A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Compostas TERESINA 2008 Compostas TERESINA 2008 Resinas Antonio Monnerat Prof Dep. Dentística FO – UERJ Diretor do CEO Penedo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Compostas TERESINA 2008 Compostas TERESINA 2008 Resinas Antonio Monnerat Prof Dep. Dentística FO – UERJ Diretor do CEO Penedo."— Transcrição da apresentação:

1 Compostas TERESINA 2008 Compostas TERESINA 2008 Resinas Antonio Monnerat Prof Dep. Dentística FO – UERJ Diretor do CEO Penedo

2

3 POR QUE RESTAURAR COM RESINA? Preparos mais conservadores Diminuição do risco de fratura Estética

4 RESINA COMPOSTA O que você espera de uma resina?

5 Estética Cores Transparência/Opacidade Fluorescência

6 Estética Cores Anteriores ou Posteriores Corantes Dentes Clareados

7 Estética Transparência /Opacidade Dentina Corpo Esmalte Incisal Transparente Dentina Esmalte Incisal Esmalte

8 Fácil Manipulação Não Pegajosa Consistência Firme Baixa Complexidade

9 Fácil Manipulação Não Pegajosa

10 Fácil Manipulação Consistência Firme

11 Fácil Manipulação Baixa Complexidade Dentina Corpo Esmalte Incisal Transparente 5 cores para dentes clareados Incisais com Valor Alto, Médio e Baixo Incisais Cinza, Laranja, Branca, Azul

12 Longevidade Estudos Longitudinais Propriedades Mecânicas Saúde Oral

13 Longevidade Estudos Longitudinais Anteriores 17 anos - 60% de falhas 6-12 anos – 40% de falhas 3-6 anos – 8% de falhas Posteriores 11 anos - 38% de falhas 6-12 anos – 46% de falhas 3-6 anos –11% de falhas Bruthaller et al. Clin. Oral Invest. 2003; 7:

14 Longevidade Propriedades Mecânicas

15 Longevidade Propriedades Mecânicas Propriedades Semelhantes ou Supra-clínicas Resistência Flexural (Micropartículas) Resistência Compressiva /Tração Contração de Polimerização Principais Diferenças Polimento – Nanoparticuladas Testes de Adesão

16 Resina Composta C omponentes Matriz Partículas Pigmentos Radiopacidade Translucidez/Opacidade Fluorescência

17 Resina Composta Micro-híbridas - Natural Look, Esthet X, Z250, Herculite Micro-particuladas - Durafill, Renamel Microfill Condensáveis - Filtek P60, Prodigy, Alert, Solitaire Fluidas - Natural Flow, Aelite Flow, Revolution Nanoparticuladas - Filtek Supreme, XT Classificação em relação à carga e composição

18 Supreme ( 3 M ) Esthet – X ( Dentsply ) Premise ( Kerr ) 4 Seasons ( Ivoclar ) Natural Look ( DFL ) Vitalescence ( Ultradent) Renamel ( Cosmedent ) Resinas de última geração

19 1. Melhoras no Consultório 1.Lâmpadas Fluorescentes e Incandescentes 2.Cores Suaves 3.Definir Cor da Dentina, Cor Esmalte, Transparência e Cor Incisal SELEÇÃO DE COR

20 Fluorescência das resinas compostas BOA RENAMEL ( COSMEDENT ) VIT-L-ESCENCE ( ULTRADENT ) ESTHET – X ( DENTSPLY ) NATURAL lOOK ( DFL ) 4 SEASONS ( IVOCLAR) MÉDIA : - SUPREME ( 3M ) - Z- 250, Z- 100 ( 3M ) - CHARISMA ( KERR ) RUIM : - HERCULITE ( KERR ) -DURAFILL ( KULZER ) - GLACIER ( SDI ) -SUPRAFILL

21 Longevidade Saúde Oral

22 Longevidade Saúde Oral Avaliação de Risco à Cárie Controle Mecânico da Placa Controle Químico da Placa

23 Classificação Clínica Auto-Condicionantes Adesivos 3 Passos Primer e Bond SeparadosPrimer e Bond Juntos Adesivos 2 Passos Auto-Condicionantes

24 SENSIBILIDADE PÓS –OPERATÓRIA Desidratação da dentina Camadas de adesivo Aguardar entre a aplicação das camadas Aquecimento durante o polimento Fator C Técnica incremental Vedamento da parede gengival

25 Planejamento Clareamento Ortodontia Correções Gengivais Planejamento Clareamento Ortodontia Correções Gengivais ANTES DA RESINA...

26 Planejamento ANTES DA RESINA... Modelos e Fotografias Planejamento Modelos e Fotografias Planejamento 3 modelos inicial enceramentos aditivo enceramento cirúrgico 3 modelos inicial enceramentos aditivo enceramento cirúrgico

27 Planejamento ANTES DA RESINA... Modelos e Fotografias Planejamento Modelos e Fotografias Planejamento Fotografias frontal, direita, esquerda, oclusais superior e inferior, sorriso Fotografias frontal, direita, esquerda, oclusais superior e inferior, sorriso

28 Planejamento ANTES DA RESINA... Modelos e Fotografias Planejamento Modelos e Fotografias Planejamento Planejamento Sessão seguinte com enceramentos e fotografias organizadas no Power Point Planejamento Sessão seguinte com enceramentos e fotografias organizadas no Power Point

29 Ortodontia ANTES DA RESINA...

30 Correções Gengivais ANTES DA RESINA...

31 Clareamento ANTES DA RESINA... Pontos a serem avaliados – Idade – Etiologia Um elemento mais escuro? vital ou não? Manchas Opacas Cor da Cervical Transparência do Dente Pontos a serem avaliados – Idade – Etiologia Um elemento mais escuro? vital ou não? Manchas Opacas Cor da Cervical Transparência do Dente

32 Clareamento ANTES DA RESINA... Como procedimento principal oCaseiro Diurno ou Noturno com placa rígida oProfissional Não-vital Sala de Espera Consultório

33 Clareamento ANTES DA RESINA... Como procedimento complementar –Caseiro Diurno ou Noturno com placa flexível –Profissional Não vital Sala de Espera (caso necessário) Como procedimento complementar –Caseiro Diurno ou Noturno com placa flexível –Profissional Não vital Sala de Espera (caso necessário)

34 Clareamento ANTES DA RESINA... SENSIBILIDADE –Caseiro Creme Dental CREST Sensitivity 3x dia Solução Flúor 0,05% 2x dia –Profissional Gel Nitrato Potássio – Ultra EZ Após cada aplicação SENSIBILIDADE –Caseiro Creme Dental CREST Sensitivity 3x dia Solução Flúor 0,05% 2x dia –Profissional Gel Nitrato Potássio – Ultra EZ Após cada aplicação

35 Clareamento ANTES DA RESINA... SENSIBILIDADE –Retração Recortar Moldeira Sensi Kill Semanalmente nos locais SENSIBILIDADE –Retração Recortar Moldeira Sensi Kill Semanalmente nos locais

36 Restaurações Classe V RESINA COMPOSTA Restaurações Anteriores

37 O QUE É UMA LESÃO CLASSE V ?

38 Lesões que se localizam no terço cervical da superfície vestibular e/ou lingual/palatal de todos os dentes

39 Lesões cariosas Lesões não-cariosas Podem ser divididas em:

40 Corrosão AbrasãoAbfração Bruxismo L L esões não-cariosas

41 Supra- gengival Justa- gengival Sub- gengival Condição da cavidade

42 Profilaxia Anestesia Seleção das resinas e cores

43 Isolamento do campo operatório Isolamento Individual com: 1.Tira Poliéster no sulco gengival 2.Cunha Madeira ou Algodão com adesivo

44 Remoção de Cárie Preparo Cavitário Condicionamento Ácido Total Aplicação do Sistema Adesivo

45 Inserção e Polimerização das Resinas Primeiro Incremento: Cervical Segundo Incremento: Oclusal ou Incisal Terceiro Incremento Unindo od 2 anteriores

46 Acabamento Polimento Lamina 12 nas proximais Polidores Amarelo e Branco Jiffy ou DFL Aplicação de Selante Superfície (Bis GMA) Fotopolimerização Gel KY Nova Fotopolimerização

47

48 Quando Optar pelo Ionômero de Vidro? Proximidade Pulpar Comprometimento Estético Reduzido Risco de Fratura Cervical

49 Resina Anterior Restaurações Classe IV RESINA COMPOSTA

50 Index palatino

51

52

53 Como trabalhamos com a resina????

54 Homogeinização da Resina

55

56

57

58

59

60 LÂMINA 12

61 Resina Anterior Classe III RESINA COMPOSTA

62 Como removemos cárie????????????

63 Remoção Exclusiva Dentina Necrosada

64 Medição da Parede Vestibular Menos de 1 mm: transparente Mais de 1 mm: Esmalte / Dentina Presença de Dentina: Esmalte

65

66 Resina Anterior Fechamento de Diastemas RESINA COMPOSTA

67

68

69

70 INCISAL

71 Incisal

72 DENTINA

73 ESMALTE

74 INCISAL

75

76

77 Resina Posterior RESINA COMPOSTA

78 Resina Posterior Simplificando RESINA COMPOSTA

79 1.Posicionamento da Cunha e Matriz 2.Vedamento Cervical com Resina Flow 3.Levantamento da Parede Proximal 4.Confecção do Contato Proximal 5.Repetir Procedimento na outra proximal em caso de MOD 6.Inserção de toda camada de dentina 7.Escultura com sonda no. 5 modificada 8.Inserção de toda camada de esmalte 9.Escultura com sonda no. 5 modificada 10.Escultura cúspide a cúspide com resina incisal

80

81 DENTINA

82 Cúspide MV Cúspide MP Cúspide DVCúspide DP

83 LÂMINA 12

84

85 Acabamento e Polimento RESINA COMPOSTA

86 Dentina: A2 e A3,5 Esmalte: A, B, C, Incisal – Natural Look Transparentes: WE, GT, YT - Filtek Supreme Corantes: Ocre, Branco, Marrom (?) – Tetric Color RESINA COMPOSTA

87


Carregar ppt "Compostas TERESINA 2008 Compostas TERESINA 2008 Resinas Antonio Monnerat Prof Dep. Dentística FO – UERJ Diretor do CEO Penedo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google