A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Fauvismo. Após o Impressionismo, muitos foram os movimentos de Arte que despontaram. Eles aconteceram quase que paralelamente, com propostas diferentes,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Fauvismo. Após o Impressionismo, muitos foram os movimentos de Arte que despontaram. Eles aconteceram quase que paralelamente, com propostas diferentes,"— Transcrição da apresentação:

1 Fauvismo

2 Após o Impressionismo, muitos foram os movimentos de Arte que despontaram. Eles aconteceram quase que paralelamente, com propostas diferentes, mas todos são considerados expressionistas. Pode-se dizer que o Expressionismo foi mais que uma forma de expressão, foi uma atitude a favor dos valores humanos num momento em que, politicamente, isso era o que menos interessava. Muitas obras fazem denúncias sociais em prol de um mundo melhor.

3 No Café, Emil Nolde. Alemanha. Expressionismo.

4 Além do Expressionismo Alemão, outros movimentos surgiram no início do século XX. Entre eles, estão o Fauvismo, o Cubismo, Dadaismo, Surrealismo, Futurismo, etc.

5 Mulher de Chapéu, Henri Matisse.

6 Fauvismo Fauvismo ou Fovismo, vem da palavra fauve, que significa fera, selvagem. Foi considerado o primeiro e mais importante movimento do início do séc. XX. Valoriza as cores puras, contrastantes e as formas simplificadas. O céu pode ser vermelho; as árvores, roxas, o rio, amarelo... uma explosão de cores.

7 Ponte de Charing Cross, André Derain.

8 O Fauvismo foi a primeira manifestação de vanguarda do século XX que agitou o mundo da Arte. Divergindo-se da condição dramática e das figuras distorcidas, do expressionismo alemão, os pintores franceses elegem a cor, a luz, os cenários decorativos e a expressão da alegria, ao invés da dor e da angústia.

9 Paisagem com Árvores Vermelhas, Maurice Vlaminck. França.

10 Os artistas fauvistas, na primeira exposição que fizeram, chocaram os visitantes com suas obras marcadas por cores berrantes. Matisse, considerado “o rei das cores”, é um dos principais artistas desse movimento artístico, inspirado por Van Gogh, Gauguin e Cézanne.

11 A Alegria de Viver, Henri Matisse.

12 Paul Gauguin ( ) Depois de passar a infância no Peru, Gauguin voltou com os pais para a França, mais precisamente para Orléans. Em 1887 entrou para a marinha e mais tarde trabalhou na bolsa de valores. Aos 35 anos decidiu dedicar-se totalmente à pintura. Começou assim uma vida de viagens e boemia, que resultou numa produção artística singular.

13 Visão Depois do Sermão,1888. Paul Gauguin.

14 Suas primeiras obras tentavam captar a simplicidade da vida no campo, algo que ele consegue com a aplicação arbitrária das cores, em oposição a qualquer naturalismo, como demonstra o seu famoso Cristo Amarelo. As cores se estendem planas e puras sobre a superfície, quase decorativamente.

15 O Cristo Amarelo, Paul Gauguin.

16 No ano de 1891, o pintor parte para o Taiti, em busca de novos temas, para se libertar dos condicionamentos da Europa. Suas telas surgem carregadas da paisagem exótica do lugar, e não faltam cenas que mostram as nativas. A cor adquire mais preponderância representada pelos vermelhos intensos, amarelos, verdes e violetas. Quando voltou a Paris, em 1893, realizou uma exposição individual, mas o público e a crítica rejeitaram o mundo colorido trazido pelo pintor. Voltou ao Taiti em 1895, mas fixou-se definitivamente na ilha Dominique.

17 Duas Mulheres na Praia, Paul Gauguin.

18 Ta Matete – O Mercado, Paul Gauguin.

19 De Onde Viemos? Que Somos? Para Onde Vamos? Paul Gauguin. 139 X 374 cm.

20 Cavaleiros na Praia, Paul Gauguin.

21 Henri Matisse ( ) Pintor francês. Nas suas pinturas, não se preocupa com o realismo, tanto das figuras quanto das cores. O que interessa é a composição e não as figuras em si, sejam de pessoas ou de naturezas-mortas. Abandonou assim a perspectiva, as técnicas do desenho e o efeito de claro- escuro para tratar a cor como valor em si mesma.

22 Notre Dame, Henri Matisse.

23 Retrato com Risca Verde (Senhora Matisse), Henri Matisse.

24 Cesta de Laranjas, Henri Matisse.

25 Dos pintores fauvistas, que exploraram o sensualismo das cores fortes, ele foi o único a evoluir para o equilíbrio entre a cor e o traço em composições planas, sem profundidade. Foi, também, escultor, ilustrador e litógrafo.

26 Mesa Posta (Harmonia Vermelha), Henri Matisse.

27 A Dança, Henri Matisse.

28 A Janela, Interior com Miosótis, Henri Matisse.

29 A Música, Henri Matisse.

30 A Blusa Romena, Henri Matisse.

31 Nu Azul I, Henri Matisse.

32 Fim Baseado no Livro 2 – 7a. série da Coleção Pitágoras Pesquisa: Prof.: Mônica Freitas


Carregar ppt "Fauvismo. Após o Impressionismo, muitos foram os movimentos de Arte que despontaram. Eles aconteceram quase que paralelamente, com propostas diferentes,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google