A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Adjetivo Adjetivo é a palavra variável que modifica substantivos, atribuindo uma característica aos seres nomeados por eles.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Adjetivo Adjetivo é a palavra variável que modifica substantivos, atribuindo uma característica aos seres nomeados por eles."— Transcrição da apresentação:

1 Adjetivo Adjetivo é a palavra variável que modifica substantivos, atribuindo uma característica aos seres nomeados por eles.

2 Identificação do Adjetivo A maioria das palavras registradas no dicionário como adjetivos pode ter seu sentido intensificado. Essa intensificação pode ocorrer basicamente: Por meio de advérbios como tão, muito, extremamente, etc. garoto alto tão alto, muito alto, extremamente alto... Por meio de sufixos que denotam intensidade: - íssimo, -limo, -rimo... garoto alto altíssimo

3 Adjetivo e Substantivo Leia o verbete: brasileiro Adj. Que se refere ao Brasil. S.m. O natural ou habitante do Brasil. O dicionário registra a palavra brasileiro como pertencente a mais de uma classe gramatical. Nesse caso, a distinção de classe só se revela pelo contexto. O brasileiro é muito crédulo. substantivo O povo brasileiro é muito crédulo. adjetivo

4 Adjetivo e Substantivo Muitas palavras da língua apresentam essa possibilidade de se enquadrar em uma dessas duas classes gramaticais, substantivo e adjetivo. Compare as frases: Tratava-se de um advogado amigo. adjetivo Meu melhor amigo é o Juvenal. substantivo

5 Adjetivo e Substantivo Nem todo substantivo pode funcionar como modificador. Alguns podem, quando empregados em sentido figurado, fato comum na gíria e na linguagem poética. A mala estava vazia. O substantivo destacado não pode exercer a função de modificador, quando empregado em sentido denotativo. Mas veja no sentido figurado: Ela tem um marido mala. (mala = chato, maçante. Gíria)

6 Locução Adjetiva Locuções adjetivas são expressões equivalentes a adjetivos, formadas geralmente de preposição + substantivo. homem sem capacidade homem incapaz material de escola material escolar amor de filho amor filial casa do pai casa paterna Há locuções adjetivas constituídas de preposição + advérbio: músicas de sempre

7 Correspondência entre locução adjetiva e adjetivo Em alguns dos exemplos anteriores, vimos locuções adjetivas que apresentam adjetivos correspondentes a elas. Essa correspondência nem sempre ocorre. Veja: cabeça de um índio livro de Ana parede de concreto aula de Física desculpa sem pés nem cabeça dia do jogo sala de televisão

8 Preferência pela locução adjetiva Adoro estes filmes ingleses em que nunca chove ou há céu plúmbeo... (O Estado de S. Paulo) A floresta existe na Amazônia há muito mais tempo do que se imaginava e sobreviveu intacta mesmo durante o período glacial. (O Estado de S. Paulo) Os adjetivos destacados significam: Plúmbeo: de chumbo; da cor do chumbo; relativo ao chumbo. Glacial: relativo ao gelo.

9 Preferência pela locução adjetiva Como esses, muitos adjetivos conservam um radical latino pouco comum para o usuário atual da língua, fato que dificulta o reconhecimento do seu significado. Nesse caso, na comunicação cotidiana o falante prefere substituir esse adjetivo pela locução correspondente, que permite entendimento mais imediato. Por isso as locuções equivalentes a esses adjetivos ocorrem com maior frequência do que os adjetivos. Assim, atitude de velho é mais comum na fala cotidiana do que atitude senil.

10 Locução adjetivaAdjetivo relativo a abelhaapícola relativo a águiaaquilino relativo a alunodiscente relativo a astrosideral relativo a audiçãoótico, auditivo relativo a bispoepiscopal relativo a bocaoral, bucal relativo a boibovino relativo a cabelocapilar relativo a cabracaprino relativo a cavaloequino, equídeo relativo a chuvapluvial relativo a cidadeurbano, citadino relativo a coraçãocardíaco, cordial relativo a criançapueril, infantil

11 Locução adjetivaAdjetivo relativo a estômagogástrico, estomacal relativo a estrelaestelar relativo a fogoígneo relativo a gargantagutural relativo a guerrabélico relativo a ilhainsular relativo a invernohibernal relativo a irmãofraterno, fraternal relativo a macacosimiesco relativo a marfimebúrneo relativo a mortemortal, letal relativo a nortesetentrional relativo a olhoocular relativo a orelhaauricular relativo a ouroáureo

12 Locução adjetivaAdjetivo relativo a paixãopassional relativo a porcosuíno relativo a prataargênteo relativo a professordocente relativo a riofluvial relativo a rocharupestre relativo a sonhoonírico relativo a sulmeridional, austral relativo a tardevespertino, vesperal relativo a velhosenil relativo a verãoestival relativo a visãoóptico, ótico

13 Posição do adjetivo na frase Certos adjetivos, pelas suas propriedades semânticas (= propriedades de significado), devem ocupar posição específica em relação ao substantivo, dependendo do sentido que se quer atualizar. Nesses casos, a mudança na ordem das palavras pode afetar o sentido da expressão. Bonita roupa. Grande homem. Roupa bonita. Homem grande.

14 Posição do adjetivo na frase Pobre mulher – mulher infeliz Mulher pobre – mulher sem recursos Velho amigo – amigo de há muito tempo Amigo velho – amigo idoso Único trabalho – trabalho que é só um Trabalho único – trabalho exclusivo, excepcional

15 Adjetivos - Flexão O adjetivo pode variar em gênero, número e grau.

16 Gênero O adjetivo concorda com o substantivo em gênero, isto é, assume o gênero do substantivo por ele modificado. casaco novo saia nova masc. masc. fem. fem. Quanto ao gênero, os adjetivos podem ser uniformes ou biformes.

17 Gênero Adjetivos uniformes – são os adjetivos que têm uma só forma para indicar os dois gêneros: sonho constante – ilusão constante triste engano – triste lembrança caráter ímpar – condição ímpar

18 Gênero Adjetivos biformes – são os adjetivos que têm duas formas diferentes: uma para o masculino e outra para o feminino. sonho dourado – ilusão dourada leito solitário – cama solitária líquido impuro – matéria impura

19 Número O adjetivo concorda com o substantivo por ele modificado, assumindo a forma singular ou plural desse substantivo. bom propósito - bons propósitos masc. sing. masc. pl. lágrima amarga - lágrimas amargas fem. sing. fem. pl.

20 Número – Formação do plural Adjetivos simples Seguem as mesmas regras de formação do plural dos substantivos simples. quadro pequeno – quadros pequenos

21 Número – Formação do plural Adjetivos compostos Nos adjetivos compostos, só o último elemento vai para o plural: intervenção médico-cirúrgica – intervenções médico-cirúrgicas caminho recém-aberto – caminhos recém-abertos

22 Número – Formação do plural EXCEÇÕES: azul-marinho é invariável: blusa azul-marinho – blusas azul-marinho surdo-mudo tem seus dois elementos flexionados: menino surdo-mudo – meninos surdos-mudos

23 Número – Formação do plural EXCEÇÕES: São invariáveis os adjetivos compostos referentes a cores, quando o segundo elemento da composição é um substantivo: blusa verde-abacate – blusas verde-abacate vestido azul-pavão – vestidos azul-pavão

24 Grau A característica de um ser pode variar em intensidade. Ao expressar essa variação, cabe ao falante colocar o adjetivo no grau comparativo ou no grau superlativo, dependendo da circunstância. Grau comparativo Resulta da comparação: a. de duas qualidades do mesmo ser

25 Grau comparativo Observe a frase: João é gordo e esperto. Da comparação dessas duas características e de acordo com a intenção do falante, podem resultar essas variações: João é mais esperto do que gordo. (superioridade) João é tão esperto quanto gordo. (igualdade) João é menos esperto do que gordo. (inferioridade)

26 Grau comparativo b. da mesma característica em dois ou mais seres Aquele fato é estranho. Este fato é estranho. Da comparação da mesma característica e de acordo com a intenção do falante, podem resultar as seguintes variações: Aquele fato é mais estranho que este. (superioridade) Aquele fato é tão estranho quanto este. (igualdade) Aquele fato é menos estranho que este. (inferioridade)

27 Grau superlativo É o grau mais intenso da característica expressa por um adjetivo. O superlativo resulta de uma das seguintes conclusões do falante: Conclusão a: a qualidade apresenta-se no seu mais intenso grau, independentemente de ter sido relacionada com a mesma qualidade em outros seres. O adjetivo ficará então no grau superlativo absoluto, que pode ser expresso basicamente de duas formas.

28 Grau superlativo Superlativo absoluto sintético O fato era estranhíssimo. O adjetivo foi flexionado. O sufixo –íssimo expressa a variação de grau.

29 Grau superlativo Superlativo absoluto analítico Homens muito obesos ou muito magros têm maior chance de morrer de forma prematura. (...) O risco de morte foi 150% maior nos muito obesos e 250% maior nos excessivamente magros. (Folha de S. Paulo) Os adjetivos obeso e magro não foram flexionados para indicar grau. As palavras muito e excessivamente intensificam a característica expressa pelo adjetivo. Além dessas, são comuns como intensificadores os termos bastante, extremamente, incrivelmente, etc.

30 Grau superlativo Conclusão b: A característica apresenta-se no grau mais intenso (superior ou inferior), se relacionada com a mesma característica de outro ser. O adjetivo ficará no grau superlativo relativo, que se forma sempre pelo processo analítico e pode ser:

31 Grau superlativo Superlativo relativo de superioridade João é o mais esperto da classe. Superlativo relativo de inferioridade João é o menos esperto da classe. Observe que o superlativo relativo resulta de uma espécie de comparação.

32 Alguns adjetivos apresentam formas especiais: bommaugrandepequeno Comparativo de superioridade melhorpiormaiormenor Superlativo absoluto ótimopéssimomáximomínimo Superlativo relativo o melhoro pioro maioro menor

33 Grau superlativo Formação do superlativo absoluto sintético Este superlativo forma-se de maneiras diferentes, dependendo do adjetivo. a. Acrescentando-se o sufixo –íssimo à forma não- flexionada do adjetivo: normal – normalíssimo popular – popularíssimo

34 Grau superlativo Se o adjetivo terminar em vogal, ela desaparece quando acrescentamos o sufixo –íssimo. belo – belíssimo elegante – elegantíssimo b. Os adjetivos terminados em –vel formam o superlativo em –bilíssimo: confortável – confortabilíssimo terrível – terribilíssimo

35 Grau superlativo c. Os adjetivos terminados em –z formam o superlativo em –císsimo: feliz – felicíssimo feroz – ferocíssimo


Carregar ppt "Adjetivo Adjetivo é a palavra variável que modifica substantivos, atribuindo uma característica aos seres nomeados por eles."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google