A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tecido Sanguíneo O sangue Professora: Rosana Moraes.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tecido Sanguíneo O sangue Professora: Rosana Moraes."— Transcrição da apresentação:

1 Tecido Sanguíneo O sangue Professora: Rosana Moraes

2 O SANGUE É um tecido conjuntivo Tem células separadas por uma grande quantidade de substância extracelular, denominada neste caso, plasma. O plasma corresponde a 55% do volume do sangue e o restante (45%) é ocupado pelos elementos figurados do sangue, que são as células sanguíneas. Funções do sangue: - transportar gás oxigênio (0 2 ) e nutrientes a todas as células do corpo e delas recolhem gás carbônico (CO 2 ) e excreções; - transportar hormônios produzidos pelas glândulas endócrinas até os locais em que eles devem atuar; - proteger o corpo contra invasão de agentes infecciosos.

3 O plasma substância extracelular do tecido sanguíneo -Funções do plasma: transportar as substâncias pelo corpo, permitindo às células receber os nutrientes necessários à vida e eliminar as substâncias tóxicas geradas no metabolismo. -Composição do plasma: -Água (90% do plasma) -Íons: sódio, potássio, cálcio, magnésio, cloro, bicarbonato. -Proteínas: albumina, fibrinogênio e imunoglobulinas. -Substâncias transportadas: nutrientes - glicose, aminoácido, lipídios, vitaminas e hormônios. resíduos – amônia, ureia gases respiratórios – gás oxigênio e gás carbônico

4 Plasma sanguíneo Proteínas do plasma Albuminas – transportam ácidos graxos livres e mantêm a viscosidade do plasma. Se a concentração de albumina no sangue baixar, a pressão osmótica sanguínea diminui e o plasma extravasa em maior quantidade para o meio intercelular, dos tecidos provocando edemas. Imunoglobulinas – atuam como anticorpos. Fibrinogênio – atuam no processo de coagulação.

5 Elementos figurados do sangue Hemácias – 30 trilhões – transporta oxigênio Leucócitos – 45 bilhões – Imunidade e defesa Plaquetas – 1,5 trilhões – Coagulação sanguínea

6 Localizado no interior de certos ossos é o tecido onde as células sanguíneas são produzidas. Esse tecido constitui a medula óssea vermelha. A medula óssea vermelha é um tecido conjuntivo rico em fibras reticulares e em células-tronco medulares. As células-tronco medulares são pluripotentes. As células-tronco medulares são descendentes das células- tronco embrionárias, que são totipotentes, isto é, capazes de originar qualquer tipo de célula do corpo. O tecido hematopoiético

7 Hemocitopoese : é o processo de formação, maturação e liberação na corrente sanguínea das células do sangue. As primeira células do sangue surgem ainda durante a vida intrauterina, a partir da atividade de grupos de células do saco vitelínico. Nos embriões, os principais locais de formação de células do sangue são o fígado e o baço. No recém-nascido, toda medula óssea possui atividade hematopoiética; com o avanço da idade, a maior parte da medula óssea perde tal função. Nos adultos a medula está presente principalmente nos ossos pélvicos, no osso esterno, nas costelas e na clavícula, nas extremidades dos ossos longos.

8 Esquema da origem das células do sangue Embrião em estágio de blastocisto Células-tronco embrionárias totipotentes Células-tronco hematopoiéticas Linhagem mieloideLinhagem linfoide Hemácias, megacariócitos e leucócitos (basófilos, eosinófilos, neutrófilos e monócitos). Linfócitos B e linfócitos T(auxiliadores ou CD4 e citotóxicos ou CD8)

9 Hemácias, glóbulos vermelhos ou eritrócitos. Forma discóide, bicôncava, anucleada nos mamíferos, ricas em hemoglobina. No homem adulto saudável há 5 milhões/ mm 3. Na mulher adulta saudável há 4,5 milhões/ mm 3.

10 Eritropoese: formação de hemácias a partir de eritroblastos Eritroblastos Reticulócitos Hemácias perdem núcleo perdem mitocôndrias membranas ribossomos Quando a concentração de oxigênio nos tecidos é baixa Os rins estimulam a transformação de uma proteína plasmática em um hormônio denominado eritropoetina. A eritropoetina estimula a eritropoese.

11 Estrutura da hemoglobina, proteína que se liga ao gás oxigênio e dá cor vermelha ao sangue). Nessa molécula há quatro cadeias polinucleotídicas, duas alfa(α) e duas beta(β). Na molécula há quatro grupos heme (contendo ferro).

12 Anemia Numa pessoa anêmica o transporte de gás oxigênio fica comprometido. É caracterizada, principalmente, pela baixa concentração de hemoglobina no sangue, mas também pode ser pela diminuição no número de hemácias ou ainda pequena pela quantidade de hemoglobina dentro da hemácia. A pessoa anêmica tem taxa de respiração celular reduzida, acarretando diminuição da produção de energia e, consequentemente, de todo o metabolismo. A pessoa anêmica sente fraqueza, cansaço físico e mental.

13 Tipos de Anemia Ferropriva: má absorção de ferro, perda excessiva de ferro, aumento da necessidade de ferro, ingestão insuficiente de ferro. Perniciosa: o estômago não produz um fator intrínseco que auxilia a absorção da vitamina B 12 no intestino delgado, sendo a vitamina importante para a hematopoese. Hemolítica: ruptura das hemácias, provocando a liberação da hemoglobina para o plasma. Talassemia: anemia hemolítica hereditária associada à produção insuficiente de hemoglobina. Aplástica: a medula óssea produz em quantidade insuficiente os três diferentes tipos de células sanguíneas existentes: glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas.medula ósseaglóbulos vermelhosglóbulos brancos e plaquetas Falciforme ou siclemia: mutação do gene que codifica a cadeia β da hemoglobina, o ácido glutâmico (aminoácido) é substituído pela valina (aminoácido)

14 Leucócitos granulosos Neutrófilos - saem dos capilares por diapedese e entram nos tecidos para fagocitar microrganismos e partículas estranhas. Eosinófilos (acidófilos) - combatem invasores de grande tamanho como vermes parasitas. Eles secretam anti-histamínicos capazes de bloquear processos alérgicos. Basófilos - Liberam histamina (vasodilatadora), heparina e glicosaminoglicano com propriedades anticoagulantes. Leucócitos agranulosos Monócitos – do sangue, migram para os tecidos onde amadurecem, transformando-se em macrófagos, células com atividade fagocitária. Quando fixos em certos tecidos recebem denominações especiais. Linfócitos B – produzem proteínas da classe das imunoglobulinas denominadas anticorpos. Linfócitos T auxiliadores ou CD4 – estimulam os linfócitos B a produzirem anticorpos, ativam os macrófagos e estimulam diferenciação dos linfócitos CD 8. Linfócitos T citotóxicos ou CD 8 – atacam e destroem células tumorais ou as infectadas por vírus.

15 Bilobadotrilobado Núcleo de forma irregular Núcleo arredondado Núcleo em forma de ferradura

16 Coagulação sanguínea Plaquetas Tromboplastina Ca ++ ProtrombinaTrombina Ca ++ Fibrinogênio FibrinaCoágulo Vitamina k


Carregar ppt "Tecido Sanguíneo O sangue Professora: Rosana Moraes."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google