A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Oracle e-Government Sistema de Gestão Tribut á ria.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Oracle e-Government Sistema de Gestão Tribut á ria."— Transcrição da apresentação:

1 Oracle e-Government Sistema de Gestão Tribut á ria

2 Reuniões de Trabalho Objetivos – Aumentar conhecimento dos profissionais responsáveis pelos sistemas de Gestão Tributária quanto a proposta Oracle para novo ambiente integrado de solução – Ajudar na redução de risco para tomada de decisão quanto a estratégia de evolução de Sistemas Aplicativos de Gestão Tributária

3 Agenda de Trabalho Nosso entendimento do problema Visão do Modelo da Solução Funcionalidades Plataforma Tecnológica Características de Implementação de Projeto

4 Nosso entendimento do Problema Modelo Atual Modelo Desejado Esforço para alcance Associado a GAP Funcional (Modelo) e Tecnológico Template de Solução Esforço para alcance Quantificação da Redução Processos de Negócio: Visão Contribuinte Tecnologia: Internet Computing

5 Nova Solução de Gestão Tributária Recursos Prazos Qualidade Projeto: Forte base em TI Modelo Desejado Uso de Template Redução Esperada

6 Projeto: Ganhos com Template Recursos Estimados: Número de Horas de Projeto: 20 recursos x 2 anos 85 mil horas homem de projeto Prazos de Entrega: Prazo estimado para projeto : 2 a 3 anos Redução em 50% a 70% do prazo : 1 ano Redução em metade do esforço

7 Benefícios Fundamentais Aumento real de Arrecadação: novo modelo propicia novas funcionalidades – Aumento identificado em Córdoba: 5% de arrecadação bruta com redução de alíquotas Prazo de disponibilidade da Solução: ingresso de recursos antecipado

8 Questões Pertinentes: 3 focos A adoção de modelo de Gestão Tributária baseado na visão do Contribuinte e de Conta Corrente Fiscal Solução Oracle de Gestão Tributária O projeto de implantação de Nova Solução de Gestão Tributária

9 Questões Pertinentes: A adoção de modelo de Gestão Tributária baseado na visão do Contribuinte e de Conta Corrente Fiscal – como este modelo afeta os processos, cultura e estrutura organizacional atuais. Este modelo é associado a melhores práticas preconizadas pela CIAT (Comissão Interamericana de Administração Tributária) – mudar de um sistema de back-office para um sistema que atende/envolve o contribuinte

10 Questões Pertinentes: Solução Oracle de Gestão Tributária – sua aderência ao modelo desejado, as funcionalidades existentes, a capacidade de parametrização e customização, a arquitetura e tecnologia usadas, as experiências e abordagem Oracle para o problema, etc.

11 Questões Pertinentes: O projeto de implantação de Nova Solução de Gestão Tributária – envolvendo ciclo de customização da solução, migração e consistência de dados, participação e capacitação de equipe funcional e de TI para manutenção evolução/produção da solução proposta, situação atual e desejada segundo pontos de compromisso a partir de diversos aspectos.

12 Solução de Gestão Tributária Visão do Modelo

13 Concepção Geral do Sistema de Gestão Tributária Sistema de Informação projetado para administração do ciclo completo do processo tributário Controla e fornece a informação integrada e atualizada para suporte a tomada de decisões em vários níveis Melhora os serviços e qualidade de informação para as comunidades envolvidas Baseado em tecnologia Web, com plataforma portável, escalável e robusta e dentro de padrões tecnológicos atuais

14 Características destacadas Base de Dados Única de Contribuinte (Física ou Jurídica) Conta corrente tributária única associada de forma integrada a cada contribuinte (pessoa física ou jurídica) Capacidade de contribuição por Contribuinte a partir de Vínculos Definição de tributos de forma genérica e parametrizada Integração dos processos de Arrecadação, Parcelamento, Cobrança e Fiscalização Integração dos processos de Ações Administrativas e Legais na conta corrente tributária

15 Características destacadas Ambiente de análise de Informação para níveis táticos e estratégicos Integração do Sistema com Centro de Relacionamento com Contribuinte Arquitetura centralizada para gestão de funções e dados com capacidade de gerência de elevados volumes (transações e dados) Modelo do sistema concebido nativamente com as diversas funcionalidades integradas Uso intensivo de ferramentas Case e Linguagem de 4a Geração na construção do módulos do Sistema

16 Principais componentes conceituais Conta Corrente Padrão Ú nico Documentos & Comprovantes Administra ç ão de Eventos & Estados Obriga ç ões Movimentos Pessoas (F,J) Objetos V í nculos Parâmetros gerais Regras de neg ó cio F ó rmulas de c á lculo

17 CadastrosConta Corrente Modelo geral da solução Vínculos Pessoa s Tributo s Objeto s Estado Evento Obrigações Identificação única intercambiável Múltiplas Chaves Pessoas Física e Jurídica Auto lançados (ISS) Lançados de Ofício (IPTU, ITBI) Imóveis Estabelecimento s Autonômos Formais (Declarações) Materiais (Pagamentos) Autuado Em Dívida Ativa Em aberto Quitado Ações

18 Máquina de Estados

19 Componentes – GCC: Gestão Conta Corrente Tributária – GF: Gestão de Fiscalização – BIT: Inteligência Tributária – CRC: Centro de Relacionamento com Contribuinte CRC GCC BIT GF Estrutura funcional – Visão Geral

20 Solução de Gestão Tributária Funcionalidades

21 Visão da Solução - Macro Funções Características de Projeto

22 Administração de Pessoas Físicas e Jurídicas – Identificação por CPF e CNPJ – Manutenção de histórico da dados cadastrais – Seleção por múltiplas chaves (Ex.: Inscrições Municipal, Estadual, Junta Comercial) – Registro de múltiplos endereços – Associações e Vínculos entre Pessoas Voltar GCC - Administração de Cadastros

23 Administração de Pessoas Físicas e Jurídicas Voltar GCC - Administração de Cadastros

24 Administração de Tributos (ex: ISS, IPTU, ITBI etc.) – Registro do Aspecto Formal (descrição, base legal) – Registro de regras de isenção e imunidade – Fórmulas de Cálculo e Calendário de Vencimentos – Manutenção de Histórico GCC - Administração de Cadastros Voltar

25 Administração de Tributos (ex: ISS, IPTU, ITBI etc.) GCC - Administração de Cadastros Voltar

26 Administração de objetos sujeitos a tributação – Cadastro de bens imóveis (informações para cálculo, relações com pessoas, endereços, histórico cadastral, localização geo- referenciada) – Cadastro de Transferências Imobiliárias (Transferentes, Adquirentes, Valor da Transação, Histórico de Transações do Imóvel) – Cadastro de Estabelecimentos (vinculação com Pessoa Juríca, vinculação com Pessoas Físicas, porte, atividade econômica, regime tributário) – Cadastro de Autônomos (vinculação com Pessoa Física, atividade econômica, nível de enquadramento) GCC - Administração de Cadastros Voltar

27 Declarações e informações econômico-fiscais – Geração de formulários de forma parametrizada (declaração mensal, anual, substituição tributária) – Captação das Declarações (em Lote ou individual) – Lançamento de Débito Fiscal a partir da Declaração (integração com Conta Corrente Fiscal) – Registro de Declarações Retificatórias com manutenção de Histórico – Previsão de Receitas a partir da consolidação de Declarações GCC - Declaracões Voltar

28 Conta-corrente fiscal do contribuinte – Lançamentos de débitos Automático para Tributos auto-lançados Gerado a partir Declaração (considerando Confissão de Dívida) Com valor em aberto (ISS) – Emissão de Documentos de Arrecadação (Individual ou Carnê) – Formas de Pagamento: unificação e tratamento de débitos – Lançamento de Créditos oriundos de Arrecadação – Ajustes de valores e datas (Ex. prorrogação de vencimentos, documentos não captados) – Tratamento de substituição tributária – Controle de débito automático (C/Corrente, Cartão de Crédito) – Pagamento OnLine – Extrato fiscal do Contribuinte – Emissão de Certidões GCC - Conta-Corrente Fiscal Voltar

29 GCC - Conta-Corrente Fiscal Voltar

30 Controle da Arrecadação – Administração de Relacionamentos com Agentes Arrecadadores (contratos, tarifas, meios de transmissão) – Utilização de diferentes tipos de Agentes Arrecadadores (bancos, C.Crédito, lotéricas, correios, concessionárias públicas) – Lançamento de créditos na Conta Corrente Fiscal a partir de movimentos enviados por Agentes Arrecadadores – Conciliação de documentos x repasse financeiro – Controle de pagamento de tarifas por serviço de arrecadação – Consolidação financeira por tipo de receita com integração contábil GCC - Arrecadação Voltar

31 Administração de plano de parcelamento de débitos – Definição parametrizada de Planos de Parcelamento (Num. Parcelas, Calendário, modalidades, juros de financiamento) – Vinculação de Dívidas Originais com Planos de Parcelamento – Acompanhamento de Pagamentos – Cancelamento de Parcelamento com recálculo e reativação de Dívidas Originais GCC - Parcelamento Voltar

32 Ações administrativas e legais – Geração automática e parametrizada de Cobrança Administrativa (integração com RCC) – Controle do Processo Administrativo gerado por Auto de Infração – Reconhecimento parcial de Débito de Auto de Infração – Inscrição Automática e Parametrizada em Dívida Ativa GCC - Ações Adm. e Legais Voltar

33 Planejamento de ação fiscal baseada na seleção de contribuintes por critérios parametrizáveis (p.ex.:Porte Empresa, Atividade Econômica, Diferença Declaração x Arrecadação etc.) Programação de Ação Fiscal a partir da distribuição de contribuintes "a fiscalizar" pela mão-de-obra fiscal Acompanhamento de Ação Fiscal (programado x executado) Acompanhamento de Produtividade Fiscal Geração automática de notificação de imposto declarado x imposto pago Emissão assistida e padronizada de Auto de Infração GF - Fiscalização Voltar

34 GF - Fiscalização Voltar

35 Fiscaliza ç ão Dirigida Indicadores: Segmento, Região,Empresa M é todos estat í sticos Sele ç ão Procedimento automatizado Comunica ç ão Controle e Fiscaliza ç ão: Automa ç ão via Indicadores Acompanhamento de Resposta: Fiscais Controle Sistêmico

36 BIT - Inteligência Tributária Plataforma integrada de BI para a geração de informações gerenciais e operacionais. Incorporação de dados externos (esferas Federal e Estadual) para cruzamento de informações Conjunto de consultas analíticas de informações por diferentes dimensões (ex.: por assunto x tipo de tributo, localização, atividade econômica etc.) Datamarts escopo Imobiliário e Atividades Econômicas, Arrecadação e Fiscalização, com consultas por dimensões de: tempo, bairro, edificação, padrão de construção, segmento econômico, atividade econômica, porte empresa, campanhas etc. Indicadores estratégicos baseado em Painel de Controle: volume de arrecadação por tributo no tempo, comportamento etc. Voltar

37 Plataforma BI Tributária Conta Corrente Tribut á ria Painel de Controle Balance Scorecard Informa ç ões gerenciais extraidas do Warehouse e Datamart Warehouse de Detalhe ou Corporativo Acesso via reports, Ferramentas para usuario. ETL Datamarts Areas Usuarias Metodologia Star*Schema.Orientados as areas de negocios e usuarios finais. Analise Multidimensional Se baseia em Datamarts. Defini ç ão atraves de ferramentas especificas. OperacionalT á ticoEstrat é gico Data Mart de Fiscalização Data Mart de Arrecadação Dados Externos

38 Conta Corrente Do Contribuinte Fato Gerador Ausência Diferen ç a Compara ç ão Dados Externos Econômicos (Estat í sticos, de insumos, etc) Fiscaliza ç ão Dirigida Indicadores : Segmento, Região, Empresa Base p/An á lise Automatiza ç ão Registrados Fiscaliza ç ão: Base de Informa ç ões Notifica ç ão

39 Relacionamento com Contribuintes Serviço integral e personalizado através de múltiplos canais de comunicação, como atendimento pessoal, telefônico, terminais de auto-atendimento e via Internet. Totalmente integrado à Gestão de Conta Corrente Serviços disponíveis em Portal, Agências, Telefones, Quiosques – Ex.: Portal FazendárioPortal Fazendário Funcionalidades para : – Funcionários: painel de controle do Contribuinte, histórico de interações, Perfil do do Contribuinte, informações OnLine sobre Conta Corrente e informações de interesse para atendimento ao cidadão – Contribuintes: informações de conta corrente, informações de vencimentos de impostos, sugestões e reclamações, Self-Service de funções tributárias Voltar

40 Portal Fazendário

41 Centro de Relacionamento com Contribuinte Call Center Receptivo e Ativo Center Integrado: Comunicação Formal Uso da Base de Contribuintes e Conta-Corrente Personaliza ç ão do atendimento a partir de conhecimento do Contribuinte: Visão 360 graus (Dashboard) Forma ç ão de Base de Intera ç ões: Reclama ç ões, sugestões, consultas Workflow de atendimento integrado a reclama ç ões e consultas Defini ç ão de Campanhas : segmenta ç ão e acesso dirigido ao contribuinte Estat í sticas de Intera ç ões e campanhas: defini ç ão de a ç ões

42 Alto volume de Arrecada ç ão Baixo volume de Arrecada ç ão Atua ç ão de Atividades de Fiscaliza ç ão Segmenta ç ão por Volume $$$ Esperado M é dio volume de de Arrecada ç ão Fiscaliza ç ão: Conhecimento do Cliente Fiscaliza ç ão: Segmenta ç ão por Neg ó cio Campanhas: Centro de Intera ç ão Aumentar a Base

43 Centro de Interações Buenos días S. Lopez Llama por la promoción Dashboard do Contribuinte Senhor Pedro, estamos entrando em contato em função de uma falha de recolhimento no seu pagamento de IPTU ?

44 Centro de Interações Buenos días S. Lopez Llama por la promoción O senhor gostaria de fazer alguma sugestão ou atualização de dados em nossos sistemas ? O Número de sua reclamação é o de Muito obrigado por ter-nos recebido. Entraremos em contato sobre sua reclamação.. Voltar

45 Infra-estrutura de Segurança e Auditoria Definição de Perfis de Acesso: Usuários x Funções Definição de Perfis de Acesso: Usuários x Dados Auditoria de Transações de Atualização: registro de alterações: quem, quando, o que Consulta a Históricos de Alteração Consulta a Logs de Acesso Criptografia de Dados Virtual Private Database Logminer Voltar

46 Plataforma Tecnológica

47 Questões Chave Custo Total de Propriedade Robustez da Aplicação Produtividade Plataforma Tecnol ó gica

48 Requisitos de Tecnologia Escalabilidade: suporte a milhões de registros sem perda de performance Portabilidade: diferentes plataformas operacionais Disponibilidade: operação 24x7 (tolerância a falhas), capacidade de realização de operações de manutenção Online Segurança: políticas de segurança, controle de acesso, confidencialidade de dados, criptografia Gerenciabilidade: otimização de atividades de operação e manutenção dos ambientes (produção e desenvolvimento) Produtividade: capacidade de evolução do ambiente incorporando novas tecnologias e permitindo novas funcionalidades: Multimídia, GED, Wireless, Ensino a Distância, Bases de Conhecimento

49 UpgradeSoftware Deploy New Applications Backup Data Desvantagens Arquitetura Cliente Servidor Gestão da Infraestrutura

50 Ado ç ão de Internet Computing em todos os N í veis Client/Server xxx Internet Computing Mainframe Servidor de Aplica ç ões Servidor de Dados MatrizFilial Atualiza ç ão Software Novas Aplica ç ões Backup de Dados Browsers Padrão de Acesso Universal Custo Total de Propriedade 6 vezes menor que C/S (Gartner Group)

51 Desenho da plataforma técnica Servidores UNIX Datamarts Cubos Data Warehouse Transações (central) Postos de Trabalho Web Painel de Controle Transações OLAP Transações OLTP Agencia Red Ethernet Rede de Comunicação TCP/IP Site INTRANET Funcionalidades Internas de Gestão Tributária Site INTERNET Funcionalidades Self-service Contribuinte: saldos em conta tributária, próximos vencimentos, guias, atualizações, etc WWW

52 Oracle 9i Database: Dados Relacionais Documentos XML Multimedia Messages

53 J2EE e Aplica çõ es Internet Portais WirelessBusiness Intelligence Integra çã o e-Business Ger ê ncia & Seguran ç a Caching

54 Escalabilidade e Portabilidade + 60 plataformas: Palm OS, Windows NT/2000, Novell, OS/390, Unix 32 e 64-bit (IBM, Sun, HP, Compaq, Linux, NCR, etc),... Oracle9 i MPP & MainframesClusterSMPUniprocessorLaptop & PDA s NUMA

55 Autentica çã o Certificados Digitais N-camadas Permiss ã o e Auditoria Centralizadas no BD Criptografia Tr á fego e Armazenamento Centraliza çã o Diret ó rios LDAP Autentica çã o Certificados Digitais N-camadas Permiss ã o e Auditoria Centralizadas no BD Criptografia Tr á fego e Armazenamento Centraliza çã o Diret ó rios LDAP Seguran ç a De v á rios tipos Oracle Internet Directory, Adv. Security, Logminer, Virtual Private DB

56 Ambiente de Produtividade de Gestão de Informações Projeto Ambiente de Gestão de Tecnologia M é todo de Desenvolvimento M é todo de Gerenciamento Tecnologia Ferramenta Case Arquitetura Internet Computing Oracle Designer JDeveloper Customizada PJM CDM An á lise Essencial Orienta ç ão a Objeto Forms, Reports, JDeveloper Oracle Portal Warehouse Builder, Discoverer, Express iAS, Oracle 9i UML Java HTML XML, XSL iiop, http SQL Padrões Gestão de Contrata ç ão Integra ç ão

57 Ambiente de Desenvolvimento: Case e L4G

58 Características de Projeto

59 Proposta Inicial de Abordagem Fase 1: Implantação de IPTU e ITBI (Cadastros, Conta Corrente, Arrecadação) Fase 2: Implantação de ISS (Inscrições, Declarações, Conta Corrente, Parcelamento) Fase 3:, Ações Adm./Legais e Fiscalização Desenvolvimento em Paralelo: Inteligência Tributária e Relacionamento com Contribuinte

60 Abordage m Proposta Atividades de Implantação de Inteligência Tributária Atividades de Implantação de Rel.Contribuinte Imposto sobre Serviços, Taxas Ações Adm./Legais, Fiscalização IPTUeITBIIPTUeITBI Setup Projeto Validação de Escopo: SOA Planejamento, Envolvimento Usuários, Alocação de Equipes, Alinhamento de metodologia, etc {

61 Pontos de atenção Construir uma Visão Integrada – Posto de atendimento único – Interfaces e infra-estrutura Qualidade e migração de dados – Desejável x possível (definição de compromissos) – Manutenção de histórico de informações: corte temporal x qualidade Patrocínio do Projeto com compromisso político – Reuniões periódicas – Revisões de planejamento com metas concretas Integração com equipe mista de projeto Capacitação em novas ferramentas, tecnologias, e novo sistema Infra-estrutura de TI : Hardware, Software, Rede TC

62 Estratégia de abordagem de Projeto Metodologia Oracle específica Equipe de Trabalho Oracle – Sefaz (Clientes/TI) Capacitação de profissionais PRODAM para manutenção, evolução e administração da solução Implantação por Módulos Disponibilidade de módulos em prazos avaliados com cliente

63 Atividades de Metodologias Espec í ficas: PJM e CDMi – Gerência de Projeto e Metodologia de Desenvolvimento Customizado Processos Fases

64 Caso de Sucesso - Córdoba Oracle Tax com 70 % de aderência Substituição de 4 sistemas distintos (Unisys DMS II, MS: Windows) Arrecadação incrementada em 7% mesmo com redução de alíquotas (30%) Atendimento ao Contribuinte: eliminação de filas Ampliação de rede de atendimento com custo reduzido (tecnologia web com bases centrais) Tempo de implantação total 11 meses (primeiro Módulo disponível em 3 meses)

65 Resultados Esperados Incremento na arrecadação a partir disponibilidade de um sistema completo de gestão tributária. Otimização de processos internos, com redução de custos, produzindo uma mudança da imagem e um aumento real da eficiência da administração Maior capacidade para a tomada de decisões a partir de informações integradas Melhor imagem junto a sociedade, baseada em melhores serviços aos contribuintes Maior justiça fiscal Viabilidade econômica do projeto a partir de resultados obtidos na sua implementação

66 Obrigado Perguntas e respostas

67 Solução de Gestão Tributária


Carregar ppt "Oracle e-Government Sistema de Gestão Tribut á ria."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google