A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Salvar a democracia The Economist, lida por Ângela Santos Março de 2014.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Salvar a democracia The Economist, lida por Ângela Santos Março de 2014."— Transcrição da apresentação:

1 Salvar a democracia The Economist, lida por Ângela Santos Março de 2014

2 Eleições livres não bastam para garantir a democracia. É necessário fazer constante manutenção do mecanismo democrático e adaptação à evolução da realidade humana. Não esquecer Sugestões -O acesso público à identidade dos financiadores partidários. -A obrigação de os deputados europeus apresentarem os recibos das despesas. -A redução do número e do salário dos deputados italianos e uma distribuição menos igual do poder pelos órgãos parlamentares italianos.

3 As forças gobalistas e localistas, de pressão contrária, existem e é nefasto ignorá-las ou reprimi-las. O equilíbrio certo conseguirá neutralizar os efeitos negativos e aproveitar os positivos. Sugestões -Usar as novas tecnologias para promover o envolvimento cívico na tomada de decisões, mas -obrigar as decisões populares ao controlo de comissões independentes, que avaliem a exequibilidade e os custos das decisões tomadas. Não esquecer

4 O estado da Califórnia -criou a comissão Pensar a Longo Prazo para contrariar as tendências de curto-prazo das iniciativas eleitoralistas; -encarregou uma comissão independente de redefinir os limites do poder político. A Finlândia -encarregou uma comissão não-partidária de propor medidas para o futuro do sistema de pensões; -obrigou o parlamento a ponderar todas as iniciativas de cidadãos que consigam assinaturas, com vista à implementação de uma e-democracia. Experiências em curso

5 O prestígio da democracia é uma garantia e deve ser cultivado, dentro e fora dos limites nacionais. Não esquecer Sugestão -Denunciar todos os governantes estrangeiros que tentem livrar-se dos limites ao seu próprio poder.

6 Limitar os bens que o estado pode dar, limitando o tamanho do estado. Fazer depender o estabelecimento de direitos da possibilidade de os financiar. Fazer depender o empreendimento de ações da possibilidade de as levar até ao fim. Praticar o autoconstrangimento Condição – Eleitores e governantes têm de aceitar restrições à natural tendência do estado para se alargar.

7 Evitar o maiorismo: ganhar eleições não significa servir a maioria; Vigiar o poder do estado, impedindo os eleitos de acumularem poder; Garantir os direitos individuais, como a liberdade de expressão e de organização; Fundamental Garantir os direitos das minorias; Impedir a despesa insustentável; Impedir a corrupção.

8


Carregar ppt "Salvar a democracia The Economist, lida por Ângela Santos Março de 2014."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google