A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aulas 01 ENEM 2013 Temas: Geografia Física Meio Ambiente Prof. Mauro Vranjac geografiam.wordpres.com.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aulas 01 ENEM 2013 Temas: Geografia Física Meio Ambiente Prof. Mauro Vranjac geografiam.wordpres.com."— Transcrição da apresentação:

1 Aulas 01 ENEM 2013 Temas: Geografia Física Meio Ambiente Prof. Mauro Vranjac geografiam.wordpres.com

2 ENEM – 2011 O uso da água aumenta de acordo com as necessidades da população no mundo. Porém, diferentemente do que se possa imaginar, o aumento do consumo de água superou em duas vezes o crescimento populacional durante o século XX. TEIXEIRA, W. et al. Decifrando a Terra. São Paulo: Cia. Editora Nacional, Uma estratégia socioespacial que pode contribuir para alterar a lógica de uso da água apresentada no texto é a: a) ampliação de sistemas de reutilização hídrica. b) expansão da irrigação por aspersão das lavouras. c) intensificação do controle do desmatamento de florestas. d) adoção de técnicas tradicionais de produção. e) criação de incentivos fiscais para o cultivo de produtos orgânicos. 0101

3 ENEM – 2011 O uso da água aumenta de acordo com as necessidades da população no mundo. Porém, diferentemente do que se possa imaginar, o aumento do consumo de água superou em duas vezes o crescimento populacional durante o século XX. TEIXEIRA, W. et al. Decifrando a Terra. São Paulo: Cia. Editora Nacional, Uma estratégia socioespacial que pode contribuir para alterar a lógica de uso da água apresentada no texto é a: a) ampliação de sistemas de reutilização hídrica. (uso de tecnologia) b) expansão da irrigação por aspersão das lavouras. c) intensificação do controle do desmatamento de florestas. d) adoção de técnicas tradicionais de produção. e) criação de incentivos fiscais para o cultivo de produtos orgânicos A

4 ENEM – 2011 A maior parte dos veículos de transporte atualmente é movida por motores a combustão que utilizam derivados de petróleo. Por causa disso, esse setor é o maior consumidor de petróleo do mundo, com altas taxas de crescimento ao longo do tempo. Enquanto outros setores têm obtido bons resultados na redução do consumo, os transportes tendem a concentrar ainda mais o uso de derivados do óleo. MURTA, A. Energia: o vício da civilização. Rio de Janeiro: Garamond, 2011 (adaptado). Um impacto ambiental da tecnologia mais empregada pelo setor de transportes e uma medida para promover a redução de seu uso estão indicados, respectivamente, em: a) Aumento da poluição sonora – construção de barreiras acústicas. b) Incidência da chuva ácida – estatização da indústria automobilística. c) Derretimento das calotas polares – incentivo aos transportes de massa. d) Propagação de doenças respiratórias – distribuição de medicamentos gratuitos. e) Elevação das temperaturas médias – criminalização da emissão de gás carbônico. 0202

5 ENEM – 2011 Um impacto ambiental da tecnologia mais empregada pelo setor de transportes e uma medida para promover a redução de seu uso estão indicados, respectivamente, em: MOTOR A COMBUSTÃO (COMB. FÓSSEIS) - GESTÃO DE TRANSPORTE PÚBLICO a) Aumento da poluição sonora – construção de barreiras acústicas. b) Incidência da chuva ácida – estatização da indústria automobilística. c) Derretimento das calotas polares – incentivo aos transportes de massa. d) Propagação de doenças respiratórias – distribuição de medicamentos gratuitos. e) Elevação das temperaturas médias – criminalização da emissão de gás carbônico C

6 ENEM – 2011 De repente, sente-se uma vibração que aumenta rapidamente; lustres balançam, objetos se movem sozinhos e somos invadidos pela estranha sensação de medo do imprevisto. Segundos parecem horas, poucos minutos são uma eternidade. Estamos sentindo os efeitos de um terremoto, um tipo de abalo sísmico. ASSAD, L. Os (não tão) imperceptíveis movimentos da Terra. ComCiência: Revista Eletrônica de Jornalismo Científico, n.o 117, abr Disponível em: Acesso em: 2 mar O fenômeno físico descrito no texto afeta intensamente as populações que ocupam espaços próximos às áreas de: a) alívio da tensão geológica. b) desgaste da erosão superficial. c) atuação do intemperismo químico. d) formação de aquíferos profundos. e) acúmulo de depósitos sedimentares. 0303

7 ENEM – 2011 O fenômeno físico descrito no texto afeta intensamente as populações que ocupam espaços próximos às áreas de: a) alívio da tensão geológica. b) desgaste da erosão superficial. c) atuação do intemperismo químico. d) formação de aquíferos profundos. e) acúmulo de depósitos sedimentares A

8 ENEM – 2010 Pensando nas correntes e prestes a entrar no braço que deriva da Corrente do Golfo para o norte, lembrei-me de um vidro de café solúvel vazio. Coloquei no vidro uma nota cheia de zeros, uma bola cor rosa-choque. Anotei a posição e data: Latitude 49°49' N, Longitude 23°49 W. Tampei e joguei na água. Nunca imaginei que receberia uma carta com a foto de um menino norueguês, segurando a bolinha e a estranha nota. No texto, o autor anota sua coordenada geográfica, que é: a) a relação que se estabelece entre as distâncias representadas no mapa e as distâncias reais da superfície cartografada. b) o registro de que os paralelos são verticais e convergem para os polos, e os meridianos são círculos imaginários, horizontais e equidistantes. c) a informação de um conjunto de linhas imaginárias que permitem localizar um ponto ou acidente geográfico na superfície terrestre. d) a latitude como distância em graus entre um ponto e o Meridiano de Greenwich, e a longitude como a distância em graus entre um ponto e o Equador. e) a forma de projeção cartográfica, usada para navegação, onde os meridianos e paralelos distorcem a superfície do planeta. 0404

9 a) Escala b) paralelos são verticais - meridianos são círculos imaginários (IRRELEVANTE) c) a informação de um conjunto de linhas imaginárias que permitem localizar um ponto ou acidente geográfico na superfície terrestre. d) a latitude como distância em graus - Equador a longitude como a distância em graus - Greenwich e) Projeção cartográfica (IRRELEVANTE) Peters Mercator Mollweidi 0404 C

10 ENEM – 2010 a) magmáticas, pois a ação de vulcões causou as maiores extinções desses animais já conhecidas ao longo da história terrestre. b) sedimentares, pois os restos podem ter sido soterrados e litificados com o restante dos sedimentos. c) magmáticas, pois são as rochas mais facilmente erodidas, possibilitando a formação de tocas que foram posteriormente lacradas. d) sedimentares, já que cada uma das camadas encontradas na figura simboliza um evento de erosão dessa área representada. e) metamórficas, pois os animais representados precisavam estar perto de locais quentes. O esquema mostra depósitos em que aparecem fósseis de animais do Período Jurássico. As rochas em que se encontram esses fósseis são: 0505

11 ENEM – 2010 A medida que os repteis iam morrendo ao longo do Período Jurássico, seus restos iam-se depositando no fundo de vales e depósitos de sedimentos que se formaram em camadas (a estratificação) e permitiram, por um processo físico-químico, mantê-los como fosseis. Rochas - agregado natural, formado por um ou mais minerais, inclusive vidro vulcânico e matéria orgânica, que constitui parte considerável da crosta terrestre. Esses minerais se agregam obedecendo leis físicas, químicas, e físico-químicas, fatores que distinguem as rochas em três grupos distintos: Metamórficas Sedimentares Magmáticas (ígneas ou cristalinas) 0505 B

12 ENEM – 2010 O esquema representa um processo de erosão em encosta. Que prática realizada por um agricultor pode resultar em aceleração desse processo? 0606 a) Plantio direto. b) Associação de culturas. c) Implantação de curvas de nível. d) Aração do solo, do topo ao vale. e) Terraceamento na propriedade

13 ENEM – 2010 d) Aração do solo, do topo ao vale D Aumento de exposição ao intemperismo. Desmatamento – exposição a enxurradas aumento da Erosão. Intemperismo: ocasionando a alteração das rochas próximas a superfície terrestre em produtos que estão mais em equilíbrio com novas condições físico-químicas. Erosão : processo de remoção dos produtos do intemperismo.

14 a) a maior ocorrência de enchentes, já que os rios assoreados comportam menos água em seus leitos. b) a contaminação da população pelos sedimentos trazidos pelo rio e carregados de matéria orgânica. c) o desgaste do solo nas áreas urbanas, causado pela redução do escoamento superficial pluvial na encosta. d) a maior facilidade de captação de água potável para o abastecimento público, já que é maior o efeito do escoamento sobre a infiltração. e) o aumento da incidência de doenças como a amebíase na população urbana, em decorrência do escoamento de água poluída do topo das encostas. ENEM – 2010 Muitos processos erosivos se concentram nas encostas, principalmente aqueles motivados pela água e pelo vento. No entanto, os reflexos também são sentidos nas áreas de baixada, onde geralmente há ocupação urbana. Um exemplo desses reflexos na vida cotidiana de muitas cidades brasileiras é: 0707

15 a)a maior ocorrência de enchentes, já que os rios assoreados comportam menos água em seus leitos. Retirada da vegetação causa perda de solos férteis (VOSOROCA), colabora com o preenchimento dos vales dos rios com sedimentos (ASSOREAMENTO) e aumento a probabilidade de transbordamentos e inundações das regiões marginais (ALAGAMENTOS) ENEM – 2010 Muitos processos erosivos se concentram nas encostas, principalmente aqueles motivados pela água e pelo vento. No entanto, os reflexos também são sentidos nas áreas de baixada, onde geralmente há ocupação urbana. Um exemplo desses reflexos na vida cotidiana de muitas cidades brasileiras é 0707 A

16 Depósitos Sedimentares

17 ENEM – 2010 Dois pesquisadores percorreram os trajetos marcados no mapa. A tarefa deles foi analisar os ecossistemas e, encontrando problemas, relatar e propor medidas de recuperação. A seguir, são reproduzidos trechos aleatórios extraídos dos relatórios desses dois pesquisadores. Trechos aleatórios extraídos do relatório do pesquisador P1: I. Por causa da diminuição drástica das espécies vegetais deste ecossistema, como os pinheiros, a gralha azul também está em processo de extinção. II. As árvores de troncos tortuosos e cascas grossas que predominam nesse ecossistema estão sendo utilizadas em carvoarias. Trechos aleatórios extraídos do relatório do pesquisador P2: III. Das palmeiras que predominam nesta região podem ser extraídas substâncias importantes para a economia regional. IV. Apesar da aridez desta região, em que encontramos muitas plantas espinhosas, não se pode desprezar a sua biodiversidade. 0808

18 ENEM – 2010 Os trechos I, II, III e IV referem-se, pela ordem, aos seguintes ecossistemas: a) Caatinga, Cerrado, Zona dos cocais e Floresta Amazônia. b) Mata de Araucárias, Cerrado, Zona dos cocais e Caatinga. c) Manguezais, Zona dos cocais, Cerrado e Mata Atlântica. d) Floresta Amazônia, Cerrado, Mata Atlântica e Pampas. e) Mata Atlântica, Cerrado, Zona dos cocais e Pantanal. Ecossistemas brasileiros: mapa da distribuição dos ecossistemas. 0808

19 ENEM – 2010 b) Mata de Araucárias, Cerrado, Zona dos cocais e Caatinga B Mata dos Cocais - meio-norte do Brasil – entre o domínio Amazônico e domínio da Caatinga, é uma área de transição, com cobertura vegetal predominantemente de babaçu (10 a 15m – MA e PI) e Carnaúba (20m – MA, PI, CE e RN) Mata das Araucárias – ocupa os planaltos da bacia do Paraná, em altitudes médias de 850 a 1300 metros, semi-homogênea associada com espécies herbáceas e arbustivas. Cerrado – nas chapadas. Regiões tropicais, com baixa fertilidade dos solos. Composto de dois estratos: arbóreo-arbustivo (lenhoso) e herbáceo-subarbustivo (gramíneas e ervas). FOGO importante controlador. Camada superficial isolante. Caatinga – em colinas suaves. Semi-aridez e pouco fértil e rochoso. Rios intermitentes e rasos. Em época de chuvas, inundações. Espécies xerófilas.

20

21 Zona Fria ZonaTemperada Zona Quente úmidoseco

22

23 A tundra é a vegetação típica de áreas onde se verifica a existência do clima polar. Ela é composta de espécies vegetais que se reproduzem de modo rápido, como os musgos e liquens. Isso porque essa vegetação é característica de uma área onde o degelo ocorre em um período muito curto (verão polar). É nesse período que a paisagem branca do inverno dá lugar ao colorido, o qual pode ser observado nas fotos abaixo.

24 Floresta Boreal com predomínio de coníferas (ou Taiga) é a vegetação típica das áreas onde se verifica a existência do clima frio. Ela é composta principalmente de coníferas (pinheiros e abetos) e concentra-se no trecho setentrional dos continentes Norte-americano e Eurasiano. Em algumas áreas dessa floresta constata-se um processo de desmatamento bastante acelerado, como resultado da exploração da madeira aí existente para uso industrial.

25 Floresta Boreal Caduca - é uma das vegetações típicas do climas do tipo temperado. Ela é composta por espécies vegetais bastante variadas, como a bétula, o carvalho e a faia. A maior parte destas florestas temperadas apresenta folhas caducas, e é a região que mais foi devastada no decorrer da história, principalmente na Europa.

26 Predomínio de gramíneas. As estepes são uma das vegetações típicas nas áreas de climas do tipo temperado. Ela é composta por gramíneas, isto é, por espécies herbáceas (ervas). Grande parte das áreas onde ocorre esse tipo de vegetação é ocupada nos dias atuais por atividades agrícolas.

27 Vegetação esparsa, com plantas resistentes à estiagem. É típica do sul da Europa, composta de espécies características de áreas onde se constata a existência de verões quentes e secos e invernos chuvosos, como as plantas xerófilas, resistentes a longos períodos de estiagem, a exemplo dos maquis e dos garrigues.

28 Desertos ou regiões áridas são regiões que apresentam duas características essenciais: escassez e irregularidade de chuvas; grande variação diária de temperatura. A maior parte dos desertos recebe alguma chuva e possui uma cobertura vegetal rala e descontinua, com características de espécies xerófitas, a não ser nas áreas de solos muito inadequados, como as dunas de areias movediças.

29 ENEM – 2012 A interface clima/sociedade pode ser considerada em termos de ajustamento à extensão e aos modos como as sociedades funcionam em uma relação harmônica com seu clima. O homem e suas sociedades são vulneráveis às variações climáticas. A vulnerabilidade é a medida pela qual uma sociedade é suscetível de sofrer por causas climáticas. (AYOADE, J. O. Introdução a climatologia para os trópicos. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2010). (adaptado). Considerando o tipo de relação entre ser humano e condição climática apresentado no texto, uma sociedade torna-se mais vulnerável quando: a) concentra suas atividades no setor primário. b) apresenta estoques elevados de alimentos. c) possui um sistema de transportes articulado. d) diversifica a matriz de geração de energia. e) introduz tecnologias à produção agrícola. 0909

30 ENEM – 2012 Considerando o tipo de relação entre ser humano e condição climática apresentado no texto, uma sociedade torna-se mais vulnerável quando: a) concentra suas atividades no setor primário. b) apresenta estoques elevados de alimentos. c) possui um sistema de transportes articulado. d) diversifica a matriz de geração de energia. e) introduz tecnologias à produção agrícola. Quanto maior a proximidade das sociedades com as práticas agrícolas, maior é o perigo dessas sociedades infligirem alterações ao meio ambiente e, consequentemente alterarem o clima onde habitam, afetando as médias térmicas e os índices pluviométricos e, os ciclos de maturação vegetal, ritmos intempéricos, assoreamentos, lixiviação e níveis de desgaste dos solos A

31 ENEM – 2009 O clima é um dos elementos fundamentais não só na caracterização das paisagens naturais, mas também no histórico de ocupação do espaço geográfico. Tendo em vista determinada restrição climática, a figura que representa o uso de tecnologia voltada para a produção é: a) Exploração vinícola no Chile b) Pequena agricultura em região andina c) Parque de engorda de bovinos nos EUA d) Zonas irrigadas por aspersão Na Arábia Saudita e) Parque eólico na Califórnia 1010

32 ENEM – 2009 d) Zonas irrigadas por aspersão na Arábia Saudita 1010 D Pecuária Intensiva – utiliza pequenas áreas, onde o gado é mantido em regime de confinamento, a alimentação é feita à base de ração concentrada e o animal é destinado à produção de leite ou corte. Pecuária Extensiva – realizada em grandes áreas, o gado é criado solto, e alimenta-se de capim existente nos pasto. Em geral, destina-se à engorda e ao abate. Rotação de Culturas – método que ajuda a preservar a fertilidade dos solos cultivados, dividindo em glebas (porção de terra para culturas) menores, onde são plantadas espécies diferentes. Agronegócio – modelo de desenvolvimento econômico da agropecuária capitalista. Novo nome para quebrar o vínculo com a antiga agricultura latifundiária capitalista. Revolução Verde – conjunto de inovações tecnológicas para aumentar a produção de alimentos, iniciada em 1960 nos EUA. Grileiro – pessoa que tenta apossar-se da terra de terceiros por meio de falsa escritura. Posseiro – pessoa que constrói sua habitação em terreno que julga não pertencer a ninguém e começa a cultivar a área.

33 ENEM – A irrigação da agricultura é responsável pelo consumo de mais de 2/3 de toda a água retirada dos rios, lagos e lençóis freáticos do mundo. Mesmo no Brasil, onde achamos que temos muita água, os agricultores que tentam produzir alimentos também enfrentam secas periódicas e uma competição crescente por água. (MARAFON, G. J. et. al. O desencanto da terra: produção de alimentos, ambiente e sociedade. Rio de Janeiro: Garamond, 2011). No Brasil, as técnicas de irrigação utilizadas na agricultura produziram impactos socioambientais como: a) redução do custo de produção. b) agravamento da poluição hídrica. c) compactação do material do solo. d) aceleração da fertilização natural. e) redirecionamento dos cursos fluviais.

34 ENEM – No Brasil, as técnicas de irrigação utilizadas na agricultura produziram impactos socioambientais como: a) redução do custo de produção. b) agravamento da poluição hídrica. c) compactação do material do solo. d) aceleração da fertilização natural. e) redirecionamento dos cursos fluviais. Desequilíbrio no ciclo da água, provocada pela retirada intensa da substância para os trabalhos de irrigação, realizado em grandes extensões de campos agriculturáveis.

35 Os lixões são o pior tipo de disposição final dos resíduos sólidos de uma cidade, representando um grave problema ambiental e de saúde pública. Nesses locais, o lixo é jogado diretamente no solo e a céu aberto, sem nenhuma norma de controle, o que causa, entre outros problemas, a contaminação do solo e das águas pelo chorume (líquido escuro com alta carga poluidora, proveniente da decomposição da matéria orgânica presente no lixo). Considere um município que deposita os resíduos sólidos produzidos por sua população em um lixão. Esse procedimento é considerado um problema de saúde pública porque os lixões a) causam problemas respiratórios, devido ao mau cheiro que provém da decomposição. b) são locais propícios à proliferação de vetores de doenças, além de contaminarem o solo e as águas. c) provocam o fenômeno da chuva ácida, devido aos gases oriundos da decomposição da matéria orgânica. d) são instalados próximos ao centro das cidades, afetando toda a população que circula diariamente na área. e) são responsáveis pelo desaparecimento das nascentes na região onde são instalados, o que leva à escassez de água. ENEM –

36 b) são locais propícios à proliferação de vetores de doenças, além de contaminarem o solo e as águas. Lixo - restos das atividades humanas, considerados pelos geradores como inúteis, indesejáveis ou descartáveis, podendo-se apresentar no estado sólido ou líquido, desde que não seja passível de tratamento convencional Lixão - O "lixão" é uma forma inadequada de se dispor os resíduos sólidos urbanos porque provoca uma série de impactos ambientais negativos. Aterro - células de lixo domiciliar, células de lixo hospitalar, impermeabilização de fundo (obrigatória, sistema de coleta e tratamento dos líquidos percolados (chorume), sistema de coleta e queima (ou beneficiamento) do biogás, sistema de drenagem e afastamento das águas pluviais, sistemas de monitoramento ambiental, topográfico e geotécnico, pátio de estocagem de materiais. ENEM – B

37 O lixão que recebia 130 toneladas de lixo e contaminava a região com o seu chorume (líquido derivado da decomposição de compostos orgânicos) foi recuperado, transformando-se em um aterro sanitário controlado, mudando a qualidade de vida e a paisagem e proporcionando condições dignas de trabalho para os que dele subsistiam. Quais procedimentos técnicos tornam o aterro sanitário mais vantajoso que o lixão, em relação às problemáticas abordadas no texto? a) O lixo é recolhido e incinerado pela combustão a altas temperaturas. b) O lixo hospitalar é separado para ser enterrado e sobre ele, colocada cal virgem. c) O lixo orgânico e inorgânico é encoberto, e o chorume canalizado para ser tratado e neutralizado. d) O lixo orgânico é completamente separado do lixo inorgânico, evitando a formação de chorume. e) O lixo industrial é separado e acondicionado de forma adequada, formando uma bolsa de resíduos. ENEM –

38 c) O lixo orgânico e inorgânico é encoberto, e o chorume canalizado para ser tratado e neutralizado. A vantagem do aterro sanitário em relação ao lixão e que o lixo orgânico e inorgânico e encoberto, e o chorume e canalizado para ser tratado e neutralizado. ENEM – C

39 As cidades industrializadas produzem grandes proporções de gases como o CO 2, o principal gás causador do efeito estufa. Isso ocorre por causa da quantidade de combustíveis fósseis queimados, principalmente no transporte, mas também em caldeiras industriais. Além disso, nessas cidades concentram-se as maiores áreas com solos asfaltados e concretados, o que aumenta a retenção de calor, formando o que se conhece por ilhas de calor. Tal fenômeno ocorre porque esses materiais absorvem o calor e o devolvem para o ar sob a forma de radiação térmica. Em áreas urbanas, devido à atuação conjunta do efeito estufa e das ilhas de calor, espera-se que o consumo de energia elétrica: a) diminua devido à utilização de caldeiras por indústrias metalúrgicas. b) aumente devido ao bloqueio da luz do sol pelos gases do efeito estufa. c) diminua devido à não necessidade de aquecer a água utilizada em indústrias. d) aumente devido à necessidade de maior refrigeração de indústrias e residências. e) diminua devido à grande quantidade de radiação térmica reutilizada. ENEM –

40 d) aumente devido à necessidade de maior refrigeração de indústrias e residências. AS cidades apresentam temperaturas médias maiores que as zonas rurais de mesma latitude. Dentro elas, as temperaturas aumentam da periferia em direção ao centro. Em casos extremos, esta diferença de temperatura pode atingir até 10° C. Esse fenômeno é a ilha de calor. O efeito estufa e as ilhas de calor provocam aumento da temperatura ambiente local. Para adequá-la ao bem estar das pessoas, aparelhos de ar condicionado e de refrigeração devem ser usados, aumentando o consumo de energia elétrica. ENEM – D

41 ENEM – 2009 No presente, observa-se crescente atenção aos efeitos da atividade humana, em diferentes áreas, sobre o meio ambiente, sendo constante, nos fóruns internacionais e nas instancias nacionais, a referencia a sustentabilidade como principio orientador de ações e propostas que deles emanam. A sustentabilidade explica-se pela: a) incapacidade de se manter uma atividade econômica ao longo do tempo sem causar danos ao meio ambiente. b) incompatibilidade entre crescimento econômico acelera do e preservação de recursos naturais e de fontes não renováveis de energia. c) interação de todas as dimensões do bem-estar humano com o crescimento econômico, sem a preocupação com a conservação dos recursos naturais que estivera presente desde a Antiguidade. d) proteção da biodiversidade em face das ameaças de destruição que sofrem as florestas tropicais devido ao avanço de atividades como a mineração, a monocultura, o trafico de madeira e de espécies selvagens. e) necessidade de se satisfazer as demandas atuais colocadas pelo desenvolvimento sem comprometer a capacidade de as gerações futuras atenderem suas próprias necessidades nos campos econômico, social e ambiental. 1515

42 ENEM – 2009 e) necessidade de se satisfazer as demandas atuais colocadas pelo desenvolvimento sem comprometer a capacidade de as gerações futuras atenderem suas próprias necessidades nos campos econômico, social e ambiental. Trata-se de uma definição: procurar o desenvolvimento, ao mesmo tempo em que se preserva o ambiente, assegurando que as gerações futuras não sejam comprometidas E

43 ENEM – 2010 O homem construiu sua historia por meio do constante processo de ocupação e transformação do espaço natural. Na verdade, o que variou, nos diversos momentos da experiência humana, foi a intensidade dessa exploração. Uma das consequências que pode ser atribuída a crescente intensificação da exploração de recursos naturais, facilitada pelo desenvolvimento tecnológico ao longo da historia, e: a) a diminuição do comercio entre países e regiões, que se tomaram autossuficientes na produção de bens e serviços. b) ocorrência de desastres ambientais de grandes proporções, como no caso de derramamento de óleo por navios petroleiros. c) a melhora generalizada das condições de vida da população mundial, a partir da eliminação das desigualdades economicas na atualidade. d) o desmatamento, que eliminou grandes extensões de diversos biomas improdutivos, cujas áreas passaram a ser ocupadas por centros industriais modernos. e) o aumento demográfico mundial, sobretudo nos países mais desenvolvidos, que apresentam altas taxas de crescimento vegetativo. 1616

44 ENEM – 2010 b) ocorrência de desastres ambientais de grandes proporções, como no caso de derramamento de óleo por navios petroleiros. Entre os desastres ambientais que maior impacto causam, esta o derramamento de petróleo, que polui intensamente as águas oceânicas, alterando o ambiente do entorno, sobretudo nas áreas de maior produção e/ou consumo desse recurso B

45 ENEM –

46 Reunindo-se as informações contidas nas duas charges infere-se que: a) os regimes climáticos da Terra são desprovidos de padrões que os caracterizem. b) os intervenções humanas nas regiões polares são mais intensas que em outras partes do globo. c) o processo de aquecimento global será detido com a eliminação das queimadas. d) a destruição das florestas tropicais e uma das causas do aumento da temperatura em locais distantes como os polos. e) os parâmetros climáticos modificados pelo homem afetam todo o planeta, mas os processos naturais tem alcance regional. 1717

47 ENEM – 2009 d) a destruição das florestas tropicais e uma das causas do aumento da temperatura em locais distantes como os polos. Observa-se que o clima terrestre inter-relaciona-se: fatos ocorridos em determinadas regiões acabam refletindo-se em locais distantes, como e o caso da destruição das florestas tropicais que aumenta a liberação de gases estufa, colaborando com o aquecimento global, derretendo gelo nas regiões polares D


Carregar ppt "Aulas 01 ENEM 2013 Temas: Geografia Física Meio Ambiente Prof. Mauro Vranjac geografiam.wordpres.com."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google