A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A Paz do Senhor! Feliz 2010!. GIDEÃO Estamos na OITAVA lição da revista GIDEÃO primeiro trimestre de 2010. Nosso comentarista é o Pastor Josué de A. Soares.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A Paz do Senhor! Feliz 2010!. GIDEÃO Estamos na OITAVA lição da revista GIDEÃO primeiro trimestre de 2010. Nosso comentarista é o Pastor Josué de A. Soares."— Transcrição da apresentação:

1 A Paz do Senhor! Feliz 2010!

2 GIDEÃO Estamos na OITAVA lição da revista GIDEÃO primeiro trimestre de Nosso comentarista é o Pastor Josué de A. Soares O tema da semana é: GIDEÃO, UM HOMEM TEMPERANTE

3 Sejam todos muito bem vindos! Insistimos em afirmar que este Plano de Aula Expositiva (PAE) não tem a pretensão de ser uma proposta final. Trata-se apenas de um auxílio!

4 Fiquem a vontade para incluir novos textos, figuras, animações, etc. Se entenderem a necessidade, por favor, podem excluir ou alterar, tanto a formatação quanto os textos aqui apresentados. (só não podem fugir do conteúdo da revista, que é à base desta apresentação).

5 Mais uma vez antecipamos os nossos sinceros agradecimentos a todos os colaboradores voluntários do Norte ao Sul, do Leste ao Oeste, que em obediência ao chamado do Senhor, juntam-se a nós mais uma vez, na Escola Bíblica Dominical.

6 Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos. Salmos 126:6

7 Muito Importante!!! Peça ao Espírito Santo para fazer a diferença em sua aula!

8 Ore, Leia a Bíblia, Estude a Lição, Complete os Exercícios Propostos no PIL - Estejam Preparados. Tenham todos uma boa semana! Nosso é: Equipe Betel

9

10 LIÇÃO 8 – 21 DE FEVEREIRO DE 2010 GIDEÃO, UM HOMEM TEMPERANTE

11 AULA EXPOSITIVA

12 TEXTO ÁUREO Como a cidade derribada, que não tem muros, assim é o homem que não pode conter o seu espírito (Pv 25.28).

13 VERDADE APLICADA A temperança é uma condição necessária na vida do verdadeiro crente que almeja ser um vencedor em Cristo Jesus.

14 OBJETIVOS DA LIÇÃO 1) Mostrar que um homem temperante é controlado pelo Espírito Santo; 2) Explicar como podemos ter uma vida temperante; 3) Compreender que a pessoa temperante é abençoada por Deus.

15 INTRODUÇÃO Deus nos dá meios para vencer os ataques do inimigo e para nós nos dominarmos e sermos controlados totalmente pelo Espírito Santo, a fim de sermos úteis ao Reino de Deus. (...)

16 (...) É importante ressaltar que a temperança é um fruto do Espírito (Gl 5.22), e sendo assim só a possui o que realmente é espiritual.

17 1. O VALOR DA TEMPERANÇA É desejo de Deus que o crente tenha domínio próprio, pois a temperança é um fruto indispensável, visto que capacita o servo de Deus a renunciar a toda impiedade e às concupiscências do mundo (Tt 2.11,12). (...)

18 (...) A renúncia aos desejos ou prazeres pecaminosos é uma característica do cristão temperante.

19 Temperança e moderação (comente)

20 A perda do domínio (comente)

21 A temperança restaurada (comente)

22 Uma pessoa sem temperança comete excessos ao realizar os anseios do pecado. Para vencer deve estar cheio da graça e do Espírito Santo, sendo desta forma controlado, fazendo a vontade de Deus. Somente o Espírito de Deus pode dominar nossa natureza pecaminosa e todas as fraquezas (Rm e Jó 3.6). (...)

23 (...) Sem meditação da Palavra e sem o auxilio do Senhor, cederemos facilmente aos desejos dos nossos pensamentos. Entretanto, ao nascermos do Espírito, podemos viver plenamente para Deus.

24 2. DOMINANDO O MAL O crente não deve ser dominado pelo mal. A Palavra de Deus nos oferece uma mensagem de esperança: Deus nos deu o espírito de domínio próprio (2 Tm 1.7). Analisemos alguns exemplos que mostram como o Senhor ajuda o servo a exercer este fruto do Espírito.

25 Gideão, o apaziguador (comente)

26 O cristão e o autodomínio (comente)

27 O Cristão como nova criatura (comente)

28 3. A PRÁTICA DA TEMPERANÇA NO CRENTE É importante que tenhamos em mente a temperança como disciplina, pois, na vida do crente, se manifesta como o domínio próprio em plena atividade. (...)

29 (...) O temperante, segundo Tito 1.8, é aquele que tem autocontrole sobre as paixões ou desejos desregrados da alma. Percebermos nas Escrituras passagens que destacam a temperança:

30 a)Conduzindo o crente a uma vida disciplinada (1Co 9.25); b) Capacitando o crente a ser tolerante e moderado (Pv 16.32); c) Protegendo o crente dos ataques do inimigo (Pv 25.28); d) Integrando-se á armadura do cristão (1Ts 5.8).

31 Controle da língua (comente)

32 Moderação no uso do tempo (comente)

33 Domínio da mente (comente)

34 4. QUANDO NÃO HÁ TEMPERANÇA Há pessoas que se embravecem por tudo, parecem uma panela de pressão ambulante. Se não falarmos com muito cuidado podemos sofrer agressões e gerar uma grande tempestade, (...)

35 (...) mas é necessário ouvir a Bíblia: Melhor é o longânimo do que o valente, e o que governa o seu espírito do que o que toma uma cidade (Pv 16.32). A falta de temperança:

36 Gera impurezas (comente)

37 Gera espírito soberbo (comente)

38 Gera desequilíbrio (comente)

39 CONCLUSÃO Uma pessoa salva por Jesus tem o direito de frutificar com temperança, pois no momento que aceita o evangelho, o Espírito Santo passa a habitar no salvo. A partir daquele momento, não está mais sob o domínio de Satanás e suas hostes.

40 Fontes: Bíblia Sagrada – Concordância, Dicionário e Harpa - Editora Betel Revista GIDEÃO – Editora Betel - 1º Trimestre 2010 – Lição 08


Carregar ppt "A Paz do Senhor! Feliz 2010!. GIDEÃO Estamos na OITAVA lição da revista GIDEÃO primeiro trimestre de 2010. Nosso comentarista é o Pastor Josué de A. Soares."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google