A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MULTIMÉDIA ao SERVIÇO das PRÁTICAS PEDAGÓGICAS no 1º CICLO

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MULTIMÉDIA ao SERVIÇO das PRÁTICAS PEDAGÓGICAS no 1º CICLO"— Transcrição da apresentação:

1 MULTIMÉDIA ao SERVIÇO das PRÁTICAS PEDAGÓGICAS no 1º CICLO
Manuel Zulmiro Rocha Barros Dissertação de Mestrado em Educação Multimédia Orientador: Professor Doutor Duarte Costa Pereira Co-Orientador: Professor Doutor Alexandre Magalhães Começo esta apresentação, cumprimentando todo o júri. Quero também agradecer o apoio que tive ao longo destes dois anos de todos os professores e colegas deste Mestrado em particular dos meus orientadores, professores Duarte e Alexandre. Agradeço também a presença de todos. Porto, 13 de Outubro de 2006

2 MULTIMÉDIA ao SERVIÇO das PRÁTICAS PEDAGÓGICAS no 1º CICLO
O projecto não é uma simples representação do futuro, mas um futuro para fazer, um futuro a construir, uma ideia a transformar em acto. Jean Marie Barbier Começo esta apresentação com a referência a uma frase de Jean Marie Barbier que escolhi como abertura do nosso trabalho e que nos diz: LER A FRASE… Porto, 13 de Outubro de 2006

3 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
ÍNDICE Motivações Problema Pistas de Resposta Investigação (Trabalho de campo) Conclusões Esta apresentação foi estruturada em cinco grandes pontos que constituem o índice e que são: LER OS PONTOS… A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

4 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
MOTIVAÇÕES Alguns desafios de hoje Massificação do ensino Melhores condições de vida Aumento da literacia Algumas consequências Maior pressão sobre a escola actual Pais mais atentos e interventivos Possíveis respostas Escola tem de encetar mudanças Professores têm de encontrar respostas Sabemos pela nossa experiência que os desafios que a escola enfrenta hoje e que passam entre outros pela massificação do ensino, pelo aumento de melhores condições de vida, e consequentemente um aumento da literacia, levam a uma maior pressão sobre as nossas escolas traduzida por uma maior atenção e intervenção dos encarregados de educação e outros agentes educativos. Neste cenário a escola tem de se modernizar e os professores como agentes com maior responsabilidade no sistema educativo têm de encontrar respostas adequadas a esta pressão. A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

5 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
MOTIVAÇÕES Informática / Sociedade de Informação Adaptação das Escolas Inclusão das novas tecnologias nas práticas pedagógicas Formação contínua de professores Informática no 1º Ciclo Existência de um relativo atraso em relação aos outros sectores de ensino Razões Falta de equipamento informático adequado Corpo docente “envelhecido” Pouca formação específica de professores nas áreas TIC É neste cenário que a tecnologias informáticas nos aparecem como elemento dinâmico forçando as escolas a uma grande adaptação para se poder incluir a informática nas práticas pedagógicas, obrigando a um esforço continuado de formação nomeadamente de professores. Do nosso conhecimento do panorama do 1º ciclo podemos afirmar que ainda hoje se nota de uma maneira geral um relativo atraso em relação aos outros ciclos de ensino, no que toca à utilização das novas tecnologias. Esta situação deve-se quanto a nós à falta de equipamento informático ou inadequação do mesmo – pelo menos até à pouco tempo – a um corpo docente com muitos anos de carreira e com pouca formação em informática. A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

6 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
MOTIVAÇÕES Acções externas motivadoras do nosso trabalho Programa de apetrechamento informático para o 1º ciclo (Um computador por sala – PRODEP III ) Publicação e divulgação de lista de Software Educativo para o 1º ciclo a ser adquirido pelas autarquias (Acção 9.2 – PRODEP III – 2003/04) Aposta clara no 1º ciclo por parte do Ministério da Educação CRIE (Computadores, Redes e Internet na Escola) implementação da acção de Formação “Utilização pedagógica das TIC no 1º ciclo” Para além destas questões relacionadas com a vivência diária das escolas temos também como motivações para este nosso trabalho as recentes iniciativas do ministério tais como: LER AS FRASES A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

7 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PROBLEMA A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo “Como utilizar software educativo em contexto de sala de aula, usando apenas um computador, com intencionalidade pedagógica ” Nesta sequência entendemos importante a realização de um trabalho neste nível de ensino, contribuindo um pouco para a inclusão de novas dinâmicas e procuramos encontrar pistas de resposta para o problema: LER O PROBLEMA – que escolhemos como central do nosso trabalho.

8 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PROBLEMA Objectivos A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo Alguns objectivos iniciais do trabalho Reunir, analisar, avaliar e aplicar recursos multimédia relacionados com o 1º ciclo e estabelecer uma correspondência com o programa das várias áreas Seleccionar recursos multimédia específicos para cada uma das áreas (L. Portuguesa, Matemática e Estudo do Meio) Tentar introduzir hábitos no uso de software educativo, motivando os alunos para a aprendizagem Dar o nosso contributo pessoal no uso efectivo da informática (software educativo) no 1º ciclo Traçamos também alguns objectivos iniciais que destacamos: LER OBJECTIVOS

9 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Escolas Inquérito às Escolas da localidade do estudo (7 escolas) Verificação da situação de cada escola no que concerne: Escolas de Ermesinde / Nº alunos Ao número de computadores disponíveis Ao número de computadores por sala Rácio computador por aluno e computador por sala Para a concretização do trabalho começamos por levar a efeito um levantamento estatístico, primeiro às escolas da freguesia de Ermesinde, depois aos professores da escola da aplicação e por último aos alunos da turma onde iria incidir o estudo, tendo como objectivo aprofundar o nosso conhecimento sobre os aspectos relacionados com a informática e sua utilização. Assim no que se refere às escolas – são sete com o total de … alunos – seleccionamos os seguintes dados: PASSAR GRÁFICOS A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

10 Escolas de Ermesinde / Nº Alunos
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Escolas Escolas de Ermesinde / Nº Alunos 3 escolas com mais de 300 alunos Total de alunos no 1º ciclo no ano lectivo 05/06: 1627 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

11 Nº computadores por escola com ligação à Internet
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Escolas Nº computadores por escola com ligação à Internet Todas as escolas têm ligação à Internet Escola 4 tem apenas 1 enquanto as escolas 1 e 7 têm 9 computadores com ligação à Internet A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

12 Nº computadores por sala
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Escolas Nº computadores por sala Escolas 5 e 6 não têm salas com computadores Escola 2 tem 5 salas com computador num total de 9 computadores A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

13 Rácio computador / aluno Rácio computador / sala
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Escolas Rácio computador / aluno Rácio computador / sala Média nacional: 14 alunos / computador (GIASE) Medida do Ministério: 1 computador / sala A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

14 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Professores Inquérito aos professores da escola do estudo Visou essencialmente verificar: Conhecimentos informáticos Utilização do computador nas aulas Importância do uso do computador nas aulas Em relação aos professores entendemos importante saber: LER OS GRÁFICOS A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

15 Conhecimentos informáticos
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Professores Conhecimentos informáticos 3 professores revelaram não ter conhecimentos informáticos correspondendo a cerca de 17% do universo inquirido A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

16 Uso de computador nas aulas
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Professores Uso de computador nas aulas 58% nunca usou computador nas aulas Apenas 16% revelou usar regularmente o computador como ferramenta de trabalho nas aulas Ver outros gráficos A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

17 Importância do uso de computador
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Professores Importância do uso de computador A maioria dos inquiridos (89%) revelou que considera importante o uso da informática no ensino A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

18 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Alunos Inquérito aos alunos da turma piloto (Turma do 3º ano de escolaridade – 20 alunos) Visou essencialmente verificar: Alunos com computador Utilização do computador em casa e escola Opinião dos alunos sobre o uso do computador Quanto aos alunos centramos a nossa atenção sobre: LER OS GRÁFICOS Ver importância de 40% dos alunos ainda não ter computador em casa A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

19 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Alunos Alunos com computador 40% dos alunos inquiridos não tem computador em casa 55% revelou possuir computador com ligação à Internet A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

20 Utilização do computador em casa e na escola
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Alunos Utilização do computador em casa e na escola Uso de software educativo pouco significativo Predominância do jogo em comparação com outras utilizações A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

21 Opiniões dos alunos sobre o uso do computador
PISTAS DE RESPOSTA Levantamento estatístico - Alunos Opiniões dos alunos sobre o uso do computador 65% entendem que deviam usar mais o computador nas aulas 85% entendem a Internet importante na aprendizagem 85% gosta mais de computador do que televisão 65% gosta mais do trabalho em grupo Apenas 2/3 (66%) dos pais controlam o acesso à Internet A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

22 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Análise do Software Educativo Pequeno Autor – O que é? CD para criação de histórias em banda desenhada Área: Língua portuguesa (escrita) Disponibiliza ferramentas para a construção das histórias Possui site de suporte (Desactualizado) Em paralelo com o levantamento estatístico realizamos em colaboração com dois professores da escola do estudo uma pesquisa de software educativo que fosse ao encontro dos programas para o 3º ano e que constituíssem momentos de aprendizagem para os alunos. Foi assim que escolhemos quatro peças de software, duas em suporte de CD e duas on-line. Para o desenvolvimento da Língua portuguesa no que concerne à escrita, escolhemos O Pequeno Autor, que é um software em suporte CD que procura criar as condições para a construção de histórias em banda desenhada, disponibilizando de forma activa ferramentas para a construção da história e que apelam à criatividade. A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

23 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Análise do Software Educativo História do dia – O que é? Site com 365 histórias do escritor António Torrado, ilustradas por Cristina Malaquias Área: Língua portuguesa (leitura / interpretação) Histórias apresentadas em Português e Inglês Possibilidade de audição através de narrador Para o desenvolvimento da leitura e interpretação escolhemos o site HISTÒRIA do DIA que contém 365 histórias do escritor António Torrado. Estas histórias são disponibilizadas também em língua inglesa o que pode também contribuir para o desenvolvimento desta língua universal. Todas as histórias podem ser ouvidas através de narrador, o que ajuda a melhorar a leitura e entoação podendo também ser usado por alunos do pré-escolar. A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

24 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Análise do Software Educativo Compostópolis – O que é? CD multimédia sobre Compostagem Área: Estudo do Meio Aluno é desafiado a desenvolver tarefas que o levam a conhecer o processo de Compostagem Para a área do estudo do meio e área de projecto seleccionamos Compostópolis que é um CD que nos ensina o processo de compostagem. A escolha deste objecto multimédia deveu-se ao facto de a turma estar a desenvolver um trabalho de compostagem na escola. Neste trabalho o aluno é desafiado a desenvolver tarefas que o levam a conhecer melhor o processo de compostagem, numa atitude de cidadãos mais responsáveis. A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

25 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Análise do Software Educativo Numeração Romana – O que é? Jogo on-line sobre Numeração Romana Área: Matemática Permite a interacção de dois alunos Associa o lúdico à aprendizagem Por último para a tão importante área da Matemática escolhemos a Numeração Romana, um jogo da softciências cujo co-autor é o professor João Paiva aqui presente e que permite utilizar o lúdico na aprendizagem, outras das questões presente no nosso trabalho. A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

26 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Avaliação do Software Educativo Avaliação Quantitativa (adaptação da ficha do projecto SACAUSEF) Avaliação Qualitativa (adaptação da ficha do projecto PEDACTICE) Para alicerçar melhor a nossa escolha destas quatro peças de software educativo realizamos uma avaliação quantitativa em que adaptamos uma ficha de avaliação do projecto SACAUSEF, que tem como colaboradora a professora Ana Amélia aqui presente na qualidade de arguente, que incidiu sobre os seguintes domínios… LER OS DOMÍNIOS E outra qualitativa com a adaptação de uma outra ficha de avaliação do projecto PEDACTICE e cujos grupos são: LER OS PONTOS A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

27 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Preparação do trabalho de campo Roteiro para o aluno Explicação do software Tarefa Orientações na tarefa Plano de trabalho / actividades para: Período preparatório da actividade Dia ou dias da aplicação Avaliação Uma vez escolhido o software elaboramos vários documentos de trabalho quanto a nós necessários e facilitadores da aplicação, que destacamos: LER OS PONTOS Fichas de orientação / concretização de tarefas A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

28 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Metodologia Escolha do método “Estudo de caso” Difícil quantificação das variáveis A não existência de um grupo de controle Pouco controle do investigador Poder responder à questão “como utilizar…” - o nosso problema central - Para a concretização do nosso trabalho de campo escolhemos como metodologia de trabalho o ESTUDO DE CASO pois após uma profunda reflexão em colaboração com os orientadores, pareceu-nos ser a mais adequada uma vez que este método tem subjacente as seguintes variáveis: LER OS PONTOS – que dão resposta aos propósitos iniciais do nosso trabalho. A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

29 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
PISTAS DE RESPOSTA Organização Divisão da turma em 4 grupos de 5 alunos Estabelecimento de critérios de rotatividade entre actividades Planificação das várias actividades a implementar Como organização do trabalho, Dividimos a turma em quatro grupos de 5 alunos criando critérios de rotatividade entre tarefas e delineamos estratégias de aplicação das actividades planificadas. A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

30 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Aplicação Pequeno Autor Criação prévia da história em banda desenhada em papel (não concretizada por falta de tempo) Utilização do software para a ilustração da história Avaliação da actividade: Coerência da história Apresentação e aspectos gráficos Vamos de seguida apresentar o nosso trabalho de campo colocando ênfase na aplicação e na observação. Assim no que concerne ao Pequeno Autor, actividade preparada para um dia, podemos referir que era nossa intenção: LER OS PONTOS E para avaliarmos esta tarefa seleccionamos: LER AVALIAÇÃO Podemos também observar que: LER OS PONTOS A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

31 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Observação / Constrangimentos Pequeno Autor (observação do investigador) Entusiasmo dos alunos Colaboração entre todos Número excessivo de alunos em cada grupo Necessário mais tempo para a realização da tarefa Pouca qualidade das histórias produzidas A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

32 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Aplicação História do dia Leitura de uma história por dia efectuada colaborativamente por dois alunos (10 dias) História seleccionada em função de datas importantes Realização de trabalho de casa relacionado com a história Avaliação: Observação (leitura, entoação, etc.) Correcção do trabalho de casa Na História do Dia actividade preparada para ser desenvolvida ao longo de 10 dias solicitamos aos alunos: LER PONTOS E para avaliarmos escolhemos: LER AVALIAÇÃO Não estivemos presentes em nenhuma sessão pelo que as informações são do professor titular, e são: LER OS PONTOS A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

33 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Observação / Constrangimentos História do dia (observação do professor titular da turma) Interessante Permitiu a correcção de vários aspectos ligados à leitura Alunos demonstraram algum entusiasmo Permitiu melhorar o grau de desinibição Alguns alunos tiveram dificuldade em lidar com a exposição à turma A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

34 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Aplicação Compostópolis Desenvolvimento da tarefa seguindo a orientação do guião Trabalho relacionado com o processo de compostagem Avaliação: Questionário verdadeiro / falso realizado em aula posterior Quanto a Compostópolis tarefa a ser desenvolvida numa aula, e por informação prévia do professor da turma, estabelecemos um percurso adequado aos alunos do estudo, sendo: LER PONTOS Para avaliarmos esta actividade escolhemos: LER PONTO Quanto à observação podemos verificar: LER OS PONTOS VER GRÁFICO A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

35 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Observação / Constrangimentos Compostópolis (observação do investigador) Alunos demonstraram interesse Alguns alunos manifestaram curiosidade por outros temas abordados no CD Resultados do pós-teste muito satisfatórios A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

36 Compostópolis – Questionário verdadeiro / falso
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Verificação de resultados Compostópolis – Questionário verdadeiro / falso Todos os alunos obtiveram resultado positivo 9 alunos (47%) obtiveram uma classificação superior a 70% A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

37 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Aplicação Numeração romana Desenvolvida ao longo da semana (4 dias) Uma hora por grupo Tarefas organizadas tipo jogo com números obrigatórios Avaliação Teste de avaliação final (pós-teste) Na Numeração Romana, actividade desenvolvida em quatro sessões onde só assistimos a uma, desenvolvemos as seguintes actividades: LER PONTOS Para a avaliação optamos por realizar um pós teste que comparamos com um pré teste realizado anteriormente e em circunstâncias idênticas. VER GRÀFICO Obs. – Para esta aplicação foi também realizado um pré-teste A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

38 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Observação / Constrangimentos Numeração romana (observação do investigador – 1 sessão) Entusiasmo dos alunos Notória competitividade salutar Adesão às actividades propostas Informação do professor da turma: Alunos quiseram repetir o jogo Comparação dos resultados do pré-teste e pós-teste entusiasmante A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

39 Numeração romana – resultados do
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Aplicação Numeração romana – resultados do pré-teste e pós-teste Todos os alunos melhoraram os resultados excepto dois No pós-teste 8 alunos atingiram um resultado de 100% Média do pré-teste: 56,4% Média do pós-teste: 81,6% A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

40 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
INVESTIGAÇÃO (Trabalho de campo) Fotos Algumas fotos da aplicação A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

41 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
CONCLUSÕES Quanto a nós esta experiência permitiu verificar: A pertinência do uso de um computador na sala de aula. Ser possível nestas condições provocar aprendizagem. Que a utilização do computador na sala de aula permite diversificação de actividades, introdução de novas dinâmicas e um envolvimento dos alunos. A importância do uso de software educativo em contexto de novas aprendizagens, ou consolidação das existentes. Que a utilização de qualquer software só terá êxito se acompanhada de uma avaliação e planificação criteriosa. No presente ano lectivo os professores envolvidos neste trabalho, estão a utilizar regularmente nas suas aulas (4º ano) a Escola Virtual (software on-line da Porto Editora) Após o nosso estudo ousamos avançar com algumas conclusões que não podendo ser generalizáveis pela pequena amostra utilizada, podem no entanto ser tomadas como indicadoras da importância do uso das tecnologias informáticas, sendo motivadoras da adopção de novas dinâmicas no ensino. Quanto a nós este estudo permitiu verificar a pertinência da utilização … LER PONTOS A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

42 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
CONCLUSÕES Opinião dos intervenientes Professores (entrevistas) Importante o uso do computador Computador pode ser mais uma ferramenta de trabalho Computador motiva os alunos Verifica-se ainda pouca utilização do computador como ferramenta de trabalho na sala de aula Importante mais e melhor formação de professores Das opiniões dos professores que colaboraram directamente neste projecto e recolhidas por entrevista, podemos referir que estes entendem que: LER PONTOS A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

43 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
CONCLUSÕES Opinião dos intervenientes Alunos (inquérito) Acharam a experiência interessante Gostaram de usar software educativo nas aulas Gostariam de continuar nos próximos anos Mostraram preferência pela Numeração Romana (lúdico) Quanto aos alunos e após um inquérito final podemos referir que estes acharam a experiência: LER PONTOS A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

44 Software que os alunos mais gostaram
CONCLUSÕES Opinião dos intervenientes Software que os alunos mais gostaram Apresentamos dois gráficos resultantes destas opiniões. A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

45 A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo
CONCLUSÕES Futuro… No futuro (desenvolvimento de trabalhos nesta área) Amostra mais representativa Amostra aleatória Várias escolas envolvidas Diversificar mais o software utilizado Incentivar a inclusão nas planificações anuais, o uso de software educativo Não podemos concluir esta apresentação sem referir o nosso entendimento sobre o que se poderá fazer em futuros trabalhos para aprofundamento destas problemáticas e que quanto a nós deverá passar por: LER PONTOS E como sugestão final pensamos ser importante a criação de… LER PONTO A Multimédia ao Serviço das Práticas Pedagógicas no 1º ciclo

46 MULTIMÉDIA ao SERVIÇO das PRÁTICAS PEDAGÓGICAS no 1º CICLO
OBRIGADO PELA VOSSA ATENÇÃO O Futuro pertence àqueles que acreditam na beleza dos seus sonhos. Eleanor Roosevelt Terminamos como começamos apresentando uma frase de Eleonor Roosevelt que nos diz: LER A FRASE Porto, 13 de Outubro de 2006

47 MULTIMÉDIA ao SERVIÇO das PRÁTICAS PEDAGÓGICAS no 1º CICLO
Manuel Zulmiro Rocha Barros Dissertação de Mestrado em Educação Multimédia Orientador: Professor Doutor Duarte Costa Pereira Co-Orientador: Professor Doutor Alexandre Magalhães Porto, 13 de Outubro de 2006


Carregar ppt "MULTIMÉDIA ao SERVIÇO das PRÁTICAS PEDAGÓGICAS no 1º CICLO"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google