A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ALIMENTAÇÃO E SAÚDE QUÍMICA Escola Secundária Caldas das Taipas 2012/2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ALIMENTAÇÃO E SAÚDE QUÍMICA Escola Secundária Caldas das Taipas 2012/2013."— Transcrição da apresentação:

1 ALIMENTAÇÃO E SAÚDE QUÍMICA Escola Secundária Caldas das Taipas 2012/2013

2 METAIS NO CORPO HUMANO Metais essenciais : Sódio, potássio, cálcio, magnésio, ferro, manganês, zinco, cobalto, níquel, crómio, molibdénio e o selénio. Metais tóxicos: Arsénico, chumbo, cádmio, mercúrio, alumínio, titânio, estanho e tungsténio.

3 FUNÇÃO DE ALGUNS METAIS NO ORGANISMO HUMANO Ferro: Actua na síntese das células vermelhas do sangue e no transporte de oxigénio a todas as células do corpo. Cálcio: Componente vital para a constituição óssea e dentária. É também importante para a transmissão nervosa e batimento cardíaco. Potássio: É importante para o funcionamento dos nervos e músculos.

4 FORMAÇÃO DA CARIE DENTÁRIA – O PROCESSO Desmineralização e mineralização Devido ao controle do placa bacteriana,à presença de saliva, entre outros factores, os dentes sofrem contínuos processos de desmineralização seguida por mineralização. Quando a hidroxiapatite ( esmalte que cobre os dentes) se dissolve, num processo chamado desmineralização, os iões dispersam-se na saliva: Ca 5 (PO 4 ) 3 OH(s) 5Ca 2+ (aq) + 3PO 4 3- (aq) + OH - (aq)

5 Sendo os fosfatos de metais alcalino-terrosos pouco solúveis, esta reacção não se dá com grande extensão no sentido directo. A mineralização é a reação inversa que funciona como uma defesa natural do organismo contra a cárie.

6 Após uma refeição, as bactérias existentes na boca decompõem parte dos alimentos, Ácido acético e o ácido láctico A diminuição do pH leva à diminuição da [OH-] sendo A sua produção máxima após ingestão de alimentos doces produzindo e Ao início da cárie dentária O que leva

7 A diminuição do pH leva à diminuição da concentração de OH -, segundo o princípio de Le Châtelier a diminuição da concentração de OH - provoca um deslocamento da reação no sentido direto, ou seja, ocorre a desmineralização.

8 No processo da prevenção da cárie o ião fluoreto interfere no equilíbrio mineralização/desmineralização que envolve o esmalte dos dentes. Reação desmineralização/mineralização: Ca 5 (PO 4 ) 3 OH (s) 5Ca 2+ (aq) + 3PO 4 3- (aq) + OH - (aq) Na presença de fluor: 5Ca 2+ ( aq) + 3PO 4 3- (aq) + F - (aq) Ca 5 (PO 4 ) 3 F (s)

9 OUTRAS ATITUDES PARA PREVENIR A CÁRIE As frutas frescas e verduras cruas são chamadas de alimentos detergentes; Diminuir o consumo de açúcar;

10 PREVENÇÃO DE CÁRIE Já no Antigo Egipto se preocupavam com a saúde oral, tendo sido os egípcios a produzir a primeira pasta de dentes- à cerca de 4 mil anos- que era um material à base de pedra-pomes pulverizada e vinagre. No séc. XIX alguns médicos observaram que o fluor tinha efeitos sobre os dentes, daquela época até aos dias de hoje muito se avançou na compreensão do efeito dos compostos com fluor sobre os dentes.

11 AMALGAMAS As amalgamas de chumbo não possuem chumbo, são uma liga de mercúrio; o mercúrio é um metal tóxico que se evapora à temperatura de 25ºC, e a nossa boca tem uma temperatura de 36˚ ambiente, por isso mercúrio das amálgamas evapora-se continuamente impregnando todos os tecidos.

12 IMPORTÂNCIA DO LEITE COMO FONTE DE CÁLCIO E PROTEÍNAS Leite Cálcio Proteínas Uma elevada ingestão de leite e produtos lácteos na infância e adolescência está relacionado com elevada densidade de massa óssea na vida adulta e na menopausa. Um litro de leite disponibiliza cerca de 35g de proteínas; As proteínas do leite são de fácil digestão; Manutenção da massa muscular.

13 Existe uma distinção importante: o leite e os seus derivados cedem cálcio de fácil absorção pelo organismo, enquanto que os outros alimentos contêm substâncias que impedem que o cálcio que possuem seja facilmente cedido ao organismo e absorvido. Quais as diferenças leite e os outros alimentos na disponibilização de cálcio?

14 ALIMENTOS MUITO RICOS O morango é uma fruta que contém uma grande quantidade de vitamina C, que preserva os ossos, dentes, gengivas e vasos sanguíneos, aumenta a absorção de ferro, ajuda o sistema imunológico e aumenta a cicatrização. Possui vitamina B5 e Ferro(Fe) mas em menor quantidade.

15 VITAMINA C

16 VITAMINA B5 A vitamina B5, também conhecida como ácido pantoténico ou pantotenato (a união correspondente ao ácido pantoténico) é uma vitamina que ajuda a controlar a capacidade de resposta do corpo ao stress e no metabolismo das proteínas, gorduras e açúcares. Fórmula Química:C 9 H 17 NO 5 Nomenclatura: N-(2,4-di-hidróxido-3,3-dimetill-1-oxobutil)-3- aminopropanóico

17 ALIMENTOS MUITO RICOS A cenoura é muito rica em vitamina A, ideal no combate aos problemas da visão. Apresenta também uma grande abundância em sais minerais: ferro (combate a anemia), cálcio (ossos e dentes), potássio (K), fósforo(P), níquel(Ni), cobre(Cu), iodo e manganês (Mn).

18 VITAMINA A Vitamina A é talvez a vitamina mais importante, é também chamada de retinol. A sua principal função está relacionada com a visão, mas possui outras funções como por exemplo: o desenvolvimento dos ossos ;a ação protetora da pele e a participação no fortalecimento do sistema imunitário. Formula química: C 20 H 30 O Nomenclatura:3,7-dimetil-9-(2,6,6-trimetil-1-ciclohexeno-1- il)-2,4,6,8-nonatetraen-1-ol

19 A acerola rica em vitamina C( possui 40 vezes mais vitamina C do que a laranja), que exerce um efeito preventivo e curativo em caso de doenças infeciosas. ALIMENTOS MUITO RICOS

20 A banana é rica em: Hidrocarbonetos, que fornecem energia ao organismo; Potássio (K), que contribui para o bom funcionamento dos músculos; Vitamina B6, que é essencial para a formação de células do sangue e de substâncias para o cérebro;

21 HIDROCARBONATOS Um hidrocarboneto é um composto químico constituído essencialmente por átomos de carbono e de hidrogénio, mas podem juntar-se a estes átomos de oxigénio (O), azoto ou nitrogénio (N) e enxofre (S) dando origem a diferentes compostos de outros grupos funcionais. São conhecidos alguns milhares de hidrocarbonetos.

22 VITAMINA B6 A piridoxina ou vitamina B6 auxilia na respiração das células e ajuda no metabolismo das proteínas; na falta desta vitamina( o que é raro) pode ocorrer: dermatite, anemia, gengivite, feridas na boca e na língua, náusea e nervosismo. Fórmula química: C 8 H 11 NO 3 Nomenclatura: 4,5-Bis (hidroximetil) - 2-metilpiridin-3-ol

23 Pão é fabricado a partir de: farinha de diferentes cereais, amassada, depois ocorre fermentação(pelas leveduras) e seguidamente é cozida no forno.fermentação FibrasFerro Cálcio Vitaminas Hidratos de carbono Amido É a fonte de nutrientes para as leveduras e fornece energia ao organismo promovendo o seu funcionamento.

24 FERMENTO BIOLÓGICO Fermentação é vida sem oxigénio (Louis Pasteur) C 6 H 12 O 6 (s) 2CO 2 (g) + 2C 2 H 5 OH (l) kJ 1. Saccharomyces cerevisiae (levedura) 2.O dióxido de carbono libertado a fermentação faz o pão aumentar de volume e provoca as bolhinhas que vemos no pão.

25 AZIA/PIROSE A azia (também conhecida como refluxo ácido) ocorre quando o ácido, que normalmente se encontra sobre o revestimento de proteção do estômago, reflui para o esófago. Como no esófago não existe uma barreira protetora, o ácido irrita e danifica o revestimento do mesmo. Isto provoca sintomas dolorosos, como por exemplo, ardor, dor (por trás do esterno) e uma sensação de enjoo (normalmente descrita como "mau sabor na boca").

26 CAUSAS A azia tende a ocorrer após uma refeição. Forma como comemos: grandes refeições, rapidamente, antes de deitar, de forma irregular. Tipos de alimentos que ingerimos: alimentos gordurosos, alimentos relaxantes( chocolate e hortelã), alimentos picantes, excessivo consumo de frutas cítricas. Tipos de bebidas que ingerimos: com cafeína e álcool, bebidas muito quentes e sumos de citrinos Outros fatores: alguns medicamentos, consumo de tabaco, ter excesso de peso e usar roupa apertada.

27 COMO EVITAR A AZIA Controlar o seu peso, e fazer várias refeições (pequenas) ao longo do dia; Não comer tarde ou em andamento.; Dormir com o tronco ligeiramente elevado usando almofadas como suporte. Evitar comida picante, ácida ou gordurosa. Cortar no álcool, cafeína bebidas muito quentes. Não fumar. Relaxar – o stress pode provocar um abrandamento do sistema digestivo.

28 TRATAMENTO DA AZIA Antiácido Os antiácidos aliviam a dor utilizando bases, assim neutralizam o ácido do estômago. Exemplos: Alka- Seltzer, Gaviscon. Plantas Medicinais Algumas plantas medicinais auxiliam no alívio dos sintomas da azia. Dentre elas a camomila, o alcaçuz destacam-se. Outros exemplos são a batata, cenoura, alga coralina e hortelã.

29 Inibidores de bombas de protões São medicamentos que reduzem a produção de ácido gástrico. Eles inibem a bomba de protões que produz ácido no lúmen estomacal. Exemplos desses medicamentos são: omeprazol, esomeprazol e lansoprazol.

30 2º Período

31 AÇÚCAR Açúcar é um grupo de hidrocarbonetos que são solúveis em água, tais como: a sacarose, a maltose, a lactose, a frutose, a glicose, etc. O amido e a celulose são hidrocarbonetos, mas não são solúveis em água, sendo assim, não são açúcares. Exemplo de açúcares

32 SACAROSE Fórmula químico:(C 12 H 22 O 11 ) Nomenclatura: 2-[3,4-dihidroxi-2,5-bis(hidroximetil)tetrahidrofuran-2- il]oxi-6-(hidroximetil)oxano-3,4,5-triol

33 FRUTOSE Fórmula química:C 6 H 12 O 6 Nomenclatura: (2R,3S,4R,5R)-2,5-Bis(hidroximetil)oxolane-2,3,4-triol

34 GLICOSE Símbolo químico:C 6 H 12 O 6 Nomenclatura: 6-(hidroximetil)oxano-2,3,4,5-tetrol

35 Açúcar Crista l RefinadoMascavado Cana de açúcar Açúcar branco Açúcar escuro, branco, húmido O enxofre forma o produto branco Não passa pelo refinamento Extrai as vitaminas e os sais minerais Conserva o cálcio, o ferro e os sais minerais

36 O que é ? Onde se encontra? Quais os benefícios da sua ingestão? Curiosidades

37 O QUE É? O ómega-3 é um tipo de gordura, conhecido como ácido gordo essencial pois é muito importante para a saúde. O corpo humano não é capaz de produzir ómega -3, tendo que obtê-lo da alimentação. O bom ómega 3 é o de cadeia longa (ácidos gordos de cadeia longa), e aqueles com poucos benefícios para a saúde, são os ácidos gordos de cadeia curta. Fórmula química: CH 3 CH 2 CH=CH(CH 2 ) n COOH (em que n quase sempre, é um número ímpar, de forma que o ácido tenha um número par de carbonos na cadeia).

38 ONDE SE ENCONTRA? As melhores fontes de omega-3 são: os peixes (bacalhau, salmão,atum e sardinha); semente de linhaça; castanhas e nozes; vegetais (azeite, óleo de soja); vegetais de folhas verdes escuro.

39 BENEFÍCIOS DA SUA INGESTÃO Atividade anti-inflamatória; Redução dos níveis de colesterol e triglicerídeos e; Redução da pressão arterial. Ajuda a evitar algumas doenças como: Diabetes; Asma; AVC; Alguns tipos de cancro …

40 CURIOSIDADES Alguns estudos também indicam que o Ómega 3 traz benefícios para o humor, o aprendizado e para o sistema imunológico. Recomenda-se a ingestão de pelo menos 2 porções de peixe, que contenham ómega-3 por semana, mas se for possível incluir outras fontes de ómega-3 maiores serão os benefícios.

41 A ÁGUA A água é fundamental para a vida oferece o meio no qual ocorrem processos metabólicos celulares. substrato de várias reações orgânicas. processos de : Digestão; Absorção; Circulação; Excreção. constitui o meio de transporte de nutrientes para as células.

42 A ÁGUA NO ORGANISMO No nosso organismo a água distribui-se em duas divisões: Compondo os líquidos intracelular (água contida nas células) e extracelular (água contida no plasma, linfa e secreções e ainda a água intercelular, que está ao redor das células). A água que compõe os líquidos intracelulares são responsáveis pelas reações bioquímicas que ocorrem nas células. A água que compõe os líquidos extracelulares une as células entre si, com seus sistemas orgânicos e com seu ambiente exterior, enchendo-as de substâncias nutritivas, energéticas, plásticas, vitais, e recolhendo os seus resíduos finais metabólicos, conduzindo- os para o exterior

43 Qual a percentagem de água presente no corpo? O conteúdo total de água no corpo de um adulto corresponde a % do seu peso corporal. Quanta água o nosso corpo perde por dia? Em condições normais o nosso corpo perde diariamente 2330 mL. Quanto água devemos ingerir por dia? A quantidade água que devemos ingerir por dia depende da nossa idade, peso e exercício físico, mas em média devemos ingerir 1,5 L.


Carregar ppt "ALIMENTAÇÃO E SAÚDE QUÍMICA Escola Secundária Caldas das Taipas 2012/2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google