A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Operação de Serviços de Redes Topologia Tipos de Redes Equipamentos Meios de Transmissão.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Operação de Serviços de Redes Topologia Tipos de Redes Equipamentos Meios de Transmissão."— Transcrição da apresentação:

1 Operação de Serviços de Redes Topologia Tipos de Redes Equipamentos Meios de Transmissão

2 Topologias de Redes Barramento Anel Estrela Híbrida Malha

3 Topologia de Redes Barramento : Consiste numa linha comum de onde saem ligações para as outras máquinas (clientes). Tem a aparência de um "varal" onde estão conectadas as máquinas (clientes). Esta topologia é pioneira na era das redes do tipo Ethernet e já está em desuso.

4 Topologia de Redes Barramento (Figura) A linha central e na horizontal é chamada de barramento

5 Topologia de Redes Anel Os computadores são ligados um após o outro numa linha que se fecha em forma de anel. Pode se entender esta rede como um barramento sem começo nem fim. As redes Token Ring, da IBM, utilizam este tipo de organização de seus clientes.

6 Topologia de Redes Anel (Figura) O "círculo" central é chamado de anel

7 Topologia de Redes Estrela Os computadores estão ligados por um ponto ou nó comum, chamado de concentrador. Imagine a rede como um "anel diminuto" com ligações alongadas a cada máquina: esta é a topologia mais utilizada hoje em dia.

8 Topologia de Redes Estrela (Figura)

9 Topologia de Redes Hibridas Redes hibridas são quando uma ou mais topologias de redes estão numa mesma rede

10 Topologia de Redes Hibridas (Figura)

11 Topologia de Redes Malha Neste tipo de topologia todos os nós estão interligados uns aos outros, portanto reduz drasticamente a perda de pacotes já que um mesmo pacote pode chegar ao endereço destinatário por vários caminhos

12 Topologia de Redes Malha (Figura)

13 Tipos de Redes Rede Local Ethernet Wi-Fi

14 Tipos de Redes Rede Local Num pequeno escritório ou mesmo em residências com mais de um computador, surgem necessidades específicas como por exemplo: 1.1: Copiar um arquivo muito grande de um computador para outro. 1.2: Ler ou copiar arquivos de um bando de dados sendo que apenas um computador possui tal banco de dados 1.3: Compartilhar a impressora com outro computador da rede que não possui tal impressora. Estas situações tem uma solução simples que é a interligação entre os computadores, formando uma rede local aonde todos recursos poderão ser compartilhados.

15 Tipos de Redes Ethernet A tecnologia Ethernet para redes locais foi desenvolvida pelo pesquisador Robert MetCalf, que em 1972 recebeu um desafio de criar um sistema que permitisse a conexão de estações Xerox Alto entre si e com servidores. Inicialmente a rede foi chamada de "Alto Aloha Network" pois era específica para computadores Xerox e mais tarde surge o nome Ethernet (nome mudado pelo próprio MetCalf) porque a rede já poderia ser utilizada em qualquer computador.

16 Tipos de Redes Ethernet – Evolução Inicialmente a Ethernet era limitada a 100 estações operando numa banda de 2Mbps utilizando cabo coaxial. Em 1980 foi estabelecido convênio com as empresas Xerox, Intel e Digital com o objetivo de aperfeiçoar e divulgar a nova tecnologia construída e a velocidade rapidamente atingiu 10Mbps.Intel A partir de 1990 surgiu a Fast Ethernet com velocidade de 100Mbps e passou a ser usado o par trançado e depois disso, com a criação e aperfeiçoamento da fibra óptica, a Ethernet passou a operar em 1Gbps, passando a ser conhecida como GigaBit Ethernet.

17 Tipos de Redes Ethernet - Designação As redes têm designações próprias conforme o cabeamento e velocidade adotada. Na designação vai aparecer a letra T, de twisted, para indicar que a rede usa par trançado ou o par de letras TX para indicar o uso de fibra óptica. Desta maneira, existem as designações Ethernet "10Base-T" e "Fast Ethernet 100Base-T" ou "100Base-TX".

18 Tipos de Redes Wi-Fi (Wireless Fidelity) Um novo conceito para comunicação em rede e sem fio (referente à norma IEE802.11b). É semelhante ao BlueTooth usado para interligar periféricos de um computador. Assim como o Wi-Fi o Bluetooth trabalha com a banda de radiofreqüência denominada de ISM (Industrial, Scientific and Medical), situada na faixa entre 2,4GHz e 2,48GHz

19 Tipos de Redes Wi-Fi - Padronização As primeiras especificações para o Wi-Fi ficaram prontas em 1997 e definiam uma freqüência de operação de 2,4 Ghz com uma taxa de transferência de dados de 1 e 2 Mbps. Só em 1999 foram estabelecidos os padrões "11a" e "11b". Pelas especificações IEEE b, a transferência máxima é de 11 Mbps operando em 2,4 Ghz. No padrão IEEE a, a transferência máxima é de 54Mbps e novas especificações devem elevar este valor até 100Mbps (operando a 5,7Ghz).

20 Tipos de Redes Wi-Fi Equipamentos

21 Equipamentos utilizados nas redes Gateway Hub x Switch Roteador Firewall

22 Equipamentos utilizados nas redes Gateway É uma passagem constituída de hardware e software, um "portão" (gate) que uma rede utiliza para se comunicar com outra rede que tem arquitetura diferente.O Gateway realiza as conversões de protocolos para que as redes possam se entender. Em uma rede local (LAN) ele pode ser usado, por exemplo, para conectar os computadores da rede a um mainframe ou à Internet.

23 Equipamentos utilizados nas redes Gateway (Figura)

24 Equipamentos utilizados nas redes Hub x Switch o Hub é recomendado para redes cliente-servidor e em uma configuração estrela, como concentrador, ele funciona desta maneira: * O Hub transmite as informações que chegam para todas as estações conectadas a ele * As estações podem transmitir informações para o Hub, mas só deve acontecer uma transmissão de cada vez O Switch tem melhor performance que o Hub, porém é mais caro. É recomendado para redes com grande tráfego ponto-a- ponto (peer-to-peer) pois o Switch transmite cada pacote de dados diretamente para o destinatário, uma estação específica

25 Equipamentos utilizados nas redes Hub x Switch (Figura) Switch Hub de 8 portas

26 Equipamentos utilizados nas redes Roteador (Router) É um dispositivo utilizado para gerenciar a transferência de dados entre duas redes de computadores. É o roteador que escolhe o melhor caminho para que a informação chegue ao destino. Geralmente são usados para ligar uma LAN (Local Area Network - rede local) a uma WAN (Wide Area Network - rede de longa distância).

27 Equipamentos utilizados nas redes Roteador (Figura)

28 Equipamentos utilizados nas redes Firewall O Firewall é um complexo de hardware e software necessários para filtrar o tráfego, ou seja, barrar dados inconvenientes entre duas redes. Ele monitora as milhares de portas usadas na comunicação dos aplicativos e funciona como uma parede (wall). Alguns firewalls simples são o Norton Personal Firewall da Symantec e o ZoneAlarm Pro da Zone Labs.aplicativos

29 Meios de Transmissão Cabo de Pares Trançados Cabo Coaxial Fibra Óptica Ondas de luz x Ondas de rádio

30 Meios de Transmissão Par Trançado O tipo mais usado de cabo trançado é o chamado UTP ou cabo sem blindagem e há um segundo tipo, o STP, que possui uma malha de revestimento para proteger os condutores contra interferências eletromagnética vindas do exterior Um par trançado pode transportar a comunicação até 100 metros de distância e distâncias maiores exigem repetidores. Redes com mais de dois computadores, usando par UTP, necessitam de um Hub para fazer as interligações

31 Meios de Transmissão Par Trançado (Figura) Par Trançado sem Blindagem (UTP). Par Trançado com Blindagem (STP).

32 Meios de Transmissão Cabo Coaxial Uma rede via cabo coaxial dispensa Hub mas fica mais vulnerável pois se uma das ligações cair, toda a rede para de funcionar. A resistência característica do cabo mais utilizado é de 50 ohms e a linha precisa estar corretamente casada ou as reflexões destruirão os sinais. Equipamentos localizados nas extremidades dos cabos utilizam um conector em forma de "T" no qual deve ser utilizado o terminador para garantir o casamento mesmo se desconectado o equipamento. O cabo coaxial pode transportar os sinais por até 300 metros.

33 Meios de Transmissão Cabo Coaxial (Figura) Cabo coaxial fino.

34 Meios de Transmissão Fibra Óptica No Brasil o uso da fibra óptica foi iniciado com a implantação dos backbones (conexão de grande porte, espinha dorsal na qual se ligam diversas redes) das operadoras de redes metropolitanas na segunda metade dos anos 90. Antes da fibra óptica, o melhor meio de transmissão era o cabo coaxial que permitia velocidades superiores a 100 Mbps e com a chegada da fibra óptica a velocidade foi aumentada de forma incomparável: tudo ficou um milhão de vezes mais rápido.

35 Meios de Transmissão Fibra Óptica (Figura) Exemplo de fibra óptica.

36 Meios de Transmissão Ondas de luz x Ondas de rádio Redes sem fio (Wireless) podem utilizar as ondas de rádio que se propagam até no vácuo. Redes sem fibra (Fiberless Optics), como a radiação infra-vermelha, já são usadas por modelos wireless de mouse e teclado Raios laser também já são estão sendo usados, mas até agora somente para as ligações das redes ao backbone da Internet. O laser usado é pouco penetrante: é o chamado laser classe I, na faixa de 1550 nanômetros, que não afeta a retina mas é perigoso para a córnea


Carregar ppt "Operação de Serviços de Redes Topologia Tipos de Redes Equipamentos Meios de Transmissão."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google