A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Experiência Brasileira no Monitoramento de Pacientes em Protocolo de Desensibilização MargarethTorres Hospital Albert Einstein Porto Alegre, 15 de março.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Experiência Brasileira no Monitoramento de Pacientes em Protocolo de Desensibilização MargarethTorres Hospital Albert Einstein Porto Alegre, 15 de março."— Transcrição da apresentação:

1 Experiência Brasileira no Monitoramento de Pacientes em Protocolo de Desensibilização MargarethTorres Hospital Albert Einstein Porto Alegre, 15 de março 2012

2 Histocompatibility laboratories are essential components of desensitization programs. Thorough antibody characterization and serial monitoring of changes in antibody status are needed pretreatment, during treatment and after transplant. Because clinical decisions rely heavily on changes in antibody specificity and strength, desensitization should not be undertaken without access to appropriate histocompatibility testing Leffel et al, Curr Opin Organ Tranplant 2009

3  PACIENTE: TVS  DOADOR: VDS  Grau de Parentesco marido  Nº Transfusões: +/- 4  Nº Gestações: 02Ultima Gestação: 1971  Nº Transplantes: 1º

4  Paciente : A*26, - B*38, - DRB1*04, -  Doador : A*02, - B*50:02, 53 DRB1* 01, 04  Mismatches: A2, B45, B53, DR1 Equivalência Sorológica do HLA-B*50:02 = B45  HLA-C, -DQ, -DP???

5 B45 = DSA B45 B53 B53 = 6.735

6 DSA : B45 MFI B

7 Plasmaférese e Imunoglobulina

8 Dias MFI Monitoramento da Remoção dos anticorpos DSA

9 Dias MFI CDC NEGATIVA CF POSITIVA até diluição 1:2 Transplante : 07 de dezembro de 2011

10 DSA Pós 8 PF B45 MFI B Provas Cruzadas

11 MFI CDC POSITIVA

12

13 MFI Transplante Bortezomib PF + IVIG Bortezomib+PF+IVIG Cr=2,1 8 Cr= 3,37 Cr = 1,5

14

15  Equipe do Laboratório HIAE Dra. Carolina Bonet Bub Elena O. Alonso Simone Soares Gregorio Roberta dos Santos Felipe Camilo Val Livia Stefania Alves LIma Fabricio da Costa Pinheiro Joselene Arraes Simone Roz Marcia Regina Pincerati  Equipe do Transplante Renal HIAE Dr. Alvaro Pacheco Silva e Filho Dr. Lucio Roberto Requiao Moura Dra. Ana Cristina Carvalho Matos  Equipe do Laboratório de Citometria de Fluxo Dra. Nydia S. Bacal Ruth H. Kanayama  Departamento de Patologia Clínica HIAE Dr. Cristóvão L. P. Mangueira

16

17

18

19

20 MFI Transplante Bortezomib PG + IVIG Bortezomib+PG+IVIG Cr=2,1 8 Cr= 3,37 Cr = 1,5

21

22 MFI Transplante Bortezomib PG + IVIG Bortezomib+PG+IVIG Cr=2,1 8 Cr= 3,37 Cr = 1,5

23 MFI Transplante Bortezomib PG + IVIG Bortezomib+PG+IVIG Cr=2,1 8 Cr= 3,37 Cr = 1,5

24


Carregar ppt "Experiência Brasileira no Monitoramento de Pacientes em Protocolo de Desensibilização MargarethTorres Hospital Albert Einstein Porto Alegre, 15 de março."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google