A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CRISTIANISMO. ORIGEM Talvez ninguém tenha exercido tanta influência na história mundial como Jesus de Nazaré. A questão de saber quem foi Jesus vem intrigando.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CRISTIANISMO. ORIGEM Talvez ninguém tenha exercido tanta influência na história mundial como Jesus de Nazaré. A questão de saber quem foi Jesus vem intrigando."— Transcrição da apresentação:

1 CRISTIANISMO

2 ORIGEM Talvez ninguém tenha exercido tanta influência na história mundial como Jesus de Nazaré. A questão de saber quem foi Jesus vem intrigando a cultura ocidental por 2 mil anos. O JESUS HISTÓRICO x O JESUS DA FÉ Podemos abordar a vida de Jesus lendo as narrativas bíblicas como documento histórico e estudando a época em que ele viveu. Mas as respostas que encontraremos serão baseadas na historia da fé. É a fé na ressurreição do Filho de Deus que constitui a pedra fundamental da religião cristã. (I Co 15:14-17) Contudo, há poucos historiadores modernos que discordam da afirmação de que Jesus de fato existiu.

3 JESUS DE NAZARÉ O Messias, Filho do Homem, Filho de Deus O MESSIAS A palavra Messias significa, na verdade, "o ungido", uma referência à investidura de autoridade como o sacerdote, o rei e o profeta eram consagrados para o oficio. A tradução grega da palavra Messias é Christos. Assim, originalmente o nome Jesus Cristo é um reconhecimento de que Jesus é o Messias prometido (At 2:36, I Co 1:1-3, Sl 2:1-12, Is 11, Lc 24:21, At 1:6)

4 JESUS DE NAZARÉ O FILHO DO HOMEM O título usado com mais freqüência por Jesus era Filho do Homem. Esse título também é tomado do Antigo Testamento, onde se referia ao salvador que os judeus esperavam que fosse enviado por Deus.

5 JESUS DE NAZARÉ O FILHO DE DEUS Em diversos trechos do Novo Testamento Jesus é chamado de Filho de Deus, embora não por si mesmo. Mas, decerto, tudo indica que Jesus acreditava ter essa filiação divina. (Lc 2:29)

6 SEUS ENSINOS JESUS COMO MESTRE Jesus era chamado rabi "mestre" ou "professor", e muitas pessoas do mundo inteiro, cristãs e não cristãs, se impressionaram com ele como pregador. Mt 4:23; 7:28, 9:35, 21:23, 28:20

7 A MENSAGEM DE JESUS Segundo o mais antigo dos evangelhos, o de Marcos, Jesus aparece como um pregador que traz esta mensagem: "Cumpriu-se o tempo e o Reino de Deus está próximo. Arrependei-vos e crede no Evangelho" (Marcos 1,15). Assim, a expressão "reino de Deus" deve ser considerada uma esperança de um futuro reino da salvação. (Rm 14:17, Lc 17:20-21)

8 A DIFUSÃO DO CRISTIANISMO Segundo disse Jesus, os doze apóstolos formaram o núcleo do novo reino de Deus que estava para vir. A primeira congregação cristã foi constituída por judeus. Eles obedeciam à Lei de Moisés, participavam dos serviços no Templo e na sinagoga, e de um modo geral viviam como judeus piedosos, mas viam em Cristo no messias morto e ressurreto o cumprimento das Escrituras do AT. De importância decisiva para a contínua difusão do cristianismo foi a conversão do fariseu Saulo (Paulo), por volta de 32 d.C. (At 9:15)

9 O APÓSTOLO PAULO Não é exagero dizer que os muitos anos de ministério de Paulo (5 dc – 67 dc) transformaram o cristianismo numa religião mundial. Sua contribuição se deu em dois níveis: Em primeiro lugar, ele viajou intensamente pelo mundo greco-romano e proclamou o evangelho de Cristo entre os não-judeus. Em segundo lugar, estabeleceu as fundações da teologia cristã em suas várias epístolas às novas igrejas.

10 UMA SÓ IGREJA MUITAS EXPRESSÕES DESSA IGREJA O cristianismo hoje está dividido em muitas comunidades eclesiásticas, com diferentes organizações, doutrinas, ordens e atitudes sociais. Podemos dizer que a Igreja permaneceu única e indivisa até 1054, quando se dividiu em duas, católica romana e ortodoxa. No século XVI ocorreu a Reforma protestante, quando diversas comunidades da Igreja se levantaram em protesto contra certos aspectos da doutrina e da prática da Igreja católica. Foram elas a Igreja anglicana, a reformada e a luterana.

11 A IGREJA CATÓLICA ROMANA O imperador Constantino 1º proclama o Edito de Milão, que estabelece a tolerância religiosa para o cristianismo dentro do Império Romano É realizado o Concílio de Nicéia (Turquia), primeiro concílio ecumênico da igreja, convocado pelo imperador Constantino. Condenação do arianismo O Concílio de Constantinopla --convocado para condenar de vez o arianismo-- proclama o Credo, resumo da crença cristã repetido como oração até hoje O papa Estevão 2º --sucessor do anterior-- pede auxílio a Pepino, "O Breve", rei dos francos, contra a ameaça de invasão de Roma pelos lombardos; Pepino doa todas as terras conquistadas dos lombardos para a igreja, no que seriam as bases territoriais do Estado Pontifício O "Cisma do Oriente" separa a igreja ocidental, de rito latino e que tem Roma como sede, da igreja oriental, de rito grego e estava ligada ao Império Bizantino Instala-se a Inquisição para punir os hereges;

12 A IGREJA CATÓLICA ROMANA No dia 26 de abril, o frei Henrique Soares de Coimbra reza a primeira missa em solo brasileiro, no ilhéu de Coroa Vermelha (BA) Em 31 de outubro, Martinho Lutero publica na porta do castelo de Wittenberg as suas "95 Teses" condenando a venda de indulgências pela igreja Lutero é excomungado pelo papa Leão 10º Ignácio de Loyola funda a Companhia de Jesus, uma das mais importantes ordens religiosas; os jesuítas Termina o Concílio de Trento; convocado por insistência do imperador Carlos 5º para tentar reunificar a igreja, o concílio consagra a contra-reforma, reafirmando com clareza as teses católicas condenadas por Lutero. A salvação humana – depende da fé e das boas obras. A fonte da fé – a Bíblia (melhor interpretada pela Igreja) e a tradição religiosa. A missa e a presença de Cristo – a Igreja reafirmou que no ato da eucaristia ocorria a presença real de Jesus no pão e no vinho. Determinou ainda: - Retomada do Tribunal do Santo Ofício - Inquisição : punir e condenar os acusados de heresias - Criação do Index Librorium Proibitorium ( Índice de Livros Proibidos ) : evitar a propagação de idéias contrárias à Igreja Católica.

13 A IGREJA CATÓLICA ROMANA É criado o Estado do Vaticano; o Tratado de Latrão, firmado com o líder fascista italiano Benito Mussolini, indenizando a igreja e reconhecendo a sua soberania no Vaticano O Concílio Vaticano 2º, aberto pelo papa João 23 (eleito em 1958), permite que o latim seja substituído por línguas locais nos cultos religiosos É exposta na Conferência de Medellín (Colômbia) a "Teologia da Libertação" A Renovação Carismática Católica (RCC), é trazida ao Brasil em 1969 pelo padre Harold Hams Um papa não-italiano é eleito pela primeira vez em 456 anos; aos 58 anos Karol Wojtyla, arcebispo de Cracóvia, Polônia, assume em 16 de outubro e passa a ser chamado João Paulo 2º Em 3 de setembro, o Vaticano condena trechos do livro "Igreja, Carisma e Poder", do brasileiro Leonardo Boff, um dos teóricos sobre a Teologia da Libertação Falece João Paulo II. O atual Papa, o alemão Joseph Ratzinger, e foi eleito em 19 de abril de 2005 e detém o nome de Bento XVI.

14 IGREJAS REFORMADAS A Reforma Protestante foi um movimento que começou no século XVI com uma série de tentativas de reformar a Igreja Católica Romana, e que culminou com a divisão e o estabelecimento de várias igrejas cristãs, das quais se destacam o Luteranismo, as igrejas reformadas e os Anabatistas.

15 O TERMO PROTESTANTE Em 1529, Carlos V convocou nova Dieta, em Spira e decidiu que a doutrina luterana passaria a ser tolerada nas regiões convertidas, mas proibida no restante da Alemanha. Os luteranos protestaram e daí nasceu o termo protestante.

16 DOUTRINAS BÁSICAS DA FÉ CRISTÃ O MONOTEÍSMO CRISTÃO AFIRMA QUE DEUS É UM, MAS FORMADO POR 3 ENTES: PAI, FILHO E ESPÍRITO. O PRIMEIRO NÃO TEM FORMA, MAS É DESCRITO COM ATRIBUTOS HUMANOS. O SEGUNDO É JESUS. E O TERCEIRO É UM SER PESSOAL MAS REVELA-SE DE VÁRIAS FORMAS. DEUS É O CRIADOR DE TUDO. E DISTINTAMENTE SEPARADO DE SUA CRIAÇÃO. OS CRISTÃOS NÃO ACREDITAM EM REENCARNAÇÃO, MAS ACEITAM QUE A ALMA PODE VIVER ETERNAMENTE. A DOUTRINA DA SALVAÇÃO (EXCLUSIVAMENTE PELA GRAÇA)ESTÁ BASEADA NAS ESCRITURAS CRISTÃS. NO DIA DO JUÍZO FINAL, OS SALVOS JÁ ESTARÃO NO CÉU E ENTÃO CRISTO VAI JULGAR OS ÍMPIOS A BÍBLIA CRISTÃ É O LIVRO DA REVELAÇÃO DE DEUS, DIVIDIDA EM ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS, TOTALIZANDO 66 LIVROS.


Carregar ppt "CRISTIANISMO. ORIGEM Talvez ninguém tenha exercido tanta influência na história mundial como Jesus de Nazaré. A questão de saber quem foi Jesus vem intrigando."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google