTRODUÇÃO Drª Luísa Bernardo da Direcção Geral de Viação Instituto Nacional de Estatística Prof. Arlindo Silva Drª Luísa Bernardo da Direcção Geral de Viação pela documentação fornecida Instituto Nacional de Estatística pelos dados fornecidos Prof. Arlindo Silva pela paciência em nos aturar QUESTÕES ?


Carregar ppt "DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google