A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Diagnóstico e tratamento dos distúrbios do sono Dr. Lucas Bello Especialista em Medicina do Sono.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Diagnóstico e tratamento dos distúrbios do sono Dr. Lucas Bello Especialista em Medicina do Sono."— Transcrição da apresentação:

1 Diagnóstico e tratamento dos distúrbios do sono Dr. Lucas Bello Especialista em Medicina do Sono

2 Sono É um período de restauração física e “mental” que nos protege do desgaste natural das horas acordadas.

3 E E G Quanto > a atividade elétrica < a amplitude Velocidade 10 mm / s Época = 30 s

4 EEG – Atividade elétrica SNC Vigília Sono NREM N 1 N 2 N 3 Sono REM

5 Vigília

6 Sono superficial

7 Vigília Sono superficialSono profundo

8 Sono REM Rapid Eye Movements

9 Classificação dos distúrbios do sono Insônias Distúrbios respiratórios do sono Hipersonias de origem central Distúrbios do ciclo circadiano Parassonias Distúrbios do movimento relacionados com o sono Sintomas isolados Outros distúrbios do sono

10 Privação do sono Fadiga Ganho de peso ↓ concentração ↓ memória Dificuldade para executar tarefas simples Irritabilidade Maior risco de acidentes

11 Causas de distúrbios do sono Alcoolismo Dor crônica Cardiopatias DPOC / Asma Diabetes DRGE Doença péptica Doença de Parkinson Cirurgias Medicamentos Síndrome das pernas inquietas Movimentos anormais Insônia Distúrbios respiratórios Outras

12 Colapso das V.A.S. RONCO Fatores anatômicos Funcionais Neuromusculares

13 Bradley TD, Floras JS. Circulation 2003;107:

14 ↑ Esforço ventilatório Estímulo dos receptores Despertar Contração músculos faríngeos Retorno do fluxo aéreo Sono Relaxamento muscular Obstrução VAS

15 Insônia Dificuldade para iniciar o sono Dificuldade para manter o sono Sono não restaurador

16 Insônia - Classificação Primária: –Psicofisiológica –Idiopática –Paradoxal Secundária: –Transtorno mental –HS inadequada –Condição médica –Uso de subst / medicação

17 Sintomas Ronco - Apnéia Sono agitado - Despertar Fadiga - Sonolência diurna Alterações do humor - Depressão ↓ memória e desempenho profissional Hipertensão Arterial de difícil controle ↓ da libido Cefaléia matinal

18 Exame Clínico Questionários

19 Qual a possibilidade de você cochilar e/ou adormecer nas situações que serão descritas a seguir ? Escala de Sonolência de Epworth

20 Sentado e lendo? 0 = nenhuma chance 1 = pequena chance 2 = moderada chance 3 = grande chance

21 Vendo televisão? 0 = nenhuma chance 1 = pequena chance 2 = moderada chance 3 = grande chance

22 Sentado em local público? 0 = nenhuma chance 1 = pequena chance 2 = moderada chance 3 = grande chance

23 Como passageiro de carro ou ônibus andando uma hora sem parar? 0 = nenhuma chance 1 = pequena chance 2 = moderada chance 3 = grande chance

24 Deitado para descansar a tarde? 0 = nenhuma chance 1 = pequena chance 2 = moderada chance 3 = grande chance

25 Sentado e conversando? 0 = nenhuma chance 1 = pequena chance 2 = moderada chance 3 = grande chance

26 Sentado calmamente após o almoço? 0 = nenhuma chance 1 = pequena chance 2 = moderada chance 3 = grande chance

27 Parado por alguns minutos se dirigindo em trânsito intenso? 0 = nenhuma chance 1 = pequena chance 2 = moderada chance 3 = grande chance

28 Até 8 = Normal 9 a 12 = Sonolência leve 13 a 16 = Sonolência moderada Acima de 16 = Sonolência acentuada Soma dos pontos

29 Causas de sonolência Privação do sono Medicamentos Mudança no horário de trabalho Ingestão de álcool ou drogas Comida com alto teor calórico Distúrbios do sono

30 Exame Clínico Questionários Obesidade ↑ circunferência do pescoço VAS HAS Anormalidades craniofaciais

31 Mallampati modificado Classe IClasse II Classe III Classe IV

32 POLISSONOGRAFIA É o exame ideal para analisar a quantidade e qualidade do sono.

33

34

35

36 Sono REM Rapid Eye Movements

37

38

39

40

41

42

43

44

45

46

47

48 CLÍNICA DO SONO DE MATO GROSSO

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58 Índice de Apnéia - Hipopnéia IAH 5 – 15 / hora = leve IAH 15 – 30 / hora = moderada IAH ↑ 30 / hora = grave

59 CONTRAN - Resolução Nº 267 de Anexo X: Avaliação dos distúrbios de sono Categorias C, D e E Parâmetros subjetivos: Escala de Sonolência de Epworth > 12 Parâmetros objetivos: HAS ( PAS > 130 e PAD > 85 ) IMC > 30 Perímetro Cervical: homens > 45 cm e mulheres > 38 cm Classificação de Malampatti modificado: classe 3 ou 4

60 Hipnograma

61

62 Laudo Dados clínicos Relatório técnico Traçados da PSG Videomonitorização ESE

63

64

65

66

67 PSG - Indicações Avaliar qualidade e quantidade de sono Ronco - Apnéia do Sono DPOC - Hipoxemia noturna Insônia Crônica Sonolência diurna excessiva Instalação de CPAP

68 Polissonografia nível I EEG EOG EMG ECG Fluxo aéreo Esforço respiratório Oximetria de pulso Presença do técnico

69 Polissonografia nível II EEG EOG EMG ECG Fluxo aéreo Esforço respiratório Oximetria de pulso Presença do técnico

70 Polissonografia nível III EEG EOG EMG ECG ou FC Fluxo aéreo Esforço respiratório Oximetria de pulso Presença do técnico

71 Polissonografia nível IV EEG EOG EMG ECG Fluxo aéreo Esforço respiratório Oximetria de pulso Presença do técnico

72 Tratamento

73 Resolução dos sinais e sintomas Normalização dos parâmetros do sono Índice de Apnéia - Hipopnéia Microdespertares Saturação da hemoglobina pelo O2 Qualidade do sono Redução da mortalidade Objetivos do tratamento

74 Tratamento da Apneia do sono SAHOS grave SAHOS moderada Co-morbidade associada Sem co-morbidades SAHOS leve

75 Tratamento da Insônia Terapia cognitiva comportamental Terapia medicamentosa

76 Terapia cognitiva comportamental Higiene do sono Controle de estímulos Restrição de tempo na cama Técnicas de relaxamento Reestruturação cognitiva Intenção paradoxal Terapia cognitiva

77 Dicas para dormir bem Horários e rotinas regulares para deitar e despertar Evitar a permanência na cama quando acordado Dormir o número de horas suficientes para sentir-se restabelecido Usar a cama somente para dormir e namorar Cochilos durante o dia com duração máxima de 15 a 20 minutos Restringir ingestão de líquidos antes de dormir

78 Dicas para dormir bem Refeição noturna leve Evitar consumo de bebidas com cafeína Evitar cigarro e álcool Atividade física Exposição à luz solar Conforto no ambiente de dormir Manter rituais de dormir

79 Terapia medicamentosa Hipnóticos diazepínicos:  Clonazepam ( “Rivotril” )  Midazolam ( “Dormonid” )

80 Terapia medicamentosa Hipnóticos agonistas seletivos GABA-α:  Zolpidem ( “Stilnox” – “Lioram” )  Zolpiclona ( “ Imovane “ )

81 Terapia medicamentosa Antidepressivos sedativos:  Trazodona  Doxepina  Mirtazapina  Amitriptilina

82 Trabalho noturno - Dicas  Evitar longos períodos na mesma atividade  “Sonecas” em horários programados  Trabalho em equipe  Atividade física nos intervalos  Bebidas cafeinadas  Não deixe as atividades mais “chatas” e entediantes para o final do turno

83  Óculos de sol no caminho para casa  Mantenha mesmos horários de dormir e acordar  Elimine barulho e luz  Evite bebidas cafeinadas próximo do horário de dormir  Evite bebidas alcoólicas  Troque idéias com seus colegas Trabalho noturno - Dicas

84 + = Apnéia do Sono

85 ( 65 ) Clínica do Sono de Mato Grosso

86 Dormir bem - Benefícios Melhora a qualidade de vida e a saúde ↑ segurança ↓ acidentes ↑ produtividade ↑ satisfação

87 OBRIGADO l u c a s b e l l u o l. c o m. b r


Carregar ppt "Diagnóstico e tratamento dos distúrbios do sono Dr. Lucas Bello Especialista em Medicina do Sono."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google